Página inicial

Como atiçar a brasa

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Como atiçar a brasa:

Arquivos:
As últimas:
 

maio 16, 2012

Arte e ecologia em festa cubana das artes visuais, Prensa Latina

Arte e ecologia em festa cubana das artes visuais

Matéria originalmente publicada na Prensa Latina em 16 de maio de 2012.

Havana, 14 mai (Prensa Latina) A arte em função da ecologia e do uso das fontes renováveis de energia conforme a exigência da sociedade contemporânea estará presente hoje em dois projetos coletivos da bienal havaneira.

O primeiro deles será um Museu aero solar, proposta de seis artistas europeus: o argentino Tomás Saraceno, o alemão Benedike Bjerre, o francês Simón Guillard, o belga Tim Rottiers e as italianas Michela Saccheto e María Giulia Cantaluppi, na sede da academia dos engenheiros e arquitetos.

Neste quinto dia abrirá suas portas o megaprojeto Mac/San dedicado às práticas artísticas no domínio público.

Trata-se de um Museu de Arte Contemporâneo na localidade de San Agustín, ao oeste desta capital, que segundo suas gestores, é uma instalação sem paredes, de natureza híbrida.

Mac/San em seu conjunto inclui performances sobre um novo canal de TV e o Biocub, um secador de frutos que estará ao alcance de seus moradores.

Também intervenções em edifícios com uma visão sobre a construção do futuro e o San café, com catadores e gastronômicos, quem oferecerão conselhos e receitas para a elaboração desse produto.

O artista austríaco Hermann Nitsch estará no campo de golf do Instituto Superior de Arte com seu Aktion 135 e ademais jogará a andar a primeira das cinco jornadas dedicadas aos eventos teóricos, com intercâmbios sobre o tema geral desta cita: as práticas artísticas e o imaginário social.

Um dos principais atrativos da jornada precedente foi a inauguração do projeto coletivo Por trás do muro, com instalações de 25 artistas no malecón havaneiro, da explanada da Ponta até o parque Maceo.

Posted by Guilherme Nicolau at 9:52 AM