Página inicial

Cursos e Seminários

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Cursos e Seminários:
Arquivos:
As últimas:
 

agosto 28, 2008

Workshop O Processo Criativo - Módulo II, com Charles Watson no ECCO, Brasília

Programa Pausa para Pensar
Workshop O Processo Criativo - Módulo II, com Charles Watson

4 a 7 de setembro de 2008

Espaço Cultural Contemporâneo - ECCO
SCN Quadra 3, bloco C, loja 5, Brasília - DF
Informações: 61-3327-2027
www.eccobrasilia.com.br
Horário: quinta e sexta, 19-22h30; sábado, 10-12h e 14-19h; domingo, 10-12h e 14-19h30

Posted by João Domingues at 3:31 PM

Concurso para Professor Adjunto na Universidade Federal de Santa Maria

Concurso para Professor Adjunto na Universidade Federal de Santa Maria
Didática, Metodologia, Práticas e Estágios em Artes Visuais: da Educação Infantil ao Ensino Médio/ Metodologia do Ensino

Inscrições abertas

Universidade Federal de Santa Maria
Av. Roraima, Prédio 40, sala 1324b, Camobi, Santa Maria – RS
55-3220-9484
Vagas: 1
Clique aqui para ler o edital

Posted by João Domingues at 3:23 PM

agosto 26, 2008

Curso de Especialização Estéticas Tecnológicas na PUC, São Paulo

Curso de Especialização Estéticas Tecnológicas
Corpo docente: Prof. Alexandre Braga, Prof. Eliseu de Souza Lopes Filho, Profa. Lia Chaia, Profa. Dra. Lucia Leão, Profa Dra. Maria Lúcia Santaella Braga, Profa Priscila Arantes, Prof. Dr. Sérgio Roclaw Basbaum, Prof. Dr. Rubens Fernandes Jr., Prof. Dr. Sérgio Bicudo Veras Profa. Dra.Rosangella Leote

Inscrições abertas

PUC-SP - Unidade COGEAE Consolação
Rua da Consolação 881, Consolação, São Paulo - SP
11-3670-3300 ou infocogeae@pucsp.br
www.pucsp.br/cogeae
Coordenação: Profa. Dra. Maria Lúcia Santaella Braga
Horário: terças e quintas, 18h30-22h30
Início: 2 de setembro de 2008
Carga horária: 420 horas, divididas em um total de oito disciplinas de 45 horas cada, além de 60 horas para orientação e elaboração de monografia
Preço do módulo: R$ 2.430; Matrícula: R$ 486 + 4 parcelas de R$ 486

Documentos para Matrícula:
Curriculum vitae atualizado, cópia autenticada do diploma de graduação, cópia do CPF, do RG e do comprovante de endereço (onde conste o CEP), além de carta justificando o interesse pelo curso contendo: 1) Porque da escolha do curso? 2) Quais as expectativas em relação ao curso? 4) Experiência profissional na área. 4) Outras informações que o candidato julgar importante.

Local de Matrícula:
Unidade COGEAE João Ramalho
Rua João Ramalho 182, Perdizes, São Paulo - SP
11-3670-3300
Segunda a sexta, 9-20h30; sábados, 8-12h30

Posted by João Domingues at 3:54 PM

Oficina teórico-prática Pintura: Prática e Reflexão, com Paulo Pasta no Victor Meirelles, Florianópolis

Oficina teórico-prática Pintura: Prática e Reflexão, com Paulo Pasta

Pré-inscrição até 4 de setembro de 2008

Museu Victor Meirelles - Sala Multiuso
Rua Victor Meirelles 59, Centro, Florianópolis - SC
48-3222-0692 ou museu.victor.meirelles@iphan.gov.br
www.museuvictormeirelles.org.br
Vagas: 20
Oficina teórico- prática Pintura: Prática e Reflexão: 11 e 12 de setembro, 14-18h

O Museu Victor Meirelles, dando continuidade à série de oficinas teórico-práticas que buscam aprimorar os conhecimentos de artistas e interessados em artes visuais, oferecerá nos dias 11 e 12 de setembro, das 14 às 18 horas, uma oficina especial com o artista Paulo Pasta. Especial porque além de abordar questões pertinentes à pintura contemporânea, técnicas e história, o ministrante comentará a produção pictórica dos próprios participantes, que trarão suas obras para serem analisadas.

Público-alvo: artistas, estudantes de artes e interessados que já tenham uma produção significativa em pintura. Os participantes deverão, obrigatoriamente, trazer suas obras. A carga horária do curso é de 08h/a distribuídas em duas tardes das 14h às 18h. Os certificados serão emitidos apenas para os inscritos que obtiverem 100% de freqüência na oficina.

Sobre o ministrante:

Paulo Pasta (Ariranha - SP, 1959). Pintor, desenhista, ilustrador e professor. É mestre em artes plásticas pela ECA/USP. Estudou desenho e gravura em metal com Evandro Carlos Jardim. Fez cursos de litografia e serigrafia com Regina Silveira e pintura com Donato Ferrari e Carmela Gross. Recebeu, em 1988, a Bolsa Emile Eddé de Artes Plásticas, em 1990, o Prêmio Brasília de Artes Plásticas no Museu de Arte de Brasília - MAB/DF e, em 1997, o Prêmio Price Waterhouse - Conjunto de Obras, no 25º Panorama de Arte Brasileira do Museu de Arte Moderna de São Paulo - MAM/SP. Em 1998, foi publicado o livro Paulo Pasta, pela Edusp. Ilustrou, entre outros, os livros Coração Partido - Uma Análise da Poesia Reflexiva de Drummond e Rocambole, ambos de autoria do crítico literário Davi Arrigucci Jr., publicados pela Editora Cosac & Naify, em 2002 e em 2005, respectivamente. Em 2006, também pela Cosac & Naify, foi lançado o livro Paulo Pasta organizado por Tadeu Chiarelli. Atualmente, Paulo Pasta está expondo no Centro Cultural do Banco do Brasil - CCBB do Rio de Janeiro.

Posted by João Domingues at 12:22 PM

MBA em Gestão Cultural na UCAM, Rio de Janeiro

MBA em Gestão Cultural
Professores: Ana Carla Fonseca, Eliane Costa, Eva Doris Rosental, José Carlos Barboza, Lia Calabre, Luís Carlos Prestes Filho, Marcio Schiavo, Paulo Sérgio Duarte, Ronaldo Lemos, Yole Mendonça e Marcelo Mendonça

Inscrições abertas

Universidade Candido Mendes
Programa de Estudos Sociais e Culturais (PECS)
Rua da Assembléia, 10 sala 616 Campus Centro, Rio de Janeiro - RJ
21-2531-2000 r. 256 / 289 ou pecs@candidomendes.edu.br
www.candidomendes.edu.br
www.gestaocultural.org.br
Coordenação acadêmica: Profª Kátia de Marco
Duração: 16 meses
Carga horária: 393h
Inscrição: R$ 50
Preço: 18 x R$ 580

Seleção:
- análise de currículo
- realização de entrevista


A Universidade Candido Mendes está lançando sua sexta turma de MBA em Gestão Cultural, Pós-graduação Lato Sensu na área de administração cultural voltada para organizações culturais e projetos culturais, que visa enfocar um sólido aprimoramento profissional nos segmentos gerenciais de instituições e programas, de modo a otimizar a eficiência das propostas programáticas para os setores culturais. As aulas terão início em setembro de 2008, com carga horária de 393 h, duração de 16 meses, no campus Centro, no turno da noite (das 19h às 22h) e aulas às segundas e quartas-feiras.

Sob a coordenação acadêmica da Profª Kátia de Marco e de profissionais destacados tanto na esfera executiva como nos setores acadêmicos como Paulo Sérgio Duarte (Gestão do Patrimônio Histórico); Yole Mendonça e Marcelo Mendonça (Bases Administrativas na Gestão Cultural); Marcio Schiavo (Responsabilidade Sociocultural corporativa)Eva Doris Rosental (Análise de Experiências Corporativas em Marketing Cultural); Ronaldo Lemos (Direitos Autorais na Produção Digital); Lia Calabre (Políticas Públicas Para a Cultura); Eliane Costa (Cultura Digital); Luís Carlos Prestes Filho (e Macro Economia da Cultura); José Carlos Barboza (Legislação de Incentivos ao Setor Cultural) e Ana Carla Fonseca (Micro e Macro Economia da Cultura). O MBA tem como objetivo formar e reciclar profissionais atuantes na área da cultura; criar novas gerações de gestores, empreendedores, administradores e produtores culturais; proporcionar ao profissional uma visão integrada das áreas de administração, economia, direito, artes e cultura; capacitar o profissional na ciência de avaliação do consumo cultural e na identificação de ofertas e demandas; preparar o profissional para tomada de decisões, gerenciamento de equipe, análise de projetos, engenharia de orçamentos e domínio do negócio cultural.

CONTEXTUALIZAÇÃO:
O curso vem implementar a capacitação e o aprimoramento profissional nas áreas de administração de instituições e de projetos culturais, e na formulação e implementação de políticas e programas, para os setores públicos e privados, colaborando com o incremento da relação custo-benefício entre cultura e mercado em prol da auto-sustentabilidade e da ampliação de acessos aos produtos e ações culturais, como alicerce ao desenvolvimento social regional e nacional..

A arte e a cultura, como produção de conhecimento e, principalmente, como entretenimento, têm movimentado, de maneira crescente, importantes índices econômicos que impulsionam a expansão da indústria cultural nacional e internacional, mediante mudanças antropológicas nos padrões de consumo e lazer das sociedades contemporâneas, além dos crescentes investimentos empresariais que dinamizam, deste modo, o mercado de trabalho nos setores afins.

Pesquisas revelam o incremento da participação das esferas culturais no PIB nacional. Este quadro reflete a expansão atual e em potencial da geração de empregos diretos e indiretos no setor, o que supera até mesmo segmentos tradicionais de nossa economia.

Neste profícuo cenário, o desenvolvimento cultural se efetiva como conseqüência dos crescentes investimentos por parte de empresas, organizações não governamentais e instituições públicas, o que gera significativa ampliação da audiência e corrobora na formação de público e mercado para os produtos e ações culturais.

Posted by João Domingues at 11:52 AM

agosto 25, 2008

Concurso para Professor de Artes plásticas na Universidade do Estado de Minas Gerais

Concurso para Professor de Artes plásticas na Universidade do Estado de Minas Gerais
Magistério Superior, Nível V
Vaga: 01 (uma)

Inscrições até 26 de setembro de 2008
Exclusivamente pelo site da UEMG: www.uemg.br

Universidade do Estado de Minas Gerais - Escola Guignard
Rua Ascânio Burlamarque 540, Mangabeiras, Belo Horizonte - MG
31-3282-3028
Clique aqui para acessar o edital

Formação Acadêmica e Habilitação mínimas exigidas: Doutorado na área ou em áreas afins
Tipos de provas a serem realizadas: Prova Didática, Prova de Títulos, com análise de portfolio, e Prova Escrita
Síntese do Programa: Princípios básicos das artes plásticas; Educação do olhar na observação; Técnicas Expressivas; Arte contemporânea; Desenvolvimento de projetos

Posted by João Domingues at 1:43 PM

agosto 21, 2008

Dynamic Encounters - International Art Workshops Chicago e New York 2008

Dynamic Encounters - International Art Workshops Chicago e New York 2008
Professores: Agnaldo Farias: professor da USP e curador do Instituto Tomie Ohtake - SP
Charles Watson: professor da Escola de Artes Visuais do Parque Lage - RJ
Claudia Calirman: professora e palestrante do MoMA
Denise Gadelha: artista plástico e coordenadora de eventos Dynamic Encounters
Frederico Carvalho: professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro - RJ
Irving Sandler: curador, crítico e escritor
Jailton Moreira: artista plástico e coordenador do Espaço Torreão - RJ


Inscrições abertas

Informações: 21-2553-3748 / 2553-9224 / 2223-0710 ou wats352@attglobal.net
Coordenação: Charles Watson
Dynamic Encounters - International Art Workshops Chicago e New York 2008: 22 novembro a 5 de dezembro de 2008

Programa*

sábado 22
13h - embarque no Aeroporto Tom Jobim (Galeão) Rio de Janeiro (ou Guarulhos / São Paulo)

domingo 23
8h - Chegada no Aeroporto Inter. O’Hare / Chicago
8h30 - Imigração e alfândega
10h - Check in no Hotel
12h - Almoço
14h - Chicago Architecture Tour: abordagem da arquitetura de Frank Lloyd Wright e Frank Gehry
20h - Chicago Blues

segunda 24
9h - Café da manhã
9h30 - saída do hotel
10h30 - The Art Institute of Chicago: encontro com Robert Eskridge, diretor educacional
11h30 - encontro com Stephanie D'Alessandro, curadora da Coleção de Arte Moderna Européia: a coleção é considerada uma das melhores do mundo, são 3.500 obras do séc. XII até a metade do séc. XX. Destaque para as pinturas e esculturas Impressionistas, Pós-Impressionistas e clássicos Modernos. / Arte Moderna Americana, incluem imagens icônicas de Grant Wood, Geórgia O’Keeffe, Edward Hopper e do muralista mexicano Diego Rivera.
13h30 - Almoço
14h30 - encontro com James Rondeau, curador da Coleção de Arte Contemporânea:
algumas das mais notáveis aquisições são obras de Eva Hesse, David Hockney, Jasper Johns, Ellsworth Kelly, Bruce Nauman e Gerhard Richter
17h30 - Atelier: Eduardo Kac **

terça 25
9h - Café da manhã
9h30 - saída do hotel
10h30 - Art Institute of Chicago: Henri Cartier-Bresson and the Art and Photography of Paris
13h - Almoço
15h - Museum of Contemporary Art of Chicago, exposições: Jenny Holzer / Artists in Depth: works from the MCA Collection (trabalhos selecionados da coleção do museu, inclue obras de Leon Golub, H.C. Westermann, Claes Oldenburg, Donald Judd, Lee Bontecou, Bruce Nauman, Vito Acconci, Cindy Sherman, Ed Paschke, William Kentridge, Jeff Koons, Kerry James Marshall, Catherine Opie, Sharon Lockhart, entre outros - e alguns dos artistas americanos contemporâneos mais significantes de nosso tempo) / Everything’s here: Jeff Koons and his experience of Chicago / Joseph Grigely: St. Cecília
17h30 - lanche
18h - 20h Museum of Contemporary Art of Chicago

quarta 26
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Block Museum of Art: exposições "A Letter from Japan: The Photographs of John Swope" / "Samuel Bak" / "Magdalena Abakanowicz" / visita ao acervo do Museu (a coleção é composta principalmente por trabalhos de natureza reprodutível, tais como gravuras e fotografias. Também promove um vínculo histórico com as exposições de arte contemporânea do museu, que incluem vídeos, filmes e trabalhos feitos através do computador).
13h - Almoço
15h - MoCP - Museum of Contemporary Photography
18h - Donald Young Gallery: exposição Iñigo Manglano-Ovalle

quinta 27
8h - DIA LIVRE
16h - saída do hotel
17h - saída de Chicago
20h - chegada em New York

sexta 28
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Metropolitan Museum: visita ao acervo do museu (O Renascimento / Pintura Holandesa sec. XVII - Vermeer, Poussin, entre outros / Impressionismo séc. XIX - Rembrandt, Vermeer, Claude, Poussin, Monet, Cézanne, entre outros.)
13h - Almoço
15h - encontro com Irving Sandler: "Giorgio Morandi, 1890-1964" (aproximadamante 110 pinturas, aquarelas, desenhos e gravuras das primeiras obras “metafísicas” de Morandi até suas evanescentes naturezas-mortas ulteriores) / Expressionismo Abstrato - a Escola de NY (Jackson Pollock, Mark Rothko, Clyfford Still, Barnett Newman e muitos outros)
16:30 - lanche
17h30 - 21h Metropolitan Museum: exposição de Tara Donovan

sábado 29
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Guggenheim Museum: "Catherine Opie" (American Photographer) / "Heanyspacewhatever" (Angela Bulloch, Maurizio Cattelan, Liam Gillick, Dominique Gonzalez-Foerster, Douglas Gordon, Carsten Höller, Pierre Huyghe, Jorge Pardo, Philippe Parreno e Rirkrit Tiravanija)
13h30 - Almoço
15h - Whitney Museum of American Art: exposição “Progress” (crítica aos objetivos sociais e estéticos do modernismo. Trabalhos de Dan Flavin, Ad Reinhardt, Sherrie Levine, Paul Sietsema, Joel Sternfeld, entre outros)

domingo 30
07:30 - Café da manhã
8h30 - saída do hotel
9h30 - 11h - Trem para Dia Beacon
11h - Dia Center Beacon: Bernd & Hilla Becher, Joseph Beuys, Louise Bourgeois, John Chamberlain, Hanne Darboven, Walter de Maria, Dan Flavin, Michael Heizer, Robert Irwin, Donald Judd, On Kawara, Imi Knoebel, Sol LeWitt, Agnes Martin, Bruce Nauman, Max Neuhaus, Blinky Palermo, Gerhard Richter, Robert Ryman, Fred Sandback, Richard Serra, Robert Smithson, Andy Warhol, Lawrence Weiner.
13h - Lanche
14h - Dia Center Beacon
16:30 - Trem de volta para Manhattan

segunda 01
07:30 - Café da manhã
8h30 - saída do hotel
9h30 - Museum of Modern Art: encontro com Claudia Calirman; visita ao acervo do Museu que inclui 150.000 pinturas, esculturas, desenhos, gravuras, fotografias, maquetes e plantas arquitetônicas. Detsque para Manet e a Execução de Maximiliano
13h - Almoço
14h30 - Museum of Modern Art: exposições temporárias - "Van Gogh and the Colors of the Night" / "Joan Miró: Painting and Anti-Painting 1927-37" / "Pippiloti Rist"
16h - Museum of Modern Art: a coleção de desenho do MoMA (Degas, Seurat, Cézanne, Odilon Redon, Egon Schiele, Kandinsky, Francis Alÿs, Baselitz, Francesco Clemente, entre outros)

terça 02
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Mary Boone Gallery: exposição de Eric Fischl
11:15 - Metro Pictures Gallery: exposição de Cindy Sherman
12:15 - Paula Cooper Gallery
14h - almoço
15h - Atelier: Janine Antoni **
18h - visita a atelier **

quarta 03
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Drawing Center SoHo: encontro com Brett Litman, diretor
13h30 - almoço
15h - New Museum of Contemporary Art: “Live Forever: Elizabeth Peyton” - primeira seleção do trabalho da artista em uma instituição americana. Inclui mais de 100 trabalhos feitos nos últimos 15 anos. Ao mesmo tempo que oferece uma biografia especial da artista, cria um retrato da cultura popular da última década. / “Mary Heilmann: To Be Someone”

quinta 04
8h - Café da manhã
9h - saída do hotel
10h - Livre
16h - encontro no foyer
16:30 - Saída para o aeroporto JFK
17h30 - Check in no aeroporto JFK
20:30 - vôo para Brasilúltimos 15 anos. Ao mesmo tempo que oferece uma biografia especial da artista, cria um retrato da cultura popular da última década. / “Mary Heilmann: To Be Someone”

sxeta 05
Chegada no Brasil

* A programação está sujeita a alterações até a data de início do curso.
** Visitas a ateliers sendo negociadas
*** A responsibilidade do projeto Dynamic Encounters é fornecer um evento completo de atividades é importante frisar porém, que a participação em todos estes eventos não é obrigatória.

Posted by João Domingues at 2:58 PM

agosto 18, 2008

Oficina de dança com Célia Gouveia no CCSP, São Paulo

Oficina de dança com Célia Gouveia

Seleção: 23 de agosto, sábado, 10h

Centro Cultural São Paulo - Piso Flávio de Carvalho
Rua Vergueiro 1000, Paraíso, São Paulo - SP
11-3383-3402 ou ccsp@prefeitura.sp.gov.br
www.centrocultural.sp.gov.br
Vagas: 30
Os candidatos deverão apresentar, na audição, uma célula cênica de 3 minutos, a partir de um recorte do texto Lygia Clark: obra-trajeto, de Maria Alice Milliet, disponível no site www.centrocultural.sp.gov.br


O Centro Cultural São Paulo promove oficina de dança com a coreógrafa Célia Gouveia. Serão oferecidas 30 vagas e os participantes deverão ter formação em dança contemporânea. A seleção será no dia 23 (sábado), às 10h. Os candidatos deverão apresentar, na audição, uma célula cênica de 3 minutos, a partir de um recorte do texto Lygia Clark: obra-trajeto, de Maria Alice Milliet, disponível no site www.centrocultural.sp.gov.br.

A oficina terá como base reflexões sobre a artista plástica Lygia Clark, que com sua arte vital e revolucionária, atravessam o tempo pela inquietação, inconformismo, despojamento e elo com a vida. Ela procurou conciliar a racionalidade da tradição estruturalista com a intuição do sensório e do onírico, pensando o vazio, o espaço, a organicidade. Busca a origem arcaica da palavra performance: é levar a cabo, executar. Desta forma, a oficina propõe aos participantes uma experimentação do fazer da performance, da experimentação conceitual à apresentação pública das idéias levantadas. O resultado será uma performance montada e apresentada nas dependências do CCSP.

Célia Gouvêa:
Formou-se no MUDRA de Maurice Béjart, em Bruxelas, Bélgica, e participou de numerosas experiências artísticas com o Grupo Chandra, do qual foi co-fundadora. Nesse período descobriu a linguagem multidisciplinar e o espírito de pesquisa, que marcam sua criação artística. Seu percurso coreográfico inclui prêmios de melhor coreógrafa, bailarina e espetáculo de dança, pesquisa e criação da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA), Governador do Estado, Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apestesp) e Fundação Nacional de Arte (Funarte).

Recebeu bolsas de pesquisa e criação do CNPq, auxílio à Pesquisa da Fapesp, Vitae, John Simon Guggenheim Memorial Foundation e Virtuose. Entre as mais de 50 coreografias criadas, destacam-se: Trem fantasma e outras danças (1979), Promenade (1979), Experiente (1980), De pernas para o ar (1981), Assim seja? (1984) Nikinsky (1987), Pé de valsa (1989), A bela moleira (1991), Sapatas fenólicas (1992), Pedra no caminho (1993), Cinecoronariografia (2001), Danças em branco (2005), Corpo incrustado e Latrina (2006).

Posted by João Domingues at 3:55 PM

agosto 15, 2008

Seminário A arquitetura de um circuito em construção - Nordeste no CCBN, Fortaleza

Seminário A arquitetura de um circuito em construção - Nordeste
Participantes: Afonso Luz, Bitu Cassundé, Caetano Dias, Clarissa Diniz, Cristiana Tejo, Mariana Furlani, Paulo Darzé, Rodrigo Braga, Vitor César

19, 20 e 22 de agosto de 2008

Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza
Rua Floriano Peixoto 941, Centro, Fortaleza - CE
85-3464-3108
Coordenação: Bitu Cassundé


A arquitetura de um circuito em construção - Nordeste

Região de bifurcações culturais, fluxos contraditórios e contrastes que perpassam o tempo, o Nordeste brasileiro se constrói por uma rica cultura nas diversas linguagens que o compõem. Percorrer esses processos nordestinos revela estruturas marcadas severamente por concepções políticas, sociais, econômicas, na sua maioria equivocadas, que conduziram e ainda regem nosso tempo a nossa condição de nordestino.

Território traduzido culturalmente pela variedade, seja numa estética literária, cinematográfica, musical, de leituras regionais ou contemporâneas, o Nordeste sempre esteve no epicentro de temáticas artísticas, seja de uma forma estereotipada, que evidencia a banalidade do clichê ou por concepções mais coerentes .

Pensar o Nordeste é traçar uma diversidade que não se localiza somente nesse campo semântico ao qual costumamos associá-lo. A região se legitima e se reconstrói, diluindo clichês, construindo outros, refazendo novas modalidades de fluxos migratórios e de releituras, e a arte é um desses mecanismos que possibilita recontextualizar diversas questões, através de impressões, estéticas, novos pensamentos, apropriações e misturas. É nesse “caldo cultural” que diversas potencialidades artísticas acontecem sejam através de uma tradição artesanal, ou em contextos contemporâneos, que nos conduz a um território híbrido.

Dentro dessa dinâmica marcada por uma rica cultura regional, de laborioso esplendor, as proposições da arte contemporânea encontram um solo fértil para suas questões e se legitimam com grande potencial e força nas diversas linguagens, porém, como outras potencialidades culturais nordestinas, sofrem pela fragmentada política cultural ainda bastante edificada por resíduos de um coronelismo presente em nossas práticas.

É na construção de uma dinâmica marcada por instituições culturais fortes, políticas públicas, instituições privadas, universidades, galerias de arte, intensa produção artística tanto num plano individual como coletivo, pesquisa e apoio a produção que um Circuito de Arte se alimenta e faz movimentar todo um mercado ao construir uma aproximação entre público e linguagem.

Pensar num Circuito de Arte no Nordeste é se deparar com múltiplas dificuldades e estruturas fragmentadas nessa sintaxe que a rege, já que não existe uma política definida, com estruturação mercadológica, educacional ou institucional eficaz. Quando pensamos num circuito um pouco mais estruturado na Região nos limitamos a três capitais: Recife, Salvador e Fortaleza que através de uma postura mais sólida promove circulação, comercialização e informação da arte contemporânea com certa continuidade, através dos museus, centros culturais, galerias, ateliês de artistas, universidades. Verificar o posicionamento e as políticas desenvolvidas para arte contemporânea nos outros estados que não estão inseridos em um circuito mais estabelecido fará parte de uma das mesas de discussão. Os encontros pretendem debater e investigar políticas de inserção e o circuito de arte que se articula a partir da Região Nordeste nos últimos anos, através de galerias, centros culturais e de um forte posicionamento de artistas nordestinos no cenário nacional discute também novas possibilidades para frágeis arquiteturas nas políticas das artes visuais da Região. Para compor as mesas um variado panorama

Programação:
19 de agosto, terça-feira, 15h
Um Breve Panorama Nordestino
Bitu Cassundé (CE) - Curador independente, mestrando em Teoria e Crítica da Imagem pela EBA UFMG, atualmente é curador assistente do Projeto Rumos 2008/09, responsável pelo mapeamento dos estados CE, PB, RN, JP, MA.

Clarissa Diniz (PE) - Crítica de arte, editora da revista de crítica Tatuí, atualmente é curadora assistente do Projeto Rumos 2008/09, responsável pelo mapeamento dos estados PE, BA, AL, SE.

Cristiana Tejo (PE) - É Diretora do Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (MAMAM) e foi Curadora do Rumos Artes Visuais 2005/06, responsável pelo mapeamento das regiões Centro-Oeste e Sul. É mestre em Comunicação e Coordenadora do Bacharelado em Artes Plásticas das Faculdades Integradas Barros Melo. É crítica e curadora independente.


20 de agosto, quarta-feira, 15h
O Artista Como Desbravador do seu Próprio Circuito
Caetano Dias (BA) - Artista, graduado em Letras pela Universidade Católica de Salvador, ministrou cursos de pintura nas oficinas do Museu de Arte Moderna da Bahia. Participou da 3º Bienal do MERCOSUL.

Rodrigo Braga (PE) - Artista, graduado em Artes Plásticas pela UFPE. Entre 2005 e 2007 foi Gerente de Artes Visuais da Prefeitura do Recife, onde coordenou o SPA das Artes. Participou do coletivo Branco do Olho, em Recife, onde hoje divide atelier com outros artistas.

Vitor César (CE) - Artista, mestrando em Poéticas Visuais ECA/USP, formado em Arquitetura e Urbanismo pela UFC. É integrante da Transição Listrada, desenvolve o Projeto BASEmóvel e co-organizou o evento Arte e Esfera Pública


22 de agosto, sexta-feira, 15h
A Galeria de Arte e o Cenário Nordestino
Afonso Luz - Ministério da Cultura

Mariana Furlani (CE) - Mariana Furlani Arte Contemporânea

Paulo Darzé (BA) - Paulo Darzé Galeria de Arte

Posted by João Domingues at 10:53 AM

agosto 14, 2008

Curso com Fábio Miguez nO Barco, São Paulo

Curso Pintura - acompanhamento, discussão e ateliê, com Fábio Miguez

Inscrições abertas

O Barco
Rua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto 426, São Paulo - SP
11-3081-6986
www.obarco.com.br
Período: 1 de setembro a 15 de dezembro de 2008
Horário: segundas, 15-18h45

O curso é de natureza prática e visa preparar o aluno a intervir com sua produção no sistema de arte com autonomia crítica e criatividade, valorizando a singularidade dos projetos. Tem como objetivo desenvolver e discutir projetos em qualquer área das artes visuais através de reflexões sobre questões da arte contemporânea.

Fábio Miguez;
Formado pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, Fábio Miguez é artista plástico. Desde o início da década de 80, com a formação do grupo Casa 7 e depois individualmente, participou de diversas exposições coletivas, produziu mais de vinte exposições individuais e expôs em diversas exposições Bienais. Além de seu trabalho de artista plástico, desenvolve a atividade de artista gráfico. Colaborou com vários títulos para editoras como Cosac Naify (onde se destacam as coleções Espaços da Arte Brasileira e Prosa do Mundo), Publifolha, Ática, Discurso Editorial, Universal Music, Cebrap, etc. Tem também seu trabalho de artista plástico reproduzido em diversas publicações da editora Companhia das Letras, Folha de São Paulo, etc.

Posted by João Domingues at 2:47 PM

Cursos agosto E.D.E.Nº343, São Paulo

Cursos agosto E.D.E.Nº343
Professores: Cláudia Vendramini e Dora Silveira Corrêa; Inaê Coutinho; Leandro D’Andréa; Juliana Monachesi e José Bento Ferreira

Inscrições abertas

Espaço de Experimentação Nº 343 - E.D.E.Nº343
Rua Lisboa 285, Paraíso, São Paulo - SP
11-3063-2299 ou eden343@uol.com.br
www.eden343.com.br

Programação:

Projetos culturais: desenvolvimento e formatação
com Cláudia Vendramini e Dora Silveira Corrêa
Turma 1
Período: 11 de agosto a 29 de setembro
Horário: segundas, 20-22h

Turma 2
Período: 13 de agosto a 1º de outubro
Horário: quartas, 15-17h
Mensalidade: R$ 200

O curso explora as condições necessárias para se desenvolver e realizar um projeto cultural coerente e qualificado no campo das artes visuais. Serão apresentados dados, informações e referências a respeito de cada etapa de realização de um projeto cultural, além dos principais aspectos da formatação de projetos, tendo em vista sua inscrição em editais públicos e leis de incentivo à cultura. As aulas terão leitura e análise de projetos pessoais trazidos pelos alunos. O curso desenvolve dois módulos:

MÓDULO 1 - Apresentação das etapas de realização de um projeto cultural: concepção, pré-produção, execução/produção e finalização.
MÓDULO 2 - Leitura de projetos: análise de propostas trazidas pelos alunos, tendo em vista as principais leis e editais públicos de incentivo à cultura, como Lei Rouanet, Lei Mendonça, PAC/Programa de Ação Cultural da Secretaria de Estado da Cultura, Programação anual CCBB, Programa Petrobrás Cultural e Patrocínio Cultural Furnas.

Programa
Aula 1 - Concepção: abordagem das diferentes formas de se iniciar um projeto cultural e definição de objetivos, justificativa e estratégias de ação.
Aula 2 - Pré-produção: definição do projeto curatorial, elaboração do projeto de arquitetura, iluminação e comunicação visual, pesquisa e elaboração de orçamento.
Aulas 3 - Execução/produção: logística de embalagem, transporte e seguro, montagem, programa educativo, manutenção e desmontagem.
Aula 4 - Finalização: prestação de contas e elaboração de relatórios.
Aula 5 - Apresentação das principais leis de incentivo à cultura.
Aula 6 - Apresentação de alguns exemplos de editais públicos de apoio à cultura.
Aulas 7 e 8 - Leitura de projetos pessoais.

Cláudia Vendramini, graduada em Artes Plásticas pela FAAP e Université de Paris I, e Dora Silveira Corrêa, graduada em Comunicação Visual com especialização em Gestão de Processos Culturais (ECA-USP), coordenam as atividades da 1+1 Assessoria Cultural, empresa especializada na organização e realização de exposições de arte e projetos culturais no Brasil e no exterior. Entre seus projetos estão a coordenação da exposição “Alguns aspectos do desenho contemporâneo” (SESC Pinheiros, São Paulo, 2008), “Yoko Ono, uma retrospectiva” (Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, 2007), “Tropicália - A Revolution in Brazilian Culture” (Museum of Contemporary Art, Chicago, Estados Unidos, 2004/2007), dentre outros.


Processo criativo em Fotografia
com Inaê Coutinho

Período: 18 de agosto a 15 de setembro
Horário: segundas-feiras, 20-22h
Preço: R$ 200

O curso reflete sobre a construção da linguagem fotográfica, discutindo o desenvolvimento do processo criativo no ato fotográfico e partindo de exemplos da história da fotografia e de sua própria trajetória. Serão relacionados práticas, repertório iconográfico, escolhas conscientes e "acasos", no intuito de aumentar a percepção dos participantes a respeito das particularidades da produção de cada um. As aulas contam também com apreciação e análise de imagens e exercícios práticos.

Aula 1 - Construção de uma linha autoral no campo da fotografia.
Aula 2 - Leitura de portifólio dos participantes e proposição de exercícios individuais.
Aula 3 - Teoria sobre a história da fotografia, traçando paralelos com a produção dos participantes.
Aula 4 - Análise dos exercícios realizados e encaminhamento da produção.

Inaê Coutinho é fotógrafa e arte-educadora formada pela Unicamp, mestre e doutoranda em Poéticas Visuais pela ECA-USP. Fez diversas exposições, entre elas as individuais “da luz" (Espaço Porto Seguro de Fotografia, 2008), "da luz na escuridão" (Centro Universitário Maria Antonia, 2005) e "Memória nas Coisas" (Centro Cultural São Paulo, 2000). Atualmente leciona no Espaço do Olhar do Instituto Tomie Ohtake e no curso de aperfeiçoamento em Artes da UNICAMP.


Oficina de Ilustração
com Leandro D’Andréa

Período: 19 de agosto a 7 de outubro
Horário: terças, 20-22h
Mensalidade: R$ 200

O curso aborda o uso do desenho para a ilustração através de exercícios práticos, em que são experimentadas diversas técnicas, tanto tradicionais quanto digitais. Com isso, o aluno vivencia os conceitos de luz, contraste, composição, linha, peso, volume, figura, fundo e estilo.

Programa
Aula 1 - Conceitos básicos de composição e análise de obras artísticas.
Aula 2 - Trabalhando luz e sombra no desenho.
Aula 3 - Estudos de volume e profundidade no desenho. Perspectiva, relação entre figura, fundo e camadas.
Aula 4 - Balanço e peso no desenho e noções de proporção.
Aula 5 - Aplicação prática dos conceitos de volume, profundidade, peso, balanço, luz e sombra no desenho a traço.
Aula 6 - Estudo de estilos e linguagens. Os materiais e as formas de finalização.
Aula 7 - Exercícios práticos de finalização com o material escolhido pelo aluno.
Aula 8 - Introdução à finalização digital (Photoshop, Illustrator e Painter).

Leandro D’Andréa é ilustrador e animador. Atualmente, trabalha como Diretor de Arte, ministra cursos no Instituto Criar de TV, Cinema e Novas Mídias e atua como ilustrador para o mercado publicitário. Colaborou em produções de animações nacionais e internacionais e participou de salões, como o Salão Internacional de Humor de Piracicaba e o Colectivo Fanzinex/ExpoFanzines (Ourense, Espanha).


Grupos de acompanhamento de processos artísticos*
com Juliana Monachesi e José Bento Ferreira - críticos de arte
Turma 1: quartas-feiras, das 11 às 13h
Turma 2: quartas-feiras, das 20 às 22h
Turma 3: sextas-feiras, das 14 às 16h

Público: artistas e estudantes de artes
Vagas: 10 por turma
Mensalidade: R$ 200
*entrada contínua de alunos

Posted by João Domingues at 2:35 PM | Comentários (1)

agosto 11, 2008

Inscrições Oficinas Territórios Recombinantes 2008, Belém, Belo Horizonte, Florianópolis, Salvador

Oficinas Territórios Recombinantes 2008

Inscrições: http://tr.premiosergiomotta.org.br/
Realização: Instituto Sergio Motta


Oficinas Territórios Recombinantes 2008 Belo Horizonte
Participantes: Daniela Castro, Eder Santos, Luiz duVa, Rodrigo Minelli

Inscrições até 1º de setembro
Oficina: 19 e 20 de setembro

Museu de Arte da Pampulha
Av. Otacílio Negrão de Lima 16.585, Santa Amélia, Belo Horizonte - MG
31-3277-7946


Oficinas Territórios Recombinantes 2008 Florianópolis
Participantes: Daniela Castro, Luiz duVa, Tiago Romagnani, Yara Guasque

Inscrições até 10 de setembro
Oficina: 3 e 4 de outubro

Sesc Florianópolis
Travessa Siryaco Atherino 100, Florianopolis - SC
48-3229-2200 ou caflorianopolis@sesc-sc.com.br


Oficinas Territórios Recombinantes 2008 Belém
Participantes: Daniela Castro, Lucas Bambozzi, Orlando Maneschy

Inscrições abertas
Oficina: 17 e 18 de outubro

Espaço Cultural Casa das Onze Janelas
Trav. Quintino Bocaiúva 616, Reduto, Belém - PA


Oficinas Territórios Recombinantes 2008 Salvador
Participantes: Daniela Castro, Danillo Barata, Marcus Bastos, Solange Farkas

Inscrições abertas
Oficina: 7 e 8 de novembro

Museu de Arte Moderna da Bahia - Capela Nossa Senhora da Aparecida
Av. Contorno s/nº, Solar do Unhão, Salvador - BA
71-3117-6065/6137

Oficinas do Instituto Sergio Motta levam curadores e realizadores para debater projetos de artistas jovens em quatro cidades

Nesta segunda-feira, 4.8, o Instituto Sergio Motta abre inscrições para a série de oficinas e debates Territórios Recombinantes, voltados para jovens artistas que utilizam mídias eletrônicas e digitais. Em encontros de dois dias, que acontecem em Belo Horizonte (MG), Florianópolis (SC), Belém (PA) e Salvador (BA), os artistas selecionados terão seu portfólio ou projeto discutido por artistas e curadores convidados.

A curadora do projeto, Daniela Castro, participa com os artistas Luiz duVa, Eder Santos e Rodrigo Minelli da primeira oficina, que acontece nos das 19 e 20 de setembro, no Museu de Arte da Pampulha (Av. Dr. Otacílio Negrão de Lima, 16.585, Pampulha, Belo Horizonte, MG). A data limite para inscrição na oficina de Belo Horizonte é 1º de setembro.

O projeto estará no Sesc Florianópolis (Trav. Syriaco Atherino, 100, Prainha) entre 3 e 4 de outubro. Os debatedores serão Daniela Castro, Luiz duVa, Tiago Romagnani e Yara Guasque. As inscrições para esta etapa vão até 10 de setembro.

De 17 e 18 de outubro, passa pela Casa das 11 Janelas, em Belém (Trav. Quintino Bocaiúva, 616, Reduto), com Daniela Castro, Lucas Bambozzi e Orlando Maneschy. As inscrições podem ser feitas até 19 de setembro.

A oficina que encerra o projeto acontece nos dias 7 e 8 de novembro no Museu de Arte Moderna da Bahia (Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão), em Salvador. Os debatedores: Daniela Castro, Marcus Bastos, Danillo Barata e Solange Farkas. As inscricões para a oficina vão até 10 de outubro.

As inscrições podem ser feitas no blog tr.premiosergiomotta.org.br.

O projeto Territórios Recombinantes é uma realização do Instituto Sergio Motta, por meio da sua principal ação cultural, o Prêmio Sergio Motta de Arte e Tecnologia.

Posted by João Domingues at 1:37 PM

agosto 8, 2008

Chamada de trabalhos: II Simpósio Nacional da ABCIBER, São Paulo

Chamada de trabalhos: II Simpósio Nacional da Associação Brasileira de Pesquisadores em Cibercultura

Inscrições prorrogadas até 12 de setembro de 2008

Endereço de referência da Comissão Organizadora: cencib@pucsp.br
www.cencib.org/simposioabciber/
Referência textual: resumo ampliado (3 páginas ou 10.800 caracteres);
Dados necessários: título/subtítulo do texto, nome do autor e vínculo instititucional;
Divulgação dos trabalhos aprovados: 15 de setembro de 2008
II Simpósio Nacional da ABCIBER: 10 a 13 de novembro de 2008, na PUC-SP


Informações importantes

[1] Os trabalhos inscritos deverão ser inéditos (isto é, elaborados exclusivamente para participação no Simpósio, não podendo ser apresentados nem publicados antes do mesmo).

[2] Os textos serão avaliados e selecionados por uma Comissão Julgadora formada por membros da Diretoria e/ou do Conselho Científico Deliberativo da ABCiber (cf. adiante).

[3] Os painéis temáticos para apresentação dos papers serão organizados por afinidade temática e divulgados oportunamente.

[4] A Comissão Organizadora lançará site de referência em breve, com informações detalhadas e progressivas sobre o evento (programação, estrutura dinâmica, valores de inscrição etc.).

[5] As despesas decorrentes da participação nos painéis, não podendo ser arcadas pela ABCiber, deverão ser cobertas com verba de origem.

Referências para a edição do texto completo

Tema: livre, vinculado a pesquisa em desenvolvimento e inserida no amplo âmbito de estudos da cibercultura.
Dimensão ideal do texto: entre 10 e 15 páginas (ou de 36 mil a 54 mil caracteres), incluídas as notas de rodapé e a bibliografia.

Fonte/tamanho: Times New Roman, 12.
Sugestões ampliadas:
título: 17 (com letras maiúsculas, em negrito);
subtítulo: 15 (com maiúsculas e minúsculas, em negrito);
intertítulos (com tabulações diferenciadas):
tópico: 15 (maiúsculas e minúsculas, em negrito);
subtópico: 13 (idem);
item/subitem: 12 (idem).
Espaçamento: simples.
Normalização das citações: NBR 10520/2002 da ABNT.
Normalização das referências bibliográficas: NBR 6023/2002 da ABNT.
Resolução de fotos: compatível com impressão em off-set.

Posted by João Domingues at 3:18 PM | Comentários (1)

Cursos 2º semestre de 2008 Parque Lage, Rio de Janeiro

Cursos 2º semestre de 2008 Parque Lage
Professores: Anna Bella Geiger e Fernando Cocchiarale, Bia Amaral, Bia Amaral, Bia Amaral, Jacqueline Siano, Lúcia Vignoli e Nena Balthar, Bob N e Márcio Botner, Carli Portella, Charles Watson, Chico Cunha, Cristina de Pádula, David Cury, Denise Cathilina, Denise Cathilina, Evany Cardoso, Franz Manata, Gianguido Bonfanti, Giodana Holanda, Guilherme Bueno, Iole de Freitas, João Atanásio, João Carlos Goldberg, João Magalhães, João Velho, Joy Till, Katie Van Scherpenberg, Kita Eitler, Lena Bergstein, Lia do Rio, Luiz Ernesto, Luiz Ernesto, Malu Fatorelli, Manoel Fernandes, Orlando Mollica, Paula Gaitán, Pedro França, Reynaldo Roels Jr., Ronaldo do Rego Macedo, Simone Michelin e Tina Velho, Suzana Queiroga, Tina Velho, Zalinda Cartaxo

Inscrições abertas

Escola de Artes Visuais do Parque Lage
Rua Jardim Botânico 414, Jardim Botânico, Rio de Janeiro - RJ
21-2538-1091 / 1879 ou eav@eavparquelage.org.br
www.eavparquelage.org.br

Programação de Cursos 2º semestre de 2008

(Borda)

Arte no Brasil – Do Moderno ao Contemporâneo
Guilherme Bueno
3ª feira, das 10h às 12h, até novembro.
O curso apresenta os principais movimentos e artistas brasileiros das últimas décadas do século XIX até a atualidade. Aborda diferentes manifestações (Artes Plásticas, Arquitetura, Design, etc.) e é composto de aulas teóricas (com projeção de imagens, exibição de vídeos, leituras de textos) e visitas comentadas a exposições, museus e monumentos. O objetivo é apresentar a história da arte brasileira em sala de aula de forma integrada a visitas a espaços culturais do Rio de Janeiro que façam parte desta história, levando o aluno a uma experiência direta com o contexto estudado.
Arte Contemporânea
Pedro França
2ª feira, das 19h30 às 21h30 ou
4ª feira, das 10h às 12h.
O curso oferece um panorama das questões da arte contemporânea, desde os anos 60 até hoje. As aulas são expositivas, com apresentação de slides e com auxílio da leitura e do debate sobre textos de artistas, críticos e historiadores considerados como referências para o período estudado. Pop Art; Expressionismo Abstrato; Nouveau Réalisme ; Minimalismo e Hard Edge; Land Art; Performances e Happenings: Fluxus; Arte Conceitual; Arte e Política nos anos 60/70; A pintura: anos 60, 70, 80; Imagem, Mídia e Novas Tecnologias; Arte e Políticas Hoje: Sexualidade, Identidade e diferença são alguns dos temas debatidos em aula.

Arte Moderna
Pedro França
4ª feira, das 19h30 às 21h30.
O curso apresenta e discute as questões fundamentais da arte moderna, desde sua origem no século XIX. São tratadas desde as vanguardas do início do século XX até o momento de crise, a partir dos anos 50, tendo sempre em vista seu legado para os nossos dias. As aulas são expositivas e apoiadas pela apresentação de slides e por textos específicos, com indicação de bibliografia para cada tema. A arte Pré-Moderna; as Revoluções Burguesas; o Espaço Moderno x Espaço Renascentista; o Neoclássico e o Romantismo; o Realismo; o Impressionismo; o Pós-Impressionismo; o Fauvismo/Expressionismo; o Cubismo e o Futurismo; as correntes Construtivas, o Dadaísmo, o Surrealismo, os Anti-Modernismos e o Modernismo na América Latina são alguns dos temas debatidos em aula.

Composição: Experiência Estética
Gianguido Bonfanti
3ª feira, das 10h às 12h30.
O curso propõe exercícios de composição, a partir do conceito de ponto e linha, que levarão o aluno a se familiarizar com a relação de tensão entre as formas e entre estas formas e o plano do suporte (papel, tela etc.). Os exercícios serão realizados em casa e analisados em sala de aula, de modo que possam ser compartilhados com os alunos. O livro Ponto, Linha e Plano, de Kandinski será um guia para o debate e para os exercícios. O contemporâneo na arte, a ética do processo criador, a experiência estética e suas implicações na história da arte serão tratados durante as discussões.

Da Observação à Expressão: Desenho e Introdução à Pintura
Orlando Mollica
Turma 1: 2ª e 4ª feira, das 14h30 às 17h.
Turma 2: 5ª feira, das 19h30 às 22h30.
O curso visa a desenvolver as potencialidades expressivas de cada aluno, usando a prática orientada do desenho e, em seguida, da pintura – ambos tratados como linguagens artísticas. Serão realizados exercícios de observação em sala de aula com o objetivo de desenvolver o processo criativo do aluno. Os trabalhos individuais serão orientados pelo professor durante as aulas. A Turma 1 trabalhará com a observação de diversos objetos e de imagens impressas e a Turma 2, com modelos vivos. O aluno pode escolher a turma de acordo com seu interesse e horário.

Desenho: Investigação e Construção
Manoel Fernandes
Turma 1: 3ª feira ou 5ª feira, das 9h às 12h.
Turma 2: Sábado, das 10h às 13h.
Na Turma 1, o professor propõe que os alunos pensem o desenho como um processo de organização e construção de idéias. A partir de exercícios propostos e da experimentação em aula, o aluno é estimulado a identificar problemas visuais gerados no processo de trabalho e a solucioná-los segundo sua visão pessoal. Na Turma 2, a capacidade de observação e apreensão da figura humana é desenvolvida com base no modelo vivo. Ao trabalhar a percepção visual (com a observação do modelo) e sua expressão gráfica, o aluno desenvolve uma linguagem plástica. Além desta prática, são propostos exercícios que tratam de questões como: linha, proporção, forma, escala, movimento, textura. No final de cada aula os trabalhos serão avaliados.

Espaços
Lia do Rio
2ª e 4ª feira, das 9h às 12h.
O objetivo do curso é familiarizar o aluno com propostas que envolvam a noção de espaço: espaço arquitetônico, espaço público, espaço urbano, espaço natural, espaço e ação. A orientação da professora será no sentido de revelar processos possíveis na construção da obra, provocando o aluno a desativar convenções para dar lugar a novas abordagens.

Fotografia básica / Conversas fotográficas
Kita Eitler
5ª feira, das 19h às 22h.
O curso é aberto para iniciantes e se desenvolve a partir da análise da produção dos alunos. A professora propõe exercícios práticos da fotografia que permitem a identificação do que é específico do olhar fotográfico: enquadramento, velocidade, iluminação, fotometria, composição e tema. Em função da análise dos exercícios dos alunos, a professora apresentará os conceitos básicos da fotografia e discutirá trabalhos de fotógrafos nacionais e internacionais. Estas análises contribuirão para a compreensão da formação da imagem fotográfica. As atividades serão desenvolvidas individualmente e em grupo. Os alunos deverão trazer sua própria câmera fotográfica – de qualquer tipo. Ao final, eles poderão organizar seu portfólio.

Fotografia Expandida
Denise Cathilina
2ª feira, das 14h30 às 17h30.
ou das 19h30 às 22h30.
O curso pretende discutir a fotografia para além do clicar, do processamento do filme (ou arquivo) e da reprodução (cópias) e desenvolver uma linguagem pessoal do aluno. O debate tem por base as idéias de Villem Flusser, para quem a fotografia tende a produzir uma visualidade desgastada, em virtude de ser gerada por meio de um aparelho com programa pré-estabelecido. A máquina só produz imagens em perspectiva. Exercícios de interferência no processo fotográfico convencional desenvolverão nos alunos um conceito ampliado da fotografia: fotos encenadas, técnicas de impressão alternativas e históricas, negativo construído, foto-objeto, pin hole, etc. Aberto para iniciantes, o curso não requer equipamento fotográfico especial.

Gravura: Teoria, Prática e Experimentação.
João Atanásio
2ª e 4ª feira, das 15h às 18h.
O curso é voltado para o aprendizado que se realiza através da prática. O professor apresenta as tradicionais técnicas da gravura: xilogravura e a gravura em metal (água-tinta; água-forte e buril) com o objetivo de explorar os limites da técnica, buscando novos recursos gráficos. Os alunos serão incentivados a desenvolver uma variedade de resultados plásticos, a partir destas técnicas e de suas variações. Não é necessário que o aluno tenha conhecimento ou experiência na área.

Imagem: do Desenho aos Outros Meios
Carli Portella
Turma 1: 3ª e 5ª feira, das 14h às 17h.
Turma 2: 3ª feira, das 17h às 19h30.
O curso tem como objetivo proporcionar ao aluno o acesso a diversas formas de expressão artística, por meio da exploração prática de materiais e procedimentos da pintura, do desenho, da colagem e de outros meios bidimensionais. A professora apresenta exercícios que incluem estas diferentes práticas e suas variações. Estas propostas estimulam a autocrítica do aluno. Os trabalhos também são analisados criticamente em aula pela professora. O conjunto das atividades pretende ampliar o universo visual do aluno, possibilitando assim o desenvolvimento de uma produção individual.

A Imagem e a Técnica da Pintura
Katie Van Scherpenberg
4ª e 6ª feira, das 14h às 17h, início em 20 de agosto
As propostas deste curso são promover o conhecimento técnico, mais especificamente o da pintura, e a crítica sobre a formação da imagem. O objetivo principal é dar aos alunos o instrumental necessário para possibilitar uma discussão sobre a própria pintura. No final do semestre, será dada uma palestra sobre um aspecto da pintura de interesse do grupo.


Laboratório de Pesquisas Gráficas e Digitais
Bia Amaral
5ª feira, das 17h às 19h ou das 19h às 21h.
O objetivo é proporcionar ao aluno a possibilidade de desenvolver um trabalho, através da experimentação com meios variados. A partir da identificação dos interesses de cada um, serão dados ex

Posted by João Domingues at 12:31 PM

agosto 7, 2008

Curso Semiótica da publicidade, com Lucia Santaella e Clotilde Perez n aUniverso do Conhecimento, São Paulo

Curso Semiótica da publicidade, com Lucia Santaella e Clotilde Perez

11 agosto a 29 setembro de 2008

Universo do Conhecimento
Alameda Ministro Rocha Azevedo 419, Jardins, São Paulo - SP
11-3083-0996 ou universo@universodoconhecimento.com.br
www.universodoconhecimento.com.br
Duração: 8 aulas
Horário: segundas, 19h30-22h30
Preço: R$ 600, em até 3 parcelas


A semiótica, ciência de todos os tipos de signos, sinais e símbolos, está habilitada a detectar estratégias para a comunicação, ajudando-nos a compreender as influências culturais que agem sobre o consumidor. Assim, este curso tem o objetivo de evidenciar, por meio do estudo de conceitos e exemplos práticos, que, na comunicação publicitária, marcas, logos, embalagens e suas mensagens, veiculadas pelas mais diversas mídias, são textos culturais ricos, que, em palavras, imagens e sons, contam histórias prenhes de significados que são intuitivamente lidas pelos consumidores.

Público alvo: Estudantes e profissionais que lidam com o universo da comunicação, do marketing e da publicidade, assim como quaisquer outros interessados em compreender os circuitos de consumo, desejo e sentido que perpassam as sociedades hipercomplexas da contemporaneidade.

Lucia Santaella é professora titular da PUCSP com doutoramento em Teoria Literária na PUCSP em 1973 e Livre-Docência em Ciências da Comunicação na ECA/USP em 1993. É Coordenadora da Pós-graduação em Tecnologias da Inteligência e Design Digital, Diretora do CIMID, Centro de Investigação em Mídias Digitais e Coordenadora do Centro de Estudos Peirceanos, na PUCSP. Recebeu o prêmio Sérgio Motta (Liber) em Arte e Tecnologia, em 2005. Organizou 11 livros e, de sua autoria, publicou 29 livros, entre os quais inclui-se Matrizes da Linguagem e Pensamento: Sonora, Visual, Verbal (Ed. Iluminuras/Fapesp, prêmio Jabuti 2002). Além dos livros publicou mais de 200 artigos em livros e revistas especializadas no Brasil e no Exterior.

Clotilde Perez é Livre-docente em Ciências da Comunicação pela ECA - USP. Pós-doutora em Antropologia Visual pela Universidade Aberta de Portugal. Doutora em Comunicação e Semiótica e Mestre em Administração de Marketing pela PUC SP. Administradora. Líder do GESC3 - Grupo de Estudos em Semiótica, Comunicação, Cultura e Consumo da ECA -USP, certificado pelo CNPq. Semioticista exclusiva do Instituto Ipsos. Autora de Signos da Marca (2004), co-organizadora de Hiperpublicidade 1 - Fundamentos e Interfaces (2007), Hiperpublicidade 2 - Atividades e Tendências (2007), co-autora de Teorias da Comunicação e Novas Mídias (2003) e Gerência de Produtos (2005).

Posted by João Domingues at 11:36 AM

Seminários Semestrais de Curadoria: Conferência de Adriano Pedrosa na FASM, São Paulo

Seminários Semestrais de Curadoria
Conferência de Adriano Pedrosa

18 de setembro, quinta-feira, 14h30-18h

Faculdade Santa Marcelina - Sala 207
Rua Dr. Emilio Ribas 89, Edifício Monsenhor Biraghi, 3º andar, sala 332, Perdizes, São Paulo - SP
11-3824 5800/5808 ou pos-graduacao@fasm.edu.br
www.fasm.edu.br
Organização: Lisette Lagnado


Programação
14h30
Adriano Pedrosa, por Lisette Lagnado: Conferência dialógica

16h30
Debate com o público


Uma conferência do curador Adriano Pedrosa dá seqüência ao projeto Seminários Semestrais de Curadoria, organizado por Lisette Lagnado, com o objetivo de construir, aos poucos, um horizonte para a teoria e prática curatorial no Brasil, dentro do âmbito acadêmico. O primeiro convidado foi Paulo Herkenhoff, que falou em março último acerca dos 10 anos da Bienal da Antropofagia (1998-2008).

A formação do curador, diferenças com a figura do historiador, o questionamento do rótulo “arte latino-americana”, exposições feitas para lugares específicos e o curador como editor são os principais tópicos do próximo encontro, que ocorrerá quinta-feira, dia 14 de agosto, das 14h30 às 18h. As inscrições são gratuitas e as vagas limitadas.

A Faculdade Santa Marcelina consolida sua atuação no desenvolvimento da pesquisa multidisciplinar, que caracteriza a produção contemporânea. A etapa atual se volta para discussões abertas ao público além da comunidade docente e discente. Destaca-se, nesse contexto, a parceria com a Associação Cultural Videobrasil, na promoção da Mostra de Vídeos da Fasm.

Participantes

Adriano Pedrosa é formado em Direito pela UERJ. É Mestre em Artes Plásticas e Crítica de Arte pelo Califórnia Institute of the Arts (1995). Curador independente, editor e escritor. Foi co-curador da 27ª Bienal de São Paulo e Curador-adjunto da 24ª Bienal de São Paulo e editor das publicações de ambas as bienais. Curador do Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte (2001/2003). Curador de InSite 05, San Diego / Tijuana (2005). Integra o Júri do Prêmio Hugo Boss (Guggenheim Museum, Nova York, 2005), entre outros. Curador da 12ª. Mostra da Gravura de Curitiba, Museu da Gravura. Atualmente, é diretor artístico da Trienal Poli/Gráfica de San Juan, Porto Rico (2008).

Lisette Lagnado, autora de Leonilson - São Tantas as Verdades e co-editora da revista eletrônica Trópico, foi curadora-geral da 27ª Bienal de São Paulo, intitulada “Como Viver Junto”. É professora no Mestrado em Artes Visuais da Faculdade Santa Marcelina, onde dirige o Grupo de Estudos no Programa ambiental de Hélio Oiticica.

Posted by João Domingues at 10:47 AM | Comentários (1)

agosto 4, 2008

Curso com Claudia Calirman na Casa do Saber, Rio de Janeiro

Curso Arte Contemporânea, um olhar nova-iorquino, com Claudia Calirman

15 de agosto, sexta-feira, 19h30

Casa do Saber
Av. Epitácio Pessoa 1.164, Lagoa, Rio de Janeiro - RJ
Informações: 21-2227-2237 ou www.casadosaber.com.br
Preço: R$ 90

Este encontro discutirá a influência do readymade de Marcel Duchamp nas práticas atuais da arte contemporânea, analisando obras como a Cama, de Robert Rauschenberg, as Sopas Campbell, de Andy Warhol, o Coelho de aço, de Jeff Koons, o Crânio, desenvolvido recentemente por Damien Hirst, com 8.601 diamantes, além do trabalho de artistas contemporâneos como o chinês Cai Guo Qiang e o tailândes Rirkrit Tiravanija.

Claudia Calirman é professora adjunta da Parsons New School of Design. Doutora em História da Arte pela City University of New York. Ministra cursos livres de História da Arte Moderna, Contemporânea e Latino-Americana no MoMA, e conduz visitas guiadas no mesmo museu, além do Metropolitan Museum e Solomon R. Guggenheim, todos em Nova York. Professora visitante do Centro David Rockefeller da Universidade de Harvard, Estados Unidos. É colaboradora das revistas de arte Art in America e Art Nexus.

Posted by João Domingues at 4:27 PM

Processo de Seleção para candidatos ao Mestrado e Doutorado em Comunicação e Cultura - Universidade Federal do Rio de Janeiro

Processo de Seleção para candidatos ao Mestrado e Doutorado em Comunicação e Cultura
Linhas de pesquisa: Mídia e mediações socioculturais; Tecnologias da comunicação e estética

Inscrições até 29 de agosto de 2008

Universidade Federal do Rio de Janeiro - Programa de Pós-Graduação da Escola de Comunicação da UFRJ
Avenida Pasteur 250 - fundos, Urca, Rio de Janeiro - RJ
Segunda a sexta, 11-15h
Clique aqui para ler o edital
Taxa: R$ 100

Posted by João Domingues at 3:54 PM

Curso Dynamic Encounters Vídeos no EAV Parque Lage, Rio de Janeiro

Dynamic Encounters Vídeos

5 de agosto a 25 de novembro de 2008

Escola de Artes Visuais do Parque Lage
Rua Jardim Botânico 414, Jardim Botânico, Rio de Janeiro - RJ
Informações: 21-2553-3748 / 9224
Inscrições: 21-2538-1091 / 1879
Horário: terças, 19h30
Sessões de vídeo com tradução simultânea e grupos de discussão

Encontros em vídeo com pessoas notáveis da arte e da ciência.

O curso tem como base a exibição de vídeos sobre a obra, vida e processo criativo de artistas e cientistas de notável contribuição para o pensamento humano. Estes filmes mostram a surpreendente semelhança entre os processos de conceitualização utilizados por criadores em diferentes disciplinas.

A mostra abrange o período a partir do início do século XX até nossos dias, enfatizando a contemporaneidade e a extensa diversidade de atitudes que a caracteriza. Para isto, contamos com uma coleção de mais de quatrocentos vídeos, em que personagens diversos, ligados à história da arte e da ciência, são entrevistados abordando temas como: pintura, escultura, instalação, animação, performance, além de física quântica, cosmologia, inteligência artificial e sistemas não lineares.

Alguns desses personagens são: Lucian Freud, Araki, Richard Serra, Dan Graham, Sam Taylor Wood, Sean Scully, Cristian Boltanski, Mona Hatoum, Rebecca Horn, Robert Irwin, Pablo Picasso, Jackson Pollock, Marina Abramovitch, Alexander Calder, Elizabeth Murray, James Turrel, Kiki Smith, Louise Bourgeois, Matisse, Barnett Newman, e, na área de ciência, Richard Feynman, Paul Davies, Roger Penrose, David Bohm, Ilya Prigogine, Fritjoff Capra, entre outros.

Os vídeos serão exibidos com tradução simultânea e, após cada sessão, haverá discussão sobre o tema abordado.

Posted by João Domingues at 3:09 PM

3º Simpósio Arte Contemporânea: Processos Híbridos na UFSM, Santa Maria

3º Simpósio Arte Contemporânea: Processos Híbridos
Participantes: Alfredo Nicolaiewsky, Ana Carvalho, André Vieira, Berenice Gonçalves, Cristina Santos, Diana Domingues, Edemur Casanova, Luciana Hartmann, Maristela Salvatori, Milton Sogabe, Reinilda Minuzzi, Rosangela Leote, Sandra Rey, Suzete Venturelli, Tadeu Chiarelli, Yara Guasque

Inscrições até 20 de agosto de 2008

Universidade Federal de Santa Maria
Av. Roraima, Prédio 40, sala 1324b, Camobi, Santa Maria – RS
55-3220-9484
Inscrições: www.ufsm.br/ppgart
3º Simpósio Arte Contemporânea: Processos Híbridos: 27 a 29 de agosto de 2008


Programação:

27 de agosto
9h
Abertura - Conferência
Tadeu Chiarelli (USP)
Processos híbridos: o caso brasileiro a partir dos anos 1980

10h30
Conferência Ana Carvalho (UFRGS)
Narrativas contemporâneas: imagem/lugares/hibridismos

14h
Conferência Edemur Casanova (UFSM)
Tu me olhas e eu te olho

14h30
Conferência Maristela Salvatori (UFRGS)
O fascínio do traço: cruzamentos possíveis

15h
Conferência Alfredo Nicolaiewsky (UFRGS)
Entre a fotografia e o vídeo

16h
Conferência Reinilda Minuzzi (UFSM)
Hibridações entre arte e design

16h30
Conferência Berenice Gonçalves (UFSC)
Contexto transmidiático do design gráfico

17h
Lançamento de livros

17h30
Exposição Mestrandos PPGART
Local MASM


28 de agosto
9h
Conferência Diana Domingues (UCS)
Software art: interatividade, imersão, autonomia, mobilidade e hibridismo

10h30
Conferência Suzete Venturelli (UNB)
Relato de trabalhos artísticos desenvolvidos no Laboratório de pesquisa em arte e realidade virtual

14h
Conferência André Vieira (UFSM)
J.K. Huysmans: um crítico de arte às avessas

14h30
Conferência Luciana Hartmann (UFSM)
Desafiando o efêmero - sobre o registro audiovisual de espetáculos teatrais

15h
Conferência Rosangela Leote (PUC-SP)
Processos híbridos com mídias móveis: da arte ao entretenimento

16h
Conferência Yara Guasque (UDESC)
Da multimídia às instalações interativas

16h30
Conferência Sandra Rey (UFRGS)
Interfaces digitais: POA-VAL

17h Lançamento de livros

17h30 Exposição Processos híbridos - Labart
Sala CAL

29 de agosto
9h
Conferência Sciarts Milton Sogabe (UNESP)
Um espaço vazio/cheio

10h30
Conferência Nara Cristina Santos (UFSM)
Arte contemporânea: processos híbridos

Encerramento


Posted by João Domingues at 11:41 AM

Seminário Arte, crítica: imediações no MAM, Rio de Janeiro

Conexão Artes Visuais Petrobrás/Funarte
Seminário Arte, crítica: imediações
Participantes: Cauê Alves, Frederico Morais, Glória Ferreira, Luis Camillo Osorio, Reynaldo Roels, Ricardo Basbaum

12 de agosto de 2008

Museu de Arte Moderna - Sala da Cinemateca
Av Infante Dom Henrique 85, Parque do Flamengo - Rio de Janeiro
21-2240-4944 ou mam@mamrio.org.br
www.mamrio.org.br
Informações: imediacoes@gmail.com ou http://imediacoes.blogspot.com
Organização: Izabela Pucu e Ana Coutinho

Programação:
15h
Abertura
Exibição do filme "Cildo Meireles" (1979), de Wilson Coutinho

15h30
Mesa 1
Frederico Morais
Cauê Alves
Mediação: Glória Ferreira

17h45
Mesa 2
Ricardo Basbaum
Luis Camillo Osório
Mediação: Reynaldo Roels

19h30
Lançamento do livro Imediações: a crítica de Wilson Coutinho
Organização de Izabela Pucu
Salão de exposições

19h30-22h
Abertura da exposição "Imediações críticas"
Curadoria Reynaldo Roels Jr.
Salão de exposições
Exposição até 28 de setembro de 2008

Posted by João Domingues at 10:43 AM