Página inicial

Salões & Prêmios

 


agosto 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    
Pesquise em
salões & prêmios:

Arquivos:
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
dezembro 2016
novembro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
maio 2016
abril 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
outubro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
julho 2004
junho 2004
maio 2004
As últimas:
 

setembro 28, 2010

Convocatória para publicação de textos para a revista Panorama Crítico - Inscrições e informações para o profissional

A revista eletrônica Panorama Crítico (www.panoramacritico.com) abre convocatória para envio de textos, artigos e/ou entrevistas referentes ao campo da produção contemporânea em Artes Visuais para publicação na próxima edição, de nº 07, a ser lançada no final de Agosto.

Inscrições até 30 de Outubro de 2010

Mais informações podem ser obtidas no site da revista:
www.panoramacritico.com

Para informações mais detalhadas:
contanto@panoramacritico.com

Para envio de textos e/ou artigos:
editoria@panoramacritico.com

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões e Prêmios.

GANHO PARA INSCRITOS
Nenhum

GANHO PARA SELECIONADOS
Publicação do texto na revista

CUSTO OPERACIONAIS
Os textos devem ser enviados em formato WORD/DOC para editoria@panoramacritico.com, e deverá conter no campo "assunto/subject" o título e a categoria (panorama, artigo, entrevista, ensaio, traduções, resenha ou relato) na qual se enquadra. No corpo do email deverá conter o nome completo, telefones e email alternativo (quando houver) para contato;

Os textos enviados devem conter os seguintes números máximo de laudas:
até 10 laudas quando entrevistas (já transcritas, editadas e revisadas);
até 10 laudas para artigos;
de 2 a 6 laudas para o panorama;
de 1 a 5 laudas para resenhas, ensaios ou relatos

Artigos acadêmicos, especificamente, devem:
ser enviados em formato.DOC, junto de um breve resumo do artigo e palavras chave;
ser acompanhado de uma pequena biografia acadêmica do(s) autor(es) em, no máximo, 6 linhas;
notas de página, quando houver, deverão estar numeradas seqüencialmente e em pé de página. As notas devem ser sucintas, empregadas apenas para informações complementares e não devem conter referências bibliográficas.
ter a bibliografia (ou referências bibliográficas) editada pelas normas da ABNT, e deverão estar no final do texto


Termos de Uso da revista para o envio de conteúdo:

Os textos publicados no site PANORAMACRITICO.COM são enviados por leitores e pessoas ligadas a produção artística contemporânea (sendo os mesmos responsáveis pelo conteúdo apresentado) e tem como objetivo principal, manter o foco de interesse comum: a discussão da produção artística e crítica da arte contemporânea que engloba todas as áreas do campo das artes plásticas e visuais.

O foco do site PANORAMACRITICO.COM é arte contemporânea, seus circuitos e sistemas, sendo esses alternativos ou não, assim como a reflexão gerada pelos mesmos em diversos meios. Conforme isso, os critérios de avaliação do site se baseiam no interesse dos trabalhos, profissionais, espaços, e organismos realizadores de atividades em relação a este mesmo foco.

Todos os textos recebidos pela equipe do site, podendo ser inéditos ou não, passarão pelo conselho editorial, sendo este uma “comissão avaliadora” compostas por profissionais atuantes da área, professores universitários e artistas convidados pelo site para atuarem como colaboradores durante as seleções. Os colaboradores serão alternados para possibilitar uma variedade maior de qualidade de juízo na seleção.

- Envio de conteúdo:

Para que o conteúdo enviado ao PANORAMACRITICO.COM possa fazer parte do site, ele deve estar de acordo com algumas normas e regras do mesmo, como forma. É essencial que o material recebido atenda nossos critérios para que possam ser repassados aos nossos profissionais colaboradores, a fim de possibilitar uma maior rapidez e profissionalismo no processo seletivo. O conselho editorial reserva-se o direito de propor modificações no texto, conforme a necessidade de adequá-lo ao padrão editorial, quando se demonstrar necessário.

- Na pré-seleção, as normas a serem obedecidas são:

1. 1. Os textos devem ser enviados em formato WORD/DOC para editoria@panoramacritico.com, e deverá conter no campo "assunto/subject" o título e a categoria (panorama, artigo, entrevista, ensaio, traduções*, resenha ou relato) na qual se enquadra. No corpo do email deverá conter o nome completo, telefones e email alternativo (quando houver) para contato;

2. Os textos enviados devem conter os seguintes números máximo de laudas:
* até 10 laudas quando entrevistas (já transcritas, editadas e revisadas);
* até 10 laudas para artigos;
* de 2 a 6 laudas para o panorama;
* de 1 a 5 laudas para resenhas, ensaios ou relatos

Obs.: Traduções de textos estarão sujeitas às mesmas regras, adequando-se ao tipo de fonte de referência acima. Sendo publicadas sob mediante autorização dos detentores do direito de COPYRIGHT. Casos especiais que possam fugir as estas regras, serão submetidos a análise.

Artigos acadêmicos, especificamente, devem:

* ser enviados em formato.DOC, junto de um breve resumo do artigo e palavras chave;
* ser acompanhado de uma pequena biografia acadêmica do(s) autor(es) em, no máximo, 6 linhas;
* notas de página, quando houver, deverão estar numeradas seqüencialmente e em pé de página. As notas devem ser sucintas, empregadas apenas para informações complementares e não devem conter referências bibliográficas.
* ter a bibliografia (ou referências bibliográficas) editada pelas normas da ABNT, e deverão estar no final do texto;

2. 3. Os textos enviados em formato .DOC, não sofrerão modificações no conteúdo do texto, apenas na sua formatação. Esta medida serve para facilitar a diagramação do texto online. Obs.: É sugestão da equipe que estes textos venham já formatados na diagramação desejada(s) pelo(s) seu(s) autor(es) para a publicação. A equipe do site não se responsabiliza em casos do(s) texto(s) que não contenham nenhuma diagramação, na adaptação dos mesmos não corresponder(em) aos desejo(s) e anseio(s) do(s) seu(s) autor(es)

3. 4. Imagens que acompanhem e/ou ilustrem textos, entrevistas, artigos, ensaios, relatos e resenhas devem ser enviadas em arquivo com terminação JPG, colorida ou preto e branco, com resolução de 72 dpis e no máximo 480 pixels de largura e 360 de altura. No máximo 5 (cinco) imagens para cada texto. Imagens que não estejam nestes padrões serão reajustadas para se adequar ao formato técnico web/internet. A equipe do site não se responsabiliza caso haja perda de qualidade das imagens neste reajuste.Obs.: Textos e/ou imagens que saiam dos padrões estabelecidos acima não serão aceitos e inseridos no site. Entretanto, casos específicos e devidamente justificados, poderão ser aceitos, após análise minuciosa do conselho e da equipe do site.

4. Os textos deverão ser enviados até a data estipulada na seção envie seu texto. Textos que sejam recebidos posteriormente a esta data serão publicados na edição seguinte. Os textos poderão ser publicados posteriormente à edição que este foi enviado;

5. Não serão aceitos portfólios para publicação ou material de divulgação. A revista organiza-se exclusivamente, neste momento, dentro da produção e veiculação textual crítica do campo das artes plásticas/visuais. Tais materiais devem ser destinados ao blog da revista (http://panoramacriticoblog.blogspot.com).

6. Os textos publicados, assim como as imagens que os acompanham, são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores. A revista não se responsabiliza por quaisquer possíveis danos decorrentes que venham a ocorrer devido ao conteúdo dos textos. Críticas, artigos, ensaios e opinião não refletem, necessariamente, a opinião da revista, dos editores e do seu conselho editorial.

*A equipe da revista se dá ao direito de, se for necessário, entrar em contato com o autor por e-mail antes de decidir pela publicação ou não do texto para tirar alguma dúvida que porventura surja. Não há premiação ou pró-labore para os textos selecionados.

(pré-seleçao de textos)
Editores
Alexandre Nicolodi
Artista plástico, vive e atua em Porto Alegre. Graduando em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da Universidade federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) na ênfase em escultura. Percorreu o caminho da arquitetura antes de chegar às artes e descobrir o potencial dessa para explorar as relações humanas com a cidade.

Denis Nicola
Artista Plástico, Publicitário e Fotógrafo, vive e atua em Porto Alegre. Graduado em Comunicação Social/Publicidade e Propaganda pela PUCRS e em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) na ênfase em fotografia. Atuou na 5ª Bienal do Mercosul, monitoria do atelier de gravura do Instituto de Artes e bolsista BIC/UFRGS do Centro de Documentação e Pesquisa em Arte Contemporânea do PPGAV-IA/UFRGS.

(seleção final de textos para publicação)
Conselho Editorial
Maria Ivone dos Santos
Artista plástica, doutorada em Artes Plásticas na Universidade de Paris I, Panthéon Sorbonne em 2003. É professora no Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais do Instituto de Artes da UFRGS e integra o Grupo de Pesquisa: Veículos da Arte. Coordenadora do Programa de Extensão Universitária do DAV Formas de Pensar a escultura – Perdidos no espaço. Vive em Porto Alegre.

Paula Viviane Ramos
Jornalista, crítica de arte e pesquisadora. Mestre e Doutora em Artes Visuais, ênfase em História, Teoria e Crítica de Arte (UFRGS, 2007). É professora junto ao Centro Universitário Ritter dos Reis e à UFRGS. Desenvolve pesquisa sobre arte moderna, arte contemporânea e artes gráficas. Vive em Porto Alegre.

Paulo Gomes
Artista plástico, curador independente e professor no Uniritter. Mestre e Doutor em Artes Visuais – História Teoria e Crítica pela UFRGS. Gerente Artístico da Galeria ECARTA. Desenvolve pesquisa na área de Poéticas Visuais, sobre arte contemporânea e arte no Rio Grande do Sul. Tem textos publicados em livros, revistas e jornais. Vive em Porto Alegre.

Neiva Maria Fonseca Bohns
Professora adjunta do Departamento de Artes e Comunicação da Universidade Federal de Pelotas. Mestre e Doutora em Artes Visuais - História, Teoria e Crítica de arte pela UFRGS. Professora de Arte Contemporânea, História da Arte no Brasil, História da Arte no Rio Grande do Sul e Metodologia da Pesquisa em Artes Visuais. Desenvolve pesquisa sobre arte contemporânea no Brasil e arte no Rio Grande do Sul. Atua como crítica de arte e curadora de exposições de arte contemporânea. Membro do Conselho Curatorial da Fundação Vera Chaves Barcellos. Tem textos publicados em livros, revistas e outros veículos especializados.

PANORAMA CRÍTICO 2010

Posted by Fábio Tremonte at 3:26 PM

setembro 22, 2010

Edital de credenciamento de artistas orientadores e orientadores técnicos - Inscrições e informações para o profissional

A Secretaria Municipal da Cultura FAZ SABER que durante o período de 20 de setembro a 04 de novembro de 2010, estarão abertas inscrições para a seleção de interessados em apresentar projetos de oficinas e prestar serviços como ARTISTA ORIENTADOR E ORIENTADOR TÉCNICO para o programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas, e programa de Oficinas Livre de Ação Cultural, sob a coordenação da Divisão de Ação Cultural e Educativa (DACE), visando a formação nas diversas áreas de atuação dos profissionais das artes e o fomento de ações de difusão, reflexão artística e cultural com fundamento na atribuição prevista no art.15, V do Decreto Municipal nº 49492/08.

Inscrições: 20 de setembro a 4 de novembro de 2010

Centro Cultural São Paulo
Rua Vergueiro 1000, Paraíso, São Paulo - SP
11-3397-4002
ccsp@prefeitura.sp.gov.br
http://www.centrocultural.sp.gov.br/ccsp_editais.asp

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
Ministrar oficinas e cursos no Centro Cultural São Paulo

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
As inscrições serão realizadas através dos Correios, no período descrito no preâmbulo deste Edital, mediante a postagem de duas vias da ficha de inscrição totalmente preenchida e assinada (Anexo I – formulário disponível para download no site www.centrocultural.sp.gov.br, na seção de editais) e de duas fotocópias da Carteira de Identidade e do Cadastro de Pessoa Física (CPF) que deverão ser colocadas dentro de um envelope lacrado.

Cronograma

Inscrições

de 20 de setembro a 04 de novembro

Seleção
de 08 de novembro a 03 de dezembro

Divulgação dos resultados
14 de dezembro

Edital
A Secretaria Municipal da Cultura FAZ SABER que durante o período de 20 de setembro a 04 de novembro de 2010, estarão abertas inscrições para a seleção de interessados em apresentar projetos de oficinas e prestar serviços como ARTISTA ORIENTADOR E ORIENTADOR TÉCNICO para o programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas, e programa de Oficinas Livre de Ação Cultural, sob a coordenação da Divisão de Ação Cultural e Educativa (DACE), visando a formação nas diversas áreas de atuação dos profissionais das artes e o fomento de ações de difusão, reflexão artística e cultural com fundamento na atribuição prevista no art.15, V do Decreto Municipal nº 49492/08, nas seguintes condições:


1. DO OBJETO

1.1. O presente edital visa o credenciamento de profissionais interessados em apresentar projetos de oficinas e prestar serviços para a Municipalidade de São Paulo como ARTISTA ORIENTADOR E ORIENTADOR TÉCNICO para o programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas, e programa de Oficinas Livre de Ação Cultural, sob a coordenação da Divisão de Ação Cultural e Educativa (DACE), com acesso gratuito à população de todas as faixas etárias (crianças, jovens, adultos).

1.2. Serão selecionados para cadastro ARTISTAS ORIENTADORES para o programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas nas seguintes áreas: Artes Visuais, Audiovisual, Literatura, Dança, Teatro, Música e práticas interdisciplinares.


1.3. Serão selecionados para cadastro ORIENTADORES TÉCNICOS para o programa de Oficinas Livre de Ação Cultural nas seguintes áreas: Atividades Artísticas em Família, Dança de Salão e Práticas Corporais.

1.4. Os candidatos a ARTISTAS ORIENTADORES E ORIENTADORES TÉCNICOS devem apresentar projetos e comprovar conhecimento e experiência na respectiva área, observados os critérios de aceitabilidade dos projetos e de classificação descritos nos itens seguintes deste Edital.

1.5. O Cadastramento previsto neste edital é específico para o programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas, e programa de Oficinas Livre de Ação Cultural, sob a coordenação da Divisão de Ação Cultural e Educativa (DACE) e não interfere na contratação destes mesmos profissionais para atividades e programas específicos realizados por outras áreas do CCSP e demais departamentos da Secretaria Municipal de Cultura.


2. DAS ESPECIFICAÇÕES DOS CURSOS E OFICINAS LIVRES


2.1 O programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas e o programa de Oficinas Livre de Ação Cultural são uma modalidade de educação não-formal de duração variada.

2.2 As propostas de Cursos e Oficinas deverão ser tanto de atividades práticas como teóricas que exercitem a experimentação e/ou a reflexão acerca dos seus conteúdos que preferencialmente devem ter relação com a programação e acervos do CCSP e que possibilitem a participação de pessoas com deficiência. A diferenciação entre Cursos e Oficinas da qual trata este Edital está na forma de participação, por meio de inscrições em se tratando dos cursos e sem inscrições no caso das oficinas.


2.3 As propostas poderão ser tanto de introdução quanto de aprofundamento dos fundamentos das áreas de atuação estabelecidas no item 1.2. e 1.3 proporcionando gratuitamente ao usuário do CCSP qualificar-se, atualizar-se, enriquecer sua experiência de vida e formação nas linguagens artísticas e áreas de ação cultural em questão, além de participar de atividades de lazer, fruição e socialização.

2.4 As Oficinas deverão ocorrer no período compreendido entre 10:00 e 22:00 no CCSP, exceto às segundas-feiras. O dia e horário da oficina serão acordados entre a Divisão de Ação Cultural e Educativa (DACE) e o orientador da mesma.

2.5. Os projetos poderão ter duração de oito ou dezesseis semanas, com carga horária máxima total de 24 horas (para as propostas de oito semanas) e 48 horas (para as propostas de dezesseis semanas). As oficinas poderão prever até dois módulos futuros com o mesmo tempo de duração (oito ou dezesseis semanas cada módulo). Uma vez que o projeto de oficina seja selecionado para credenciamento, não há obrigatoriedade de realização de todos os módulos previstos.

2.6. O público alvo das Oficinas são jovens a partir de 14 anos e adultos, inclusive com deficiência e/ou mobilidade reduzida.


2.7. A DACE oferecerá Declaração de Participação, para os alunos que tiverem o mínimo de 75% de presença, que deverá ser assinada pelo ORIENTADOR e pelo Diretor da DACE.

2.8. No prazo de 07 dias contados do último dia do curso ou oficina, o ORIENTADOR deverá apresentar relatório avaliativo conforme modelo a ser fornecido pela DACE.


3. DOS OBJETIVOS DE CADA ÁREA DE ATUAÇÃO – Cursos Livre de Linguagens Artísticas:

3.1 O CCSP receberá inscrições para as linguagens artísticas estabelecidas no item 1.2, a saber: Artes Visuais, Literatura, Audiovisual, Dança, Teatro, Música e práticas interdisciplinares, abrangendo as seguintes categorias:

Teoria e Crítica: exercitar a experiência da reflexão teórica da arte a partir da produção de arte contemporânea, estimulando o debate e desenvolvendo instrumentais críticos, estudos histórico-sociais e/ou filosóficos para as práticas discursivas deste meio.
Estudos Curatoriais: estimular, oferecer formação e troca de experiências sobre curadoria. Fomentar a criação de um espaço público de reflexão sobre as questões contemporâneas, considerando a importância política na expansão epistemológica da arte contemporânea. Propostas que aliem o conhecimento histórico do fenômeno curatorial e apresentem questões relevantes para a discussão no contexto brasileiro serão bem vindas.
História de(a) (linguagem artística): examinar as diversas expressões artísticas, escolas e estilos, e discutir algumas das principais questões contemporâneas que balizam a produção artística (em suas várias manifestações), a sua circulação cultural e a reflexão histórica, o sistema de arte no contexto da sociedade de massas, da desterritorialização da arte, local x global, hibridismos de linguagem e a retomada da produção nacional são temas de interesse especial para o Centro Cultural.
Processos de Criação: estimular uma visão crítica de questões fundamentais relacionada às artes, em seus diferentes meios de expressão e produção a partir da experiência prática. Esta área de atuação deve contemplar o tempo necessário de prática e dedicação pessoal dos participantes na construção de suas linguagens artísticas. Deve fomentar a investigação sobre procedimentos e técnicas, buscando contribuir efetivamente para a prática, análise e construção do conhecimento do fazer artístico e de suas manifestações contemporâneas, além de abordar estratégias de realização de produções independentes, e análise e preparação de projetos para editais.
Acompanhamento de Produção Artística: oferecer a oportunidade de interlocução para a análise da produção de artistas em formação e identificação de possíveis desdobramentos de suas pesquisas em artes. Projetos nesta área devem indicar os interesses e esboçar a metodologia do artista orientador para a discussão de trabalhos e processos artísticos em desenvolvimento.
Treinamento Prático da Escrita: oferecer propostas de exercícios práticos que serão aplicados conforme a metodologia do orientador do curso. Esta área de atuação prevê propostas de exercício para as diversas linguagens e gêneros artísticos.
Técnicas e Estilos: exercitar e disseminar a prática e a experimentação de uma ou mais técnicas, métodos e/ou conceitos de diferentes escolas (estilos).
Ensino e Aprendizado das Linguagens Artísticas: atualizar e instrumentalizar educadores, abordando, de forma crítica e criativa, questões relevantes ao ensino das diferentes linguagens artísticas, nos diferentes níveis de ensino formal e ensino não formal. Espera-se contribuir na formação continuada de educadores não apenas de arte, mas também das áreas humanas.
Mediação em Artes: oferecer formação aos interessados em discutir e praticar modos de ensino e aprendizado das linguagens artísticas, especialmente a partir da sua fruição. Esta área de atuação pretende explorar alguns modelos de mediação tomando como ponto de partida a programação do Centro Cultural.
Cultura e Vestibular: proporcionar aos estudantes que se preparam para o vestibular um contato aprofundado com o mundo da cultura a partir de abordagens alternativas dos conteúdos curriculares do ensino médio, articulando fatos e expressões culturais enfatizando as relações entre a cultura, as questões sociais, econômicas, e as disciplinas do ensino formal.

4. DOS OBJETIVOS DE CADA ÁREA DE ATUAÇÃO – Oficinas Livre de Ação Cultural:

4.1 Atividades Artísticas em Família: proporcionar atividades de curta duração, sem necessidade de inscrição, em que crianças e adultos (pais ou responsáveis) vivenciem juntos, de forma lúdica as várias linguagens artísticas presentes na programação do CCSP. Estas atividades podem contar com o suporte do mobiliário educativo chamado tatu-bola. Para maiores informações acesse o site na internet do programa em: (http://www.centrocultural.sp.gov.br/tatu_bola/)
4.2 Dança de Salão: proporcionar o desenvolvimento da musicalidade, do ritmo, da coordenação motora e da consciência corporal através dos movimentos da dança; estimulando a memória e socialização dos participantes.
4.3 Práticas Corporais: oferecer atividades físicas de baixo impacto, que contribuam para o bem estar, a saúde em sua totalidade, entendendo o sujeito em suas dimensões cognitivas, motoras, sócio-históricas e antropológicas numa abordagem que focalize a cultura corporal do movimento.


5. INFRA-ESTRUTURA E RECURSOS MATERIAIS:

5.1 O Centro Cultural São Paulo dispõe de 1 sala de oficina e 1 auditório para 70 pessoas. Propostas para espaços alternativos do edifício e salas de espetáculo são bem-vindas e serão avaliadas atentando para as normas de segurança e programação do CCSP. Os proponentes podem visitar o CCSP e conhecer os espaços para melhor elaboração de seus projetos.

5.2 Computador, data-show, aparelho de som e dvd podem ser disponibilizados. Demais equipamentos, materiais básicos de consumo e outras demandas serão tratados caso a caso durante o processo de produção das Oficinas. O CCSP não fornecerá cópias xerográficas, bem como outros materiais de consumo dos participantes.

6. DAS EXIGÊNCIAS GERAIS PARA PARTICIPAÇÃO

6.1 Serão admitidos a participar da presente seleção todos os profissionais das áreas artísticas, culturais, de práticas corporais que apresentarem perfis compatíveis com os objetivos e natureza dos Cursos Livres e Oficinas de Ação Cultural, e que manifestem interesse em fazê-lo, nos termos deste Edital.

6.2 Não poderão se inscrever servidores pertencentes aos quadros de funcionários da Prefeitura do Município de São Paulo, conforme vedação estabelecida no Estatuto dos Funcionários Públicos do Município de São Paulo (Lei 8989/79, art.179, inciso XV).


7. DAS INSCRIÇÕES

7.1 As inscrições serão realizadas através dos Correios, no período descrito no preâmbulo deste Edital, mediante a postagem de duas vias da ficha de inscrição totalmente preenchida e assinada (Anexo I – formulário disponível para download no site www.centrocultural.sp.gov.br, na seção de editais) e de duas fotocópias da Carteira de Identidade e do Cadastro de Pessoa Física (CPF) que deverão ser colocadas dentro de um envelope lacrado com os seguintes dizeres na sua face externa:

A/C Divisão de Ação Cultural e Educativa
Centro Cultural São Paulo
Rua Vergueiro, 1000. Paraíso.
São Paulo – SP
CEP 01504-000
Edital 2010 (Área de atuação:......................................)

7.2 Apenas serão aceitas as inscrições enviadas pelos Correios. A postagem do envelope contendo os documentos necessários para a inscrição (item 7.1) deverá ser ocorrer até o dia 29 de outubro de 2010.

7.3 O Centro Cultural São Paulo não se responsabiliza por eventuais envelopes extraviados pelos Correios e, no caso de greve, os envelopes deverão ser entregues pessoalmente.

7.4 A mesma documentação estabelecida no item 7.1 deve ser apresentada para cada um dos proponentes de oficinas em dupla, esclarecendo-se que toda ela deve estar no mesmo envelope.

7.5 Não serão aceitas inscrições de projetos que não cumpram rigorosamente todas as exigências previstas neste Edital e a ausência de qualquer documento implicará na desclassificação do(s) proponente(s).

7.6 Cada proponente (ou cada dupla) poderá se inscrever para até 2 áreas de atuação distintas, sendo vedada a apresentação de dois projetos para uma mesma área.

8. DA COMISSÃO JULGADORA

8.1 À Comissão de Seleção caberá a análise e a seleção dos projetos.

8.2 A Comissão de Seleção será composta por cinco membros indicados pela Diretoria do Centro Cultural São Paulo, sendo dois do quadro de funcionários da Comissão de Curadoria do CCSP e três membros contratados especialmente para tal finalidade, com notória experiência na área cultural. A Comissão de Seleção é soberana quanto aos méritos das decisões.

8.3 Nenhum membro da Comissão de Seleção poderá participar de forma alguma de projeto concorrente ou ter quaisquer vínculos profissionais ou empresariais com as propostas apresentadas ou de parentesco com os proponentes.


9. DA SELEÇÃO E DOS CRITÉRIOS

9.1 A Comissão de Seleção avaliará e classificará os projetos inscritos por área, considerando as exigências especificadas neste Edital. Todo projeto terá avaliação e parecer de 3 membros da comissão.

9.2 Serão selecionados para cadastro até oitenta (80) projetos.

9.3 Serão utilizados os seguintes critérios para seleção das Oficinas:

9.3.1 clareza e qualidade do projeto;
9.3.2 a adequação do Plano de Trabalho às especificações previstas no item 2;
9.3.3 a comprovação de conhecimento e experiência na área escolhida através da análise curricular;
9.3.4 a viabilidade da implementação do projeto;
9.3.5 pertinência dos métodos de trabalho escolhidos em relação ao público alvo;
9.3.6 interesse sócio-cultural da proposta.

9.4 Os projetos inscritos não selecionados poderão ser retirados junto à Divisão de Ação Educativa, mediante apresentação de RG do proponente, no prazo de 15 dias corridos a partir da publicação do resultado de seleção. Passado este prazo, o Centro Cultural encaminhará os projetos para reciclagem.

9.5 A Comissão de Seleção decidirá sobre casos omissos.

9.6 A Comissão de Seleção encaminhará o resultado para homologação pelo Diretor do Centro Cultural São Paulo e publicação da lista de todos os selecionados divididos por área no Diário Oficial da Cidade em dezembro de 2010. A lista dos selecionados será divulgada também através do endereço eletrônico www.centrocultural.sp.gov.br


10. DOS RECURSOS

10.1. Do resultado caberá recurso, no prazo de 05 dias úteis da publicação da ata no Diário Oficial, dirigido ao Sr. Diretor do Centro Cultural São Paulo, que deverá ser devidamente protocolado no endereço constante no preâmbulo deste Edital, nos termos da legislação regente.

10.2. Não serão conhecidos recursos enviados pelo correio, fac-símile, correio eletrônico, ou qualquer outro meio de comunicação.

11. DAS CONDIÇÕES DE CONTRATAÇÃO

11.1. Os projetos selecionados integrarão um banco de dados específico que terá prazo de validade de um ano da data da publicação dos resultados.

11.2. O prazo de validade do banco de dados poderá ser prorrogado por mais um ano, havendo interesse do Centro Cultural São Paulo.

11.3. A Divisão de Ação Cultural e Educativa do Centro Cultural São Paulo, segundo as necessidades do programa de Cursos Livre de Linguagens Artísticas e Oficinas Livre de Ação Cultural e disponibilidade orçamentária, convocará os selecionados para contratação.

11.4. Cada curso ou oficina poderão, a critério da Administração, ser realizados por até 03 vezes consecutivas respeitado o período de validade deste credenciamento indicado nos itens 11.1 e 11.2.

11.5. Quando da contratação, os Orientadores selecionados serão convocados através do envio de correspondência (que poderá ser eletrônica, com inequívoca ciência) e terão o prazo de até 10 dias após o recebimento do comunicado para apresentar os documentos relacionados a seguir:

11.5.1.Cópia reprográfica do PIS/PASEP/NIT;
11.5.2. FDC (ficha de dados cadastrais) e Certidão negativa de Tributos Mobiliários Municipais de São Paulo. Caso o proponente não seja cadastrado no CCM apresentar uma declaração, sob as penas da lei, de que nada deve à Fazenda do Município de São Paulo e que está ciente de que o ISS incidente sobre a operação será retido.
11.5.3 Não poderão ser contratados aqueles que tiverem pendências no Cadastro Informativo Municipal – CADIN aprovado pela Lei nº. 14.094 de 06 de dezembro de 2005, e regulamentado pelo Decreto nº. 47.096 de 21 de março de 2006;

11.6 Na falta de documentação ou na hipótese de desistência do interessado no prazo estabelecido no item 11.5, o Centro Cultural São Paulo convocará outro selecionado.

11.7. As contratações serão de responsabilidade do Centro Cultural São Paulo, no uso das atribuições delegadas por meio da Portaria 19/SMC-G/2006, e realizadas nos termos do artigo 25, caput da Lei Federal nº8666/93 e demais normas estabelecidas por esse diploma, de acordo com as condições a seguir descritas, observadas as linhas gerais traçadas pelos pareceres da Procuradoria Geral do Município ementados sob os números 10.178 e 11.169.


12. DA REMUNERAÇÃO

12.1 Os Orientadores contratados receberão como contrapartida financeira pelos serviços prestados o pagamento de R$ 70,00 (setenta reais) pela hora-aula.

12.2 Este valor abrange todos os custos e despesas direta ou indiretamente envolvidas, não sendo devido nenhum outro valor, seja a que título for.

12.3 Os valores devidos aos Orientadores serão apurados mensalmente e pagos em até quinze dias da comprovação da execução dos serviços, mediante confirmação pela unidade responsável pela fiscalização.

12.4 A Divisão de Ação Cultural e Educativa do Centro Cultural São Paulo será responsável pela fiscalização da efetiva execução dos projetos, através de responsável designado em cada contrato, nos termos do artigo 67 e § 1° da Lei Federal n° 8.666/93.
12.5 Os Orientadores que tenham seus projetos selecionados deverão abrir conta bancária própria e única, no Banco do Brasil, para recebimento dos valores decorrentes da execução dos projetos a serem pagos pelo Centro Cultural São Paulo, em obediência ao decreto 51197/2010.

12.6 As responsabilidades civis, penais, comerciais, e outras advindas de utilização de direitos autorais e/ou patrimoniais anteriores, contemporâneas ou posteriores à formalização do Contrato cabem exclusivamente ao contratado.

12.7 A Secretaria Municipal de Cultura não se responsabilizará em hipótese alguma pelos atos, contratos ou compromissos assumidos de natureza comercial, financeira, trabalhista ou outra, realizados pelo contratado para fins do cumprimento do Contrato com a Prefeitura do Município de São Paulo (Secretaria Municipal de Cultura).

13. DAS PENALIDADES

13.1. A inexecução parcial ou total do contrato acarretará a aplicação, nos termos do disposto na Lei Federal n° 8.666/93, no Decreto Municipal n° 44.279/05 e no artigo 15 do Decreto Municipal n° 45.695/05, das seguintes penalidades:
I - Advertência;
II - pela inexecução parcial: multa de 20% do valor da parcela não executada do contrato;
III - pela inexecução total: multa de 30% do valor total do contrato;
IV - Para cada falta injustificada: multa de 5% sobre o valor total, além do desconto da hora aula não trabalhada. O limite é de 25% de faltas injustificadas durante todo o período da contratação sob pena de rescisão contratual por inexecução parcial e incidência na multa prevista no item II.
V – Por descumprimento das determinações da unidade responsável pela fiscalização da execução do projeto: 5% do valor total do contrato

13.2. As penalidades previstas neste item serão aplicadas sem prejuízo das demais sanções previstas na legislação que rege a matéria, são independentes e a aplicação de uma não exclui as outras.

13.3. Aplicam-se a este capítulo, no que couber, as disposições dos artigos 54 e 55 do Decreto Municipal nº 44.279/03, combinados com o §1º do artigo 15 do Decreto Municipal nº 46.888/06.


14. AS DISPOSIÇÕES FINAIS

14.1. O Centro Cultural São Paulo compromete-se a não utilizar os projetos inscritos sob hipótese alguma sem a prévia autorização de seu(s) autor(es).

14.2. Os casos omissos relativos ao presente Edital serão resolvidos pela Diretoria do Centro Cultural São Paulo, ouvidas as áreas competentes.

15. DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS

Os recursos relativos às contratações que poderão advir deste credenciamento deverão onerar a dotação número 2560.13.392.2320.6.415.3.3.90.36.00.00.6.7.

São Paulo, 20 de setembro de 2010.

Ricardo Resende
DIRETOR

Posted by Fábio Tremonte at 3:34 PM

setembro 20, 2010

Conversaciones - Convocatória Ibero-americana de Curadoria Edição 2010

O programa Ibermuseus abriu inscrições para sua primeira convocatória de curadoria, Conversaciones, em ocasião da cerimônia de encerramento do IV Encontro Ibero-americano de Museus. Podem participar instituições museológicas de todos os países da ibero-américa e de outras regiões.

A convocatória vai financiar a conceitualização e pré-produção dos projetos expositivos elaborados entre pelo menos duas instituições, sendo uma de cada país. Desta forma, a convocatória pretende fomentar a pesquisa, a parceria (por meio da cooperação internacional) e a valorização da diversidade cultural e natural dos países membros.

Inscrições até 26 de outubro de 2010

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHOS PARA INSCRITOS: nenhum

GANHO PARA SELECIONADOS:
Podem ser concedidas até 4 auxílios de no máximo US$ 55.000 (cinqüenta e cinco mil dólares) por projeto

CUSTOS OPERACIONAIS:
As inscrições devem ser enviadas unicamente por email para o endereço: conversaciones.ibermuseus@gmail.com

EDITAL

Conversaciones - Convocatória Ibero-americana de Curadoria Edição 2010

Apresentação

Sob as diretrizes da Declaração de Salvador, que recomenda a cooperação e o intercambio de agentes do âmbito dos museus e de acordo com o Plano de Trabalho aprovado pela Reunião de Implantação do Programa, celebrada em abril de 2009 no Rio de Janeiro, o Programa Ibermuseus tem como linha de ação o apoio a projetos de curadoria de caráter bilateral e multilateral, através de uma convocatória que auxilie na pesquisa e na pré-produção. Uma ferramenta para o fomento e desenvolvimento de projetos de colaboração conjunta entre profissionais e instituições da região Ibero-americana, com o objetivo de estreitar os laços de cooperação entre a Rede Ibero-americana de museus e fomentar a investigação na área de interesse para Ibero-américa.

Objetivo

Apoiar a conceitualização e a pré-produção de projetos expositivos entre instituições, de caráter bilateral ou multilateral, de temas de interesse para Ibero-américa que atendam à identidade e diversidade cultural e natural que lhe são próprias.

Destinatários

Os projetos poderão ser apresentados por qualquer instituição museística da comunidade ibero-americana, de qualquer tipologia: artes, ciências e tecnologia, arqueologia, arqueologia, antropologia, história, temáticos, de território ou comunidade, entre outros, podendo estabelecer relações com instituições de outras regiões geográficas.

Requisitos

Os projetos bilaterais devem estar formados ao menos por um país membro do programa .

Os projetos multilaterais deverão ser apresentados por, pelo menos, duas instituições ibero-americanas, sendo ao menos 2/3 pertencentes ao Comitê Intergovernamental, podendo estabelecer colaborações com entidades de outras regiões geográficas.

As instituições solicitantes devem ter assegurado ao menos 50% da produção do projeto, apresentando uma carta de comprometimento da direção de cada museu, de cada curador participante, assim como dos órgãos responsáveis pelo setor no país. O financiamento para a itinerância da exposição é de responsabilidade de tais instituições, podendo ser públicas ou privadas. Ajustar-se-ão aos princípios e objetivos do programa.

Avaliação

Por um comitê de Seleção formado por países do Comitê Intergovernamental e um voto da Unidade Técnica.


Critérios de Avaliação

- Grau de colaboração com instituições afins: apresentação do compromisso financeiro e técnico de outras instituições.

- Originalidade e rigor da tese proposta


- Coerência com a comunidade(s) a que estão dirigidas e com a diversidade cultural e natural da região ibero-americana.

- Amplitude de ações no projeto: plano educativo, plano de comunicação e divulgação, seminários, publicações, trabalhos audiovisuais o qualquer outro que complete o trabalho de curadoria.

- Ajustar-se aos objetivos e princípios gerais do Programa Ibermuseus (valorização do museu como desenvolvimento pessoal e social, garantia de direitos humanos, de aceso e valorização do patrimônio e da memória, valorização da identidade e diversidade da ibero-américa.

Cronograma

Abertura da Convocatória: 26 de maio

Prazo de apresentação de projetos: 26 de maio a 26 de outubro de 2010

Depois de receber as aportações financeiras, as instituições terão o prazo de 2 anos para poder desenvolver e produzir a exposição.

Em todo caso, devem fazer a entrega do documento de investigação final ao programa Ibermuseus.

Divulgação de Conversaciones Ibermuseus

A logo de “Conversaciones” deve constar em todas as peças de divulgação, nos créditos das exposições e em todo o material de imprensa divulgado, sob a assinatura (chancela) de Apoio.

A logomarca do programa “Ibermuseus” deve constar em todas as peças de divulgação, nos créditos da exposição, em todo o material de imprensa divulgado, sob a assinatura (chancela) Apoio.

Dotação

Podem ser concedidas até 4 auxílios de no máximo US$ 55.000 (cinqüenta e cinco mil dólares) por projeto.

Total destinado: US$ 220.000 (duzentos e vinte mil dólares)

MODELO PARA APRESENTAÇÃO DO DOCUMENTO DE INVESTIGAÇÃO

Com o objetivo de unificar os trabalhos apresentados ao Programa Ibermuseus, oferecemos um roteiro básico de formulação dos projetos de pesquisa e as condições gerais para as futuras candidaturas que desejam se beneficiar da Convocatória Conversaciones.

Documento Final de Pesquisa – Produto final resultado da ajuda Conversaciones

A convocatória Conversaciones propõe apoiar projetos de curadoria para exposições, formulados por, no mínimo, dois países. Seu objetivo é financiar o processo de elaboração de um projeto expositivo completo, com os seguintes itens, e que deverá ser entregue à Unidade Técnica do Programa Ibermuseus ao término do período de pesquisa.

1. Marco teórico

Desenvolvimento da tese da exposição.

2. Projeto expositivo

Roteiro expositivo e desenho da exposição, a disposição das obras, a circulação do público, os recursos utilizados.

3. Plano de Comunicação

Engloba todas as ações que serão empreendidas para divulgar a exposição.

Confecção de material gráfico, ações de internet, assessoria de imprensa, elaboração de catálogo, estratégias de marketing, entre outras.

4. Ação Educativa

A exposição deverá ser acompanhada de um plano educativo integral, que leve em conta as comunidades envolvidas e pertencentes a esse patrimônio, compreendendo, assim, a exposição como uma ação total para divulgar, preservar e valorizar nossas culturas.

5. Plano de Itinerância

Conversaciones é uma convocatória para projetos bilaterais ou multilaterais, devendo ser desenvolvida ao menos nos países envolvidos na sua concepção.

6. Cronograma de Execução

Documento essencial que estruture e detalhe ações, projetando sua execução ao longo do tempo. Deve contemplar o planejamento de execução de todas as atividades: pré-produção; montagem; manutenção; desmontagem; itinerância; ações educativas; divulgação.

7. Orçamento

Estrutura financeira da proposta. É aconselhável o maior grau de detalhamento possível com o objetivo de dar maior seguimento a cada passo da execução e deverá estar em relação com as etapas do cronograma: pré-produção, montagem, manutenção, desmontagem, itinerância, ações educativas, divulgação. Em cada um dos itens, deverão ser especificados os valores referentes aos honorários, às contratações de serviços, a compra de materiais, entre outros.

Compromisso do projeto beneficiado e do Programa Ibermuseus

1. Apresentação

Os documentos devem ser entregues em formato digital e enviados por email para a Unidade Técnica do Programa Ibermuseus, formando parte do arquivo da convocatória.

2. Resolução da Convocatória

A resolução da convocatória terá lugar antes do fim de 2010.

3. Ajuda Econômica

Os projetos beneficiados receberão a ajuda econômica em dois prazos: um no momento da concessão da ajuda, outra na entrega do projeto.

4. Desenvolvimento do projeto

Uma vez entregue o projeto a Unidade Técnica, as instituições envolvidas terão o prazo de 1 (um) ano para desenvolver a exposição e o projeto, prorrogável por 6 (seis) meses, mediante justificação ao Programa Ibermuseus.

A não realização da montagem incorrerá na devolução do dinheiro da convocatória para o Programa Ibermuseus.

5. Encerramento do Projeto

Ao final do projeto, as instituições se comprometerão a entregar ao programa um informe geral (econômico, com períodos de execução e gastos empreendidos, de atividades, avaliação (número de visitantes e participantes, entre outros); dossiê completo de comunicação e material gráfico, de cada país.

Mais informações: http://www.ibermuseus.org/conversaciones

Posted by Paula Dalgalarrondo at 6:12 PM

setembro 17, 2010

TRAMPOLIM _ plataforma de encontro com a arte da performance, Vitória - Selecionados

Comissão de Organização do TRAMPOLIM informa os selecionados pela Comissão de Seleção formada por Rubiane Maia, Marcio Shimabukuro (Shima) e Marcus Vinícius.

Felipe Bittencourt / São Paulo, Brasil
T. Angel / Osasco, Brasil
Anto-Nieta Zerré / Caracas, Venezuela
Béatrice Didier / Bruxelas, Bélgica
Esilda Viale / Córdoba, Argentina
Tâmara Erde / Tel-Aviv, Israel
Fernando Ribeiro / Curitiba, Brasil
Berna Reale / Belém, Brasil
Awilda Rodriguez Lora / San Juan, Porto Rico
Miguel García / Barcelona, Espanha
Juliano Ventura & Letícia Bertagna / Porto Alegre, Brasil
Grasiele Sousa / São Paulo, Brasil
Fausto Grossi / Bilbao, Espanha
Cães Lacrimosos / Curitiba, Brasil
Joseph Ravens / Chicago, Estados Unidos
Mavi Veloso / São Paulo, Brasil
Thaíse Nardim / Palmas, Brasil
Luisa Nóbrega / São Paulo, Brasil
Luis Mancera & Adriana Castro / Caracas, Venezuela
Aslan Cabral / Recife, Brasil
Yiftah Peled / Florianópolis, Brasil

+info: www.plataforma-trampolim.com

Posted by Cecília Bedê at 3:54 PM

setembro 13, 2010

Interactivos? '10 BH - Baixa Tecnologia de Ponta - Covocatória Internacional de Projetos - Inscrições e informações para o artista

Regulamento – Convocatória Interncaional de Projetos

Objeto da convocatória

O objetivo deste instrumento de convocação é a seleção de no máximo 8 (oito) projetos para o seu desenvolvimento em um laboratório colaborativo com duração de duas semanas entre os dias 21 de novembro e 8 de dezembro de 2010, no laboratório do Marginalia+Lab na cidade de Belo Horizonte/MG, Brasil.

O evento segue o modelo desenvolvido desde 2006 pelo laboratório espanhol Medialab-Prado, que colabora com a realização desta edição. Sua realização local parte de uma parceria entre o Marginalia+Lab e o projeto Ocupar Espaços.

Inscrições até 30 de setembro de 2010

Marginalia+Lab - Belo Horizonte - MG
http://interactivos.marginalialab.com/

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHOS PARA INSCRITOS: nenhum

GANHOS PARA SELECIONADOS:
- Os projetos selecionados vão ser desenvolvidos com o auxílio de uma equipe internacional de instrutores, além de um grupo de assistentes técnicos e colaboradores

- Auxílio para traslado, hospedagem e alimentação

- De acordo com a necessidade, os artistas selecionados não residentes na região metropolitana de Belo Horizonte receberão traslado, hospedagem e alimentação para o autor ou para 1 (hum) membro do grupo no caso de autoria coletiva.

- O traslado será oferecido sempre em classe econômica.

- A hospedagem oferecida será em albergue local, em quartos coletivos, com 3 (três) a 6 (seis) pessoas por quarto.

- Aos projetos selecionados, serão disponibilizados – dentro dos limites técnicos, logísticos e espaciais do Marginalia+Lab e do evento Interactivos? ’10 BH – os equipamentos e materiais necessários para o desenvolvimento do projeto.

- Serão também disponibilizados recursos técnicos para a documentação dos projetos.

- Durante o laboratório de desenvolvimento, os projetos selecionados contarão com acompanhamento técnico e conceitual de instrutores internacionais, assistentes técnicos e colaboradores e pesquisadores convidados.

- Os projetos integrarão exposição, com pequeno catálogo impresso e ampla divulgação. Sempre que mencionados seus projetos, os autores e colaboradores serão devidamente creditados.

- Os autores também se comprometem no ato da inscrição em ceder as imagens do projeto e de si próprios – produzidas durante o período de realização do laboratório – gratuitamente e sem qualquer ônus, para usos com fins de divulgação institucional e cultural por parte dos realizadores, patrocinadores e apoiadores do evento e seus eventuais programas de fomento à cultura, em qualquer tipo de mídia.

CUSTOS OPERACIONAIS:
- Todas as necessidades do projeto deverão ser descritas em detalhe pelos proponentes no ato da inscrição. Projetos com necessidades técnicas e espaciais claramente especificadas serão avaliados positivamente.

- Todas as outras providências que se façam necessárias para a viagem e entrada no país (como vistos, vacinas e seguro de saúde, entre outros) são de responsabilidade do viajante.

- Os indivíduos ou grupos de autores das propostas selecionadas se comprometem em participar do laboratório e seminário de 21 de novembro a 8 de dezembro de 2010, em Belo Horizonte/MG, Brasil.

- Eles também se comprometem a finalizar e documentar seus projetos – o máximo que possam – e preparar uma apresentação expositiva dos resultados alcançados, para integrar a exposição do evento ao final do laboratório de desenvolvimento.

REGULAMENTO

Os projetos selecionados vão ser desenvolvidos com o auxílio de uma equipe internacional de instrutores, além de um grupo de assistentes técnicos e colaboradores.

A convocatória é direcionada a artistas, designers, músicos, técnicos, engenheiros, arquitetos, programadores, educadores e qualquer outra pessoa ou grupo interessado no tema proposto.

Existem 2 (dois) modos de envolvimento no laboratório:

* 1. Proponente de projeto – coordenador de equipe de desenvolvimento;
* 2. Colaborador em quaisquer dos projetos selecionados;

A presente convocatória se dirige àqueles interessados em participar no primeiro modo de envolvimento (1).

Os colaboradores devem se inscrever em outra convocatória que será aberta em momento posterior à divulgação dos projetos selecionados, entre os dias 20 de outubro e 20 de novembro, através do site http://interactivos.marginalialab.com

Orientação dos projetos

Os projetos deverão se pautar pelo tema proposto: Baixa Tecnologia de Ponta - no desenvolvimento de instalações, objetos, performances, plataformas ou qualquer outro formato.

Espera-se que os projetos façam uso criativo de tecnologias acessíveis em metodologias abertas e compartilhadas.

A abordagem do tema é livre, porém, recomenda-se a leitura da abordagem conceitual e as referências levantadas pelos instrutores e pelos pesquisadores convidados, bem como buscar conhecer a plataforma geral do Interactivos?.

Projetos poderão se voltar para desdobramentos artísticos ou funcionais, devendo sempre ter como foco a abordagem cultural das tecnologias.

Inscrições

As inscrições estarão abertas a partir de 1º de setembro até as 23h59min do dia 30 de setembro de 2010, horário local (GMT-3), e devem ser feitas exclusivamente através do formulário online.

Projetos podem ser apresentados por indivíduos ou grupos, sem qualquer restrição ao número de projetos apresentados. Inscrições de grupo deverão ser feitas em nome de um representante individual.

Prazos

Convocatória para projetos: 30 de setembro de 2010
Convocatória de colaboradores: 20 de outubro a 20 de novembro de 2010

Menores de idade

Em nenhuma hipótese os menores de 18 anos poderão ser proponentes individuais ou os responsáveis pela inscrição de projetos em grupo, nem poderão ser os beneficiários individuais dos auxílios oferecidos.

Sua participação como membro da equipe proponente será permitida, desde que autorizada expressamente por seu responsável legal.

Seleção

Comissão de seleção

A comissão será composta pelos instrutores, pela equipe de realização e pelos pesquisadores convidados. Informações a respeito da composição destes grupos podem ser obtidas nas seções ‘Instrutores’ e ‘Créditos’ do site do evento.

- Fernando Rabelo, Kiko Mayorga, Arturo Castro

Critérios de avaliação

Os projetos inscritos serão julgados segundo os seguintes critérios:

* Qualidade do projeto;
* Adequação ao propósito geral da plataforma Interactivos? e aos objetivos desta convocatória de projetos;
* Abordagem pertinente ao tema proposto;
* Viabilidade técnica e logística;
* Clareza na apresentação;
* Interdisciplinaridade;
* Abertura à colaboração com outros participantes no desenvolvimento do projeto;
* Uso de ferramentas e licenças adequadas aos objetivos da proposta e do laboratório;

Poderão ser selecionados projetos de quaisquer países, entretanto o processo de seleção buscará garantir a participação de projetos locais e nacionais, como forma de potencializar a relevância regional de sua realização.

Divulgação de resultados

A divulgação da lista de projetos selecionados está prevista para o dia 20 de outubro de 2010, com publicação no site do evento: http://interactivos.marginalialab.com. Os projetos selecionados receberão um comunicado por email, no endereço informado no ato da inscrição.

Benefícios oferecidos aos projetos selecionados

Auxílio para traslado, hospedagem e alimentação

De acordo com a necessidade, os artistas selecionados não residentes na região metropolitana de Belo Horizonte receberão traslado, hospedagem e alimentação para o autor ou para 1 (hum) membro do grupo – no caso de autoria coletiva.

O traslado será oferecido sempre em classe econômica.

A hospedagem oferecida será em albergue local, em quartos coletivos, com 3 (três) a 6 (seis) pessoas por quarto.

Infra-estrutura para desenvolvimento

Aos projetos selecionados, serão disponibilizados – dentro dos limites técnicos, logísticos e espaciais do Marginalia+Lab e do evento Interactivos? ’10 BH – os equipamentos e materiais necessários para o desenvolvimento do projeto.

Serão também disponibilizados recursos técnicos para a documentação dos projetos.

O uso de toda a estrutura oferecida será restrito ao período de realização do laboratório e exposição e será regido por regras estabelecidas pela equipe de realização a serem detalhadas aos integrantes das equipes dos projetos selecionados.

Todas as necessidades do projeto deverão ser descritas em detalhe pelos proponentes no ato da inscrição. Projetos com necessidades técnicas e espaciais claramente especificadas serão avaliados positivamente.

Acompanhamento técnico e conceitual

Durante o laboratório de desenvolvimento, os projetos selecionados contarão com acompanhamento técnico e conceitual de instrutores internacionais, assistentes técnicos e colaboradores e pesquisadores convidados.

Difusão do projeto desenvolvido

Os projetos integrarão exposição, com pequeno catálogo impresso e ampla divulgação. Sempre que mencionados seus projetos, os autores e colaboradores serão devidamente creditados.

Observações importantes

Todas as outras providências que se façam necessárias para a viagem e entrada no país (como vistos, vacinas e seguro de saúde, entre outros) são de responsabilidade do viajante.

A participação no evento é gratuita e não dá direito a remuneração ou cachê aos autores e/ou integrantes do grupo autor das propostas selecionadas nem aos colaboradores.

Obrigações dos selecionados

Participação e desenvolvimento das propostas

Os indivíduos ou grupos de autores das propostas selecionadas se comprometem em participar do laboratório e seminário de 21 de novembro a 8 de dezembro de 2010, em Belo Horizonte/MG, Brasil.

Eles também se comprometem a finalizar e documentar seus projetos – o máximo que possam – e preparar uma apresentação expositiva dos resultados alcançados, para integrar a exposição do evento ao final do laboratório de desenvolvimento.

Necessidades não previstas ou aprovadas

Os autores das propostas selecionadas se comprometem em arcar com quaisquer despesas decorrentes de demandas não previamente solicitadas pelos proponentes e/ou não aprovadas pela equipe de realização.

Creditação

A autoria dos projetos desenvolvidos será de seus proponentes, mas, em qualquer ocasião em que eles venham a ser expostos em festivais ou exposições e em qualquer ocasião que imagens destes projetos sejam reproduzidas em catálogos ou websites, sua relação com o evento Interactivos? ’10 BH e os nomes dos colaboradores envolvidos obrigatoriamente devem ser citados.

Uso de imagem

Os autores também se comprometem no ato da inscrição em ceder as imagens do projeto e de si próprios – produzidas durante o período de realização do laboratório – gratuitamente e sem qualquer ônus, para usos com fins de divulgação institucional e cultural por parte dos realizadores, patrocinadores e apoiadores do evento e seus eventuais programas de fomento à cultura, em qualquer tipo de mídia.

Sobre o laboratório

Metodologia

O laboratório pretende ser uma plataforma coletiva para pesquisa, produção e aprendizado, oferecendo suporte ao desenvolvimento dos projetos. As propostas serão conduzidas em grupos interdisciplinares formados pelo(s) autor(es) e colaboradores interessados, com assessoria técnica e conceitual da equipe de instrutores e assistentes.

Durante o laboratório, várias atividades serão programadas, como conversas, apresentações, seminários ou mini-workshops sobre temas específicos.

Os dias de trabalho serão adaptados às necessidades específicas dos projetos, de acordo com as atividades organizadas para o seminário e com as regras do Marginalia+Lab e do evento Interactivos? ’10 BH para todas as questões, inclusive medidas de segurança e horário de funcionamento.

Como um dos objetivos principais da plataforma Interactivos? é fomentar o desenvolvimento, distribuição e livre acesso a novas abordagens e novas ferramentas tecnológicas, os participantes serão estimulados a preparar uma boa documentação dos projetos desenvolvidos, tanto durante quanto depois do laboratório, e a publicar os resultados e código-fonte em licenças que permitam acesso e distribuição do conhecimento produzido durante o workshop.

Espaços de trabalho e exposição

Os projetos serão desenvolvidos no espaço do Marginalia+Lab, em espaço amplo, localizado em um antigo edifício da cidade de Belo Horizonte/MG, capaz de abrigar até 50 pessoas trabalhando. O espaço é dotado de diversos ambientes fechados, mas com boa ventilação, em bairro tradicional da cidade.

A exposição dos trabalhos ocorrerá em um espaço cultural da cidade, ainda por confirmar. Assim, na concepção do projeto deve ser considerada a necessidade de transporte dos trabalhos finais para este espaço ou a sua montagem final já no espaço expositivo nos dois últimos dias do laboratório.

Idioma

O laboratório e atividades correlatas terão o português, o inglês e o espanhol como idiomas de trabalho.

A participação independe do domínio de todos os idiomas, mas não haverá tradução em todas as atividades. Devido a limitações do evento, quando houver, a tradução irá priorizar os idiomas português e inglês, tendo em vista o idioma falado no local de realização do evento e o idioma mais falado em um contexto internacional mais amplo.

Apresentação final dos projetos

Os projetos finalizados serão apresentados ao público por sua equipe de desenvolvimento no dia da abertura da exposição – último dia do laboratório de desenvolvimento.

A exposição dos projetos irá permanecer montada em um espaço cultural de Belo Horizonte por uma semana após o fim do laboratório.

De forma complementar, os projetos e/ou documentação relacionada serão publicados no site do Marginalia+Lab e do evento.

Ao inscrever, pressupõe-se que o autor da proposta, ou representante do grupo, leu e concorda com todos os termos deste regulamento.

A decisão final e o julgamento de casos omissos cabem à equipe organizadora do evento, sem possibilidade de recurso.

Belo Horizonte, 1º de setembro de 2010

Posted by Cecília Bedê at 2:24 PM

setembro 10, 2010

Segunda edição do Prêmio "Mostras de artistas no exterior" - Inscrições e informações para o artista

A Fundação Bienal de São Paulo convoca artistas brasileiros para submissão de candidaturas para a segunda edição do “Prêmio Mostras de artistas brasileiros no exterior - BAC”. Este prêmio é parte integrante das ações de disseminação e promoção da arte contemporânea brasileira no exterior do programa Brasil Arte Contemporânea - BAC, do Ministério da Cultura, instituído pela Portaria MinC nº 61, de 28 de agosto de 2009, com o objetivo de promover a internacionalização da arte brasileira.

Inscrições: 8 de setembro a 25 de outubro de 2010

Fundação Bienal de São Paulo
Parque Ibirapuera, portão 3, São Paulo - SP
11-5576-7600
bienalsp@fbsp.org.br

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais

As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
O Prêmio contemplará até 28 (vinte e oito) artistas, perfazendo um total de R$ 280.000,00 (duzentos e oitenta mil reais), sendo o prêmio mínimo de R$ 10.000,00 (dez mil reais) por artista selecionado, e prêmios duplos no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) aos artistas que alcançarem pontuação máxima
(40 pontos) em caso de disponibilidade de recurso.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
O candidato deverá providenciar a seguinte documentação:
- Cópia da carta convite emitida pela instituição responsável pela mostra ou curador, na qual estejam expressos, além do nome do convidado, informações sobre a mostra, o período e o local de realização do evento e resumo da proposta expositiva;
- Portfolio do artista ou do coletivo de artistas);
- Curriculum vitae do artista (no caso de coletivo de artistas, enviar cv de todos os membros envolvidos);
- Descrição do projeto ou obra(s) a ser apresentada na mostra, no qual constem: título, técnica, dimensões e ano, cronograma e todas as outras informações pertinentes e úteis para a compreensão da proposta;
- No caso de obra(s) já produzida(s) e selecionada(s) pelo curador da mostra, acrescentar imagens;
- Ficha de Inscrição preenchida.

Regulamento
1. DO OBJETO
1.1 Constitui objeto deste edital a premiação de até 28 (vinte e oito) artistas brasileiros convidados a participar de mostra de artes visuais, individual ou coletiva, no exterior.
1.2 Esta seleção visa promover o intercâmbio, a inserção, e a disseminação da arte contemporânea brasileira no circuito internacional por meio de premiação a artistas brasileiros selecionados para exposições de artes visuais no exterior.

2. DAS CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO
2.1 Este prêmio é de âmbito internacional e contemplará até 28 (vinte e oito) artistas de nacionalidade brasileira, residentes ou não no Brasil, e artistas estrangeiros residentes há no mínimo 02 anos no Brasil, que tenham recebido convite oficial para participar de mostra, individual ou coletiva, no exterior.
2.2 Está habilitada a participar deste edital, indivíduo ou coletivo de artistas que tenha sido selecionado ou convidado a participar de exposição de arte contemporânea no exterior, com início até o dia 28/2/2011.
2.3 Os candidatos deverão comprovar, por carta convite emitida pela instituição estrangeira ou curador da mostra, a oportunidade de participar de exposição no exterior.
2.4 Na hipótese de inscrição de coletivo de artistas, apenas um membro deverá constar como responsável pela inscrição, que será identificado como proponente. Neste caso deverá ser enviada carta de anuência assinada por todos os artistas representados, indicando o proponente como a pessoa responsável pela inscrição em nome do grupo.
2.5 A exatidão das informações e os conceitos e opiniões que compõem a proposta selecionada são de exclusiva responsabilidade dos candidatos.

3. DO PRAZO E CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO
3.1 As inscrições serão gratuitas e estarão abertas no período de 08/09 a 25/10/2010, no site da Fundação Bienal de São Paulo www.fbsp.org.br.
3.2 Todos os documentos deverão ser enviados por e-mail, conforme indicado no site.
3.3 O candidato deverá providenciar a seguinte documentação:
a) Cópia da carta convite emitida pela instituição responsável pela mostra ou curador, na qual estejam expressos, além do nome do convidado, informações sobre a mostra, o período e o local de realização do evento e resumo da proposta expositiva;
b) Portfolio do artista ou do coletivo de artistas);
c) Curriculum vitae do artista (no caso de coletivo de artistas, enviar cv de todos os membros envolvidos);
d) Descrição do projeto ou obra(s) a ser apresentada na mostra, no qual constem: título, técnica, dimensões e ano, cronograma e todas as outras informações pertinentes e úteis para a compreensão da proposta;
e) No caso de obra(s) já produzida(s) e selecionada(s) pelo curador da mostra, acrescentar imagens;
f) Ficha de Inscrição preenchida.
OBS.: Serão aceitos documentos emitidos em português, espanhol, inglês, francês e italiano. Documentos em outros idiomas deverão ser acompanhados por tradução.
3.4 Somente serão considerados inscritos os proponentes que receberem confirmação de sua inscrição por e-mail em até 48 horas do envio de sua inscrição.

4. DA ETAPA DE HABILITAÇÃO
4.1 Na etapa de habilitação, que se inicia com o término do prazo de inscrição, uma comissão técnica, designada pela Fundação Bienal de São Paulo, conferirá se as inscrições obedecem às exigências de prazo, condições, documentos e itens expressos no edital, para, ao final da conferência, encaminhar, acompanhada de ata circunstanciando suas ações, a lista de inscrições habilitadas e inabilitadas à Fundação Bienal de São Paulo, que cuidará da divulgação e publicação da lista de habilitação.
4.2 Caberá pedido de reconsideração da inabilitação da inscrição, a ser analisado pela comissão técnica responsável pela etapa de habilitação, a qual apresentará ata de julgamento dos recursos para Fundação Bienal de São Paulo, que cuidará de sua divulgação e publicação.
4.3 O pedido de reconsideração da inabilitação da inscrição, deverá ser enviado em formulário próprio até 05 (dias) úteis após a divulgação da lista de inscrições inabilitadas, no site da Fundação.

5. DA COMISSÃO DE SELEÇÃO
A seleção dos premiados será feita por um comitê técnico, a ser composto por 05 (cinco) membros, sendo 03 (três) profissionais de reconhecida atuação na área, nomeados pelo Comitê Brasileiro de Internacionalização e Economia da Arte Contemporânea, CBIEAC, 01 (um) representante do Ministério da Cultural e 01 (um) presidente nomeado pela Fundação Bienal de São Paulo, com voto de qualidade.

6. DA AVALIAÇÃO
6.1 Serão adotados os seguintes critérios de avaliação:
a) Qualidade e originalidade do projeto ou obra(s) a ser apresentado na mostra;
b) Contribuição do projeto ou obra(s) para a difusão e a valorização da arte contemporânea brasileira no exterior;
c) Contribuição da mostra para a difusão e a valorização da arte contemporânea brasileira no exterior;
d) Prestígio e histórico dos organizadores da mostra.
6.2 Cada item de avaliação descrito no item 6.1 deste edital receberá uma nota de 0 a 10.
6.3 Havendo empate entre as propostas, será promovido o desempate preferindo-se a iniciativa que obtiver maior pontuação sucessivamente nos critérios de “a” a “d”, nesta ordem, estabelecidos neste subitem. Se persistir o empate, a decisão final caberá ao presidente da comissão de seleção.
6.4 O candidato que não atingir no mínimo 20 (vinte) pontos será desclassificado.
6.5 Não serão fornecidos atestados ou certificados relativos a notas dos artistas não selecionados.
6.6 Caberá pedido de reconsideração da avaliação, a ser enviado à Comissão de Seleção no prazo de dias úteis, contados a partir da divulgação, por meio de formulário próprio disponibilizado na página da Fundação.

7. DO CRONOGRAMA
Recebimento das inscrições: até de 08/9/2010 a 2810/2010
Divulgação dos resultados: até 08/11/2010
Pagamento dos prêmios: até 15 dias da entrega dos documentos (item 9.)

8. DA PREMIAÇÃO
8.1 O Prêmio contemplará até 28 (vinte e oito) artistas, perfazendo um total de R$ 280.000,00 (duzentos e oitenta mil reais), sendo o prêmio mínimo de R$ 10.000,00 (dez mil reais) por artista selecionado, e prêmios duplos no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) aos artistas que alcançarem pontuação máxima
(40 pontos) em caso de disponibilidade de recurso.
8.2 Os candidatos selecionados do presente edital tomarão conhecimento da situação de sua candidatura pelo endereço eletrônico <www.fbsp.org.br>, bem como, receberão um comunicado de sua seleção, juntamente com o termo contratual específico, e solicitação de documentação complementar, por e-mail.
8.3 Ocorrendo desistência ou impossibilidade de recebimento do prêmio por parte do candidato selecionado, os recursos poderão ser destinados a outros candidatos, observada a ordem decrescente de pontuação e o prazo de vigência do edital.
8.4 O pagamento do prêmio será efetuado, deduzidos os tributos previstos na legislação em vigor, em uma única parcela, em até 15 (quinze) dias da entrega dos documentos complementares.

9. DA DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR
9.1 Os proponentes selecionados, deverão encaminhar para a Fundação Bienal de São Paulo, em no máximo 15 (quinze) dias, da confirmação da classificação e envio do termo contratual por e-mail, a documentação complementar necessária à liberação do recurso financeiro referente ao prêmio, sob pena de desclassificação;
9.2 Farão parte da documentação complementar;
1. Termo contratual assinado pelo selecionado;
2. Cópia da carteira de identidade (RG);
3. Cópia do CPF;
4. Certidão Conjunta Negativa de Débitos Relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União atualizada, emitida através do site:www.receita.fazenda.gov.br
5. Cópia do comprovante de residência;
6. Cópia do passaporte e visto de residente (apenas no caso de estrangeiro não naturalizado);
7. Dados bancários, em nome do proponente, para depósito do recurso (nome do banco, agência e conta corrente).
9.3 O prêmio aos selecionados está condicionado à existência de disponibilidade orçamentária e financeira, caracterizando a seleção como expectativa de direito do proponente.

10. DAS OBRIGAÇÕES E PRESTAÇÕES DE CONTAS / RELATÓRIO
10.1 Os proponentes selecionados deverão firmar termo contratual com a Fundação Bienal de São Paulo, no qual ficarão estabelecidos os direitos e as obrigações das partes em decorrência deste edital;
10.2 Até (15) dias após o início da mostra, impreterivelmente, o beneficiado é obrigado a apresentar material que comprove a realização e participação na mostra (ex: convite, cartaz, catálogo, matérias impressas, imagens das obras no espaço expositivo, etc.).

11. DO PRAZO DE VIGÊNCIA
Este edital terá validade até 03/03/2011

12. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
12.1 O beneficiado restituirá o valor recebido, atualizado desde a data do recebimento, acrescido de juros legais na forma da legislação aplicável, caso sua participação na mostra seja cancelada por qualquer motivo, ou caso não cumpra com as obrigações descritas neste edital.
12.2 O apoio concedido poderá ser acumulado com recursos captados por meio de leis de incentivo fiscal e outros programas e/ou apoios federais, estaduais e municipais.
12.3 As comprovações do cumprimento de datas e prazos, bem como os ônus e as obrigações constantes do presente Edital são de única e exclusiva responsabilidade dos proponentes.
12.4 O ato da inscrição implica o conhecimento e a integral concordância do proponente com as normas e com as condições estabelecidas neste edital.
12.5 O proponente será o único responsável pela veracidade da proposta e documentos encaminhados, isentando a Fundação Bienal de São Paulo e o Ministério da Cultura de qualquer responsabilidade civil ou penal.
12.6 Os materiais encaminhados não serão devolvidos aos candidatos e selecionados, cabendo à Fundação Bienal de São Paulo seu arquivamento ou destruição.
12.7 Eventuais irregularidades relacionadas aos requisitos de participação, constatadas a qualquer tempo, implicarão a inabilitação da inscrição.
12.8 O candidato selecionado deverá fazer menção ao prêmio recebido em entrevistas e outros meios de comunicação disponíveis ao beneficiado. Deverá também citar a seguinte frase "Essa obra recebeu o apoio do Programa Brasil Arte Contemporânea, da Fundação Bienal de São Paulo e do Ministério da
Cultura” no material impresso, e inserir a logomarca do Programa Brasil Arte Contemporânea e da Fundação Bienal de São Paulo como apoio (segundo manual de aplicação a ser fornecido pela Fundação Bienal de São Paulo) quando aplicável.
12.9 Caso não seja permitida nenhuma das aplicações citadas no item 12.8, enviar justificativa emitida pela Instituição realizadora da mostra e deverá no mínimo fazer menção ao recebimento do prêmio no currículo do artista a ser incluído no catálogo da mostra.
12.10 Os casos omissos serão avaliados e deliberados pelo CBIEAC/Comitê Brasileiro de Internacionalização e Economia da Arte Contemporânea.
12.11 Mais informações poderão ser obtidas por correio eletrônico:
editaisbac@fbsp.org.br.

Posted by Fábio Tremonte at 4:18 PM

setembro 9, 2010

II Mostra SESC de Artes Universitárias - Inscrições e informações para o artista

A MOSTRA SESC DE ARTES UNIVERSITÁRIAS tem como objetivo criar espaço para apresentações artísticas de cunho experimental e novas linguagens na arte para estudantes de Graduação e Pós-Graduação de qualquer região do País. Serão selecionados trabalhos em formato livre nas linguagens de teatro, dança, música, performance, moda, cinema e vídeo e artes visuais.

Inscrições: 23 de agosto a 24 de setembro de 2010

II MOSTRA SESC DE ARTES UNIVERSITÁRIAS
SESC DA ESQUINA
Rua Visconde do Rio Branco 969, Centro, Curitiba, PR
41-3304-2222
www.sescpr.com.br

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
Exposição e mostras dos trabalhos

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
Para oficialização da inscrição deverão ser apresentados os seguintes documentos impressos e encadernados, em envelope lacrado, identificado com nome da proposta, linguagem artística e nome e Instituição de Ensino do responsável:
- Ficha de Inscrição devidamente preenchida e assinada pelo responsável
– Texto descrevendo a montagem do trabalho
– Descrição da proposta/montagem com referências teóricas
– Uma cópia do texto ou roteiro na íntegra (se houver)
– Breve histórico e currículo do grupo ou dos participantes;
– Ficha técnica completa;
– Declaração de escolaridade e freqüência de cada componente da proposta, emitida pela Instituição de Ensino;
- Em caso de artistas menores de idade (18 anos), documento assinado pelos pais, autorizando o diretor, coreógrafo ou responsável a acompanhá-los durante a mostra;
– Imagens e gravações áudio-visuais do trabalho (ensaio, apresentação, processo de criação, obras) na íntegra, em DVD;
– Ficha de Ação Paralela (oficina, mesa redonda, debate, ou outra ação formativa para
troca de conhecimento)

Regulamento
1.Objeto
1.1. Este regulamento tem como finalidade orientar as inscrições para participação na Mostra Sesc de Artes Universitárias;
1.2. A Mostra Sesc de Artes Universitárias será realizado no período de 06 a 14 de novembro de 2010, no SESC da Esquina, em Curitiba, Paraná.

2. Inscrição
2.1. As inscrições são gratuitas e poderão ser realizadas no período de 23 de agosto a 24 de setembro de 2010, pessoalmente no SESC da Esquina ou via correio, prevalecendo a data de postagem, para o seguinte endereço:

II MOSTRA SESC DE ARTES UNIVERSITÁRIAS
SESC DA ESQUINA
Endereço: Rua Visconde do Rio Branco, 969
CEP: 80410-001 – Centro - Curitiba, Pr

2.2. O regulamento e a ficha de inscrição estarão disponíveis no site www.sescpr.com.br;
2.3. Para oficialização da inscrição deverão ser apresentados os seguintes documentos impressos e encadernados, em envelope lacrado, identificado com nome da proposta, linguagem artística e nome e Instituição de Ensino do responsável, até o dia 24 de setembro de 2010, às 18h.
A - Ficha de Inscrição devidamente preenchida e assinada pelo responsável
B – Texto descrevendo a montagem do trabalho
C – Descrição da proposta/montagem com referências teóricas
D – Uma cópia do texto ou roteiro na íntegra (se houver)
E – Breve histórico e currículo do grupo ou dos participantes;
F – Ficha técnica completa;
G – Declaração de escolaridade e freqüência de cada componente da proposta, emitida pela Instituição de Ensino;
H - Em caso de artistas menores de idade (18 anos), documento assinado pelos pais, autorizando o diretor, coreógrafo ou responsável a acompanhá-los durante a Mostra;
I – Imagens e gravações áudio-visuais do trabalho (ensaio, apresentação, processo de criação, obras) na íntegra, em DVD;
J – Ficha de Ação Paralela (oficina, mesa redonda, debate, ou outra ação formativa para troca de conhecimento).
2.4. Poderão participar alunos devidamente matriculados e que estejam frequentando algumaInstituição de Ensino Superior (Graduação e Pós);
2.5. Poderão ser inscritos trabalhos na área de teatro, dança, música, performance, moda, artes visuais e cinema e vídeo;'
2.6. Cada participante poderá participar com até três apresentações;
2.7. As apresentações poderão ser individuais ou em grupo;
2.8. Não serão aceitos trabalhos inscritos sob pseudônimos;
2.9. Efetivada a inscrição, não poderão ser feitas correções ou alterações na proposta inscrita ou em qualquer documento;
2.10. Não serão aceitas trocas de participantes após a inscrição do grupo. Contudo, o grupo poderá se apresentar sem algum componente;
2.11. Após todos os trabalhos apresentados/expostos, os participantes deverão estar disponível para debate, roda de conversas temáticas e/ou outras ações que possibilitem a troca, a (in)formação, a reflexão e o surgimento de novas ideias e linguagens da arte;
2.12. Os grupos/artistas deverão propor, na ficha de inscrição, atividades artístico-culturais paralelas e veiculadas aos trabalhos inscritos, que serão analisadas pela Comissão Organizadora e poderão ser incluídas na programação da Mostra;
2.13. O material da inscrição não será devolvido sob hipótese alguma, passando a integrar o acervo da Mostra Sesc de Artes Universitárias;
2.14. O SESC Paraná não se responsabiliza pelos gastos com a confecção do material solicitado na inscrição;
2.15. O SESC Paraná não se responsabilizará por eventuais taxas da SBAT e/ou ECAD, sendo única e exclusivamente responsabilidade dos participantes;
2.16. A Comissão Organizadora da Mostra não responde por informações falsas ou incompletas sobre a autoria e trilhas sonoras dos trabalhos inscritos pelos grupos/artistas, sendo estes integralmente responsáveis pela veracidade das informações prestadas;
2.17. As inscrições que não atenderem aos requisitos deste regulamento serão automaticamente eliminadas.

3. Seleção
3.1. Todos os trabalhos inscritos serão apreciados por uma comissão de seleção, composta por profissionais do SESC Paraná e por profissionais qualificados nas linguagens atuantes na Mostra.
O resultado será divulgado no site www.sescpr.com.br e também através de comunicado direto aos selecionados;
3.2. Na análise dos trabalhos serão avaliados os seguintes aspectos: qualidade e inovação artística e viabilidade técnica;
3.3. A comissão de seleção poderá alterar a categoria do trabalho caso ele não esteja na categoria condizente à inscrita. Caso isto ocorra o grupo/artista será previamente avisado desta mudança;
3.4. Nos trabalhos selecionados, o responsável deverá assinar um Termo de Compromisso com o SESC Paraná para a participação na Mostra;
3.5. Os dias e horários das apresentações serão definidos pela Comissão Organizadora da Mostra.
Caso o grupo não tenha disponibilidade em alguma data prevista para a realização da Mostra, deverá informar na ficha de inscrição;
3.6. As decisões da comissão de seleção são irrecorríveis;
3.7. Os grupos/artistas selecionados deverão encaminhar à Comissão Organizadora, sob pena de exclusão da Mostra, os seguintes itens:
- 03 fotos em boa resolução / 300dpi (até o dia 30/09/10)
- release do trabalho para divulgação (até o dia 30/09/10)
- sinopse do trabalho para o caderno de programação (máximo 10 linhas - até o dia 30/09/10)
- mapa de luz e de som (até o dia 04/10/10)
- rider técnico (até o dia 04/10/10)
3.8. Os documentos de liberação de direitos autorais deverão ser apresentados pelo responsável quando da assinatura do Termo de Compromisso de participação da Mostra;
3.8. No caso de impossibilidade de realização de algum trabalho selecionado, o mesmo será substituído por outro trabalho escolhido pela comissão selecionadora, seguindo ordem de classificação.

4. Programação
4.1. A Mostra será realizada no período de 06 a 14 de novembro de 2010, no SESC da Esquina, em
Curitiba, Paraná;
4.2. Na data da apresentação, o responsável deverá estar acompanhado de uma pessoa responsável pelo som e de uma pessoa responsável pela luz para juntamente com os técnicos disponíveis pela Mostra efetuarem a afinação e passagem de som e luz;
4.3. A montagem dos trabalhos será de inteira responsabilidade dos grupos/artistas, devendo se adequar às condições técnicas dos espaços destinados a sua realização;
4.4. Os participantes deverão obedecer às regras e normas do SESC Paraná, respeitando e zelando pelos espaços nos quais os trabalhos serão apresentados;
4.5. Os trabalhos poderão ser realizados no Teatro do SESC da Esquina ou em outros espaços da Unidade – a ser analisado e decidido pela Comissão Organizadora, juntamente com o responsável da proposta selecionada;
4.6. A Comissão Organizadora se reserva o direito de programar apresentações de trabalhos em outras espaços além do SESC da Esquina;
4.5. A programação da Mostra será determinada pela Comissão Organizadora.

5. Da divulgação
5.1 O material gráfico da Mostra obedecerá aos padrões de qualidade usualmente adotados no Núcleo de Comunicação do SESC Paraná. Não poderão ser veiculados outros materiais para divulgação das atrações da Mostra;
5.2 Os inscritos autorizam a divulgação das imagens, sons, vídeos, nomes e todas demais informações relativas aos trabalhos inscritos da Mostra.

6. Dos espetáculos convidados, oficinas e palestras
6.1. A Mostra contará com a participação de duas atrações especiais, na ocasião da abertura e do
encerramento da Mostra, definidos pela Comissão Organizadora;
6.2. Serão realizadas oficinas e palestras gratuitas com profissionais durante o período de realização da Mostra, com o objetivo de ampliar as experiências e vivências e capacitar os participantes na busca por conhecimentos e novas linguagens na arte. Estas atividades estão abertas à participação de qualquer interessado, resguardado o número de vagas e capacidade do espaço da realização;
6.3. As inscrições para as oficinas serão realizadas mediante carta de intenção (a ser disponibilizada no site www.sescpr.com.br). A seleção dos participantes será realizada pela Comissão Organizadora;
6.4. Os acadêmicos poderão encaminhar proposta para ministrar oficina – ficha de ação paralela
disponível no site www.sescpr.com.br. As fichas deverão ser impressas, assinadas e encaminhadas em envelope lacrado, identificado com o nome da oficina e proponente, no período de 23 de agosto a 24 de setembro de 2010, às 18h (local para entrega e postagem descrito no item 2.1). Todas as propostas recebidas serão analisadas pela comissão selecionadora. Não haverá pagamento pelas propostas de oficina aceitas.

7. Das disposições finais
7.1. É obrigatória a presença, disponibilidade e permanência dos participantes no(s) dia(s) e horário(s) definidos pela Comissão Organizadora, que antecedem as apresentações, para realização de ensaios e passagem de som e luz;
7.2. Após as apresentações os grupos/artistas deverão retirar os materiais/equipamentos do espaço;
7.3. Todo material pessoal e técnico são de inteira responsabilidade dos grupos/artistas, incluindo confecção, transporte e manuseio;
7.4. A Comissão Organizadora disponibilizará equipamentos de som e luz adequados à realização do evento, sob hipótese de análise e adequação da lista dos equipamentos encaminhados à Comissão Organizadora. Os instrumentos musicais e demais equipamentos/instrumentos deverão ser providenciados pelos participantes;
7.5. A Comissão Organizadora não se responsabilizará pelo transporte, hospedagem e alimentação dos participantes da cidade de Curitiba;
7.6. A Comissão Organizadora se responsabilizará pela hospedagem e alimentação dos participantes fora de Curitiba;
7.7. A Comissão Organizadora não se responsabiliza pela confecção de figurino, cenário, quadros, obras de arte e demais necessidades técnicas para a execução dos trabalhos, bem como o transporte destes ao local da apresentação;
7.8. Caberá à Comissão Organizadora do evento e o responsável da proposta acompanhar a montagem do local da apresentação;
7.9. É obrigação do participante cumprir o tempo informado na ficha de inscrição para a execução do trabalho;
7.10. Serão oferecidos certificados aos participantes da Mostra;
7.11. A Mostra não efetuará pagamento algum aos trabalhos e oficinas selecionados;
7.11. A inscrição efetuada implica a plena aceitação de todas as condições nos termos deste regulamento;
7.12. O não cumprimento deste regulamento ou a ausência do grupo/artista para sua apresentação implicará no impedimento de participação nas próximas três edições da Mostra;
7.13. Os casos omissos no presente regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora; Comissão Organizadora da Mostra SESC de Artes Universitárias

Posted by Fábio Tremonte at 1:45 PM

setembro 8, 2010

XIII SAMAP - Salão Municipal de Artes Plásticas de João Pessoa - Inscrições e informações para o artista

A Prefeitura Municipal de João Pessoa, por meio da sua Fundação Cultural, FUNJOPE, faz saber a todos os interessados que a sua Divisão de Artes Visuais foi contemplada com o prêmio Apoio a Festivais de Fotografia, Performances e Salões Regionais, no valor de R$ 95.000,00, na categoria Artes Visuais pela FUNARTE – Fundação Nacional de Artes para a realização do XIII SAMAP – Salão Municipal de Artes Plásticas de João Pessoa.

Inscrições: 30 de agosto a 15 de outubro de 2010

Casarão 34
Rua Visconde Pelotas 34, Centro, João Pessoa - PB
83-3218-9708
www.joaopessoa.pb.gov.br/secretarias/funjope/casarao34/samap

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais

As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
Serão atribuídos três prêmios aquisitivos no valor de R$ 7.000,00 (cada prêmio) ao conjunto da obra analisada nos portfólios pela comissão de seleção e premiação, passando a obra premiada a fazer parte do acervo da FUNJOPE. Os artistas selecionados receberão um pró-labore no valor de R$1.000,00, exceto os três artistas agraciados com o grande o prêmio.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
As inscrições deverão ser feitas por meio do endereço eletrônico www.joaopessoa.pb.gov.br/funjope/casarao34/samap, diretamente no Casarão 34 ou remetidas pelos correios

Regulamento
XIII SAMAP - SALÂO MUNICIPAL DE ARTES PLÀSTICAS DE JOÂO PESSOA

A Prefeitura Municipal de João Pessoa, por meio da sua Fundação Cultural, FUNJOPE, faz saber a todos os interessados que a sua Divisão de Artes Visuais foi contemplada com o prêmio Apoio a Festivais de Fotografia, Performances e Salões Regionais, no valor de R$ 95.000,00, na categoria Artes Visuais pela FUNARTE – Fundação Nacional de Artes para a realização do XIII SAMAP – Salão Municipal de Artes Plásticas de João Pessoa.

As inscrições para o XIII SAMAP estarão abertas a partir de 30 de agosto até 15 de outubro de 2010. O regulamento e a ficha de inscrição para participar do XIII SAMAP estarão disponíveis no endereço eletrônico www.joaopessoa.pb.gov.br/secretarias/funjope/casarao34/samap ou no Casarão 34 situado a Rua Visconde Pelotas, 34 – Centro - telefone: (83)3218 9708.

Com o objetivo de refletir, difundir e fazer circular a produção de artes visuais da nossa cidade o XIII SAMAP atuará em três frentes: a mostra dos trabalhos selecionados no Casarão 34, a realização de um Seminário de Crítica de Arte com críticos brasileiros contemporâneos e a realização das oficinas de formação: Portfólio Digital e Montagem de Exposição.

Serão selecionados 30 portifólios para o XIII SAMAP, de onde sairão as obras que farão parte da exposição. Serão atribuídos três prêmios aquisitivos no valor de R$ 7.000,00 (cada prêmio) ao conjunto da obra analisada nos portfólios pela comissão de seleção e premiação, passando a obra premiada a fazer parte do acervo da FUNJOPE. Os artistas selecionados receberão um pró-labore no valor de R$1.000,00, exceto os três artistas agraciados com o grande o prêmio. A abertura da exposição da obras selecionadas para o XIII SAMAP será no dia 18 de novembro e permanecerá em cartaz até 19 de janeiro de 2011 no Casarão 34.

O Seminário de Crítica de Arte acontecerá entre os dias19 de novembro e 19 de dezembro, durante os finais de semana, das 14h às 18h. A oficina Portfólio Digital terá a duração de 20 horas e será ministrada pelo designer gráfico Felipe Spencer entre 13 e 17 de setembro, das 18h às 21hs. A oficina Montagem de Exposição terá a duração de 30 horas e será ministrada pela curadora Desireé Monjardim entre 25 e 29 de outubro, das 10 às 16hs. Todas as atividades do XIII SAMAP acontecerão no Casarão 34. As inscrições para o seminário e as oficinas do XIII SAMAP poderão ser feitas no Casarão 34 e pela internet.

Fábio Queiroz
Divisão de Artes Plásticas


Inscrições:
As inscrições deverão ser feitas por meio do endereço eletrônico www.joaopessoa.pb.gov.br/funjope/casarao34/samap, diretamente no Casarão 34 ou remetidas pelos correios endereçadas ao:
XIII SALÃO MUNICIPAL DE ARTES PLÁSTICAS DE JOÃO PESSOA
Av. Visconde de Pelotas, nº 34 – Centro – João Pessoa – PB - Cep: 58010-680

Informações:
Tel: (83) 3218 9708/ 3218 9811
Fax: (83) 3218 9708
E-mail: samap2010@gmail.com
Site: www.joaopessoa.pb.gov.br/funjope/casarao34/samap
Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 12h00 e de 14h00 às 18h00.

Posted by Fábio Tremonte at 1:31 PM

setembro 3, 2010

ARTE E POLÍTICA é o tema da próxima edição da revista Continuum Itaú Cultural, edição out / nov 2010

A revista Continuum Itaú Cultural abre suas páginas, através das seções interativas Deadline e Área Livre, para receber trabalhos artísticos, incluindo fotos, ilustrações, contos, crônicas, outras formas de manifestação artística ou trabalhos de reportagens com o tema ARTE E POLÍTICA. Os trabalhos selecionados pela equipe da redação da revista serão publicados na edição impressa nº 28 de outubro-novembro de 2010 e/ou na revista virtual. Tudo é gratuito.

Inscrições:
Até 10 de setembro de 2010 para a revista impressa e até 10 de novembro de 2010 para a versão online da revista.
- Envio de projetos para desenvolver matéria de reportagem(pauta de 01 lauda, 1400 caracteres): até 17 de setembro de 2010.

participecontinuum@itaucultural.org.br.

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
− Não haverá qualquer tipo de retribuição financeira, apenas menção da autoria do trabalho.

− O participante deve concordar com a difusão de seu trabalho nas versões impressa e on-line da revista Continuum Itaú Cultural.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
Todos os formatos são bem-vindos: contos, resenhas, poemas, reportagens, crônicas etc. Você também pode participar com fotos e ilustrações.
− O texto poderá sofrer alterações editoriais.


Envie textos sobre o tema do mês pelo e-mail participecontinuum@itaucultural.org.br. Todos os formatos são bem-vindos: contos, resenhas, poemas, reportagens, crônicas etc. Você também pode participar com fotos e ilustrações.

Para janeiro e fevereiro, produza um trabalho sobre samba.

Você também pode mandar um trabalho que relacione arte e vida, assunto que pauta os textos da edição de março e abril.

Confira o regulamento:

− O texto ou a imagem precisam ser criação própria. O participante será responsável por danos ocorridos a terceiros e assume toda e qualquer responsabilidade civil e penal. Caso isso ocorra, responderá isoladamente, ficando o Itaú Cultural isento de qualquer obrigação.

− O texto ou a imagem enviados ao Itaú Cultural têm de ser inéditos, ou seja, não poderão ter sido publicados anteriormente em outro veículo.

− O Itaú Cultural não se compromete a publicar os textos e as imagens enviados.

− O texto poderá sofrer alterações editoriais.

− O participante deve concordar com a difusão de seu trabalho nas versões impressa e on-line da revista Continuum Itaú Cultural.

− Não haverá qualquer tipo de retribuição financeira, apenas menção da autoria do trabalho.

− O participante deve indicar, no e-mail, os seguintes dados: nome civil, nome artístico (quando houver), número do RG e telefone. O participante pode ainda informar profissão e indicar blog ou site. Também deverá ser indicado o tema a que o trabalho está relacionado.

Posted by Marília Sales at 6:31 PM

Edital Programação Artes Visuais CCBNB 2011: Para Oficina De Formação Artística , programa “museu vivo” , Programa “Curso De Apreciação De Arte” e propostas de exposições individuais e coletivas

O Centro Cultural BNB lança o edital de seleção de propostas artísticas para participação na sua programação de artes visuais dos Centros Culturais BNB-Fortaleza, Cariri (em Juazeiro do Norte, região sul do Ceará) e Sousa (no alto sertão paraibano), durante o ano de 2011.

Inscrições: 13 de setembro a 15 de outubro de 2010

Resultado: 27 de dezembro de 2010, no portal do Banco do Nordeste www.bnb.gov.br

Centro Cultural Banco do Nordeste - Forteleza
Rua Floriano Peixoto, 941 Centro Fortaleza-CE
85-3464-3108
Terça a sábado, 10-20h; domingo,10-18h

Centro Cultural Banco do Nordeste - Cariri
Rua São Pedro, 337 - Centro Juazeiro do Norte-CE
88-3512-2855
Terça à sábado, 13-21h

Centro Cultural BAanco do Nordeste - Sousa
Rua Cel. José Gomes de Sá, 07 - Centro Sousa-PB
83-3522-2980
Terça à sexta e domingo,13-21h; sábado,14-22h

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
Todos os selecionados deverão estar disponíveis para coletivas de imprensa, entrevistas individuais e depoimentos para vídeo institucional, site do CCBNB, catálogo, documentário, programas de rádio e TV e eventos que estimulem a troca de informações entre público e artistas.

Programa “museu vivo” ,
O cachê para cada evento é de R$ 500,00 (quinhentos reais) por apresentação. Para os pesquisadores/colecionadores residentes fora das áreas de atuação dos CCBNB’s (Fortaleza, Cariri e Alto Sertão Paraibano), poderá ser concedido acréscimo de cachê de até 50% para despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação. Além do pagamento do cachê, os CCBNBs responsabilizam-se pela divulgação e apresentação do evento.

Programa “Curso De Apreciação De Arte”
O valor pago por hora-aula é de R$ 75,00 (setenta e cinco reais). Para os instrutores residentes fora das áreas de atuação dos CCBNBs (Fortaleza, Cariri e Alto sertão Paraibano), poderá ser concedido acréscimo de até 50% por hora-aula para despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação.

Serão disponibilizados recursos didáticos, tais como: computador com acesso à internet, projetor, reprodutor multimídia, flip-chart, entre outros. Os CCBNB’s também se responsabilizam pela divulgação do curso, bem como pela impressão do material didático para acompanhamento dos cursos pelos participantes. Os proponentes dos cursos selecionados deverão adaptar-se às condições técnicas oferecidas nos Centros Culturais.


Propostas de exposições individuais e coletivas
-Equipe de montagem, curadoria (quando se tratar de proposta não apresentada por curador), convite, evento de abertura e divulgação.

Apoio financeiro para produção das obras de arte e cachê do(s) artista(s), de acordo com orçamento detalhado anexado à proposta, dentro dos seguintes parâmetros:

- Propostas apresentadas para o corredor-galeria do CCBNB-Sousa, até o valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais); Propostas apresentadas por artista individual, até o valor de R$ 4.000,00 (quatro mil reais);

- Propostas apresentadas por coletivos de artistas, até o valor de R$ 12.000,00 (doze mil reais);

- Propostas apresentadas por curadores, até o valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais), incluindo também textos críticos, designer gráfico e curadoria.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
- Devem ser enviadas como correspondência registrada com Aviso de Recebimento – AR.

-Todo o material encaminhado em anexo às propostas NÃO será devolvido ao proponente.

- Serão descontados, do total do pagamento, os impostos previstos em lei.

-Elaboração de Portifolios


Regulamento:

CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE – FORTALEZA-CE, CARIRI E SOUSA-PB EDITAL DE SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA PROGRAMAÇÃO DE 2011

Apresentação

O Banco do Nordeste atua de forma sintonizada com as diretrizes culturais do Governo Federal, principalmente no que diz respeito aos conceitos de desenvolvimento sustentável e duradouro, moldado também a partir da diversidade cultural e das aspirações mais legítimas do povo brasileiro em seu direito à produção e usufruto dos bens e serviços culturais que lhe diferenciam como um povo singular. Os Centros Culturais Banco do Nordeste (CCBNBs) são ações concretas da política de desenvolvimento do BNB. O CCBNB-Fortaleza foi inaugurado em 17 de julho de 1998, e tem atuação na área metropolitana da capital cearense; o CCBNB-Cariri, inaugurado em 20 de maio de 2006, está localizado na cidade de Juazeiro do Norte-CE e atua em vários municípios que integram aquela região; e o CCBNB-Sousa, inaugurado em 25 de junho de 2007, tem área de atuação nos municípios que integram a região do Alto Sertão Paraibano. Os CCBNBs já se firmaram no cenário cultural do Nordeste e também do Brasil, como centros formadores de platéias e espaços de difusão e promoção da cultura nordestina e universal, feitos para despertar nos seus visitantes a sensibilidade, a valorização e o interesse pelos bens culturais, além de incentivar o desenvolvimento profissional dos agentes culturais da região. A estratégia de ação cultural dos CCBNBs tem como objetivo promover a formação de platéias, a divulgação do acervo artístico do BNB, o desenvolvimento profissional dos agentes culturais e a difusão da arte e da cultura regional e universal. Assim, os CCBNBs incentivam a produção artística que seja capaz de garantir a boa sedimentação de tradições, práticas e inovações desenvolvidas pela comunidade artística brasileira, enquanto realiza um trabalho educativo baseado na interação contínua com o público, através da oferta de informações e eventos culturais, dentro de uma programação diária e gratuita, que contribuem para a ampliação da capacidade de percepção e sensibilidade dos frequentadores, ajudando a promover o exercício da cidadania com a consequente conscientização e valorização da nossa cultura.

A programação dos CCBNBs é realizada mediante interação permanente com o público e com a comunidade produtora dos bens e serviços culturais. Desta forma, com o objetivo de sistematizar e democratizar a participação dos agentes culturais, está aberto o edital para recebimento de propostas para definição da programação do ano de 2011, a ser realizada na área de atuação dos CCBNBs de Fortaleza-CE, Cariri e Sousa-PB, em vários segmentos artístico-culturais.

Inscrição de Propostas

No período de 13 de setembro a 15 de outubro de 2010, estão abertas as inscrições de propostas para as programações dos CCBNBs Fortaleza-CE, Cariri e Sousa-PB, a serem realizadas durante o ano de 2011. As propostas poderão ser apresentadas para as áreas de artes cênicas, artes visuais, literatura, música, atividades culturais infantis, para os programas “Curso de Apreciação de Arte”, “Oficina de Formação Artística”, “Museu Vivo” e projetos de Novas Ideias. As propostas apresentadas para a programação regular dos CCBNBs poderão compor a programação do V Festival BNB do Rock-Cordel; V Festival BNB das Artes Cênicas, V Mostra BNB da Canção Brasileira Independente e VI Festival BNB da Música Instrumental, desde que haja concordância do proponente. Qualquer pessoa física ou jurídica pode apresentar propostas para as três unidades do CCBNB. As inscrições das propostas serão feitas mediante entrega do formulário-proposta, específico para cada uma das áreas acima citadas, devidamente preenchido com letra legível ou digitado, assinado por responsável pela proposta e acompanhado dos anexos solicitados. Material anexo com boa qualidade de visualização e/ou identificado corretamente é fundamental para a eventual seleção do proponente. No caso da opção digital para o anexo, teste-o antes de entregá-lo.

Este edital e todos os modelos de formulários-proposta para inscrição estão disponíveis nos Centros Culturais Banco do Nordeste-Fortaleza, Cariri e Sousa, e em todas as Agências do BNB. Este material também está disponível em formato eletrônico na página do Centro Cultural Banco do Nordeste, na internet ( HYPERLINK "http://www.bnb.gov.br/cultura" www.bnb.gov.br/cultura).
A entrega do formulário-proposta poderá ser feita, PESSOALMENTE, nos endereços, dias e horários abaixo especificados:
CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE-FORTALEZA
Rua Floriano Peixoto, 941 – Centro
Fortaleza-CE
Fone: (85) 3464-3108
(De terça a sábado, no horário de 10h às 20h e domingo de 10h às 18h)

CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE - CARIRI Rua São Pedro, 337 - Centro
Juazeiro do Norte-CE
Fone: (88) 3512-2855
(De terça à sábado, no horário de 13h às 21h)

CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE - SOUSA Rua Cel. José Gomes de Sá, 07 - Centro
Sousa-PB
Fone: (83) 3522-2980
(De terça à sexta e domingo no horário de 13h às 21h, sábado de 14h às 22h)
As propostas também podem ser enviadas pelos Correios, em envelope lacrado devidamente identificado com o nome e endereço completo do proponente, para o CCBNB-Fortaleza, CCBNB-Cariri ou CCBNB-Sousa (ver endereços abaixo). Devem ser enviadas como correspondência registrada com Aviso de Recebimento – AR. Neste caso, o AR emitido pelos Correios será o comprovante de inscrição no edital. Será considerada a data de postagem do envelope, confirmada pelo carimbo dos Correios, que não poderá ser posterior a 15/10/2010. Serão automaticamente excluídos os envelopes com a data da postagem posterior a este prazo, quando não mais serão aceitas inscrições sob nenhum pretexto.
CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE-FORTALEZA Formulário-Proposta para Programação CCBNB 2011 Rua Floriano Peixoto, 941 – Centro
Fortaleza-CE - CEP 60025-130

CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE-CARIRI Formulário-Proposta para Programação CCBNB 2011 Rua São Pedro, 337 - Centro
Juazeiro do Norte-CE – CEP 63010-010 CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE-SOUSA Formulário-Proposta para Programação CCBNB 2011 Rua Cel. José Gomes de Sá, 07 - Centro
Sousa-PB – CEP 58800-050
Outras informações podem ser obtidas pelos telefones do CCBNB-Fortaleza - (85) 3464-3108, CCBNB-Cariri - (88) 3512-2855 e CCBNB-Sousa – (83) 3522-2980, ou pelo e-mail: HYPERLINK "mailto:cultura@bnb.gov.br" cultura@bnb.gov.br.

Resultado da Seleção O resultado da seleção será divulgado em 27 de dezembro de 2010, pela internet, no portal do Banco do Nordeste ( HYPERLINK "http://www.bnb.gov.br" www.bnb.gov.br). Oportunamente, os selecionados serão contatados pelos CCBNBs para confirmação do agendamento da realização da proposta na programação mensal. A Comissão de Seleção será composta por profissionais do BNB de notória competência e experiência em cada área cultural, sendo a mesma indicada e coordenada pelo Ambiente de Gestão da Cultura do BNB. As decisões da Comissão de Seleção serão soberanas, não cabendo qualquer tipo de recurso contra os resultados por ela definidos. Todo o material encaminhado em anexo às propostas NÃO será devolvido ao proponente. As propostas não selecionadas serão descaracterizadas e eliminadas. As propostas selecionadas serão prioritariamente incluídas na programação de 2011. Se, por algum motivo, isto não puder acontecer, a proposta já estará selecionada para a programação do ano seguinte. Os CCBNBs se reservam ao direito de incluir outras propostas em sua programação, que se adequem a temas ou necessidades específicas relacionadas às suas linhas de atuação. Por ocasião da inclusão da proposta selecionada na programação do(s) Centro(s) Cultural(is), será firmado contrato entre o Banco do Nordeste (BNB) e o responsável pela assinatura do contrato e recebimento do cachê (obrigatoriamente a pessoa física ou jurídica que consta no formulário-proposta), definindo as atribuições de cada uma das partes, as condições de execução e pagamento dos serviços a serem prestados. No contrato constará um item em que os selecionados autorizarão o uso para divulgação de imagens, sons e textos apresentados. No caso de propostas da área de artes visuais será assinado Termo de Compromisso entre o Banco do Nordeste e o responsável pela proposta constante no formulário-proposta, contendo o orçamento final detalhado. A comprovação de regularidade fiscal do responsável pelo recebimento do cachê ou dos serviços prestados nas produções das exposições nos três níveis (municipal, estadual e federal) será exigida por ocasião da assinatura do contrato ou do termo de compromisso. O pagamento do cachê será feito obrigatoriamente em nome do titular do contrato, da seguinte forma:

Pessoa Jurídica – obrigatoriamente mediante crédito em conta corrente Pessoa Física – crédito em conta corrente ou emissão de cheque administrativo nominal e cruzado à pessoa física em questão.

Os pagamentos da área de Artes Visuais poderão ser realizados a cada responsável pela execução dos respectivos serviços de produção e montagem da exposição, contudo os pagamentos de cachês serão pagos diretamente aos artistas e curadores ou empresas que os representem. Todos os selecionados deverão estar disponíveis para coletivas de imprensa, entrevistas individuais e depoimentos para vídeo institucional, site do CCBNB, catálogo, documentário, programas de rádio e TV e eventos que estimulem a troca de informações entre público e artistas.

Condições para Apresentação das Propostas:

PARA A ÁREA DE ARTES VISUAIS

As propostas para a área de ARTES VISUAIS devem contemplar a realização de exposições individuais e coletivas apresentadas por artistas, coletivos de artistas ou curadores, utilizando os suportes existentes para pintura, escultura, desenho, gravura, performance, instalação, interferência, fotografia, vídeo-arte, intervenção urbana, objeto e arte digital. As exposições devem valorizar a produção das artes brasileiras, privilegiando a diversidade de conceitos e estilos, com ênfase nas reflexões sobre o contexto da atualidade.

PROPOSTAS DE EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS E COLETIVAS

Para propostas de exposições individuais e coletivas na programação regular, os CCBNBs (Fortaleza, Cariri e Sousa) cobrem exclusivamente as seguintes despesas:

Equipe de montagem, curadoria (quando se tratar de proposta não apresentada por curador), convite, evento de abertura e divulgação. Apoio financeiro para produção das obras de arte e cachê do(s) artista(s), de acordo com orçamento detalhado anexado à proposta, dentro dos seguintes parâmetros:

Propostas apresentadas para o corredor-galeria do CCBNB-Sousa, até o valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais);

Propostas apresentadas por artista individual, até o valor de R$ 4.000,00 (quatro mil reais);

Propostas apresentadas por coletivos de artistas, até o valor de R$ 12.000,00 (doze mil reais);

Propostas apresentadas por curadores, até o valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais), incluindo também textos críticos, designer gráfico e curadoria.

Os proponentes deverão atentar para os espaços de exposição disponíveis em cada Centro Cultural, de acordo com planta baixa e fotografias constantes nos anexos e áreas totais abaixo:

Fortaleza: 01 (um) espaço de exposição no andar térreo com 197m²;

01 (um) espaço de exposição no 2º andar com 120m².

Cariri: 01 (um) espaço de exposição no 4º pavimento com 72,40m²

01 (um) espaço de exposição no 5º pavimento com 210m².

Sousa: 01 (um) espaço de exposição no andar térreo com 151m²;

01 (um) espaço de exposição no corredor-galeria com 29m².

Poderão ser utilizados um ou mais espaços de exposição, até o total do espaço disponível em cada Centro Cultural. V BNB AGOSTO DA ARTE As propostas para o evento especial V BNB Agosto da Arte deverão contemplar ações diversas de artes visuais, mostrando a diversidade de expressão da arte contemporânea. Devem contemplar a participação de artistas das demais regiões brasileiras em interação com os artistas locais e/ou o público em geral, beneficiando o aprendizado e o intercâmbio de experiências por meio de exposições, performances, mini-residências, debates, oficinas, leitura de portifólios. O orçamento para a realização de todas as ações artísticas é de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais). As propostas poderão ser parcialmente aceitas e posteriormente ajustadas (inclusive com relação aos custos), através de negociação com os proponentes, permitindo a integração de diferentes eventos.

DISPOSIÇÕES GERAIS

Não serão aceitas propostas que utilizem obras realizadas com materiais perecíveis ou adulteráveis que prejudiquem ou comprometam a integridade física do local e do público. Somente serão aceitas propostas de performances ou intervenções urbanas que não gerem algum tipo de risco por norma legal à comunidade ou que possam comprometer o patrimônio ou a integridade física das pessoas. As propostas de intervenção urbana selecionadas que utilizarem outros espaços públicos ou privados, que não disponibilizados neste edital, deverão apresentar os documentos da respectiva autorização. O CCBNB se responsabiliza exclusivamente pela integridade das obras propostas para os seus espaços expositivos. As exposições selecionadas poderão ter duração de até 90 dias consecutivos, em datas a serem definidas posteriormente, de acordo com as necessidades do(s) CCBNB(s) e observada a disponibilidade dos proponentes. Serão descontados do total do pagamento para cada grupo/artista/curador os impostos previstos em lei. O pagamento das despesas será realizado diretamente aos fornecedores dos serviços ou produtos constantes do orçamento apresentado, mediante emissão de recibo e/ou nota fiscal. Os cachês deverão ser pagos diretamente ao artista ou à pessoa jurídica que seja seu representante legal. Por ocasião da realização da exposição da proposta selecionada, o plano de execução e montagem das exposições, a adequação do número de obras por artista e/ou coletivo de artistas e sua disposição nos espaços da mostra (galeria e espaços externos), bem como os textos referentes às exposições e às suas obras serão definidos pelas equipes dos Centros Culturais e curadores responsáveis, em conformidade com o artista ou coletivo selecionado. Os artistas selecionados poderão doar ao(s) CCBNB’s uma ou mais obras expostas, mediante a assinatura de um termo de doação, passando esta(s) a fazer parte do acervo do Banco do Nordeste. Os artistas selecionados ao assinarem o termo de compromisso estão autorizando a reprodução do material – imagem das obras e textos da exposição – destinado à divulgação e promoção da exposição em todo e qualquer veículo de comunicação, incluindo a internet, bem como para elaboração de material educativo utilizado em programas dos CCBNB’s.

PARA O PROGRAMA “CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE”

As propostas para este programa devem ser apresentadas para a realização de cursos nas áreas de artes cênicas, artes visuais, audiovisual, filosofia, fotografia, história, literatura, música, patrimônio cultural e outros segmentos culturais. O CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE é um programa destinado ao público em geral, visando à ampliação do conhecimento, da percepção e do posicionamento crítico dos participantes para melhor apreciação da arte. Os cursos deverão ser formatados com carga horária de 12 (doze) horas. Os dias, horários e locais de realização dos cursos serão definidos posteriormente de acordo com as necessidades do(s) CCBNB(s) e observada a disponibilidade dos proponentes.
O valor pago por hora-aula é de R$ 75,00 (setenta e cinco reais). Para os instrutores residentes fora das áreas de atuação dos CCBNBs (Fortaleza, Cariri e Alto sertão Paraibano), poderá ser concedido acréscimo de até 50% por hora-aula para despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação. Serão descontados, do total do pagamento, os impostos previstos em lei. Serão disponibilizados recursos didáticos, tais como: computador com acesso à internet, projetor, reprodutor multimídia, flip-chart, entre outros. Os CCBNB’s também se responsabilizam pela divulgação do curso, bem como pela impressão do material didático para acompanhamento dos cursos pelos participantes. Os proponentes dos cursos selecionados deverão adaptar-se às condições técnicas oferecidas nos Centros Culturais.

PARA OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA

As propostas para as oficinas devem ser apresentadas nas áreas de artes cênicas, artes visuais, audiovisual, fotografia, literatura, música e outros segmentos culturais. Poderão ser de nível básico, para iniciantes nas artes, ou de nível mais avançado, para aperfeiçoamento de artistas amadores ou profissionais. As oficinas deverão ser formatadas com carga horária de 12 (doze) até 16 (dezesseis) horas. As datas, horários e locais de realização das oficinas serão definidos posteriormente, de acordo com as necessidades do(s) CCBNB(s) e observada a disponibilidade dos proponentes.
O valor pago por hora-aula é de R$ 75,00 (setenta e cinco reais). Para os instrutores residentes fora das áreas de atuação dos CCBNB’s (Fortaleza, Cariri e Alto Sertão Paraibano), poderá ser concedido acréscimo de até 50% por hora-aula para despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação. Serão descontados do total do pagamento os impostos previstos em lei. Serão disponibilizados recursos didáticos, tais como: computador com acesso à internet, projetor, reprodutor multimídia, flip-chart, entre outros. Os CCBNB’s também se responsabilizam pela divulgação da oficina, bem como pelo material necessário para sua realização, até o limite orçamentário previsto para esta despesa. Os proponentes das oficinas selecionadas deverão adaptar-se às condições técnicas oferecidas nos Centros Culturais. O responsável pela apresentação da proposta da oficina de formação artística na área de Artes Cênicas deverá obrigatoriamente apresentar em anexo ao formulário de inscrição, fotocópia do registro profissional junto à Delegacia Regional do Trabalho do instrutor. Por ocasião do agendamento da proposta na programação do(s) CCBNB(s), será exigida do proponente da oficina de formação artística na área de Artes Cênicas selecionada, a comprovação de pagamento da guia de recolhimento sindical.
PARA PROGRAMA “MUSEU VIVO”

As propostas para o programa MUSEU VIVO poderão ser apresentadas para a realização de debates sobre fatos, informações, objetos, imagens, documentos e outros elementos apresentados por pesquisadores e/ou colecionadores de acervos particulares sobre arte e cultura (incluindo patrimônio material e imaterial). O programa visa o compartilhamento sobre pesquisas desses acervos, bem como das experiências dos saberes e fazeres populares, focando em determinada época e/ou contextos e circunstâncias, possibilitando também o desenvolvimento da consciência crítica da platéia.

Os eventos propostos deverão ter duração de até 90 minutos e terão a periodicidade mensal, em dia, horário e local a ser definido posteriormente, de acordo com as necessidades do(s) CCBNB(s) e observada a disponibilidade dos proponentes.

O cachê para cada evento é de R$ 500,00 (quinhentos reais) por apresentação. Para os pesquisadores/colecionadores residentes fora das áreas de atuação dos CCBNB’s (Fortaleza, Cariri e Alto Sertão Paraibano), poderá ser concedido acréscimo de cachê de até 50% para despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação. Além do pagamento do cachê, os CCBNBs responsabilizam-se pela divulgação e apresentação do evento. Serão descontados do total do pagamento para cada convidado os impostos previstos em lei.

PARA NOVAS IDEIAS
Além das áreas e atividades acima, definidas pelo Centro Cultural Banco do Nordeste para composição da programação em 2011, poderão ser apresentadas propostas com novas ideias de programação em Fortaleza, Cariri e Sousa, em quaisquer segmentos da cultura, realizadas dentro ou fora das instalações dos Centros Culturais. Caberá ao proponente a execução (produção) da atividade proposta na programação de 2011, com o fornecimento das informações necessárias à sua divulgação solicitadas pelo CCBNB (fotos, releases, textos etc.) O CCBNB, em entendimento com o proponente, será responsável pela formatação final da proposta (periodicidade, nome, marca etc.), bem como pela produção do material de divulgação necessário para sua realização. As propostas apresentadas devem ter orçamento detalhado de execução, discriminando todas as despesas (exceto material de divulgação) obedecendo ao limite de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) por ano, sendo descontados do pagamento total os impostos previstos em lei. As ideias selecionadas poderão ser transformadas, a critério do CCBNB, em atividades permanentes de sua grade de programação, podendo inclusive ser objeto dos próximos editais de programação ou serem replicadas em outros Centros Culturais do BNB.

BANCO DO NORDESTE DO BRASIL
Ambiente de Gestão da Cultura
Centro Cultural Banco do Nordeste
Fortaleza – Cariri - Sousa

Posted by Marília Sales at 5:35 PM

setembro 2, 2010

CONVOCATÓRIA: Estão abertas as inscrições para 2 bolsas-residências no CAPACETE

Estão abertas as inscrições para 2 bolsas-residências no CAPACETE / Rio de Janeiro ou São Paulo 2010 *.

* Aceitaremos projetos que não necessariamente exigem que o candidato esteja no Rio de Janeiro ou São Paulo. As justificativas serão analisadas e uma ajuda de custo para hospedagem em outra localidade poderá ser concedida. Caso seja necessário um segundo momento para a realização das devidas pesquisas, tentaremos concretizar este segundo período em algum momento posterior a primeira fase.

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
- Duração das residências: 2 meses ( novembro e dezembro 2010) + possibilidade de outro periodo

- Valor da bolsa-residência: R$ 2.000,00 por mês (além da bolsa, as residências incluem: transporte de ida e volta para qualquer lugar no Brasil e todos os custos de hospedagem, com exceção da alimentação).

- Os candidatos deverão realizar uma apresentação de suas pesquisas no programa do CAPACETE para o público interessado.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
-- as inscrições são gratuitas e devem ser efetuadas mediante envio pelo correio eletrônico residencia@capacete.net da ficha de inscrição, da descrição do projeto e do currículo do artista

- Caso ache necessário enviar um CD/DVD, inlcuindo fotos ou filmes - use o endereço que segue:
CAPACETE entretenimentos
Assunto / Residência
Rua do Russel 300/601
Rio de Janeiro 22210 010

Regulamento:

CAPACETE entretenimentos
REDE NACIONAL FUNARTE ARTES VISUAIS 7ª EDIÇÃO

CONVOCATÓRIA


Estão abertas as inscrições para 2 bolsas-residências no CAPACETE / Rio de Janeiro ou São Paulo 2010 *.

Duração das residências: 2 meses ( novembro e dezembro 2010) + possibilidade de outro periodo*.

Cidades: Rio de Janeiro ou São Paulo; ou outra cidade dependendo do projeto *.

Quem poderá concorrer: artistas, críticos, curadores, arquitetos, DJs e profissionais interessados. Pedimos aos interessados que verifiquem as linhas conceituais do programa CAPACETE no site www.capacete.net

Prazo de inscrição: 30 de setembro de 2010 (até meia noite) / O resultado da seleção será anunciada até o final de setembro de 2010 no nosso site www.capacete.net

Valor da bolsa-residência: R$ 2.000,00 por mês (além da bolsa, as residências incluem: transporte de ida e volta para qualquer lugar no Brasil e todos os custos de hospedagem, com exceção da alimentação).

Os candidatos deverão realizar uma apresentação de suas pesquisas no programa do CAPACETE para o público interessado.

* Aceitaremos projetos que não necessariamente exigem que o candidato esteja no Rio de Janeiro ou São Paulo. As justificativas serão analisadas e uma ajuda de custo para hospedagem em outra localidade poderá ser concedida. Caso seja necessário um segundo momento para a realização das devidas pesquisas, tentaremos concretizar este segundo período em algum momento posterior a primeira fase.


Sobre as inscrições:
Para candidatar-se, envie uma descrição da sua proposta, seguindo o contexto dado:

Parte-se do pressuposto de que o Brasil tem ignorado seu passado da ditadura militar (1964/1985), seu período recente mais obscuro.
Conseqüentemente, há que redefinir prioridades e termos num espaço multiracial, tomando simultaneamente em conta os conflitos que permeiam as interações na contemporaneidade e que não podem ser entendidas como um mero "choque de classes sociais", mas como lugares complexos de conviviabilidade (Gilroy) ou zonas de contato (Pratt), em que a desigualdade de anteriores dependências é prolongada e contestada.

Das inscrições:

A ficha de inscrição (anexada) deve ser preenchida e enviada junto com a proposta de projeto via email em formato PDF para o seguinte endereço: residencia@capacete.net

Caso ache necessário enviar um CD/DVD, inlcuindo fotos ou filmes - use o endereço que segue:
CAPACETE entretenimentos
Assunto / Residência
Rua do Russel 300/601
Rio de Janeiro 22210 010

CAPACETE entretenimentos
Programa de Residências de 2 meses no Rio de Janeiro/São Paulo ou outra localidade

Formulário de inscrição

Nome Completo
Data e local de nascimento
Nacionalidade
e-mail
Telefone
Endereço postal


Nome e contato email de duas pessoas de referência que podem ser contactadas :

1.
2.


Um breve texto sobre o motivo de seu interesse na residência CAPACETE:


A residência do CAPACETE acontece normalmente em duas fases caso o projeto selecionado necessite de uma segunda estadia. Esta segunda fase é dependente do resultado da primeira estadia e será discutido com o candidato em um momento propício.


Links (pessoais ou não) de trabalhos disponíveis na Internet, caso considere importante

Anexe um CV dos últimoso 5 anos

Preferência de cidade (Rio de Janeiro, São Paulo ou outra localidade); escolha deve refletir proposta do projeto.


Do contexto dado para estas residências:

Parte-se do pressuposto de que o Brasil tem ignorado seu passado da ditadura militar (1964/1985), seu período recente mais obscuro.
Consequentemente, há que redefinir prioridades e identidades num espaço multiracial, tomando simultaneamente em conta os conflitos que permeiam as interações na contemporaneidade que não podem ser entendidas como um mero "choque de classes sociais", mas como lugares complexos de conviviabilidade (Gilroy) ou zonas de contato (Pratt), em que a desigualdade de anteriores dependências é prolongada e contestada.


O espaço aquí reservado para a proposta pode ser extendido!


---------------------------------------------------------
Data a assinatura


Este documento debe ser enviado como pdf para o email: residencia@capacete.net

Os artistas inscritos serão notificados do recebimento do material.


Posted by Marília Sales at 2:13 PM

setembro 1, 2010

III Mostra Live Cinema 2010 na Oi Futuro Ipanema, Rio de Janeiro

A III Mostra Live Cinema (mLC 2010) é uma mostra expositiva de performances audiovisuais, de Live Cinema, Live Images e de qualquer outro tipo de manifestação que utilize a performance e elementos audiovisuais em sua apresentação.

A mLC acontecerá no teatro do Oi Futuro Ipanema, na cidade do Rio de Janeiro, dos dias 18 a 21 de novembro de 2010.

Chamada de trabalhos:
Todos as formas e experiências de performances audiovisuais que sejam baseadas no fazer ao vivo, usando-se softwares e hardwares de manipulação de imagem, som, dados e luz em tempo real são encorajadas a participar mediante o envio de propostas de trabalhos inéditos ou não.

Serão aceitas até oito performances audiovisuais nacionais e até duas internacionais, que se apresentarão até duas vezes cada uma, durante duas das quatro noites de performances da mLC 2010, podendo haver ou não a inclusão de performances adicionais de acordo com a decisão da comissão organizadora.

Inscrições até 1º de outubro de 2010

Data: 2 a 5 de dezembro de 2010

Oi Futuro Ipanema
Rua Visconde de Pirajá 54, Ipanema, Rio de Janeiro - RJ
21 -3201-3010
www.oifuturo.org.br
www.livecinema.com.br

Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais
As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

GANHO PARA SELECIONADOS:
- passagem aérea de ida e volta, hospedagem e alimentação por até três dias (café da manhã e almoço).
- cachê a título de ajuda de custo referentes as suas apresentações na mostra.

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
- as inscrições são gratuitas e devem ser efetuadas mediante envio pelo correio eletrônico (inscricao@livecinema.com.br) da ficha de inscrição, da descrição do projeto e do portfólio do artista
-materiais adicionais contendo por exemplo o portfólio do artista ou coletivo em DVD devem ser enviados até a data de 17 de setembro de 2010 para:

III Mostra Live Cinema
Rua Major Sertório 557, apto 8ab, Vila Buarque,São Paulo - SP
Cep- 01222-001


Regulamento:


III MOSTRA LIVE CINEMA – mLC 2010

APRESENTAÇÃO

A III MOSTRA LIVE CINEMA (mLC 2010) é uma mostra expositiva de performances audiovisuais, de Live Cinema, Live Images e de qualquer outro tipo de manifestação que utilize a performance e elementos audiovisuais em sua apresentação.

A mLC acontecerá no teatro do Oi Futuro Ipanema, na cidade do Rio de Janeiro, dos dias 18 a 21 de novembro de 2010.

CHAMADA DE TRABALHOS

Todos as formas e experiências de performances audiovisuais que sejam baseadas no fazer ao vivo, usando-se softwares e hardwares de manipulação de imagem, som, dados e luz em tempo real são
encorajadas a participar mediante o envio de propostas de trabalhos inéditos ou não.

Serão aceitas até oito performances audiovisuais nacionais e até duas internacionais, que se apresentarão até duas vezes cada uma, durante duas das quatro noites de performances da mLC 2010,
podendo haver ou não a inclusão de performances adicionais de acordo com a decisão da comissão organizadora.

A data limite para as inscrições é 17 de setembro de 2010 e em hipótese alguma haverá prorrogação na prazo das inscrições.

Download da ficha de inscrição

Termos e condições para a realização das inscrições:

_ entende-se como performances audiovisuais a apresentação de uma peça ou composição multimídia onde as imagens, os sons, a luz e/ou os objetos de cena são manipulados ao vivo e em tempo
real pelo performer diante da platéia.

_ o tempo máximo de cada apresentação será de 30 minutos podendo haver concessões, em casos excepcionais, de tempo extra de acordo com a decisão da comissão organizadora.

_ As performances serão apresentadas no teatro do Oi Futuro Ipanema que tem um palco com as seguintes dimensões: 5m de frente por 7 m de fundo e 2,5m de altura, medindo a tela de projeção
4 x 2,5m.

_ o suporte ou os suportes de exibição utilizados na mLC 2010 assim como a proposta de ambientação dos mesmos, serão desenvolvidos em função do conjunto dos projetos selecionados para cada uma das noites da mostra.

_ os projetos inscritos devem levar em consideração as dimensões do palco do teatro do Oi Futuro Ipanema devendo a proposta expositiva (números de suportes para exibição das imagens e proposta de ambientação) ser adequada ao mesmo.

_ à critério dos organizadores da mLC 2010 a exeqüibilidade técnica da performance será levada em consideração como critério para a seleção dos projetos.

_ cada performer ou coletivo receberá para participar da mLC 2010 um cachê a título de ajuda de custo referentes as suas apresentações na mostra.

_ cada performer ou coletivo residente fora da cidade do Rio de Janeiro receberá uma passagem aérea de ida e volta da sua cidade natal para a cidade do Rio de Janeiro, mais hospedagem e alimentação por até três dias da mLC 2010 (café da manhã e almoço). Poderá haver concessões, em casos excepcionais, de
passagens aéreas adicionais assim com hospedagem e alimentação para mais de um artista ou coletivo de acordo com a decisão da comissão organizadora.

_ a mLC 2010 disponibilizará somente os suportes de exibição de imagem mais um mixer de vídeo/áudio e o sistema de som para as performances. Computadores, hardwares e interfaces são de responsabilidade de cada um dos performers ou coletivos e deverão ser disponibilizados por estes.

_ cada artista ou coletivo pode inscrever quantos projetos quiser. Informações que devem constar em cada uma das propostas enviadas:

_ descritivo do projeto da performance contendo descrição conceitual e técnica do projeto proposto (rider técnico de imagem e som).

_ informar se o projeto é inédito ou não. Caso a performance já tenha sido apresentada anteriormente indicar o local(is) e data(s).

_release, fotos (300dpi) e documentação em vídeo da performance para os projetos já apresentados. No caso de projeto inédito, apresentar portfólio do artista/coletivo proponente em website ou DVD contendo outros trabalhos do gênero ou referências da obra proposta.

_ mini currículo do realizador e dos envolvidos.

_ mapa de palco.

Download da ficha de inscrição

Dos materiais enviados:

_ as inscrições são gratuitas e devem ser efetuadas mediante envio pelo correio eletrônico (inscricao@livecinema.com.br) da ficha de inscrição, da descrição do projeto e do portfólio do artista até 17 de setembro de 2010.

_ materiais adicionais contendo por exemplo o portfólio do artista ou coletivo em DVD devem ser enviados até a data de 17 de setembro de 2010 para:

III Mostra Live Cinema.

Rua Major Sertório 557, apto 8ab. Vila Buarque.
São Paulo. SP. Cep- 01222-001.

_ não serão aceitas correspondências postadas após a data limite de inscrição.

_ a inobservância de algum dos critérios estabelecidos ou a falta dos materiais solicitados implicará na invalidação automática da inscrição efetuada.

_ os materiais enviados para seleção não serão devolvidos em nenhuma hipótese.

SELEÇÃO

A seleção dos trabalhos será feita pela comissão organizadora da mLC 2010 mediante apreciação da ficha de inscrição, do projeto descritivo da performance proposta e da análise do portfólio do
artista ou coletivo inscrito.

A comissão organizadora da mLC 2010 poderá contribuir com a programação convidando artistas nacionais e/ou internacionais para a edição da III Mostra Live Cinema.

DOS DIREITOS AUTORAIS E USO DE IMAGEM DOS ARTISTAS

SELECIONADOS

Para a divulgação da mostra:

_ caso selecionado, os participantes dos projetos desde já autorizam a mLC 2010 a utilizar suas imagens e currículos para exibição em mídia impressa, eletrônica e internet, exclusivamente para a divulgação da III Mostra Live Cinema.

_ a utilização ora prevista não tem limitação temporal ou numérica e é válida para todo o Brasil e o exterior, sem que seja devida nenhuma remuneração, a qualquer título.

_ cada artista ou coletivo participante da mLC 2010 autoriza a documentação em vídeo e áudio da sua performance para que essa documentação, na íntegra ou em partes, faça parte do banco de dados do site da Mostra Live Cinema, de suas Redes Sociais (Youtube, Vimeo, Flickr, FaceBook etc.) assim como dos produtos de divulgação de futuras mostras desde que sem fins comerciais.

Das Obras de Terceiros:

_ Os selecionados serão responsáveis pela obtenção de toda e qualquer autorização, licenciamento ou cessão de direitos, relativos a obras (textos, músicas, fotografias etc.) ou imagens de terceiros necessários para o pleno atendimento de toda a legislação incidente sobre o projeto/obra, em especial, a legislação autoral e as referentes ao uso de registros de imagem e voz.

_ A mLC 2010 verificará a regularidade de todos os direitos autorais, conexos e de imagem presentes ou incidentes na versão final do projeto, ficando a seu exclusivo critério decidir a sanção ao projeto que desatender essas exigências.

_ A mLC 2010 se reserva o direito de solicitar, a qualquer tempo, documentos que comprovem as declarações dos participantes

_ O artista ou coletivo inscrito e contemplado responderá, de forma exclusiva e integral, por eventuais reclamações, questionamentos, acusações ou alegações de plágio ou violação a direitos autorais, conexos, patrimoniais, de propriedade industrial, de titularidade de terceiros, dentre outros, inclusive pela omissão de informações, assegurando a Mostra Live Cinema o pleno ressarcimento por possíveis prejuízos sofridos pela mostra a esse título.

Do Resultado:

_O Resultado dos artistas selecionados será anunciado em no máximo 20 dias após o término das inscrições no próprio site da mLC 2010 (www.livecinema.com.br).

_Os selecionados serão comunicados por correio eletrônico. Os que não responderem em tempo hábil às exigências documentais nos prazos e limites estabelecidos após a confirmação da seleção serão automaticamente excluídos do evento.

OUTRAS INFORMAÇÕES

_ Questões não-previstas no presente regulamento serão avaliadas e decididas sob exclusivo critério da comissão de organização da mLC 2010.

_ O ato de inscrição implica automática e plena concordância com os termos deste regulamento.

_ Dúvidas poderão ser esclarecidas pelo e-mail:
info@livecinema.com.br

Realização - antenna produtora


Posted by Paula Dalgalarrondo at 3:38 PM