Página inicial

Cursos e Seminários

 


junho 2018
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Cursos e Seminários:

Arquivos:
junho 2018
maio 2018
abril 2018
março 2018
fevereiro 2018
janeiro 2018
dezembro 2017
novembro 2017
outubro 2017
setembro 2017
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
novembro 2016
outubro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
junho 2016
maio 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
novembro 2015
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
dezembro 2014
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
dezembro 2013
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
dezembro 2011
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
As últimas:
 

junho 12, 2018

Palestras Olhares Modernos na Casa Roberto Marinho, Rio de Janeiro

Casa Roberto Marinho promove série de palestras abertas ao público sobre três ícones do modernismo brasileiro

A Casa Roberto Marinho, que atualmente reúne o maior acervo de modernismo brasileiro em exposição, promoverá a série de palestras “Olhares Modernos”, a partir de 16 de junho, sobre as obras de Guignard, Pancetti e Ismael Nery. Sempre aos sábados, às 16h, serão três encontros seguidos de visitas guiadas à exposição Modernos 10, em cartaz no instituto cultural recém inaugurado. Os críticos, professores e curadores Paulo Sergio Duarte, Frederico Morais e Paulo Venâncio Filho são os convidados de Lauro Cavalcanti, diretor da Casa, para ministrarem as palestras abertas ao público.

“Fiquei duplamente contente com o convite”, revela Paulo Sergio, que abre a série, falando sobre Guignard. “Primeiro, porque será uma ocasião de refletir sobre a obra daquele que considero um dos maiores nomes de nossa arte moderna e revisitar 16 trabalhos significativos de sua obra exemplar. Segundo, porque o visitante da Casa Roberto Marinho tem uma ocasião rara: encontrar um número expressivo de obras de dez dos mais importantes artistas do modernismo brasileiro reunidos num único local. É o momento de observar as diferenças de linguagens e nos esforçarmos para perceber a contribuição de cada um desses mestres”, conclui.

A série Olhares Modernos dá início à programação paralela que o novo espaço cultural da cidade pretende oferecer regularmente ao público carioca. Mais à frente, virão workshops, exibição de filmes de arte e novos ciclos de palestras.

A programação

Sáb, dia 16, às 16h >> palestra de Paulo Sergio Duarte sobre a obra de Guignard
Sáb, dia 23, às 16h >> palestra de Frederico Morais sobre Pancetti
Sáb, dia 30, às 16h >> Paulo Venâncio Filho falará sobre a obra de Ismael Nery

As palestras serão sujeitas à lotação do auditório da Casa Roberto Marinho, com capacidade para até 40 pessoas. Serão distribuídas senhas a partir das 14h.

Sobre os convidados

Paulo Sergio Duarte é crítico e professor de história da arte na Universidade Cândido Mendes e na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Foi curador da mostra Guignard – a memória plástica do Brasil Moderno, realizada no Museu de Arte Moderna de São Paulo, de 7 de julho a 11 de setembro de 2015.

Frederico Morais é crítico de arte e curador. Teve grande importância na década de 70 para a arte de vanguarda brasileira. Escreveu para colunas de artes plásticas do Diário de Notícias (1966-1973) e O Globo (1975 – 1987). Organizou algumas das mais importantes ações coletivas da arte brasileira, como “Arte no Aterro”, os “Domingos da Criação” e “Do Corpo à Terra”. Colaborou com artigos e ensaios para jornais e revistas especializadas do Brasil, América Latina, Estados Unidos, Europa e Austrália. Publicou 39 livros sobre arte brasileira e latino-americana no Brasil, Colômbia, México e Cuba. Foi curador de mais de 67 exposições e eventos de arte no Brasil e no exterior.

Paulo Venâncio Filho é filósofo e professor do Departamento de História e Teoria da Arte da Escola de Belas Artes/ UFRJ. Mestre em Comunicação pela ECO-UFRJ (1992), doutor em Comunicação pela ECO-UFRJ (1998) e pós-doutor pela Universidade de São Paulo- FFLCH (2015). É orientador de mestrado e doutorado do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da EBA-UFRJ. Professor visitante da University of the Arts London (2014/2015), consultor da Fapesp e membro do Conselho Consultivo de Curadoria do MAM/SP (2015).

Instituto Casa Roberto Marinho
Rua Cosme Velho 1105, Rio de Janeiro, RJ
21-3298-9449

Posted by Patricia Canetti at 11:48 AM