Página inicial

Cursos e Seminários

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Cursos e Seminários:
Arquivos:
As últimas:
 

julho 31, 2012

Dynamic Encounters Vídeos no Parque Lage, Rio de Janeiro

Dynamic Encounters Vídeos

O curso tem como base a exibição de vídeos sobre a obra, vida e processo criativo de artistas, compositores, cientistas e personagens de notável contribuição para seus diversos campos de atuação.
Estes filmes mostram a surpreendente semelhança entre os processos de conceitualização utilizados
por criadores em diferentes disciplinas. A mostra abrange o período a partir do início do século XX até nossos dias, enfatizando a contemporaneidade e a extensa diversidade de atitudes que a caracteriza.
Para isso, contamos com uma coleção de mais de seiscentos filmes, em que personagens diversos são entrevistados, abordando temas como: pintura, escultura, instalação, animação, performance, como também física quântica, cosmologia, inteligência artificial, evolução e novas tendências na ciência como “emergência” e “complexidade”

7 agosto a 30 outubro de 2012, terças, 19h30

Dynamic Encounters
Inscrições: 21-3257-1800
21-2553 3748 / 9224
bcawats@attglobal.net
wats352@attglobal.net

Destaques da programação

Self Made (Gillian Wearing)
Manon de Boer
Le Château de Turing (Pierre Huyghe)
David Claerbout
Tinguely
Zwei-Mann-Orchester
Aragon, le roman de Matisse
Performance Saga (Joan Jonas)
E.S.P (Melvin Moti)
Gerhard Richter Painting
Theo Jansen’s Strandbeest
In conversation: Kentridge & Dumas
Omnibus (Leonard Bernstein)

Os vídeos serão exibidos com tradução, quando necessário.
Após cada sessão haverá discussão sobre o tema abordado.

Posted by Cecília Bedê at 2:44 PM

Cursos do segundo semestre de 2012 no MAM, São Paulo

Cursos do segundo semestre de 2012

O Museu de Arte Moderna de São Paulo abre inscrições para a grade de cursos do segundo semestre de 2012. A partir de agosto iniciam os cursos semestrais do museu e os interessados irão encontrar aulas coordenadas por profissionais renomados em suas áreas, como Daniel Salum e Mário Saladini.

Além das disciplinas já conhecidas pelo público, neste semestre a grade ainda traz novidades, como os cursos “Fotografia e Literatura”, ministrado por Simonetta Persichetti, e “Livro de Autor”, por Marcelo Greco. As inscrições devem ser feitas pessoalmente no museu.

2º semestre de 2012

Inscrições abertas

Museu de Arte Moderna de São Paulo / MAM-SP
Parque do Ibirapuera
Av. Pedro Álvares Cabral s/nº, Portão 3, São Paulo - SP
5085-1312 ou cursos@mam.org.br
www.mam.org.br

Programação

DESENHO (prático)

Dudi Maia Rosa

O desenho de observação é usado como instrumento para o desenvolvimento da percepção visual e como ponto de partida para a discussão de questões ligadas à arte contemporânea. Aulas com modelo vivo alimentam o debate sobre a produção dos participantes.

Público • adulto

Terças-feiras, 17 – 19H30

Início •07 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 290 / mês

AQUARELA (prático)

Tuneu

Desenvolvimento de linguagem pessoal, valorizando o desenho e investigando recursos da técnica da aquarela.

Público • adulto

Quartas-feiras, 8H30 – 10H30

Início • 08 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

FOTOGRAFIA :: CURSO BÁSICO (prático)

Marcello Vitorino

Uma introdução ao universo da Fotografia, estimulando pensamento e produção. A proposta é que jovens e adultos tenham contato com princípios como o da formação da imagem, técnica, linguagem e história, trabalhando sempre entre a teoria e a prática. Estão previstas saídas fotográficas, portanto é necessário que os interessados possuam equipamento com possibilidade de ajustes manuais.

Público • iniciantes em fotografia

Quartas-feiras, 20 – 22H

Início • 08 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

FOTOGRAFIA :: CURSO BÁSICO (prático)

Paulo Pereira

Com aulas teóricas e práticas, o curso parte de referências à produção de diversos fotógrafos e relaciona conceitos da linguagem fotográfica a aspectos técnicos como enquadramento, luz, velocidade, abertura e profundidade de campo. É necessário possuir equipamento fotográfico com possibilidade de operação manual.

Público • iniciantes em fotografia

Segundas-feiras, 18 – 20H

Início • 06 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

FOTOGRAFIA :: INTERMEDIÁRIO (prático)

Daniel Salum

Neste curso, o aluno aprofunda conceitos de iluminação por meio de aulas teóricas e práticas. Temas como retrato e still são utilizados para enfatizar o desenvolvimento técnico e a linguagem fotográfica pessoal. É necessário possuir equipamento fotográfico com possibilidade de operação manual

Público • para quem já fez o curso básico de fotografia ou tenha conhecimento prévio das operações manuais com a câmera

Sextas-feiras, 19H30 – 22H30

Início • 10 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 320 / mês

FOTOGRAFIA :: LUZ MARGINAL PROCURA CORPO VAGO (prático)

Gal Oppido

Critérios de reflexão sobre a imagem estática pautam exercícios de percepção da luz, desde a solar até as discretas luzes domésticas. A luz é entendida como formadora de conteúdos plásticos, a partir da sua incidência em corpos nus, objetos e paisagens cotidianas. Além das aulas no ateliê, há sessões em estúdio. É necessário possuir equipamento fotográfico com possibilidade de operação manual e tripé.

Público • adulto, com iniciação em fotografia ou linguagem visual

Segundas-feiras, 20H30 – 23H

Início • 06 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 290 / mês

FOTOGRAFIA AUTORAL 1 :: A FOTOGRAFIA COMO FORMA DE EXPRESSÃO (ESGOTADO - prático – teórico)

Marcelo Greco

O objetivo do curso é contribuir para a reflexão sobre o processo criativo de cada aluno, questionando suas escolhas temáticas a partir da discussão sobre as condições culturais que o influenciam e orientando-o para o desenvolvimento da percepção de seu próprio olhar. São apresentados trabalhos de diversos fotógrafos consagrados, situando sua produção historicamente.

Público • adulto, com iniciação em fotografia ou linguagem visual

Quintas-feiras, 20H - 22H

Início • 09 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

FOTOGRAFIA AUTORAL 2 :: A FOTOGRAFIA COMO FORMA DE EXPRESSÃO (prático – teórico)

Marcelo Greco

Depois de desenvolver o olhar no curso Fotografia Autoral 1, o aluno aprofunda a reflexão sobre seu processo criativo criando imagens, editando-as e formatando-as para a produção de um material que pode ser exposto ou publicado em livro. Em cada aula discutem-se os erros e acertos na edição e finalização no trabalho de outros fotógrafos.

Público • para alunos que já participaram do curso Fotografia Autoral 1 ou mediante entrevista a ser agendada.

Quintas-feiras, 17H30 - 19H30

Início • 09 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

LIVRO DE AUTOR :: FOTOGRAFIA (prático – teórico)

Marcelo Greco

O livro sempre foi um dos principais meios de difusão da fotografia. Sua estrutura física permite a construção de trabalhos poéticos com maior consistência narrativa que uma exposição e, além disso, pereniza o trabalho. Com o advento de novas tecnologias surge um caminho novo e rico em possibilidades para a criação e distribuição de livros autorais. Este curso visa orientar o autor na produção de um livro de fotografia. Da definição do projeto, criação e discussão do livro de autor, projeto gráfico, impressão e encadernação. Todas as etapas do processo serão discutidas.

Público • os participantes devem estar preparados para desenvolver um livro a partir de um projeto já em desenvolvimento

Terças-feiras, 20 - 22H

Início • 07 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

FOTOGRAFIA E LITERATURA (teórico)

Simonetta Persichetti

A fotografia como fonte narrativa, como gatilho da memória, da reconstrução do imaginário. Estudar a relação entre fotografia e literatura passando por vários autores e como a fotografia influenciou sua escrita e vice-versa, fotógrafos que tiveram na literatura a inspiração de seus ensaios. Autores como Flaubert, Marcel Proust, Gabriel García Márquez, Maureen Bisilliat, Edu Simões, Tiago Santana, Evandro Teixeira. Uma troca entre texto e imagens que são mais próximos do que se imagina.

Público • adulto

Quintas-feiras, 20H15 – 22H15

Início • 09 AGO 2012

Duração • 04 aulas

R$ 270

SIMBOLOGIA :: ENTRE VER E OLHAR (teórico)

Simonetta Persichetti

A fotografia protagoniza uma nova forma de expressão do século XXI. Neste curso, ela é apresentada e discutida na perspectiva da arte contemporânea, no contexto das galerias e dos museus.

Público • adulto

Quintas-feiras, 20H15 – 22H15

Início • 13 SET 2012

Duração • 04 aulas

R$ 270

IMAGEM E MÍDIA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA (teórico)

Simonetta Persichetti

Reflexão sobre a importância da imagem na contemporaneidade. Em um mundo midiático como é possível absorver as mensagens imagéticas recebidas como um ato de comunicação criador de significados e de cultura?

Público • adulto

Quintas-feiras, 20H15 – 22H15

Início • 18 OUT 2012

Duração • 06 aulas

R$ 375

HISTÓRIA DA ARTE NO OCIDENTE :: SÉCULOS XV ao XIX (teórico)

Magnólia Costa

A história da tradição artística ocidental é discutida numa perspectiva cultural e filosófica pela crítica Magnólia Costa. O curso possibilita o mapeamento da produção europeia e o contato com referências artísticas fundamentais para a arte contemporânea mundial.

Público • adulto

Quintas-feiras, 15 – 17H

Início • 09 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

ESPECIAL BIENAL:: ARTE E DIVERSIDADE (teórico)

Magnólia Costa

Diversidade, multiplicidade e transitoriedade são os eixos curatoriais da 30ª Bienal, intitulada A iminência das poéticas. Neste curso, a crítica Magnólia Costa propõe uma reflexão sobre esses temas, discutindo-os no âmbito da cultura contemporânea. O programa se estrutura em torno de aulas teóricas e uma visita guiada à bienal.

Público • adulto

Quintas-feiras, 18 – 20H

Início • 09 AGO 2012

Duração • 04 aulas e 1 visita à Bienal

R$ 320

ARTE CONTEMPORÂNEA (teórico)

Pedro França

O curso pretende oferecer um panorama de questões relevantes para a discussão contemporânea em artes visuais a partir da análise dos processos dos artistas que serão o ponto de partida para reflexões mais gerais. Filmes, textos e imagens serão os recursos utilizados para traçar as relações históricas e esboçar conceitos a partir das poéticas individuais de artistas como Marcel Duchamp, Joseph Beuys, Cildo Meireles, Jasper Johns / Robert Rauschenberg entre outros.

Público • adulto

Sábados, 10H30 – 12H30

Início • 11 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês

CENOGRAFIA :: A construção do espetáculo (teórico)

Mário Saladini

A construção do espetáculo se constitui através de vários elementos intrínsecos. O tema será abordado através de aulas teóricas interligando artes plásticas, teatro, cinema e moda visando ampliar a capacidade de análise na elaboração de espaços cenográficos.

Público • adulto

Quartas-feiras, 17H30 – 19H30

Início • 08 AGO 2012

Duração • 04 meses

R$ 270 / mês


Posted by Cecília Bedê at 1:53 PM

julho 27, 2012

Arte, corpo e experiência a partir de Lygia Clark com Santiago Garcia Navarro no MAM, Rio de Janeiro

Arte, corpo e experiência a partir de Lygia Clark

com Santiago Garcia Navarro
Escritor, curador e crítico de arte

Através e algumas "proposições" que a artista Lygia Clark desenvolveu em seus cursos na Sorbonne nos anos 70 e da confrontação desta experiência com a leitura de textos de Gilbert Simondon, Reinaldo Laddaga, Franco Berardi e Sueli Rolnik, esta oficina propõe ensaiar hipóteses práticas em torno da seguinte questão: Como imaginar e produzir uma vida em comum?

Durante a oficina serão apresentados os fundamentos da obra-pesquisa de Lygia Clark e realizadas algumas proposições idealizadas pela artista para o desenvolvimento do espectador-como-criador. A partir destes intercâmbios, serão elaboradas perguntas que surgirão ao londo do curso, numa conversação-produção de pensamento coletivo.

1,6,8,13,15 de agosto, terças e quintas, 18 - 21h

Valor: R$ 240,00

Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM RJ
Av Infante Dom Henrique 85, Parque do Flamengo, Rio de Janeiro - RJ
21-2240-4944 ou atendimento@mamrio.org.br
Vagas limitadas

Posted by Marília Sales at 11:18 AM

julho 24, 2012

Deleuze e Guattari, filosofia prática: direito, política, crítica e clínica. na PUC - RIO, Rio de Janeiro

Deleuze e Guattari, filosofia prática: direito, política, crítica e clínica.

Orientadores: Auterives Maciel Junior, Luiz Alberto Rezende de Oliveira, Lydie Oiara Bonilla Jacobs, Rodrigo Guéron,Tatiana Roque

Docentes que participarão das mesas*: Carlos Augusto Peixoto Jr., Eladio Constantino Pablo Craia, Hélio Rebello Cardoso Jr., James Bastos Arêas, Marlon Cardoso Pinto Miguel, Mauro José Sá Rego Costa, Ovídio de Abreu Filho, Paulo Guilherme Domenech Oneto, Sandro Kobol Fornazari,


Inscrições até 10 de agosto de 2012
20 de agosto a 14 de novembro de 2012, Segundas e quartas-feiras, 19 - 22h.

Investimento: 4 parcelas de R$ 243,00

Unidade Gávea
R. Marquês de São Vicente, 225/Casa XV - Gávea/RJ
Segunda a sexta-feira, das 8h30 - 20h30

Uma das noções norteadoras do pensamento de Deleuze e Guattari é a de que uma filosofia política que se preze, hoje, deve estar centrada na análise do capitalismo e de seus desenvolvimentos. O interesse por Marx, por parte dos autores de O anti-Édipo e Mil platôs, é a análise do capitalismo como sistema imanente que se reproduz sempre em escala crescente, incorporando inclusive as forças produtivas que se constituem, originalmente, à sua margem e, no mais das vezes, em resistência a ele. Se essa análise, contudo, desloca a si mesma em relação ao debate marxista, é porque soube criar novos conceitos para pensar a singularidade da experiência política da Europa pós-68. Entre eles, o conceito de linha de fuga (ao invés de contradição) para explicitar os movimentos constitutivos de cada sociedade para além dos regimes jurídicos e institucionais que visam a uniformização e o regramento da vida social. Além disso, o conceito de classe dá lugar ao de minoria, que não se define pelo número, pois ela pode ser mais numerosa que uma maioria. Esta se apresenta como um modelo que procura se impor como norma, enquanto a minoria é antes um processo que uma adequação ao mesmo (modelo): a minoria é um devir-outro, uma ruptura com o mesmo e uma abertura para o novo como processo de criação.

O debate político que se propõe se define a partir de uma filosofia prática e passa pela produção de sentido, antes que pela decifração do real. Decifrar o real é encontrar o sentido como dado a priori que já comporta em si um esquema de valores estabelecidos que justifica o real tal como ele é, levando a esquivar-se diante da miséria, resignar-se diante do intolerável. O que se propõe é um pensamento que, na apreensão mesma do intolerável, responda enfaticamente através da produção de novos sentidos e valores, numa prática que renuncie a toda política de compromisso com os valores vigentes que resultam na imensa fabricação da miséria humana, material e espiritual.

Em suma, a filosofia de Deleuze e Guattari se apresenta como aliada daqueles que se somam no esforço de pensar, não apenas pela força de seus conceitos, mas também por enfatizar que o pensamento se define enquanto atividade criadora, que não pode ser descolada do mundo que se põe a pensar sem correr o risco de deslizar para ideias gerais pré-concebidas e inócuas. Assim, o pensamento se afirma enquanto prática imanente decorrente das forças da experiência vivida em sua singularidade – pois não há filosofia que não seja filosofia política.
Objetivo

Propor uma série estudos sobre as obras de Gilles Deleuze (1925-1995) e Félix Guattari (1930-1992), que conjugam de modo original e provocativo domínios variados do saber: das matemáticas à economia política, da antropologia à psicanálise, da política ao direito, das artes plásticas e cinema à literatura. Essa é uma das razões da composição plural do corpo docente e da diversidade das abordagens propostas nas ementas. Pretendemos ainda reunir outros pesquisadores e leitores de Deleuze e Guattari para encontros que ocorrerão entre as aulas, sob a forma de mesas de debate sobre temas específicos.
Público Alvo

Aberto a interessados de todas as áreas de saber e atividade.
Carga Horária

Este curso tem carga horária de 75 horas.

Programa

- As noções de problema, multiplicidade e virtual
- A Forma e suas Aventuras – Morfogênese e Sistemas Complexos
- Deleuze e a psicanálise em dois momentos
- A Filosofia Política de Deleuze/Guattari: as relações com Marx
- Metafísicas Canibais: Descolonialização do pensamento e criação de conceitos
- Direito e política em Deleuze e Guattari

Matrícula

O aluno cujo curso for custeado por uma empresa deverá, depois de efetuar a matrícula, enviar a carta de compromisso da empresa para o email financeirocce@puc-rio.br, no prazo de 24 horas. Posteriormente enviaremos, à empresa, a nota fiscal e a ficha de compensação.

Investimento

Para matrículas realizadas até 03/08/2012, desconto de 5% no primeiro pagamento. Após esta data o curso poderá ser pago em 4 parcelas de R$ 243,00, sendo a primeira no ato da matricula e a(s) restante(s) no(s) mes(es) subsequente(s).
Aceita-se pagamento com cartões de crédito American Express, Mastercard e Visa.
Desconto de 5% para os alunos que realizarem o pagamento do valor integral do curso à vista. Desconto não cumulativo.

Certificado
O aluno que preencher satisfatoriamente os quesitos frequência e/ou aproveitamento terá direito a certificado.

Observações
Vagas limitadas.
A realização do curso está sujeita à quantidade mínima de matrículas.

Bolsas de Estudos:
devido à natureza autofinanciada dos cursos oferecidos pela CCE, não há viabilidade financeira para a concessão de bolsas de estudo.

CORPO DOCENTE

Coordenador Acadêmico:
Maurício Rocha, Doutor em Filosofia – PUC Rio, 1998. Professor do Departamento de Direito da PUC Rio.

Tutoria:
Ericka Marie Itokazu, Doutora em Filosofia – USP, 2008. Pesquisadora da FAPESP.

Corpo Docente
Luiz Alberto Rezende de Oliveira, Cosmólogo e filósofo, ministra cursos sobre ciências e filosofia e é o atual Curador do Museu do Amanhã (Prefeitura do Rio de Janeiro). Doutor em Física – Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas/MCT, 1988. Pesquisador adjunto do CBPF/MCT, Rio de Janeiro.

Lydie Oiara Bonilla Jacobs, Antropóloga, com ênfase em Etnologia indígena, realizou pesquisa de campo junto aos Paumari, povo falante de língua arawa, que vive na região do médio Purus (Amazonas). Traduziu para o francês, com o autor, o livro Métaphysiques cannibales de Eduardo Viveiros de Castro (2009). Doutora em Antropologia – École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris, 2007. Pós-Doutoranda pelo PPGAS Museu Nacional UFRJ.

Rodrigo Guéron, Coordenador adjunto do Programa de Pós Graduação do Instituto de Artes da UERJ; Autor do livro “Da Imagem ao Clichê, do Clichê a Imagem. Deleuze, Cinema e Pensamento” (2011); diretor e roteirista de cinema e televisão. Doutor em Filosofia – UERJ, 2004. Professor do Instituto de Artes da UERJ

Tatiana Roque, Formada em Matemática, doutora em História e Filosofia das Ciências, atuou como Directrice de programme no Collège International de Philosophie (Paris). Atualmente é professora do Instituto de Matemática da UFRJ e pesquisa sobre História e Filosofia da Matemática e das Ciências.

Auterives Maciel Junior, Professor de filosofia, com ênfase em estudos sobre subjetividade. Doutor em Psiquiatria, Psicanálise e Saúde Mental – UFRJ, 2001. Professor do Departamento de Psicologia da PUC Rio.

Docentes que participarão das mesas*:
Eladio Constantino Pablo Craia, Membro de vários grupos de pesquisa do CNPq; foi coordenador do GT Pensamento Contemporâneo da ANPOF e atualmente é coordenador do GT Deleuze da mesma associação. Autor do livro “A Problemática Ontológica em Gilles Deleuze” (2002). Doutor em Filosofia – Unicamp, 2003. Professor do Departamento de Filosofia da PUC do Paraná.

Sandro Kobol Fornazari, Pesquisador do Projeto Temático FAPESP: Ruptura e Continuidade: Investigações sobre a relação entre natureza e história a partir de sua formulação pelo Grande Racionalismo Seiscentista (FFLCH USP). Publicou “Sobre o suposto autor da autobiografia de Nietzsche (2004), além de diversos artigos sobre a filosofia de Deleuze. Pós-Doutor em Filosofia – USP, 2010. Professor do Departamento de Filosofia da Universidade Federal de São Paulo.

Hélio Rebello Cardoso Jr., Autor e organizador de várias obras sobre Deleuze, Guattari e Foucault. Pós-Doutor em Filosofia – Université de Paris X Nanterre. Livre Docente – UNESP, 2006. Professor do Departamento de História da UNESP de Assis

James Bastos Arêas, Doutor em Filosofia – PUC Rio, 1999. Professor do Departamento de Filosofia da UERJ.

Paulo Guilherme Domenech Oneto, Doutor em Filosofia – Université de Nice, 2001. Professor da Escola de Comunicação da UFRJ

Marlon Cardoso Pinto Miguel, Doutorando em Filosofia – ENS-Paris / Université de Paris. Professor do Masterseminar European Studies na Universität Leipzig.

Carlos Augusto Peixoto Jr., Doutor em Saúde Coletiva – IMS/UERJ, 1996. Professor do Departamento de Psicologia da PUC Rio.

Ovídio de Abreu Filho, Pós-Doutor em Filosofia, PUC Rio, 2003. Professor do Departamento de Antropologia da UFF.

Mauro José Sá Rego Costa, Doutor em Educação, UFRJ, 1994. Professor da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense – UERJ.

*Convidados sujeitos a confirmação. Eventualmente, outros docentes / pesquisadores poderão substituir os indicados acima.

Posted by Marília Sales at 12:24 PM

julho 23, 2012

Seminário Internacional de Teoria, Crítica e História da Arte: Migrações e Alteridades na Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia

Seminário Internacional de Teoria, Crítica e História da Arte: Migrações e Alteridades


Ms. Adriana Sanajotti Nakamuta, Prof. Dr. Adriano Canas, Prof. Dr. Alexander Gaiotto Miyoshi e Karen Christye Fidelis, Prof.ª Dr.ª Ana Mundim , Prof.ª Dr.ª Annateresa Fabris, Prof.ª Dr.ª Beatriz Basile Rauscher, Ms. Camila Moreira, Prof.ª Dr.ª Cláudia França, Prof. Dr. Daniel Barreiro, Ms. Dino Giovanni Gozzer Carbonel, Fernanda Amaro, Prof.ª Ms. Fernanda Pitta, Prof.ª Dr.ª Heliana Nardin, Prof.ª Dr.ª Isabel Plante, Ms. Juscelino Machado Júnior, Prof.ª Dr.ª Luciana Arslan, Prof.ª Dr.ª Luciene Lehmkuhl, Prof. Dr. Marco Antonio P. de Andrade, Prof. Dr. Mario Piragibe, Prof. Dr. Neville Rowley, Prof.ª Dr.ª Patrícia Pimenta, Prof. Dr. Renato Palumbo Dória, Padre Rogério Antônio Alves

Período: 22 a 25 de agosto de 2012

Instituto de Artes – Universidade Federal de Uberlândia
Auditórios 5OC e 5OD – Campus Santa Mônica – Uberlândia-MG
Organização: Núcleo de Pesquisa em Artes Visuais – NUPAV-IARTE-UFU
Apoios: Fapemig / PROPP-PPG-IARTE-UFU
Inscrições gratuitas com emissão de certificados.

seminarionupav@gmail.com
www.seminarionupav.blogspot.com.br

O Seminário Internacional de Teoria, Crítica e História da Arte: Migrações e Alteridades propõe debater amplamente questões sobre os deslocamentos nas práticas artísticas e de pesquisa, bem como suas especificidades e alcances.

A arte e seus campos de estudo se transformaram drasticamente entre os séculos XIX e XX. Tanto a compreensão dos objetos e sujeitos artísticos quanto a discussão das abordagens de pesquisa mais adequadas tornaram-se um dos principais focos de atenção dos artistas e pesquisadores.

Paralelamente e de forma paradoxal, se a ideia de uma arte ocidental, eurocêntrica e erudita é posta cada vez mais em cheque, a multiplicidade de manifestações ajuda a alimentar uma crise epistemológica que parece longe de ser superada.

As interfaces entre os diferentes campos (entre a arte, o teatro e a arquitetura, entre a antropologia, a semiologia e a história, para não mencionar inúmeras outras) prosseguem em transformação.

Interrogamos, porém, se o que ocorreu desde a década de 1960 constitui uma transformação tão grande quanto é possível supor, em particular nos modos de fazer, expor e compreender a arte – excetuando-se os aportes das novas mídias e tecnologias, ao mesmo tempo em que elas devem ser consideradas decisivas. A escolha do tema migrações e alteridades para este Seminário é uma maneira de nos acercarmos do problema, suscitando perguntas: o que leva as disciplinas a se debaterem sobre os limites e incertezas que normalmente umas imputam às outras? Ou pelo contrário, o que as faz se misturar, alimentando-se umas das outras? E o que leva os artistas a migrarem de um a outro suporte, de uma a outra região? Estudar os comportamentos nômades, os itinerários e circulações, os territórios e fronteiras, assim como aprofundar o olhar voltado para o outro, mais do que a si mesmo, é a proposta deste Seminário.

PROGRAMAÇÃO

22/08, Quarta-feira, 20h
Abertura: Conferência 1
Prof. Dr. Neville Rowley (Metropolitan Museum of Art, Nova York / Accademia di Francia, Roma)

23/08, Quinta-feira, 9:30h
Mesa 1: Travessias interdisciplinares
Prof.ª Dr.ª Ana Mundim (Dança / Instituto de Artes / UFU)

Prof. Dr. Daniel Barreiro (Música / Instituto de Artes / UFU)
Prof. Dr. Mario Piragibe (Teatro / Instituto de Artes / UFU)
Prof. Dr. Renato Palumbo Dória (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)

23/08, Quinta-feira, 14h
Mesa 2: Conexões territoriais
Prof.ª Ms. Fernanda Pitta (Escola de Comunicações e Artes / USP)
Prof.ª Dr.ª Luciene Lehmkuhl (Instituto de História / UFU)
Prof. Dr. Alexander Gaiotto Miyoshi e Karen Christye Fidelis (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)


23/08, Quinta-feira, 16:30h
Mesa 3: Fronteiras poéticas

Ms. Camila Moreira (Panthéon – Sorbonne/Paris 1)
Prof.ª Dr.ª Luciana Arslan (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)
Prof.ª Dr.ª Cláudia França (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)


23/08, Quinta-feira, 20h
Conferência 2

Prof.ª Dr.ª Isabel Plante (Instituto de Altos Estudios Sociales de la Universidad de San Martín)

24/08, Sexta-feira, 9:30h
Mesa 4: Arte e arquitetura em trânsito

Prof. Dr. Marco Antonio P. de Andrade (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)
Ms. Juscelino Machado Júnior (FAUeD / UFU)
Prof.ª Dr.ª Patrícia Pimenta (FAUeD / UFU)
Ms. Dino Giovanni Gozzer Carbonel (Instituto de Artes / UFU)


24/08, Sexta-feira, 14h
Mesa 5: Arte urbana

Prof. Dr. Adriano Canas (FAUeD / UFU)
Prof.ª Dr.ª Beatriz Basile Rauscher (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)
Prof.ª Dr.ª Heliana Nardin (Artes visuais / Instituto de Artes / UFU)

24/08, Sexta-feira, 16:30h
Mesa 6: Deslocamentos
Fernanda Amaro (Instituto de Geografia / UFU)
Padre Rogério Antônio Alves (Museu de Arte Sacra de Uberlândia)
Ms. Adriana Sanajotti Nakamuta (IPHAN-RJ)


24/08, Sexta-feira, 20h
Conferência 3: Encerramento
Prof.ª Dr.ª Annateresa Fabris (Universidade de São Paulo)


25/08, Sábado, 10h
Visita guiada a acervos artísticos e equipamentos culturais de Uberlândia.

Posted by Marília Sales at 6:12 PM

Pintura com Ana Sario e Renata de Bonis no atelier a pipa, São Paulo

Pintura

Orientadoras: Ana Sario e Renata de Bonis

O curso pretende refletir sobre a pintura a partir dos anos 80 e investigar suas possibilidades hoje. Será apresentado um panorama da pintura contemporânea, abordando artistas representativos, assim como um acompanhamento de trabalho de cada um, levando em conta as particularidades de cada produção, na tentativa de oferecer referências para o desenvolvimento da poética e pesquisa dos alunos.

a partir do dia 08 de agosto, Quartas-feiras, 14 - 17h

Investimento: 4 x R$ 290,00

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Ana Sario. São Paulo SP - 1984

Bacharel em Artes Visuais pela Faculdade Santa Marcelina, entre suas exposições destacam-se a individual Lugar-Comum, na Galeria Virgílio em 2010; e as coletivas Os Primeiros dez anos, em 2011, e Energias na Arte, em 2009, ambas no Instituto Tomie Ohtake. Integra a publicação Pintura Brasileira Séc. XXI, da Editora Cobogó, e tem individual marcada para outubro de 2012 na Galeria Virgílio.
Renata de Bonis é bacharel em Artes Visuais pela FAAP, SP. Em 2009, participou da residência artística Joshua Tree Highland House, na Califórna. Em 2011 participa da exposição os primeiros 10 anos no instuto Tomie Ohtake, realizou a individual "The Damage Done" na Galeria Laura Marsiaj no Rio de Janeiro. Em 2010 foi selecionada para o programa Maumaus Independent Study Programme Lisbon ministrado no MAB, SP. Também em 2010 apresentou três exposições individuais: Harvest Memories na galeria Laura Marsiaj, RJ, Old Country Song no Paço Municipal de Porto Alegre e Lost Horse na galeria Oscar Cruz, SP. Além disso participou em 2009 do Prêmio Energias na Arte no Instituto Tomie Ohtake, e com o grupo 2000e8 das exposições Novos artistas para novas Pinturas no SESC Pinheiros, SP.Integra a publicação Pintura Brasileira Séc. XXI, da Editora Cobogó.É respresentada pelas galerias Moura Marsiaj (SP) e Laura Marsiaj (RJ).


Renata de Bonis é bacharel em Artes Visuais pela FAAP, SP. Em 2009, participou da residência artística Joshua Tree Highland House, na Califórna. Em 2011 participa da exposição os primeiros 10 anos no instuto Tomie Ohtake, realizou a individual "The Damage Done" na Galeria Laura Marsiaj no Rio de Janeiro. Em 2010 foi selecionada para o programa Maumaus Independent Study Programme Lisbon ministrado no MAB, SP. Também em 2010 apresentou três exposições individuais: Harvest Memories na galeria Laura Marsiaj, RJ, Old Country Song no Paço Municipal de Porto Alegre e Lost Horse na galeria Oscar Cruz, SP. Além disso participou em 2009 do Prêmio Energias na Arte no Instituto Tomie Ohtake, e com o grupo 2000e8 das exposições Novos artistas para novas Pinturas no SESC Pinheiros, SP.Integra a publicação Pintura Brasileira Séc. XXI, da Editora Cobogó.É respresentada pelas galerias Moura Marsiaj (SP) e Laura Marsiaj (RJ).

Posted by Marília Sales at 10:56 AM

julho 20, 2012

Curso básico de fotografia com Melissa Szymanski no atelier a pipa, São Paulo

Curso básico de fotografia

Orientadora: Melissa Szymanski

Sinopse: apresentação da fotografia analógica e digital, em aulas práticas e teóricas e em ambientes internos e externos com iluminação natural e artificial. Esse curso é voltado aos alunos que queriam desenvolver os conceitos básicos da fotografia, as funcionalidades e os recursos da câmera e, ao final do curso, montar um portfólio próprio.

Início 16/08 (4 meses), quintas-feiras, 9h30 - 12h30 (aulas externas até 13h30)

Investimento: 4 x R$ 470,00

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Melissa Szymanski é fotografa, formada em desenho de moda pela Faculdade Santa Marcelina em 2001, onde leciona atualmente o curso de extensão universitária em fotografia de moda, desde 2006. Também leciona na escola São Paulo. Foi fotografa free lancer na Galerie GP/E commerce, entre 2009 e 2011, professora do Instituto Europeo di Design, SP, de 2010 a 2012, e coordenadora do workshop de fotografia de moda, em Santos, SP, entre 2011 e 2012. Foi assistente de fotografia do fotografo Márcio Del Nero e fotografa free lancer da Marilyn Agency Brasil/Way Model Management, entre outros (www.melissaszymanski.com).

Posted by Marília Sales at 11:20 AM

Práticas contemporâneas em arte impressão com Bruno Mendonça e Rafaela Jemmene no atelier a pipa, São Paulo

Práticas contemporâneas em arte impressão

Orientadores: Bruno Mendonça e Rafaela Jemmene

Sinopse: o curso “Práticas Contemporâneas em Arte Impressa” pretende analisar e promover um panorama crítico apresentando diversas frentes de trabalho, seja por artistas, coletivos, espaços institucionais, curadores, plataformas, e outros, visto que a arte impressa tem conquistado um lugar importante dentro do campo da arte contemporânea, por meio de eventos, exposições e feiras. O curso será realizado em 6 módulos com caráter teórico prático, onde os participantes terão a oportunidade de desenvolver projetos artísticos e trabalhos em arte impressa que resultarão em uma exposição com as obras desenvolvidas neste processo. O curso será ministrado pelo artistas Bruno Mendonça e Rafaela Jemmene organizadores da plataforma de arte impressa sobrelivros – www.pesquisandolivros.multiply.com .


outubro, quartas-feiras, 19- 21h
09 e 10/11-montagem e exposição

Investimento: R$ 300,00

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br


Bruno Mendonça atua com projetos colaborativos e interdisciplinares. Formado em Comunicação Social pela Universidade Mackenzie. Mestrando no Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica (PUC-SP). Integra o “Ateliê Fidalga” grupo de produção em arte contemporânea. Atualmente é pesquisador nos grupos “Criação e Comunicação nas Mídias” (CCM) e “Arte e Meios Tecnológicos” (AMT), ambos na PUC-SP. Bruno Mendonça - www.bmarteonline.blogspot.com


Rafaela Jemmene é Mestre em Arte (linha de pesquisa em Poéticas visuais) pelo Instituto de Artes da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), graduada em artes visuais pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo (2008). Desde 2005 participa de exposições em salões de arte, galerias e espaços culturais. É membro do grupo de estudos e produção de arte contemporânea issotudoégrupo. Rafaela Jemmene – www.rafaelajemmene.multiply.com

Posted by Marília Sales at 11:12 AM

Desenho Livre com Marcia Cymbalista no atelier a pipa, São Paulo

Desenho Livre

Orientadora: Marcia Cymbalista

Sinopse: Direcionado a alunos em estágios diferentes de desenvolvimento. O acompanhamento de cada projeto é feito individualmente. Ao longo das aulas, a professora indicará os materiais mais indicados para cada tipo de poética e trará referencias teóricas.

contínuo, quintas-feiras, 19h15 - 22h15

Investimento: R$ 250,00/mês

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Márcia Cymbalista é artista plástica, professora e mestre em Artes Visuais pela ECA/USP. Cursou Artes Gráficas Livres na Universidade de Artes Aplicadas de Viena e é licenciada e bacharel em Educação Artística pela UNICAMP. Faz parte do Grupo de Estudo Sobre a Gráfica na ECA/USP. Leciona desenho e pintura no Bacharelado em Artes Visuais da Faculdade Santa Marcelina e desenho nos cursos de extensão da ECA/USP, entre outras instituições. Trabalha principalmente com desenho, gravura e pintura.

Posted by Marília Sales at 11:06 AM

Projeto Acompanhamento de Artista com Fernanda Chieco e Mario Gioia no atelier a pipa, São Paulo

Projeto Acompanhamento de Artista

Orientadores: Fernanda Chieco e Mario Gioia

Sinopse: Mario Gioia e Fernanda Chieco acompanham artistas que desejam ampliar os desdobramentos da discussão de seus trabalhos, bem como expandir seu repertório, por meio de referências trazidas pelos críticos e pela troca com outros artistas. Há leitura de textos, indicações de exposições e presença de artistas convidados, na busca de uma maior abrangência da discussão das propostas do trabalho de cada aluno.
Os artistas adquirem uma prática de troca e reflexão sobre as questões de sua pesquisa artística, saindo um pouco do lugar solitário do atelier. Há também a troca de ideias e informações que se dão entre os alunos/artistas do curso que absorvem referências entre eles.

contínuo, terças-feiras, 20-23h

Investimento: R$ 300,00/mês

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br


Fernanda Chieco é artista, formada pela ECA/USP ((Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo), mestre em Artes Visuais pelo Goldsmiths College, University of London. Tem participado de diversas exposições no Brasil e no exterior e realizado projetos em residências artísticas na Coréia do Sul, Inglaterra, Irlanda e República Checa. Foi selecionada para o programa Artists Links do British Council e Arts Council of England, em 2008/2009 e atualmente é representada pelas galerias Laura Marsiaj, No Rio de Janeiro e Eduardo Fernandes, em São Paulo. Sua prática é principalmente voltada à produção de desenhos e também de objetos e instalações. Ministrou workshops de desenho no SESC Pinheiros e na ECA/USP e atualmente trabalha em seu atelier e acompanha projetos de estudantes e artistas.
Seus trabalhos e cv podem ser vistos no endereço eletrônico: www.fernandachieco.com

Mario Gioia é graduado pela ECA/USP (Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo), foi curador, em 2011, de Presenças (Zipper Galeria), inaugurando o projeto Zip Up, destinado a novos artistas (que teve como segunda mostra Já Vou, de Alessandra Duarte, com a mesma curadoria). E, 2010, fez Incompletudes (Galeria Virgílio), Mediações (Galeria Motor) e Espacialidades (Galeira Central), além de ter realizado acompanhamento crítico do Ateliê Fidalga no Paço das Artes. Em 2009, fez as curadorias de bra Menor (Ateliê 397) e Lugar Sim e Não (Galeria Eduardo Fernandes). Foi repórter e redator de artes e arquitetura no caderno Ilustrada, no jornal Folha de S. Paulo, de 2005 a 2009, e atualmente colabora para diversos veículos, como as revistas Bravo! e Trópico e o portal UOL, além da revista espanhola Dardo. É coautor de Roberto Micoli (Bei Editora) e faz parte do grupo de críticos do Paço das Artes.

Posted by Marília Sales at 11:00 AM

Portfólio de artista – elaboração da forma e conteúdo com Inês Raphaelian no atelier a pipa, São Paulo

Portfólio de artista – elaboração da forma e conteúdo

Orientadora Inês Raphaelian

Sinopse: apresentação dos elementos, conceitos e objetivos do portfolio de artista. Orientação e acompanhamento para a realização de portfólios para apresentação da produção artística – impresso e eletrônico (digital) e elaboração de currículo.

1º. de outubro a 12 de novembro, segundas-feiras, 14 -16:30h

Investimento: 2 x de R$ 200,00

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Inês Raphaelian é artista plástica, curadora independente, gestora e produtora cultural e professora universitária. Possui graduação em Licenciatura em Artes Plásticas pela FAAP (1984) e mestrado em Artes Visuais pela FASM (2006). Produtora cultural e curadora adjunta do Escritório Poesia e Arte e do Espaço de Exposições Humberto Tecidos (1984 a 1986); curadora, produtora e coordenadora do Espaço de Exposições Eugénie Villien (1990 a 2000); diretora técnica e curadora do Museu Brasileiro da Escultura (1997 a 1999); curadora independente - escritório de produção cultural Área de Apoio (2000 a 2004) e produtora cultural do Paço das Artes (2004 e 2005). A partir de 2005, participa de diversos projetos e comissões da Secretaria Municipal de Cultura como diretora técnica e curadora da Divisão de Artes Plásticas do Centro Cultural São Paulo (2005 a 2007) e do Museu da Cidade de São Paulo do Departamento de Patrimônio Histórico (2008 a 2010). Como artista plástica participa de exposições no Brasil e exterior desde 1981. Premiada com Bolsas Residência de Artista: em 1996 The Banff Centre for the Arts em Alberta, Canadá, em 2002 Instututo Sacatar, Bahia, Brasil e em 2011 Associação Cultural das Oficinas do Convento, Montemor-O-Novo, Portugal. Atualmente leciona na FASM (desde 1989) e doutoranda em Poéticas Visuais na ECA USP.

Posted by Marília Sales at 10:55 AM

Orientação e experimentação para preparação de tintas acrílicas e vinílicas com materiais alternativos com Inês Raphaelian no atelier a pipa, São Paulo

Orientação e experimentação para preparação de tintas acrílicas e vinílicascom materiais alternativos

Orientadora Inês Raphaelian

Sinopse: este workshop tem como objetivo informar sobre as características, composição e comportamento das tintas acrílicas e vinílicas. A partir destes conhecimentos, aulas laboratório de experimentação e pesquisa orientadas para a elaboração de materiais para pintura adequados ao seu interesse pessoal utilizando materiais artísticos e/ou alternativos.

13 de agosto a 24 de setembro, Segundas-feiras, 14 - 16:30h

Investimento: 2 x de R$ 250,00 (parte do material incluído)

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Conteúdo:
Natureza dos materiais – características, composição e comportamento
Preparação de suportes para pintura – superfícies lisas e texturizadas
Preparação de tintas acrílicas e vinílicas – brilhantes, mates e foscas.
Experimentação e aplicação
Avaliação dos resultados das pesquisas e conclusões

Inês Raphaelian é artista plástica, curadora independente, gestora e produtora cultural e professora universitária. Possui graduação em Licenciatura em Artes Plásticas pela FAAP (1984) e mestrado em Artes Visuais pela FASM (2006). Produtora cultural e curadora adjunta do Escritório Poesia e Arte e do Espaço de Exposições Humberto Tecidos (1984 a 1986); curadora, produtora e coordenadora do Espaço de Exposições Eugénie Villien (1990 a 2000); diretora técnica e curadora do Museu Brasileiro da Escultura (1997 a 1999); curadora independente - escritório de produção cultural Área de Apoio (2000 a 2004) e produtora cultural do Paço das Artes (2004 e 2005). A partir de 2005, participa de diversos projetos e comissões da Secretaria Municipal de Cultura como diretora técnica e curadora da Divisão de Artes Plásticas do Centro Cultural São Paulo (2005 a 2007) e do Museu da Cidade de São Paulo do Departamento de Patrimônio Histórico (2008 a 2010). Como artista plástica participa de exposições no Brasil e exterior desde 1981. Premiada com Bolsas Residência de Artista: em 1996 The Banff Centre for the Arts em Alberta, Canadá, em 2002 Instututo Sacatar, Bahia, Brasil e em 2011 Associação Cultural das Oficinas do Convento, Montemor-O-Novo, Portugal. Atualmente leciona na FASM (desde 1989) e doutoranda em Poéticas Visuais na ECA USP.

Posted by Marília Sales at 10:45 AM

Escritos sobre Fotografia com Denise Gadelha no atelier a pipa, São Paulo

Escritos sobre Fotografia

Orientadora Denise Gadelha

Sinopse: o uso da fotografia por artistas visuais a partir da década de 1960 ocupa um papel fundamental no palco das transformações radicais conduzidas pela Crítica ao papel institucional da obra de arte. Este curso proporcionará uma introdução ao debate teórico marcado pelo espírito contestador pós-moderno, tomando como base dois influentes artigos publicados na época, de autoria de Douglas Crimp e de Nancy Foote.

13 e 20 de agosto, segunda - feira, 19h30 - 22h30

Valor: R$ 190,00

atelier a pipa
Rua fidalga 958 D, Vila Madalena São Paulo - SP
11- 2506 0096
www.apipa.com.br

Denise Gadelha é mestre em Poéticas Visuais pelo Programa de Pós Graduação em Artes Visuais da UFRGS. Atua como artista e professora. Ministra cursos sobre Artes e Fotografia. Recentemente participou da exposição “Geração 00: a Nova Fotografia Brasileira” curada por Eder Chiodetto apresentada no Sesc Belenzinho (abril/2011). Foi artista também da mostra “Histórias de Mapas, Piratas e Tesouros” realizada no Itaú Cultural, sob a curadoria de Eduardo Brandão e Cia de Foto (outubro/2010). Conduziu o programa educativo da SP-Arte/Foto (setembro/2010) e o ciclo de palestras na SP-Arte/Foto/2011.


Posted by Marília Sales at 10:23 AM

julho 12, 2012

História da Arte Contemporânea - De Leonardo ao Digital no Instituto Cervantes, São Paulo

Arte Contemporânea - De Leonardo ao Digital

Coordenação: Daniela Bousso e Lucia Santaella

O curso tem uma abordagem inovadora para as múltiplas facetas da arte contemporânea: parte da inserção histórica e expressões clássicas para fazer relações imediatas com a cena atual. Num dia, por exemplo, conversa-se sobre Leonardo da Vinci e as novas mídias. No outro, a arte moderna de Oiticica e Lygia Clark é relacionada ao transcinema e a transformações sociais provocadas pelo ativismo artístico. No total, são 36 horas em 12 encontros semanais, com certificado de participação.

5 de setembro a 28 de novembro, quartas-feiras, 18h30-21h30

Condições de matrícula:
À vista: R$ 460
Em 2 cheques de R$ 240
Ou 4 cheques de R$ 125

Inscrições pessoalmente no Instituto Cervantes nos dias 15 e 16 de Agosto, quarta e quinta-feira, 17-20h
Vagas limitadas

Instituto Cervantes
Av. Paulista 2439, Metrô Consolação, São Paulo - SP
11-3897-9609
deleonardoaodigital@gmail.com
Informações: www.facebook.com/DeLeonardoAoDigital, http://twitter.com/leonardigital
Ementa do curso

Lúcia Santaella e Daniela Bousso coordenam a série de aulas com especialistas em arte contemporânea no Instituto Cervantes entre setembro e novembro

Duas das maiores especialistas na cena artística contemporânea estão juntas novamente para compartilhar o conhecimento acumulado em décadas de carreira e fazer provocações sobre estética, conceitos, mercado e intersecções da arte durante os próximos 3 meses. O curso História da Arte Contemporânea - De Leonardo ao Digital começa em setembro, no Instituto Cervantes, em São Paulo, com vagas limitadas.

O curso tem uma abordagem inovadora para as múltiplas facetas da arte contemporânea: parte da inserção histórica e expressões clássicas para fazer relações imediatas com a cena atual. Num dia, por exemplo, conversa-se sobre Leonardo da Vinci e as novas mídias. No outro, a arte moderna de Oiticica e Lygia Clark é relacionada ao transcinema e a transformações sociais provocadas pelo ativismo artístico. No total, são 36 horas em 12 encontros semanais, com certificado de participação.

Além do conteúdo programático previsto (disponível em http://bit.ly/KNioH0), duas aulas do curso serão incursões críticas pela SP-Foto e pela 30ª Bienal das Arte de São Paulo, eventos previstos para o segundo semestre de 2012. Os participantes poderão exercitar o olhar e aplicar as inferências às próprias obras, comentadas pelos professores.

Esta é a terceira edição do curso, que começou como uma experiência no Museu da Imagem e do Som (MIS), na época em que a instituição era coordenada por Daniela Bousso. Dali adquiriu vida própria, ganhou apoio do Instituto Cervantes e cativou mais e mais turmas.

SOBRE AS COORDENADORAS

Lucia Santaella é pesquisadora e professora titular da PUC-SP com doutoramento em Teoria Literária, em 1973, e livre-docência em Ciências da Comunicação na ECA/USP, em 1993. Coordena o programa de pós-graduação em Tecnologias da Inteligência e Design Digital na PUC-SP. Autora de dezenas de livros teóricos de comunicação, cultura e semiótica, entre eles “Cultura das Mídias” (1992), “Culturas e artes do pós-humano: da cultura das mídias à cibercultura” (2003) e “Linguagens líquidas na era da mobilidade” (2007). Recebeu os prêmios Jabuti (2002, 2009, 2011), o prêmio Sergio Motta (2005) e o prêmio Luis Beltrão (2010).

Daniela Bousso é historiadora, crítica e curadora de arte contemporânea e novas mídias. Foi diretora do Paço das Artes (1997-2011) e do Museu da Imagem e do Som (MIS) (2007-2011) de São Paulo, responsável em 2007 pelo reposicionamento da instituição. Graduou-se em Artes Plásticas pela FAAP em 1980 com doutoramento em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, quando publicou a tese “Metacorpos: a trajetória da subjetividade ao longo de um século” (2006). Foi curadora de dezenas de exposições, como “Interconnect @ between attention and immersion” (ZKM, Karlsruhe, Alemanha, 2006) e "Pipilotti Rist” (Paço das Artes e MIS, 2009). Recebeu dois prêmios Apca: curadoria revelação (1992) e melhor programação - Paço das Artes (2004).

Posted by Cecília Bedê at 6:15 PM

julho 6, 2012

I Simpósio de História e Arte na na UFPR, Curitiba

I Simpósio de História e Arte

Sob o tema geral “História e arte: encontros disciplinares”, o I Simpósio de História e Arte abordará os diversos modos de entrecruzamento entre a História, a História da Arte e a Arte. Em sua primeira edição, a programação do Simpósio contará com os seguintes palestrantes, todos especialistas na relação entre Arte, História e Visualidade.

Palestrantes: Dra. Annateresa Fabris (USP), profa. Dra. Cristina Freire (USP), prof. Dr. Francisco Alambert (USP), profa. Dra. Glória Ferreira (UFRJ), profa. Dra. Lilia Moritz Schwarcz (USP), profa. Dra. Marize Malta (UFRJ), prof. Dr. Paulo Knauss (UFF) e prof. Dr. Tadeu Chiarelli (USP).


Organização: Artur Freitas, Paulo Reis, Rosane Kaminski

29 a 31 de agosto de 2012

Vagas: 80

Universidade Federal do Paraná
Campus Reitoria, Ed. D. Pedro I, 1º andar, salas Homero de Barros e Anfiteatro 100
simposio.historiaearte@gmail.com
http://gruponavis.vilabol.uol.com.br/simposio.html
Rua General Carneiro 460, Centro, Curitiba - PR.
Realização: Núcleo de Artes Visuais (NAVIS/CNPq) e Linha de Pesquisa Intersubjetividade e pluralidade, do Programa de Pós-Graduação em História – PGHIS/UFPR

Saiba como se inscrever

Programação

29 de agosto /2012

Abertura Oficial do Evento e Conferência inaugural – 19h

Palestrante: Profa. Dra. Annateresa Fabris (USP)

“Entre o sensacionalismo e o glamour: o jovem Warhol e a fotografia”

Moderação: Prof. Dr. Artur Freitas (UNESPAR)

sala: Homero de Barros

30 de agosto/2012

Mesa 1: “Modernidade e modernismo” – 14h

Palestrante: Prof. Dr. Francisco Alambert (USP)

Palestrante: Prof. Dr. Tadeu Chiarelli (USP)

Moderação: Prof. Dr. Geraldo Leão (UFPR)

sala: Anfiteatro 100


Mesa 2: “História, arte e contemporaneidade” – 19h

Palestrante: Profa. Dra. Cristina Freire (USP)

Palestrante: Profa. Dra. Glória Ferreira (UFRJ)

Moderação: Prof. Dr. Paulo Reis (UFPR)

sala: Homero de Barros

31 de agosto/2012

Mesa 3: “História e cultura visual” – 14h

Palestrante: Profa. Dra. Marize Malta (UFRJ)

Palestrante: Prof. Dr. Paulo Knauss (UFF)

Moderação: Profa. Dra. Stephanie Batista (UFPR)

sala: Anfiteatro 100


Conferência de Encerramento – 19h

Palestrante: Profa. Dra. Lilia Moritz Schwarcz (PUC-SP)

"Nicolas-Antoine Taunay: a tradução dos trópicos como uma estranha arcádia"

Moderação: Profa. Dra. Rosane Kaminski (UFPR)

sala: Homero de Barros

Sobre o evento

Criado em 2012 pelos professores Artur Freitas, Paulo Reis e Rosane Kaminski, o Simpósio de História e Arte é uma iniciativa do grupo de pesquisa Núcleo de Artes Visuais (NAVIS/CNPq). Previsto para ocorrer a cada dois anos, o evento dedica-se ao estudo das relações entre conhecimento histórico e artístico, com ênfase no intercâmbio intelectual entre pesquisadores de diversas instituições brasileiras.

Sob o tema geral “História e arte: encontros disciplinares”, o I Simpósio de História e Arte, em parceria com Linha de Pesquisa "Intersubjetividade e pluralidade: reflexão e sentimentos na história" do Programa de Pós-Graduação em História da UFPR, abordará os diversos modos de entrecruzamento entre a História, a História da Arte e a Arte. Em sua primeira edição, a programação do Simpósio prevê a realização de duas conferências (abertura e encerramento do evento) e três mesas temáticas, sob os seguintes títulos: (1) Modernidade e modernismo; (2) História, arte e contemporaneidade; e (3) História e cultura visual. Cada mesa temática será composta por dois convidados e um moderador.

O evento contará com os seguintes palestrantes, todos especialistas na relação entre Arte, História e Visualidade: profa. Dra. Annateresa Fabris (USP), profa. Dra. Cristina Freire (USP), prof. Dr. Francisco Alambert (USP), profa. Dra. Glória Ferreira (UFRJ), profa. Dra. Lilia Moritz Schwarcz (USP), profa. Dra. Marize Malta (UFRJ), prof. Dr. Paulo Knauss (UFF) e prof. Dr. Tadeu Chiarelli (USP).

Sobre os palestrantes

Profa. Dra. Annateresa Fabris (USP)

Professora titular do Departamento de Artes Plásticas da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo. Possui graduação em História pela Universidade de São Paulo (1969), mestrado em Artes pela Universidade de São Paulo (1977) e doutorado em Artes pela Universidade de São Paulo (1984). Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Artes Teoria e História da Arte Contemporânea, atuando principalmente nos seguintes temas: fotografia, surrealismo, pintura, Portinari e modernidade. Autora, entre outros, de Imagem e conhecimento (São Paulo, Edusp, 2006), Identidades virtuais (Belo Horizonte, Ed. UFMG, 2004) e Futurismo e cubismo no Brasil (São Paulo: FMAL, 199).

Profa. Dra. Cristina Freire (USP)

Possui graduação em Psicologia pela Universidade de São Paulo (1985), mestrado em Psicologia Social pela Universidade de São Paulo (1990), mestrado em Museums and galleries management - The City University (1996) e doutorado em Psicologia Social pela Universidade de São Paulo (1995). É livre-docente pelo Instituto de Psicologia da USP (2003) e Professora Associada do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Teoria da Arte, atuando principalmente nos seguintes temas: arte contemporânea, teoria e crítica de arte, museu de arte, arte e cidade e exposições de arte. Coordenadora da Divisão de Pesquisa em Arte, Teoria e Crítica do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, no período de janeiro a dezembro de 2005 e a de março de 2006 a agosto de 2010. Desde agosto de 2010 é Vice-Diretora do MAC-USP. Autora, entre outros, de Conceitualismos do sul/sur (São Paulo, Annablume, 2009), Arte conceitual (Rio de Janeiro, Zahar, 2006) e Poéticas do processo (São Paulo, Iluminuras, 1999).

Prof. Dr. Francisco Alambert (USP)

Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1987), mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo (1991) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (1998). Atualmente é membro do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico e professor da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de História, com ênfase em História Social da Arte e da Cultura, atuando principalmente nos seguintes temas: história da cultura, história da arte, intelectuais, modernismo e critica de arte. Pesquisador-bolsista em Produtividade do CNPQ. Autor, entre outros, de D. Pedro I: imperador cordial (São Paulo, Imprensa Oficial, 2006), Bienais de São Paulo (São Paulo, Boitempo, 2004) e A semana de 22 (São Paulo, Scipione, 1992).

Profa. Dra. Glória Ferreira (UFRJ)

Possui graduação em Institut D'etudes Du Développement Economique Et S - Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) (1976), mestrado em Institut d'Art et d'Archéologie - Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) (1990) e doutorado em Institut d'Art et d'Archéologie - Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) (1996). Atualmente é consultora da Jorge Zahar Editor e professora titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Teoria da Arte, atuando principalmente nos seguintes temas: arte, fotografia e vídeo. Autora, entre outros, de Arte contemporâneo brasileño (Santiago, Artedardo, 2009), Escritos de artista – anos 60/70 (Rio de Janeiro, Zahar, 2006) e Crítica de arte no Brasil (Rio de Janeiro, Funarte, 2006).

Profa. Dra. Lília Moritz Schwarcz (USP)

Possui graduação em História pela Universidade de São Paulo (1980), mestrado em Antropologia Social pela Universidade Estadual de Campinas (1986), doutorado em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (1993), livre-docência em Antropologia Social pela USP (1998). Atualmente é professora titular da Universidade de São Paulo (2005), editora da Companhia das Letras (onde coordena coleções de não ficção), membro do advisory group - Harvard University, membro do Conselho Científico do Instituto de Estudos Avançados da UFMG, sócia do IHGB, membro da conselho da Revista da USP, da Revista Etnográfica (Lisboa) e da revista Penélope (Lisboa), coordenadora do GT/ Anpocs de Pensamento Social, de 2007 a 2009. Foi professora visitante e pesquisadora nas universidades de Leiden, Oxford, Brown, Columbia (Tinker Professor) e Princeton, onde é Global Professor até o ano de 2014. Atuou como curadora de uma série de exposições que aliam história, artes e antropologia. Recebeu Bolsa Guggenheim (2006/ 7); medalha Júlio Ribeiro (por destaque cultural e etnográfico) outorgada pela Academia Brasileira de Letras em 2008; a comenda da Ordem Nacional do Mérito Científico em 2010, foi membro do Advisory group - Harvard University (até 2012), e teve sua palestra selecionada como "John H Parry Lecture at Harvard of 2010". Tem experiência na área de Antropologia e História, com ênfase em Antropologia das Populações Afro-Brasileiras, Marcadores da Diferença e História do Império brasileiro, dedicando-se principalmente aos seguintes temas: Brasil monárquico, escravidão, construções simbólicas, história da antropologia, etnicidade, construções imagéticas e identidade social. É pesquisadora 1A do CNPq desde 2010. Autora, entre outros, de As barbas do imperador (10. ed, São Paulo, Cia das Letras, 2009), O sol do Brasil – Nicolas Taunay (São Paulo, Cia das Letras, 2008) e Oito vezes fotografia (São Paulo, Cia das Letras, 2008).

Profa. Dra. Marize Malta (UFRJ)

Possui graduação em Arqiutetura e Urbanismo pela Universidade Santa Úrsula (1985) , especialização em História da Arte e Arquitetura no Brasil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1992) , mestrado em Artes Visuais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1993) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (2009) . Atualmente é Professor adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Membro de corpo editorial da Arte & Ensaio (UFRJ). Tem experiência na área de Artes , com ênfase em história da arte, atuando principalmente nos seguintes temas: Decoração no século XIX, ambientes domésticos, cultura visual, Rio de Janeiro. Autora, entre outros, de Novas perspectivas para o estudo da arte no Brasil de entresséculos - 195 anos de Escola de Belas Artes (Rio de Janeiro, EBA-UFRJ, 2012), O olhar decorativo: ambientes domésticos em fins do século XIX no Rio de Janeiro (Rio de Janeiro, Mauad X / Faperj, 2011) e O ensino artístico, a história da arte e o museu D. João VI (Rio de Janeiro, Escola de Belas Artes - UFRJ, 2010).

Prof. Dr. Paulo Knauss (UFF)

Possui graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1987), mestrado em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990) e doutorado em História pela Universidade Federal Fluminense (1998), tendo realizado pós-doutorado na Universidade de Estrasburgo, França (2006). Desenvolve pesquisas na área de História sobre as relações entre Memória e Patrimônio Cultural, explorando os campos da história da arte, história da imagem, história da cartografia, história oral, história urbana e historiografia. É professor do departamento de História e do Laboratório de História Oral e Imagem da Universidade Federal Fluminense e exerce a função de Diretor Geral do Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro. Autor, entre outros, de Revistas ilustradas (Rio de Janeiro, Mauad, 2011), Sorriso da cidade: imagens urbanas de Niterói (Niterói Livros, 2003) e Cidade vaidosa: imagens urbanas do Rio de Janeiro (RJ, 7 Letras, 1999).

Prof. Dr. Tadeu Chiarelli (USP).

Possui graduação em Educação Artística (1979), Mestrado (1989) e Doutorado (1996) em Artes pela Universidade de São Paulo. Prestou concurso para Livre-Docência, em 2005, e para Professor Titular, em 2010, também pela USP. Professor junto ao Departamento de Artes Plásticas, leciona na Graduação e Pós-Graduação. Orientador junto ao Programa de Pós-Graduação de Artes Visuais. Área de Concentração: Teoria, Ensino e Aprendizagem da Arte; Linha de Pesquisa: História, Crítica e Teoria da Arte. Atuação: História da Arte, Teoria da Arte, Crítica da Arte, Arte e Fotografia, Arte Brasileira Contemporânea. Entre 1996 e 2000 foi Curador-Chefe do Museu de Arte Moderna de São Paulo. Entre agosto de 2007 e maio de 2010 foi Chefe do Departamento de Artes Plásticas. Coordena o Centro de Estudos Arte&Fotografia e o Grupo de Estudos em Crítica de Arte e Curadoria, ambos no Departamento de Artes Plásticas da ECA-USP. Em abril de 2010 foi nomeado Diretor do Museu de Arte Contemporânea da USP. Possui bolsa produtividade CNPq (Nível 2), desde 2009. Autor, entre outros, de Pintura não é só beleza: crítica de arte de Mário de Andrade (Florianópolis, Letras Contemporâneas, 2007), Nelson Leirner (São Paulo, Takano, 2002) e Um jeca nos vernissages (São Paulo, Edusp, 1995).

Posted by Cecília Bedê at 2:47 PM

julho 5, 2012

Processo Criativo com Charles Watson e convidados no Parque Lage, Rio de Janeiro

Processo Criativo

Professor: Charles Watson

Palestrantes convidados: Bruce Henry e Mauro Senise, Cadu, Eduardo Berliner, Lia Rodrigues, Luiz Alberto Oliveira, Paulo Vivacqua

Curso interdisciplinar dirigido àqueles que se interessam pelo processo criativo, tais como designers, artistas, arquitetos, empresários e outros para quem a geração de novas ideias seja fundamental.

6 de agosto a 28 de novembro de 2012

EAV – Parque Lage
Jardim botânico 414, Rio de janeiro - RJ
Preocesso Criativo
21-3257-1800 / 2553-3748 / 9224
bcawats@attglobal.net
wats352@attglobal.net
Segunda e quarta, 19h30-21h30

Palestrantes convidados:
Bruce Henry / Mauro Senise - Improvisação no jazz
Cadu - Sistemas
Eduardo Berliner - Pintura
Lia Rodrigues - Inteligência espacial / corporal
Luiz Alberto Oliveira - Sistemas não lineares
Paulo Vivacqua - Som, Tempo e Matéria

Desde 2004 recomendado como um curso preparatório para bacharelado/mestrado em arte pelo University of the Arts, Londres e suas escolas de arte afiliadas – Camberwell College of Arts, Central St.Martins College of Art and Design, Chelsea School of Art and Design, The London College of Fashion, The London College of Communications.

Posted by Cecília Bedê at 3:40 PM

FILE Symposium e workshops no Centro Cultural Fiesp, São Paulo

FILE Symposium e workshops

O SESI-SP realiza, de 17 de julho a 19 de agosto, a 13ª edição do FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica, maior encontro do país sobre arte digital. A programação, com entrada gratuita, vai ocupar quatro espaços do Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso, na avenida Paulista: a Galeria de Arte, o Teatro do SESI-SP, o Espaço FIESP e o Espaço Mezanino, além do MIS e a Estação Trianon-Masp. Entre as atrações, estão as animações, instalações interativas, aplicativos para tablets, games, performances, workshops, mesas-redondas, encontros com artistas internacionais e maquinemas.

Mesas-redondas, encontros e workshops com artistas que irão falar sobre seus processos criativos e novas tendências do setor.

17 a 20 de julho de 2012

FILE - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica
Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso
Av. Paulista 1.313, Metrô Trianon-Masp, São Paulo - SP
11-3146-7405/ 7406

FILE Symposium
Mesas-redondas e encontros com artistas que irão falar sobre seus processos criativos e novas tendências do setor, entre eles Nikolas Reeves, Lucia Leão e Marina Zerbarini.

Mesas-redondas

Arquivos de fluxo intenso: Conexões latino-americanas
Mediação: Gabriela Previdello Orth.
Participantes: Enrique Rivera, Giselle Beiguelman, Michely Jabala Mamede Vogel, Vanina Hofman e Marcelo Carvalho.
Os especialistas irão compartilhar suas experiências na documentação da arte a partir de perspectivas específicas sobre o tema. Esse será o primeiro de uma série de encontros que o FILE realizará anualmente – com o objetivo de promover uma plataforma livre de discussão com profissionais, teóricos, instituições, artistas e outros agentes envolvidos na memória da arte eletrônica e digital.

Repensando a interface da literatura para tablet
Mediação: Maria Eugênia Mourão.
Participantes: Guilherme Coelho (A Turma da Galinha), Bernardo Ferreira Bastos Braga (Fadas) e André Kadow (A Cigarra e a Formiga).

ShopFront Lab - Digital Work
Mediação: Franklin Lee.
Participantes: Alan Dempsey, Rob Stuart Smith, Ivan Ivanoff, Anne, Save de Beaurecueil, Yoojin Kim e Victor Sardenberg.

Novas Mídias no Chile, Experiências concretas de gestão, investigação e desenvolvimento
Consiste no desenvolvimento de diversas intervenções que buscam representar a investigação, a produção de arte e a cultura midiática chilena.

Confira programação completa e ficha de inscrição gratuita:

Workshops
Chimbalab: Constanza Pina e Claudia Gonzalez (Chile)
Textile Electronic Synthesizer
O grupo desenvolve dispositivos low tech de reciclagem de eletrônicos e tecnologia hacking.

Radames Ajna (Brasil)
Programando a Kinect com Processing
O workshop oferecerá uma breve introdução para aqueles que não conhecem o Processing, com explicações sobre o funcionamento do sensor Kinect.

Marco Donnarumma (Itália)
Sense Xth - geração de Biofísica e controle da música
A oficina oferece uma experiência hands-on e treinamento teórico e prático no controle gestual de música e performance corporal musical

As inscrições são gratuitas e as vagas limitadas.

Posted by Cecília Bedê at 3:05 PM

julho 4, 2012

Especialização em Artes Visuais na Universidade Positivo, Curitiba

Especialização em Artes Visuais - Universidade Positivo

Corpo Docente: Ana Paula França, Cayo Honorato, Felipe Prando, Jorge Menna Barreto, Júnior Gabardo, Keila Kern, Martin Grossmann, Milla Jung, Regina Melim, Renato Bertão, Ricardo Basbaum

Coordenação: Felipe Prando

A proposta do curso é ofecer uma compreensão ampla e contextual do sistema contemporâneo de arte através de diversos processos de trabalho (artísticos, curatoriais, de mediação crítica, organização e montagem de exposições, projetos editoriais) e fornecer ferramentas para o desenvolvimento de projetos sustentáveis, e a negociação com instituições públicas (leis de incentivo) e artísticas (museus, centros culturais, etc.).

O curso está estruturado a partir de quatro agentes do sistema de arte (artista, curador, mediador e produtor cultural) e terá palestras com profissionais e pessoas envolvidas com as artes visuais; os alunos visitarão exposições e desenvolverão projetos individuais e/ou coletivos.

Inscrições e pré-matrículas até 31 de julho de 2012

Período do curso: Quinzenal, sextas, 19-22h50, sábados, 8h30-12h30 e 13h30-17h30

Valor: 18 parcelas de R$500
O curso poderá ser pago em até 30 parcelas com o Financiamento Interno da Universidade Positivo (UP).
Para saber mais informações sobre o Financiamento Interno da UP, clique aqui

Universidade Positivo - Secretaria de Pós-Graduação
Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza 5300, Campo Comprido, Curitiba - PR
41-3317-3093
posgraduacao@up.com.br
Segunda a sexta, 8h30-21h, sábado, 8h30-12h
Na ocasião da inscrição, será emitido ao candidato um boleto bancário no valor de R$ 150,00. Essa importância será descontada da taxa de matrícula e, em caso de não abertura do curso, será devolvida ao inscrito, integralmente.

Disciplinas:
Histórias da Arte do Século XX
Histórias das Exposições
Museus e Instituições de Arte no Século XXI
Imagem e Novas Mídias
Arte e Esfera Pública
Publicações: livros de artistas
Processos de Criação em Artes Visuais
Práticas Curatoriais: a crítica institucional como prática
Ação e Mediação Cultural em Exposições
Design de Exposições
Publicações: projetos editoriais
Economia Criativa: elaboração e produção de projetos culturais
Seminários e Palestras
Trabalho de Conclusão de Curso - TCC

Corpo Docente:
Ricardo Basbaum
Renato Bertão
Regina Melim
Milla Jung
Martin Grossmann
Keila Kern
Júnior Gabardo
Jorge Menna Barreto
Felipe Prando
Cayo Honorato
Ana Paula França

Coordenação:
Felipe Prando

Doutorando em Poéticas Visuais pelo PPGAV-ECA-USP, Mestre em Processos Artísticos Contemporâneos pelo PPGAV-CEART-UDESC, desde 2012 é Curador–Associado do Fórum Permanente: Museus de Arte; entre o público e o privado, desde 2010 professor de fotografia no Curso de Design (Projeto Visual e Moda) na Universidade Positivo, entre 2005 e 2011 participou do Núcleo de Estudos da Fotografia um espaço para produção e reflexão sobre imagem contemporânea, em 2011 realizou a curadoria da exposição “Conversas” no Museu da Gravura da Cidade de Curitiba, em 2012 contemplado pelo Editais “Ocupação de Espaços Expositivos” e “Bolsa Produção – Artes Visuais” ambos pela Fundação Cultural de Curitiba, em 2008 recebeu da FUNARTE o prêmio “Bolsa Estímulo à Criação Artística – Fotografia Contemporânea”, em 2007 foi selecionado pelo “X Salão Nacional Victor Meirelles – MASC”, e em 2007 foi contemplado pelo Edital “Bolsa Produção – Artes Visuais” pela Fundação Cultural de Curitiba, realiza exposições de trabalhos fotográficos desde 2005 já tendo exposto em várias cidades brasileiras, na Argentina, Chile, Bolívia, Peru, Venezuela e Bélgica.
E-mail: felipeprando@gmail.com

Para saber mais sobre o processo seletivo, certificação e outras informações, clique aqui.


Posted by Cecília Bedê at 12:58 PM