Página inicial

Salões & Prêmios

 


agosto 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    
Pesquise em
salões & prêmios:

Arquivos:
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
dezembro 2016
novembro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
maio 2016
abril 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
outubro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
julho 2004
junho 2004
maio 2004
As últimas:
 

julho 31, 2006

Inscrições e informações para o artista: Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça 2006 – Artes Visuais Funarte MINC

Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça 2006 - Artes Visuais Funarte MINC

Inscrições até 11 de setembro de 2006

Centro de Artes Visuais/FUNARTE
Rua da Imprensa 16 13º andar sala 1303, Castelo, Rio de Janeiro - RJ 20030-120
21-2279-8092 / 8090
www.funarte.gov.br


Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais

As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

PRÊMIOS:
- Categoria Fomento/pesquisa: cinco bolsas de R$30 mil
- Categoria Conjunto da Obra: uma bolsa de R$35 mil
- Categoria Monografia: uma bolsa de R$35 mil

GANHO PARA SELECIONADOS:
- Os trabalhos serão apresentados em um catálogo a ser coordenado pelo Centro de Artes Visuais

GANHO PARA INSCRITOS: nenhum

CUSTOS OPERACIONAIS:
INSCRIÇÃO:
- Categoria Fomento/Pesquisa: os projetos concorrentes aos prêmios de fomento/ pesquisa deverão ser apresentados em dossiês contendo textos explicativos, fotografias, desenhos e/ou DVD, se for o caso
- Categoria Monografia: os textos que concorrerão aos Prêmios de publicação para monografia deverão ser apresentados à comissão julgadora encadernados em 3 (três) vias e, também, em CD-ROM (utilizando programa Word).
Os dossiês devem conter textos explicativos, fotografia (s) e/ou desenhos - no tamanho 20X25 cm (medidas aconselháveis, não obrigatórias), e/ou DVD, dependendo do caso. O currículo do proponente é de envio obrigatório

TRANSPORTE, SEGURO
- O transporte das peças para a Funarte e o seguro no translado ficarão a cargo do artista premiado

DEVOLUÇÃO DOS DOSSIÊS
- Os dossiês remetidos pelos Correios via Sedex deverão incluir um envelope já sobrescrito com o endereço para devolução e com os selos referentes ao valor da carta registrada, em anexo; devendo conter, ainda, identificação escrita na capa sobre a categoria a qual está concorrendo (Fomento/Pesquisa ou Monografia)

EXPOSIÇÃO
- Ficará a critério do Centro de Artes Visuais da Funarte a realização de uma exposição referente aos Prêmios concedidos


EDITAL

O Presidente da Fundação Nacional de Arte - Funarte, no uso das suas atribuições que lhe confere o inciso V, artigo 14 do Estatuto aprovado pelo Decreto n° 5.037 de 07/04/2004, publicado no DOU de 08/04/2004, de acordo com os arts. 215 e 216 da Constituição da República Federativa do Brasil, e art. 3° da Portaria n° 14 de 01/02/2006 do Ministério da Cultura, torna público o presente Edital do Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça para todo o território nacional.

I - Do Objeto

1.1 Promover o Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça, visando o estímulo e a difusão da recente produção artística brasileira, na área de artes visuais;

1.2 Serão contempladas três categorias presentes no campo das artes visuais contemporâneas - Fomento/Pesquisa, Conjunto da obra e Monografia, que originarão 7 (sete) prêmios, sendo 5 (cinco) bolsas de pesquisa/fomento para artistas contemporâneos, 1 (um) prêmio pelo conjunto da obra e 1 (um) prêmio de publicação (monografia);

1.2.1 A premiação ficará a cargo de uma comissão julgadora composta por 9 (nove) profissionais ligados à área e com reconhecimento em todo território nacional, convidados por suas significativas contribuições às artes visuais, sendo 6 (seis) para a escolha dos prêmios de fomento/pesquisa e conjunto da obra e 3 (três) para a seleção do Prêmio de monografia;

1.2.2 O resultado da premiação será apresentado no DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO, difundido nos principais órgãos de imprensa e no site da Funarte, em um catálogo, palestras, debates e relatórios, sob coordenação do Centro de Artes Visuais - Funarte.

II - Das Condições

2.1 Poderão concorrer aos prêmios, brasileiros natos ou estrangeiros naturalizados, com idade igual ou superior a 18 (dezoito) anos;

2.1.1 É vedada a participação dos membros da Comissão Julgadora, de seus parentes consangüíneos ou por afinidade até o terceiro grau e de servidores do Ministério da Cultura e de suas vinculadas;

2.2 O proponente somente poderá inscrever-se em uma das categorias apresentadas;

Categoria Fomento/Pesquisa

a) Os projetos concorrentes aos prêmios de fomento/ pesquisa deverão ser apresentados em dossiês contendo textos explicativos, fotografias, desenhos e/ou DVD, se for o caso. Em anexos deverá constar o currículo do proponente;

b) Os projetos e anexos em CD deverão ser compatíveis com a plataforma Windows;

c) A(s) obra(s) selecionada(s) pela comissão julgadora deverá(ão) ser entregue(s) à Funarte para a formação de acervo visando futura doação às Instituições Públicas que mantenham espaço adequado para exposições e reserva técnica;

d) As obras deverão ser entregues na Funarte, Rua da Imprensa, 16, sala 1303, Rio Janeiro, Castelo, até 30 (trinta dias) após o recebimento do prêmio;

e) Os artistas premiados deverão entregar as obras selecionadas na sede da Funarte, adequadas para uma eventual exposição ou acompanhadas de projeto técnico específico para sua instalação;

f) O transporte das peças para a Funarte e o seguro no translado ficarão a cargo do artista premiado.

Categoria Conjunto da Obra

a) O prêmio pelo conjunto da obra será definido levando-se em conta aspectos associados à trajetória do artista, considerando-se currículo, participação, com destaque, em exposições, publicações e eventos representativos no campo das artes visuais.

Categoria Monografia

a) Os textos que concorrerão aos Prêmios de publicação para monografia deverão ser apresentados à comissão julgadora encadernados em 3 (três) vias e, também, em CD-ROM (utilizando programa Word). Os custos de publicação do texto escolhido ficarão a cargo do premiado, caso seja de seu interesse, seguindo critérios de formatação e design gráfico adotados pelo Centro de Artes Visuais da Funarte;

b) A data para a publicação da monografia será decidida em conjunto com o Centro de Artes Visuais, e deverá integrar a coleção"Pensamento Crítico", editada pela Funarte;

c) Podem inscrever-se para esta modalidade artistas e/ou grupos, críticos e pesquisadores de todo o Brasil e estrangeiros, conforme subitem 2.1;

d) Os projetos concorrentes à Categoria Monografia deverão conter um máximo de 100 (cem) laudas, seguindo as normas da ABNT (www.abnt.org.br).

III - Das Inscrições

3.1 As inscrições dar-se-ão no período de 28 de julho de 2006 a 11 de setembro de 2006.

3.2 O Centro de Artes Visuais da Funarte rejeitará as inscrições que não estejam de acordo com os termos deste edital. A inscrição implica na automática e plena concordância com as normas estabelecidas em suas cláusulas;

3.3 Serão desconsideradas as inscrições postadas após o dia 11 de setembro de 2006.

3.4 Somente serão aceitos os trabalhos postados por correio, via Sedex, ou entregues diretamente no Centro de Artes Visuais/FUNARTE - Rua da Imprensa, 16 - 13º andar - sala 1303 - Castelo, CEP: 20030-120 - Rio de Janeiro - RJ, tel.: (21) 2279-8092/2279-8090;

3.5 Para inscrição, todo proponente deverá estar com o CPF atualizado e situação fiscal regularizada junto à Receita Federal do Ministério da Fazenda, apresentando certidão negativa junto ao dossiê, conforme regra descrita no item 4.4, alínea a.

IV - Da Seleção

4.1 A seleção dos trabalhos referentes a fomento/pesquisa e conjunto da obra será feita pelo exame de dossiês em duas etapas, por uma comissão de triagem e uma comissão de premiação, cada qual composta por 3 (três) membros, totalizando 6 (seis);

4.2 A seleção do trabalho referente à Monografia será feita, em etapa única, por uma comissão composta por 03 (três) membros;

4.3 Os membros das comissões serão escolhidos pelo Centro de Artes Visuais, quando será lavrada a ata da sessão onde estarão fundamentados os critérios adotados para a seleção dos trabalhos;

4.4 Os dossiês devem obedecer às seguintes especificações:

a) Serem enviados, em envelope com nome completo do artista e/ou grupo, crítico e pesquisador, juntamente, e de forma compulsória, com a Certidão Conjunta Negativa de Débitos Relativos a Tributos Federais à Dívida Ativa da União referente ao CPF do concorrente, emitida pela Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br);

b) Os dossiês remetidos pelos Correios via Sedex deverão incluir um envelope já sobrescrito com o endereço para devolução e com os selos referentes ao valor da carta registrada, em anexo; devendo conter, ainda, identificação escrita na capa sobre a categoria a qual está concorrendo (Fomento/Pesquisa ou Monografia);

c) Conter textos explicativos, fotografia (s) e/ou desenhos - no tamanho 20X25 cm (medidas aconselháveis, não obrigatórias), e/ou DVD, dependendo do caso. O currículo do proponente é de envio obrigatório;

d) Os projetos escritos, bem como as informações fundamentais, deverão ser enviados, obrigatoriamente, em arquivo digital (CD-ROM, programa Word);

e) O conjunto enviado deverá conter todas as especificações, tais como: nome, data, conceito, dimensões, técnica, material e outros dados considerados relevantes pelo proponente;

f) Em caso de instalação ou trabalhos de montagem complexa, o dossiê deve permitir entendimento claro das propostas apresentadas, através de texto com especificações de manuseio e montagem.

4.5 Não serão aceitas obras originais enviadas para seleção.

4.6 Os participantes não selecionados, que entregarem pessoalmente seus dossiês no Centro de Artes Visuais, deverão retirá-los no mesmo local até o término do projeto. Caso contrário, os dossiês serão mantidos pela Funarte até um ano após a data de início das inscrições, não se responsabilizando mais pelos mesmos após este prazo.

V - Apresentação dos Trabalhos

5.1 Os trabalhos serão apresentados em um catálogo a ser coordenado pelo Centro de Artes Visuais;

5.2 Os artistas agraciados pelo "Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça" e que, automaticamente, estarão presentes no catálogo deverão, no ato de recebimento do prêmio, assinar contrato de cessão de direitos autorais para a Funarte, permitindo-lhe o uso das imagens de maneira irrestrita.

VI - Das Obrigações

6.1 Cabe ao Artista:

a) cumprir os prazos estipulados para a entrega das obras;

b) comunicar, por escrito, ao Centro de Artes Visuais da FUNARTE, eventuais mudanças de endereço;

c) Entregar, nos prazos estipulados pela Funarte, o material destinado à produção das peças gráficas e divulgação, acompanhado de ficha técnica completa, currículo resumido e texto em torno de 2100 caracteres sobre o trabalho que será apresentado;

d) A inscrição efetuada implica na plena aceitação de todas as condições nos termos deste Edital.

6.2 Cabe a Funarte:

a) Pagar os prêmios aos artistas agraciados;

b) Devolver pelo correio os dossiês dos artistas, em consonância com o disposto no subitem 4.4 deste edital;

c) As decisões finais da Comissão de Seleção são irretratáveis e irrevogáveis;

d) Os casos omissos e controversos serão resolvidos pelo Presidente da Funarte, ouvido o Centro de Artes Visuais.

VII - Da Premiação

7.1 "Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça" premiará 7 (sete) concorrentes, na forma a seguir, nas categorias: Fomento/pesquisa - 5 (cinco), com valor da bolsa a cada premiado de R$30.000,00 (trinta mil reais); Conjunto da Obra - 1 (um) e Monografia - 1 (um), com o valor de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais) a cada premiado, em uma única parcela;

7.2 Os premiados sofrerão os descontos previstos na legislação em vigor.

VIII - Das Disposições Finais

8.1 O proponente será responsável pelo projeto e documentos encaminhados, não implicando qualquer responsabilidade civil ou penal para a Funarte;

8.2 Ficará a critério do Centro de Artes Visuais da Funarte a realização de uma exposição referente aos Prêmios concedidos;

8.3 No caso de realização de uma exposição, caberá exclusivamente à Comissão de Seleção e à Funarte, através do Centro de Artes Visuais, o conceito de montagem e o local onde serão apresentados os trabalhos;

8.4 O premiado estará sujeito às penalidades legais, pela inexecução total ou parcial do projeto ou, ainda, pela execução de seu projeto em desacordo com a descrição contida na proposta aprovada pela Comissão de Seleção, obrigando-se a devolver o valor do apoio recebido, acrescido de multa de 2% (dois por cento) e juros de 0,5% (meio por cento), apurados a cada trinta dias, contados da data do efetivo recebimento, até a efetiva quitação da dívida, calculados sobre o valor do apoio recebido;

8.5 O Ministério da Cultura e a Funarte poderão utilizar peças publicitárias, fichas técnicas, material audiovisual e fotografias, conforme subitem 6.1, alínea c, desde já autorizadas pelos selecionados;

8.6 O presente Edital ficará à disposição dos interessados nos sites da Funarte, www.funarte.gov.br, e do Ministério da Cultura, www.cultura.gov.br, na FUNARTE, nas Secretarias de Estado de Cultura e nas Secretarias Municipais de Cultura das capitais, dentro do expediente normal destas instituições;

8.7 Outros esclarecimentos podem ser obtidos pelos telefones (21) 2279-8092 / 2279-8090.

Antônio Grassi
Presidente da Funarte

Posted by João Domingues at 3:49 PM

Selecionados Segunda Edição do Prêmio Marcantonio Vilaça

Selecionados Segunda Edição do Prêmio Marcantonio Vilaça

Armando Queiroz (PA - Vive e trabalha em Belém - PA)
Carlos Melo (PE - Vive e trabalha no Recife - PE)
Eduardo Srur (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Egidio Rocci (SP - Vive e trabalha em São José dos Campos - SP)
Elder Rocha (GO - Vive e trabalha em Brasília - DF)
Fabiano Gomper (PB - Vive e trabalha em João Pessoa - PB)
Frederico Câmara (MG - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Henrique Oliveira (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Jared Domício (CE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
João Loureiro (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laerte Ramos (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laura Lima (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Leandro Lima e Gisela Motta (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucas Bambozzi (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucia Laguna (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Marcelo Moscheta (SP - Vive e trabalha em Campinas - SP)
Marcelo Solá (GO - Vive e trabalha em Goiânia - GO)
Márcia Xavier (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Marcone Moreira (MA - Vive e trabalha em Marabá - PA)
Mariana Manhães (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Matheus Rocha Pitta (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Mauro Restiffe (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Milena Travassos (PE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
Nazareno (CE - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Nicolas Robbio (Argentina - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
PaulaGabriela (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Paulo Nenfrídio (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Paulo Vivacqua (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Sara Ramo (Espanha - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Wagner Malta Tavares (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)

Comissão de seleção: Marcus Lontra, Marisa Mokarsel, Ricardo Resende

Comissão de premiação: Cristiana Tejo, Lisette Lagnado, Paulo Herkenhoff

Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas
Gerência de Cultura SESI/DN
SBN Quadra 1 Bloco C, Ed. Roberto Simonsen, 10º andar, Brasília - DF 70040-903
0800-610606 ou premioartesplasticas@sesi.org.br
www.sesi.org.br/premioartes


Prêmio CNI-Sesi Marcantonio Vilaça para as artes plásticas divulga os 30 selecionados de sua segunda edição

O júri de seleção do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas 2006/2007 se reuniu em Brasília nos últimos dias 19, 20 e 21 de julho e definiu os 30 selecionados para esta segunda edição do Prêmio.

O júri foi formado por Marcus Lontra (curador independente e Secretário Municipal de Cultura de Nova Iguaçu - RJ), Ricardo Resende (diretor do Centro Cultural Dragão do Mar de Fortaleza - CE) e Marisa Mokarsel) diretora do Espaço Cultural Casa das 11 Janelas de Belém - PA), que avaliou 744 inscrições.

Foram selecionados:

Armando Queiroz (PA-Vive e trabalha em Belém - PA)
Carlos Melo (PE - Vive e trabalha no Recife - PE)
Eduardo Srur (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Egidio Rocci (SP - Vive e trabalha em São José dos Campos - SP)
Elder Rocha (GO - Vive e trabalha em Brasília - DF)
Fabiano Gomper (PB - Vive e trabalha em João Pessoa - PB)
Frederico Câmara (MG - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Henrique de Oliveira (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Jared Domício (CE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
João Loureiro (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laerte Ramos (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laura Lima (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Leandro Lima e Gisela Motta (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucas Bambozzi (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucia Laguna (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Marcelo Moscheta (SP - Vive e trabalha em Campinas - SP)
Marcelo Solá (GO - Vive e trabalha em Goiânia - GO)
Márcia Xavier (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Marcone Moreira (MA - Vive e trabalha em Marabá - PA)
Mariana Manhães (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Matheus Rocha Pitta (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Mauro Restiffe (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Milena Travassos (PE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
Nazareno (CE - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Nicolas Robbio (Argentina - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
PaulaGabriela (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Paulo Nenfrídio (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Paulo Vivacqua (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Sara Ramo (Espanha - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Wagner Malta Tavares (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)

A divulgação dos cinco premiados acontecerá em Recife, no dia 30 de agosto. O júri de premiação é formado por Cristiana Tejo (coordenadora de artes plásticas da Fundação Joaquim Nabuco - PE), Lisette Lagnado (curadora da 27ª Bienal de São Paulo) e Paulo Herkenhoff (curador independente).

A segunda edição do prêmio foi lançada em 17 de abril último, na Usina do Gasômetro, em Porto Alegre. As inscrições permaneceram abertas até 15 de julho último.

Nesta segunda edição serão concedidas bolsas de trabalho para cinco artistas, no valor total de R$ 150 mil reais (bolsas individuais de R$ 30 mil reais), para estimular a produção cultural nacional de artes plásticas em todo o Brasil. O trabalho dos artistas selecionados terá acompanhamento de um crítico ou curador. Depois, serão organizadas mostras itinerantes das obras selecionadas. Haverá também a edição de um catálogo com os trabalhos realizados pelos cinco artistas vencedores. No final das exposições, cada artista indicará uma obra, como doação, para o acervo dos museus do circuito. A iniciativa da CNI e do SESI tem por objetivo estimular a produção de novos artistas em diversas áreas das artes visuais e, com isso, dar visibilidade ao cenário contemporâneo das artes e também dos espaços culturais. Além de incentivar a produção artística, o Prêmio também irá proporcionar o enriquecimento do acervo de museus dos principais centros culturais do País.

O papel do sistema CNI

Investir na cultura e na arte brasileira é uma das formas do Sistema CNI contribuir com o desenvolvimento social do Brasil. A cultura e as artes proporcionam os elementos necessários para o desenvolvimento; geram trabalho, emprego e renda e são partes cada vez mais importantes das economias mundiais e desempenham um papel dominante na criação de novos parâmetros educativos, na resolução de conflitos e da coexistência pacífica entre os diversos povos e culturas. Estimulam a inovação, a criatividade e a diversidade, gerando novas idéias, tecnologias e soluções para todas as categorias de necessidades humanas. O Sistema CNI, em sintonia com o compromisso assumido pelo Governo Federal de defender e valorizar a cultura brasileira, de produzir e difundir os bens culturais e democratizar o seu acesso, anuncia a criação do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas que visa promover a interação entre a atividade cultural e o segmento industrial e econômico do Brasil, estimulando a produção da arte contemporânea brasileira e o enriquecimento do acervo artístico de museus públicos do País. Os objetivos serão alcançados por meio da concessão de bolsas de trabalho a artistas plásticos iniciantes de todo o País, que em contrapartida, trabalharão na produção de obras para mostra itinerante em museus públicos. O Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas presta justa homenagem a uma das figuras mais relevantes das artes plásticas brasileiras nos últimos vinte anos, que com seu espírito empreendedor contribuiu de forma marcante para a cultura nacional, não só no incentivo aos novos talentos, como também pela projeção da arte brasileira no mercado externo.

Quem foi Marcantonio Vilaça

Pernambucano Marcantonio Vilaça, falecido precocemente no ano 2000, aos 37 anos de idade tem sua trajetória cultural iniciada em Recife, ainda criança, pela influência dos avós e de seus pais, Maria do Carmo e Marcos Vinicius Vilaça, que o levavam a conhecer a arte popular da região e faziam com ele visitas rotineiras a museus, igrejas e conventos de todo o Nordeste. Aos 15 anos, o adolescente adquiriu sua primeira peça de arte, uma gravura do vizinho mestre de Olinda, o artista Gilvan Samico.
No início dos anos 80, Marcantonio e sua irmã Taciana Cecília abriram sua primeira galeria de arte, a Pasárgada, na Praia de Boa Viagem, em Recife. Em 1991, instalou-se em São Paulo e abriu a Galeria Camargo Vilaça, junto com a sócia Karla Camargo. Aos 35 anos, possuía cerca de 500 obras dos mais representativos artistas contemporâneos brasileiros. Em sua trajetória como galerista, ajudou na colocação de novos talentos no mercado brasileiro e internacional de artes e também doou diversas obras da sua coleção particular para museus de todo o mundo.

Presença da Ação Educativa

A mostra do Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça buscará ir além da mera contemplação dos trabalhos de alguns artistas, aproximando a arte da sociedade com ações específicas, além de incentivar de forma inédita o trabalho de novos artistas brasileiros.
Em todas as cidades percorridas pela itinerância, universitários preparados por curadores, organizadores e pelos próprios artistas que estão expondo tentarão instigar os visitantes a refletirem sobre o que vêem e como essas obras interferem em seu cotidiano.

Como foi a primeira edição do Prêmio

Na primeira edição do Prêmio (2005/2006) se inscreveram 927 artistas. O júri de seleção contou com os curadores Lisette Lagnado (São Paulo), Marcus Lontra (Rio de Janeiro) e Rodrigo Moura (Minas Gerais). A escolha dos finalistas foi feita por um júri formado por Moacir dos Anjos (Pernambuco), Paulo Herkenhoff (Rio de Janeiro) e Paulo Reis (Paraná), que premiou os artistas Lucia Koch (RS), Marilá Dardot (MG), Paula Trope (RJ), Renata Lucas (SP) e Thiago Rocha Pitta (RJ). Os cinco artistas participaram de uma mostra itinerante que percorreu seis capitais brasileiras: Brasília (sede da CNI), São Paulo (Instituto Tomie Ohtake), Rio de Janeiro (Museu Nacional de Belas Artes), Porto Alegre (Usina do Gasômetro), Belém (Casa das 11 Janelas) e Recife (Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães; mostra em cartaz até 3 de setembro de 2006).


Mais informações podem ser obtidas no site www.seis.org.br ou através do e-mail premioartesplasticas@sesi.org.br.

Posted by João Domingues at 12:06 PM | Comentários(1)

julho 21, 2006

Selecionados e Premiados 31° SARP, Ribeirão Preto

31° SARP - Salão de Arte de Ribeirão Preto Nacional-Contemporâneo
Selecionados:
Adriana Palma Franco do Amaral (Ribeirão Preto - SP)
Alexandre Mascarenhas (Rio de Janeiro - RJ)
Aline Van Langendonck (São Paulo - SP)
Anníbal e Branca (São Paulo - SP)
Bettina Vaz Guimarães (São Paulo - SP)
Caio Moraes (São Paulo - SP)
Caio Formiga (São Paulo - SP)
Cândida Coelho (São Paulo - SP)
Carlos Ribeiro (Santo André - SP)
Christina Meirelles (São Paulo - SP)
Cláudio Boczon (Curitiba - PR)
Coletivo Soco na Pomba / Denise Alves de Oliveria, Renan Araújo e Taygoara Schiavinoto (Ribeirão Preto - SP)
Diogo de Moraes (São Paulo - SP)
Estevão Machado (Belo Horizonte - MG)
Fernanda Gassen (Porto Alegre - RS)
Fernanda Magalhães (Londrina - PR)
Fernando Velázquez (São Paulo - SP)
Flávia Yue (São Paulo - SP)
José Roberto Shwafaty (Campinas - SP)
Júlio Meiron (São Paulo - SP)
Karen Kabbani (São Paulo - SP)
Liene Bosque (São Paulo - SP)
Luciana Ohira e Sérgio Bonilha (São Paulo - SP)
Mariane Abakerli (São Paulo - SP)
Maurício Trindade (São Paulo - SP)
Mayra Azzi (São Paulo - SP)
Osvaldo Carvalho (Niterói - RJ)
Rafael Campos Rocha (São Paulo - SP)
Raphael Franco (São Paulo - SP)
Roberto Barbi (São Paulo - SP)
Rosilene Fontes (São Paulo - SP)
Sarah Mafud (Ribeirão Preto - SP)
Vera Barbieri (Ribeirão Preto - SP)

Prêmios Aquisitivos / Acervo MARP:
Fernando Velázquez (São Paulo - SP)
Flávia Yue (São Paulo - SP)
José Roberto Shwafaty (Campinas - SP)
Liene Bosque (São Paulo - SP)
Luciana Ohira e Sérgio Bonilha (São Paulo - SP)
Mariane Abakerli (São Paulo - SP)

Comissão de Seleção e Premiação: Carlos Fajardo, Carmela Gross e Dudi Maia Rosa

MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
Rua Barão do Amazonas 323, Ribeirão Preto - SP
16-635-2421 ou marp@cultura.pmrp.com.br
www.marp.ribeiraopreto.sp.gov.br
Informações: terça a sexta, 9-12h e 14-18h
Realização: Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, Secretaria Municipal da Cultura, Coordenadoria de Artes Visuais, MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
31° SARP: 4 de agosto a 17 de setembro de 2006

Posted by João Domingues at 10:51 AM

julho 17, 2006

Inscrições e informações para o artista: Motomix Art Music

Motomix Art Music
Projetos de instalações (videoinstalações, instalações sonoras, interativas e ambientes imersivos), handset movies (vídeos, animações e narrativas visuais para celular), produções musicais e fonográficas e produções videofonográficas

Inscrições até 7 de agosto de 2006

Comissão de seleção Multimídia: Lucas Bambozzi e Mario Ramiro
Comissão de seleção Música: Dudu Marote, Edgard Scandurra e Renato Cohen

Endereço para material por correio: Motomix Art & Music Festival Edição 2006
Caixa Postal 31733-0, CEP 04723-970
Inscrições: www.hellomoto.com.br
Patrocínio: Motorola


Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais

As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

PRÊMIOS: Nenhum

GANHO PARA SELECIONADOS:
- Os participantes selecionados serão contemplados com 1 (um) aparelho de telefone celular Motorola e 6 (seis) ingressos para o show de encerramento do Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

CONTRAPARTIDA PARA SELECIONADOS:
- Os candidatos selecionados terão sua hospedagem, alimentação, seguro contra acidentes pessoais, transporte aéreo e terrestre custeados pela produção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006

CONTRAPARTIDA PARA INSCRITOS:
- Nenhuma

CUSTOS OPERACIONAIS:
INSCRIÇÃO POR CORREIO MÚSICA: Os trabalhos inscritos e enviados em formato Mp3 que excedam 8 (oito) Megabytes, deverão ser enviados exclusivamente em CD

INSCRIÇÃO POR CORREIO VJS / CINEMA DE BOLSO: VHS NTSC; MiniDV NTSC; CD/DVD data (arquivos AVI, Quicktime, Flash ou MPEG 4; DVD vídeo NTSC (arquivos acima de oito Megabytes)

INSCRIÇÃO POR CORREIO INSTALAÇÕES: Caso haja a necessidade de envio de material adicional, este poderá ser encaminhado juntamente com a ficha de inscrição online devidamente preenchida e impressa

DESENVOLVIMENTO, PRODUÇÃO E MONTAGEM
- O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 disponibilizara aos selecionados a estrutura mínima necessária à produção de músicas pelo Project Band, incluindo estúdio de gravação, ensaio, equipamentos para o desenvolvimento das musicas e da apresentação a ser realizada no dia final do Festival.
- Os candidatos cujos projetos de instalação forem selecionados para o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 terão os custos de desenvolvimento, produção e montagem custeados pela produção do festival

DEVOLUÇÃO DAS OBRAS E DOS DOSSIÊS
- O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 não devolverá as cópias e suportes enviados pelos candidatos.

Motomix Art & Music Festival Edição 2006

Motomix convida artistas de todo o Brasil a participar da Edição 2006 do Motomix Art & Music Festival - Festival de Arte, Música e Cultura Mobile. Nesta edição, o Festival reunirá num só evento manifestações artísticas contemporâneas no campo da música, instalações e performances, em um conjunto de experiências recentes do uso das tecnologias digitais na criação audiovisual.

O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 é uma iniciativa da Motorola para incentivar a troca de experiências na cultura urbana entre os jovens brasileiros, gerar conceitos e produzir novas idéias. A principal novidade da edição deste ano está no seu formato: o público poderá participar com seus projetos de uma exposição multimídia que reunirá artistas e pesquisadores de renome da cultura digital, ao lado de jovens talentos em busca de uma experiência formadora na área das artes visuais.

No campo da Música, os participantes irão vivenciar a criação de um coletivo de produção musical, denominado "Project Band". No campo das Artes são bem vindos artistas multimídia, realizadores de vídeo, cinema e música, estudantes, pesquisadores, bem como interessados em geral que queiram desenvolver seus projetos em uma ou mais vertentes abertas à inscrição.

As inscrições para o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 são gratuitas e estarão abertas durante o período de 15 de maio a 31 de julho de 2006 para todos aqueles que queiram participar de experimentações criativas envolvendo tecnologias digitais. Poderão se inscrever brasileiros e estrangeiros residentes em qualquer lugar do Brasil, maiores de 18 anos. No caso de trabalhos assinados por coletivos ou grupos, deverá ser indicado no ato da inscrição um único representante para cada trabalho. O tema é livre e não é necessário que o realizador já tenha produzido trabalhos similares anteriores.

Os participantes selecionados serão contemplados com 1 (um) aparelho de telefone celular Motorola e 6 (seis) ingressos para o show de encerramento do Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

1. Música
Músicos
Vjs

2. Arte
Cinema de Bolso / Cultura Mobile
Instalações


1) Música
O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 apresenta o Project Band, que selecionará produções musicais e fonográficas de 6 (seis) produtores/artistas, e produções videofonográficas de 2 (dois) Video Jockeys - Vjs, que juntos formarão um coletivo musical, participarão de workshops com renomados produtores do cenário nacional e internacional e produzirão, em conjunto, músicas especialmente para apresentação ao vivo, na dia final do evento, em 16 de setembro de 2006, em São Paulo. No máximo 3 (três) trabalhos podem ser inscritos separadamente por cada artista ou grupo nas categorias "Músicos" e "VJs".

2) Arte
Para a categoria Cinema de Bolso / Cultura Mobile o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 selecionará os melhores vídeos, animações e narrativas visuais, com duração entre 10 segundos e 3 (três) minutos, nos mais variados formatos e suportes.

Para a categoria Instalações, serão selecionados trabalhos que possam ser exibidos nos espaço expositivos do Motomix Art & Music Festival Edição 2006. Aqui se incluem trabalhos multimídia, tais como videoinstalações, instalações sonoras, instalações interativas, ambientes imersivos, "projetos generativos", projetos para sistemas portáteis e wireless, que utilizem ou não a tecnologia mobile. Projetos de web art e net art serão aceitos na medida em que possam ser adaptados ao espaço expositivo definido pelos organizadores do Motomix 2006, que custeará integralmente a montagem e implementação dos projetos selecionados.

Não há limites com relação à quantidade de trabalhos inscritos na categoria "Cinema de Bolso / Cultura Mobile". Para a categoria Instalações, serão aceitos no máximo 3 (três) projetos inscritos por artista ou grupo. Cada autor terá no máximo 1 (um) trabalho selecionado.

Convidados: Além dos projetos selecionados, realizadores e artistas brasileiros com trabalhos representativos e de importância para a cultura contemporânea ou de renome no circuito audiovisual serão convidados a expor suas obras ou produzir obras exclusivas para o Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

MÚSICA
[Divisão da página em inscrições nas categorias MÚSICOS ou VJS]

Categoria Músicos

1. Serão aceitos e considerados trabalhos individuais, limitados ao máximo de 3 (três) musicas por candidato inscrito. As músicas devem ser enviadas no formato Mp3, no bitrate mínimo de 192 kbps.

2. Observados os padrões acima, os trabalhos de tamanho inferior a 8 (oito) Megabytes (cada), deverão ser submetidos através de inscrições on line pelo website do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 no endereço http://www.hellomoto.com.br

3. Os trabalhos inscritos e enviados em formato Mp3 que excedam 8 (oito) Megabytes, deverão ser enviados exclusivamente em CD para Motomix Art & Music Festival Edição 2006, no seguinte endereço: Caixa Postal 31733-0, CEP 04723-970, com o nome do autor e nome da obra etiquetados nas mídias enviadas, acompanhadas de cópia impressa da ficha de inscrição [inserir link]. As remessas deverão ser enviadas com aviso de recebimento (AR). Só serão aceitas inscrições por envio postal se a ficha de inscrição online estiver devidamente preenchida [link], e se a data de postagem respeitar os prazos de inscrição do Motomix Art & Music Festival Edição 2006. A organização do Festival não se responsabiliza por casos fortuitos ou de força maior referentes ao não recebimento de inscrições pela via postal, como seu extravio, roubo ou perda.

4. O autor dos trabalhos assume inteira responsabilidade com relação ao uso de fonogramas, músicas e letras de terceiros, conforme comprometimento constante na ficha de inscrição, isentando o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 de quaisquer danos e litígios referentes a direitos de terceiros.

5. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 não devolverá as cópias e suportes enviados pelos candidatos.

6. Músicas com finalidades, conotação ou mensagens publicitárias e de conteúdo comercial explícito, cunho racista, pornográfico, pedófilo ou discriminatório não serão consideradas como trabalhos submetidos ao Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

7. Os autores dos trabalhos selecionados comporão o Project Band, coletivo musical organizado pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que se apresentará no evento e contará com a participação de 2 (dois) VJs especialmente selecionados para tal apresentação. A atuação do Project Band será coordenada e dirigida pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

8. Os candidatos selecionados terão sua hospedagem, alimentação, seguro contra acidentes pessoais, transporte aéreo e terrestre custeados pela produção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 exclusivamente nas datas em que forem solicitados para participar do evento. Também deverão participar de todas as atividades previstas pela Produção programadas para o período do Festival e, uma vez selecionados, deverão confirmar a disponibilidade de viagem e participação no evento, a ser realizado entre os dias 02 ao dia 16 de setembro de 2006, na cidade de São Paulo.

9. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 disponibilizara aos selecionados a estrutura mínima necessária à produção de músicas pelo Project Band, incluindo estúdio de gravação, ensaio, equipamentos para o desenvolvimento das musicas e da apresentação a ser realizada no dia final do Festival. Os direitos autorais e conexos da música e da apresentação deverão ser cedidos para a Motorola para usos sem fins de comercialização, mediante a celebração de contrato específico entre o selecionado e a produção do evento.

10. O material enviado será analisado e selecionado pela comissão de seleção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que terá como critério de seleção a originalidade e a qualidade estética dos trabalhos apresentados.

11. Todas as eventuais adaptações da obra para screensavers, wallpapers, ring tones e outros formatos a serem disponibilizados ao público serão realizadas mediante consulta e autorização prévia de seu autor.

12. Os candidatos comprometem-se a preencher os questionários sócio-culturais e demográficos constantes da ficha de inscrição com informações fidedignas, responsabilizando-se pela veracidade dos dados apresentados.


Categoria VJs

1. Serão aceitos e considerados portfólios ou propostas de trabalhos individuais, limitados ao máximo de 3 (três) por candidato. Incluem-se aqui sets previamente preparados ou seqüências visuais e sonoras manipuladas pelos mais variados procedimentos. Os trabalhos devem ter um mínimo de 3 (três) e máximo de 30 (trinta) minutos e deverão ser apresentados em um dos seguintes formatos:

inscrições on-line:
arquivos AVI, Quicktime, Flash, MPEG 4, MPEG 2 ou MPEG 1

inscrições por correio:
VHS NTSC
MiniDV NTSC
CD/DVD data (arquivos AVI, Quicktime, Flash ou
MPEG 4.
DVD vídeo NTSC

2. Observados os formatos acima, os trabalhos de tamanho inferior a 8 (oito) Megabytes (cada), deverão ser preferencialmente submetidos através de inscrições on line pelo website do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 no endereço http://www.hellomoto.com.br

3. Os trabalhos inscritos que excedam 8 (oito) Megabytes, deverão ser enviados para o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 para o endereço: Caixa Postal 31733-0, CEP 04723-970, com o nome do autor e nome da obra etiquetados nas mídias enviadas, acompanhadas de cópia impressa da ficha de inscrição [inserir link]. As remessas deverão ser postadas com aviso de recebimento (AR). Só serão aceitas inscrições por envio postal se a ficha de inscrição online estiver devidamente preenchida [link], e se a data de postagem não ultrapassar a data-limite de inscrição do Motomix Art & Music Festival Edição 2006. A organização do Festival não se responsabiliza por casos fortuitos ou de força maior referentes ao não recebimento de inscrições pela via postal, como seu extravio, roubo ou perda.

4. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 não devolverá as cópias e suportes enviados pelos candidatos.

5. O autor dos trabalhos assume inteira responsabilidade com relação ao uso de fonogramas, músicas e letras de terceiros, conforme comprometimento constante na ficha de inscrição, isentando o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 de quaisquer danos e litígios referentes a direitos de terceiros.

6. Apresentações com finalidades, conotação ou mensagens publicitárias e de conteúdo comercial explícito, cunho racista, pornográfico, pedófilo ou discriminatório não serão aceitas como trabalhos submetidos ao Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

7. Os autores dos 2 (dois) trabalhos selecionados participarão do Project Band, banda organizada pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que se apresentará no evento. A atuação dos VJs e sua interação com a Project Band será coordenada e dirigida pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

8. Os candidatos selecionados terão sua hospedagem, alimentação, seguro contra acidentes pessoais, transporte aéreo e terrestre custeados pela produção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 exclusivamente nas datas em que forem solicitados para participar do evento. Também deverão participar de todas as atividades previstas pela Produção programadas para o período do Festival e, uma vez selecionados, deverão confirmar a disponibilidade de viagem e participação no evento, a ser realizado entre os dias 02 e 16 de setembro de 2006, na cidade de São Paulo.

9. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 disponibilizará aos selecionados a estrutura mínima necessária à produção de apresentações voltadas a assistir o Project Band, incluindo equipamentos de mixagem (switchers) e projeção para ensaio e apresentação a ser realizada no dia final do Festival. Os direitos autorais referentes às imagens e à apresentação deverão ser cedidos para a Motorola para usos sem fins de comercialização, mediante a celebração de contrato específico entre o selecionado e a produção do evento.

10. Os materiais enviado serão analisado e selecionado pela comissão de seleção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que terá como critério de seleção a originalidade e a qualidade estética dos trabalhos apresentados.

11. Todas as eventuais adaptações da obra para screensavers, wallpapers e outros formatos a serem disponibilizados ao público serão realizadas mediante consulta e autorização prévia de seu autor.

12. Os candidatos comprometem-se a preencher os questionários sócio-culturais e demográficos constantes da ficha de inscrição com informações fidedignas, responsabilizando-se pela veracidade dos dados apresentados.

ARTE
[Divisão da página em inscrições nas categorias CINEMA DE BOLSO e INSTALAÇÕES]

Categoria Cinema de Bolso/Cultura Mobile

1. Serão aceitos e considerados trabalhos com duração entre 10 (dez) segundos e 3 (três) minutos realizados com aparelhos celulares ou para exibição em celulares ou PDAs (Personal Digital Assistants). Podem ser utilizados quaisquer tipos de mídia ou suporte na captação das imagens, sejam digitais ou analógicos. Incluem-se nestes formatos, animações em Flash, vídeos produzidos a partir de fotos, textos, vídeos resultantes de moblogs, videologs e vlogs e seqüências visuais manipuladas pelos mais variados procedimentos, desde que possam ser visualizadas em estruturas lineares, na forma de vídeo stand-alone independentemente de browsers.

Para fins de inscrição, os vídeos devem estar convertidos para um dos seguintes padrões e formatos:

inscrições on-line:
arquivos AVI, Quicktime, Flash, 3GP, MPEG 4

inscrições por correio:
VHS NTSC
MiniDV NTSC
CD/DVD data (arquivos AVI, Quicktime, Flash, 3GP, MPEG 4
DVD vídeo NTSC

2. Os arquivos digitais devem ter resolução mínima de 128 x 96 pixels e máxima de 720 x 480 pixels. Para fins de exibição no evento, os trabalhos selecionados poderão ser convertidos para a resolução de 720 x 480 pixels.

3. Observados os padrões acima, os trabalhos de tamanho inferior a 8 (oito) Megabytes deverão ser submetidos através de inscrições on line pelo website do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 no endereço http://www.hellomoto.com.br

4. Os trabalhos disponibilizados em arquivos digitais que excedam 8 (oito) Megabytes, deverão ser enviados em uma das mídias especificadas para Motomix Art & Music Festival Edição 2006 para o seguinte endereço: Caixa Postal 31733-0, CEP 04723-970, com o nome do autor e nome da obra etiquetados na mídia, juntamente com uma cópia impressa da ficha de inscrição [inserir link]. As remessas deverão ser postadas com aviso de recebimento (AR). Só serão aceitas inscrições por envio postal se a ficha de inscrição online estiver devidamente preenchida [link], e se a data de postagem não ultrapassar a data-limite de inscrição do Motomix Art & Music Festival Edição 2006. A organização do Festival não se responsabiliza por casos fortuitos ou de força maior referentes ao não recebimento de inscrições pela via postal, como seu extravio, roubo ou perda.

5. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 não devolverá as cópias e suportes enviados pelos candidatos.

6. O autor dos trabalhos assume inteira responsabilidade com relação ao uso de fonogramas, músicas e imagens de terceiros, conforme comprometimento constante na ficha de inscrição, isentando o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 de quaisquer danos e litígios referentes a direitos de terceiros.

7. Filmes com finalidades, conotação ou mensagens publicitárias e de conteúdo comercial explícito, cunho racista, pornográfico, pedófilo ou discriminatório não serão aceitos como trabalhos submetidos ao Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

8. Os candidatos selecionados serão convidados a participar das atividades previstas pelo Festival, tais como apresentação de seus trabalhos, entrevistas e presença em shows do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 entre os dias 12 e 16 de setembro de 2006, na cidade de São Paulo. Uma vez selecionados, os candidatos serão solicitados a confirmar a disponibilidade de viagem e participação no evento e para tanto, terão sua hospedagem, alimentação, seguro contra acidentes pessoais, transporte aéreo e terrestre custeados pela produção nas datas mencionadas.

9. Os trabalhos enviados serão analisados e selecionados pela comissão de seleção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que terá como critérios de seleção: adequação da linguagem aos meios portáteis, originalidade estética e visual, bem como afinidade com os conceitos associados à cultura mobile, tais como deslocamento, acessibilidade, instantaneidade, portabilidade.

10. Todas as eventuais adaptações da obra para screensavers, wallpapers, ring tones e outros formatos a serem disponibilizados ao público serão realizadas mediante consulta e autorização prévia de seu autor. Os direitos autorais referentes à obra deverão ser cedidos para a Motorola para usos sem fins de comercialização mediante a celebração de contrato específico entre o selecionado e a produção do evento.

11. Os candidatos comprometem-se a preencher os questionários sócio-culturais e demográficos constantes da ficha de inscrição com informações fidedignas, responsabilizando-se pela veracidade dos dados apresentados.

Categoria Instalações

1. Serão aceitos e considerados apenas projetos inscritos e enviados através do website www.hellomoto.com.br

2. Cada artista ou grupo poderá inscrever até 3 projetos. Para cada projeto deverá ser preenchida um ficha de inscrição online [link] informando dados do proponente, representante individual do grupo e detalhes sobre o projeto. Caso haja a necessidade de envio de material adicional, este poderá ser encaminhado juntamente com a ficha de inscrição online devidamente preenchida e impressa para Motomix Art & Music Festival Edição 2006, no endereço: Caixa Postal 31733-0, CEP 04723-970. As remessas deverão ser postadas com aviso de recebimento (AR). Só serão aceitas inscrições por envio postal se a ficha de inscrição online estiver devidamente preenchida [link], e se a data de postagem respeitar a data-limite de inscrição do Motomix 2006. A organização do evento não se responsabiliza por casos fortuitos ou de força maior referentes ao não recebimento de inscrições pela via postal, como seu extravio, roubo ou perda.

3. O Motomix Art & Music Festival Edição 2006 não devolverá suportes de mídia enviados pelos candidatos.

4. Os projetos enviados serão analisados e selecionados pela comissão de seleção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006, que terá como critérios de seleção: criatividade implícita do projeto, abordagem de questões contemporâneas, bem como a viabilidade de execução da proposta. A comissão de seleção do evento poderá entrar em contato com os candidatos, durante a fase de seleção, para discutir os conceitos e a viabilidade dos projetos e sua produção e seleção técnica.

5. Os candidatos cujos projetos de instalação forem selecionados para o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 terão os custos de desenvolvimento, produção e montagem custeados pela produção do festival.

6. O autor do projeto assume inteira responsabilidade com relação a direitos de terceiros (fonogramas, videofonogramas, direitos autorais, imagens etc.), conforme comprometimento constante na ficha de inscrição, isentando o Motomix Art & Music Festival Edição 2006 de quaisquer danos e litígios referentes a direitos de terceiros.

7. Projetos de instalação com teor, finalidades, conotação ou mensagens publicitárias ou de conteúdo comercial explícito, cunho racista, pornográfico, pedófilo ou discriminatório não serão aceitos pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

8. Os candidatos selecionados terão sua hospedagem, alimentação, seguro contra acidentes pessoais, transporte aéreo e terrestre custeados pela produção do Motomix Art & Music Festival Edição 2006 exclusivamente nas datas em que forem solicitados para participar do evento. Serão convidados a participar de todas as atividades previstas pela Produção programadas para o período do Motomix Art & Music Festival Edição 2006e para tanto, uma vez selecionados, deverão confirmar a disponibilidade de viagem e participação no evento, a ser realizado entre os dias 02 e dia 16 de setembro de 2006, na cidade de São Paulo.

9. Os trabalhos selecionados ficarão expostos durante o período de realização do evento entre os dias 13 a 16 de setembro de 2006, sob responsabilidade dos produtores do Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

10. O preenchimento da ficha de inscrição é obrigatório e os campos previstos no formulário online devem vir acompanhados de (i) material descritivo do trabalho; (ii) detalhes técnicos, quando for o caso; (iii) uma foto do autor; (iv) mini-currículo do autor e demais especificações; conforme os campos definidos na ficha de inscrição. Encontra-se neste website uma planta [link] com possíveis espaços de exposição de projetos. Caso o candidato queira dar preferência a um determinado espaço ou sala, poderá fazer uso dessa planta como indicador da proposta. No entanto, a disponibilidade do espaço/sala indicado pelo proponente não é garantida de forma alguma pelo Motomix Art & Music Festival Edição 2006.

11. A produção do evento se reserva o direito de produzir material promocional sobre as instalações produzidas no Motomix Art & Music Festival Edição 2006. Eventuais screensavers, wallpapers, ring tones e outros formatos a serem disponibilizados ao público, serão realizados apenas mediante consulta e autorização prévia do artista.

12. Os candidatos comprometem-se a preencher os questionários sócio-culturais e demográficos constantes da ficha de inscrição com informações fidedignas, responsabilizando-se pela veracidade dos dados apresentados.

Posted by João Domingues at 11:00 AM | Comentários(3)

julho 3, 2006

Pré-selecionados 31° SARP - Salão de Arte de Ribeirão Preto Nacional-Contemporâneo

Pré-selecionados 31° SARP - Salão de Arte de Ribeirão Preto Nacional-Contemporâneo
Adriana Palma Franco do Amaral (Ribeirão Preto-SP)
Alexandre Mascarenhas (Rio de Janeiro-RJ)
Aline Van Langendonck (São Paulo-SP)
Anníbal e Branca (São Paulo-SP)
Bettina Vaz Guimarães (São Paulo-SP)
Caio Moraes (São Paulo-SP)
Caio Formiga (São Paulo-SP)
Cândida Coelho (São Paulo-SP)
Carlos Ribeiro (Santo André-SP)
Charles Klitzke (Curitiba-PR)
Christina Meirelles (São Paulo-SP)
Cláudio Boczon (Curitiba-PR)
Coletivo Soco na Pomba (Ribeirão Preto-SP)
Diogo de Moraes (São Paulo-SP)
Estevão Machado (Belo Horizonte-MG)
Fernanda Gassen (Porto Alegre-RS)
Fernanda Magalhães (Londrina-PR)
Fernando Velázquez (São Paulo-SP)
Flávia Yue (São Paulo-SP)
José Roberto Shwafaty (Campinas-SP)
Júlio Meiron (São Paulo-SP)
Karen Kabbani (São Paulo-SP)
Liene Bosque (São Paulo-SP)
Luciana Ohira e Sérgio Bonilha (São Paulo-SP)
Mariane Abakerli (São Paulo-SP)
Maurício Trindade (São Paulo-SP)
Mayra Azzi (São Paulo-SP)
Osvaldo Carvalho (Niterói-RJ)
Rafael Campos Rocha (São Paulo-SP)
Raphael Franco (São Paulo-SP)
Roberto Barbi (São Paulo-SP)
Rosilene Fontes (São Paulo-SP)
Sara Mafud (Ribeirão Preto-SP)
Vera Barbieri (Ribeirão Preto-SP)

Comissão de Seleção e Premiação: Carlos Fajardo, Carmela Gross e Dudi Maia Rosa

MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
Rua Barão do Amazonas 323, Ribeirão Preto-SP, 14010-120
16-635-2421 ou marp@cultura.pmrp.com.br
www.marp.ribeiraopreto.sp.gov.br
Realização: Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, Secretaria Municipal da Cultura, Coordenadoria de Artes Visuais, MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro Manuel-Gismondi
31° SARP: 4 de agosto a 17 de setembro de 2006

Posted by João Domingues at 4:21 PM

Inscrições e informações para o artista: 25ª edição do Arte Pará

25ª edição do Arte Pará

Inscrições até 25 de agosto (artistas de outros estados) e 29 de agosto (artistas locais)

Comissão de seleção: Evelyn Ioschpe (RS) - Presidente da Fundação Ioschpe; Fabize Muinhoz (PA) - Diretora do MABE - Museu de Arte de Belém; Lídia Souza (PA) - Curadora; Milton Guran (RJ) - Fotógrafo, jornalista e antropólogo, doutor em Antropologia e mestre em Comunicação Social; Paulo Herkenhorff (RJ) - Curador do Arte Pará 2006

Galeria da Residência
Tv. Padre Eutíquio 1.612, Batista Campos, Belém - PA 66025-230

ou

Fundação Romulo Maiorana
Av. 25 de Setembro 2473, Bairro do Marco, Belém - PA 66093-000
91-242-3311 / 216-1142 ou fundrm@oliberal.com.br
www.frmaiorana.org.br
Só serão aceitas inscrições postadas até o dia 8 de agosto de 2006

25ª edição do Arte Pará: 5 de outubro a 30 de novembro de 2006


Informações para o artista sobre o custo-benefício de editais

As informações abaixo, todas de caráter objetivo, copiadas do edital, servem para ajudar o artista iniciante a decidir sobre a sua participação no evento em questão. Leia sobre esta iniciativa do Canal no Salões&Prêmios.

PRÊMIOS:
- O Arte Pará 2006 conferirá prêmios no valor de R$ 40 mil, dispostos:
R$ 15 mil - Grande Prêmio
R$ 10 mil - Segundo Grande Prêmio
R$ 5 mil - Terceiro Grande Prêmio
R$ 10 mil - Prêmios Aquisição

GANHO PARA SELECIONADOS: A exposição, sem pró-labore

CONTRAPARTIDA PARA INSCRITOS:
- Nenhuma

CUSTOS OPERACIONAIS:
INSCRIÇÃO:
- Deverão ser inscritos obrigatoriamente três trabalhos. O dossiê, com formato máximo de 21x33 cm (tamanho oficio), deverá conter currículo resumido, fotos (recomendamos formato 20x25 cm) ou fotocópias de três trabalhos a serem apresentados.

TRANSPORTE, EQUIPAMENTOS ESPECIAIS, SEGURO
- Os artistas selecionados, não residentes em Belém, deverão enviar suas obras por conta própria
- Equipamento e materiais especiais, necessários à apresentação da obra serão fornecidos pelo artista, sendo de sua total responsabilidade a operacionalização e manutenção. Em todos os casos de proposta de obra envolvendo o uso de equipamentos eletrônicos ou de caráter especial deverão ser fornecidos pelo próprio artista.
- É aconselhável que o artista faça seguro das obras selecionadas, uma vez que a instituição organizadora está isenta de qualquer responsabilidade em caso de eventuais sinistros.

DEVOLUÇÃO DAS OBRAS E DOS DOSSIÊS
- A devolução das obras dos artistas selecionados no Arte Pará, não residentes em Belém será de responsabilidade da Fundação Romulo Maiorana, por transporte aéreo ou terrestre.
- O material de inscrição dos artistas selecionados não será devolvido
- O material de inscrição dos artistas não selecionados só será só será devolvido pelo correio se vier acompanhado de envelope selado com valor suficiente para a devolução.

VENDA
- A Fundação Romulo Maiorana fica com a porcentagem de 30% (trinta) na venda das obras expostas no Arte Pará 2006.


REGULAMENTO

1. Denominação e Finalidade

1.1 A Fundação Romulo Maiorana, uma instituição privada, sem fins lucrativos, integrante das Organizações Romulo Maiorana, promove anualmente o Arte Pará, que visa a reunir tendências observadas no campo das artes plásticas, bem como a discutir a estética contemporânea, possibilitando intercâmbio entre regiões e artistas brasileiros. O Arte Pará também se constitui num processo integrado ao Sistema de Educação Pública da Região Metropolitana de Belém e de municípios vizinhos. Em 2006 a Fundação Romulo Maiorana estará comemorando o 25º aniversário do Arte Pará.

2. Inscrição

2.1 A inscrição será no período de primeiro (01) de junho a quinze (15) de agosto para artistas residentes fora do Estado do Pará (vale como confirmação o carimbo dos Correios, ou ficha de embarque quando tratar-se de Companhia Aérea, datado de oito (08) de agosto, não responsabilizando-se a Fundação Romulo Maiorana por qualquer atraso havido na entrega das obras, e quinze (15) de agosto para artistas residentes no Pará. É gratuita e aberta a artistas brasileiros e estrangeiros legalmente residentes na região norte há mais de cinco anos.

2.2 A inscrição será feita em ficha própria ou fotocópia, acompanhada do dossiê do artista. É imprescindível o completo preenchimento da mesma datilografada ou em letra de forma. Só serão aceitas fichas de inscrição assinadas pelo próprio artista ou por procuração. Faculta-se ao artista residente na área metropolitana de Belém o envio das obras originais, arcando ele com os custos de embalagem e devolução. Caso as obras não sejam retiradas no prazo de 45 dias após o término, a Fundação Romulo Maiorana dará a esse material o destino que for conveniente a ela.

2.3 O dossiê, com formato máximo de 21x33 cm (tamanho oficio), deverá conter currículo resumido, fotos (recomendamos formato 20x25 cm) ou fotocópias de três trabalhos a serem apresentados. Todas as fotos deverão conter no verso o nome do artista, dimensões da obra, título, material utilizado e ano de execução. Não serão aceitos slides. Fitas de vídeos só serão aceitas para inscrição na categoria vídeo. O material de inscrição dos artistas não selecionados só será só será devolvido pelo correio se vier acompanhado de envelope selado com valor suficiente para a devolução.

2.4 Só será aceita inscrição de obras inéditas, produzidas a partir de 2005. Serão automaticamente desclassificadas, obras que tenham participado ou venham a participar de outra mostra até o término do Arte Pará, no dia trinta (30) de novembro.

2.5 Cada artista terá direito a uma inscrição em cada categoria, seja Desenho, Escultura, Gravura, Instalação, Fotografia, Objeto, Pintura , Cinema, Vídeo Arte e Arte Digital. Pode, no entanto, participar de um trabalho coletivo em outra categoria.

2.6 Para trabalhos realizados em grupo, um representante assinará a ficha de inscrição, No entanto, os nomes dos demais integrantes devem constar em anexo.

2.7 Deverão ser inscritos obrigatoriamente três trabalhos, cabendo as comissões de Seleção e Premiação determinar quais deverão participar da mostra. Dípticos, trípticos e polípticos são considerados obras únicas. Para inscrição em instalação e Vídeo serão aceitos até dois trabalhos, sendo selecionados apenas um.

2.8 Artistas que inscreverem instalação ou obras que só serão montadas para a abertura, deverão anexar ao dossiê os projetos das mesmas. Estes poderão ser utilizados, também, para reprodução no catálogo em caso de seleção.

2.9 O artista disporá das seguintes medidas máximas para a apresentação dos trabalhos:
● Obras Bidimensionais - 4,20m (quatro metros e vinte centímetros) de largura e 2,00m (dois metros) de altura para as três obras.
● Obras Tridimensionais - 1,10m (um metro e dez centímetros) de largura e de profundidade, por 2,20m (dois metros e vinte centímetros) de altura de cada peça.
● Instalações - 6m² (seis metros quadrados) de área, com 2,20m (dois e vinte centímetros) de altura cada instalação.
● Instalação de Parede - 3,00m (três metros) de largura, por 2,00m (dois metros) de altura.
Obras que excedem essas especificações não serão aceitas.

2.10 Vídeos e filmes deverão ter no máximo 05 (cinco) minutos de duração e devem ser repetidos até o final da fita. Caso selecionado, o artista enviará obrigatoriamente duas (02) cópias do trabalho para apresentação, assim como, deverá indicar o número de cópias (tiragem) de sua obra em vídeo ou cinema.

2.11 A inscrição na categoria de Arte Digital deverá utilizar vídeos conforme a descrição no ítem anterior, discket ou DVD. Qualquer consulta à respeito desta nova categoria deverá ser encaminhada a Fundação Romulo Maiorana até duas (02) semanas antes do término do prazo de inscrição pelo endereço eletrônico: fundrm@oliberal.com.br

2.12 Em todos os casos de proposta de obra envolvendo o uso de equipamentos eletrônicos ou de caráter especial deverão ser fornecidos pelo próprio artista.

2.13 Não serão aceitas obras realizadas com materiais perecíveis ou adulteráveis, que prejudiquem a apresentação de outros trabalhos ou comprometam a integridade física do local, das instituições, dos funcionários envolvidos no Arte Pará e do público em geral. Não serão aceitas pinturas e outros objetos que estejam molhados ou indique a falta de acabamento no processo técnico.

2.14 As inscrições deverão ser entregues diretamente na Galeria da Residência (trav. Padre Eutíquio, 1612 -Bairro de Batista Campos - Belém - Pará - CEP: 66025-230) ou na Fundação Romulo Maiorana (Av. 25 de Setembro, 2473 - Bairro do Marco - Belém - Pará - CEP 66093-000) ou remetidas pelo correio. Só serão aceitas inscrições postadas até o dia 08 de agosto de 2005.

2.15 É vetado aos membros de Seleção e Premiação a inscrição no Arte Pará.

2.16 A Comissão Organizadora do Arte Pará rejeitará inscrições que não estejam de acordo com os termos e condições deste regulamento.

2.17 O ato da inscrição implica na automática em plena concordância com as normas deste regulamento.

3 Seleção

3.1 A seleção dos trabalhos será realizada em etapa única por uma Comissão composta por, no mínimo, 05 (cinco) membros, nos dias 18 e 19 de agosto de 2006, quando será lavrada a ata da sessão, onde estarão fundamentados os critérios adotados.

3.2 A seleção será feita através de obras originais e dossiês, documentação fotográfica, fotocópia, projetos, maquetes e DVD. A Comissão de Seleção poderá eliminar as propostas que não apresentarem suficiente clareza do projeto, ou que se apresentem inexeqüíveis. Salvo nos casos em que a Comissão de Seleção julgar desnecessário, o artista deve estar presente por sua conta para realizar a montagem da obra para o Arte Pará.

3.3 Em sua versão 2006, o Arte Pará selecionará 35 (trinta e cinco) artistas de todo o Brasil. O curador poderá convidar a seu critério, outros artistas para participarem do Arte Pará.

3.4. O resultado da seleção será publicado no Jornal O Liberal do dia 20 de agosto. Todos os artistas selecionados serão comunicados nos primeiros dias úteis após a seleção. Os demais serão avisados do resultado por correspondência ou através do site www.frmaiorana.org.br. No caso de desistência ou da não localização de um selecionado no prazo de 10 (dez) dias, a Coordenação e a Comissão de Seleção examinarão a hipótese de cancelar a participação do artista.

3.5 O material de inscrição dos artistas selecionados não será devolvido. Os não selecionados serão devolvidos pelos Correios, desde que contenha em anexo envelope e selo para posterior devolução. Fotocópias e catálogos não serão devolvidos. As obras de artistas locais não selecionados deverão ser retiradas no prazo de no máximo 15 (dez) dias, de 21 de agosto à 06 de setembro de 2006, na Galeria da Residência, localizada à Trav. Padre Eutíquio 1612, bairro de Batista Campos, Belém, Pará.

3.6. Somente serão expostas as obras selecionadas, não sendo permitidas substituições ou modificações das mesmas após a seleção.

3.7. A Fundação Romulo Maiorana se responsabiliza pelo envio das obras dos artistas selecionados após o encerramento do Arte Pará 2006.

4. Transporte

4.6. Os artistas selecionados, não residentes em Belém, deverão enviar suas obras por conta própria, acompanhadas de nota fiscal avulsa (fornecida pela Secretaria da Fazenda de cada Estado) à Fundação Romulo Maiorana; que será encarregada da devolução das obras aos artistas selecionados.

4.7. A devolução das obras dos artistas selecionados no Arte Pará, não residentes em Belém será de responsabilidade da Fundação Romulo Maiorana, por transporte aéreo ou terrestre. Caso o artista tenha uma transportadora de sua preferência deverá informar a secretaria do Salão e contactar a empresa para retirar os trabalhos na Fundação Romulo Maiorana até 15 (quinze) dias úteis após o encerramento do Arte Pará 2006, de primeiro (01) a vinte e dois (22) de dezembro.

4.8. Recomendamos que as obras selecionadas sejam acondicionadas em embalagens resistentes (caixa de madeira, tubo de pvc, ou similares), se necessário, com instruções para re-embalagens anexadas, já que sua devolução será feita com reaproveitamento das mesmas embalagens.

4.9. A Fundação Romulo Maiorana assim como os espaços escolhidos para oferecerão condições adequadas para a Mostra; entretanto é aconselhável que o artista faça seguro das obras selecionadas, uma vez que a instituição organizadora está isenta de qualquer responsabilidade em caso de eventuais sinistros.

4.10. O transporte, embalagem e seguro das obras dos artistas convidados serão tratados individualmente com cada um deles.

5. Montagem

5.6. Caberá exclusivamente a comissão organizadora o conceito da montagem do Arte Pará.

5.7. As obras selecionadas serão montadas pela equipe da FRM, exclusivamente nas salas de exposição do MEP, e Galeria da Residência.
I - Equipamento e materiais especiais, necessários à apresentação da obra serão fornecidos pelo artista, sendo de sua total responsabilidade a operacionalização e manutenção.
II - Trabalhos selecionados que exijam salas ou montagens especiais só serão exibidos de acordo com a disponibilidade técnica do Museu.
III - Obras que eventualmente tenham sido danificadas durante o transporte para o Arte Pará 2006, só serão expostas se houver tempo hábil para o restauro, e se a devida cobertura das despesas for efetuada pelo responsável.

5.8. O artista selecionado na categoria instalação poderá acompanhar a montagem no local determinado pela comissão organizadora em data a ser comunicada posteriormente.

6. Premiação

6.1 A premiação será realizada por uma comissão composta por no mínimo 3 (três) membros no dia 04 (quatro) de outubro de 2006, quando será lavrada a ata da sessão onde estarão fundamentados os critérios adotados.

6.2 O Arte Pará 2006 conferirá prêmios no valor de R$ 40.000,00
R$ 15.000,00(Quinze Mil Reais) - Grande Prêmio
R$ 10.000,00 (Dez Mil Reais) - Segundo Grande Prêmio
R$ 5.000,00 (Cinco Mil Reais) - Terceiro Grande Prêmio
R$ 10.000,00 (Dez Mil Reais) - Prêmios Aquisição
Pagos até a data do encerramento do Arte Pará.

6.3 O artista premiado receberá o prêmio em agência bancária, onde seja titular de conta corrente ou conjunta. Não será aceita conta poupança.

6.4 O conjunto de obra premiada será integralmente incorporado ao acervo da Fundação Romulo Maiorana com todo o equipamento e material que a compuserem.

6.5 Somente os artistas inscritos para categoria de selecionados farão jus aos três (03) primeiros prêmios.

6.6 Os Prêmios Aquisição poderão ser conferidos a artistas selecionados ou convidados.

6.7 Não haverá prêmios específicos para qualquer categoria técnica.

6.8 A Fundação Romulo Maiorana fica a porcentagem de 30% (trinta) na venda das obras expostas no Arte Pará 2006.

7. Disposições Gerais

7.1 As obras não poderão ser alteradas ou retiradas antes do encerramento do Arte Pará.

7.2 Todas as obras selecionadas poderão ser usadas antes pela Fundação Romulo Maiorana para divulgação do Arte Pará em toda mídia, em atividades institucionais ou eventos culturais futuros da Fundação Romulo Maiorana.

7.3 As Comissões de Seleção e Premiação atuarão, desde a sua formação até que sejam lavradas e assinadas as respectivas atas, quando serão automaticamente extintas.

7.4 As decisões das Comissões de Seleção serão irretratáveis e irrecorríveis.

7.5 Ficará a cargo da Comissão organizadora qualquer deliberação posterior à extinção, de seleção e premiação.

7.6. Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela comissão organizadora.

Posted by João Domingues at 2:12 PM

Selecionados Programa CAIXA de Adoção de Entidades Culturais

Selecionados Programa CAIXA de Adoção de Entidades Culturais

Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami (Caxias do Sul/RS)
Arquivo Público da Cidade de Belo Horizonte (BH/MG)
Associação do Museu do Marajó (Cachoeira do Arari/PA).
Associação dos Amigos de Arte Popular Brasileira (RJ)
Biblioteca Municipal Dr. Fritz Müller (Blumenau/SC)
Centro Cultural Benfica (Recife/PE)
Centro de Pesquisas Museológicas Museu Sacaca (Macapá/AP)
Centro Histórico-Cultural Santa Casa (Porto Alegre/RS)
Cinemateca Brasileira (São Paulo)
Departamento Estadual de Arquivo Público do Paraná (Curitiba
Divisão do Arquivo Histórico Municipal (SP)
Escola de Arquitetura/UFMG (Belo Horizonte/MG)
Fundação Casa Rui Barbosa (RJ)
Fundação Cultural de Curitiba (Curitiba/PR)
Fundação Hansen Bahia (Cachoeira/BA)
Fundação Museu Mariano Procópio (Juiz de Fora/MG)
Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (RJ)
Fundação Universitária do Desenvolvimento do Oeste (Chapecó/SC)
Instituto de Arte de Cultura do Ceará (Fortaleza/CE)
Instituto de Estudos Brasileiros (SP)
Museu Antônio Parreiras (Niterói/RJ)
Museu da Cidade de Recife (Recife/PE)
Museu da Imagem e do Som - Pará (Belém/PA)
Museu da Inconfidência (Ouro Preto/MG)
Museu de Artes Visuais Ruth Schneider (Passo Fundo/RS)
Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa (Porto Alegre/RS)
Museu Histórico Nacional (RJ)
Museu Municipal Parque da Baronesa (Pelotas/RS)
Museu Paraense Emilio Goeldi (Belém/PA)
Museu Universitário Professor Oswaldo Rodrigues Cabral (Florianópolis/SC)
Serviço de Documentação da Marinha (Rio de Janeiro)

Caixa divulga os vencedores do Programa de Adoção de Entidades Culturais

Instituição investirá no programa R$ 3,5 milhões em todo o Brasil

O Programa CAIXA de Adoção de Entidades Culturais selecionou 31 entidades culturais de todas as regiões do País. O projeto, da Caixa Econômica Federal, foi criado para valorizar, preservar e divulgar o patrimônio cultural brasileiro com o objetivo primordial de estender a atuação da instituição para fora dos seus próprios espaços culturais.

O investimento da CAIXA é de R$ 3,5 milhões. As instituições culturais selecionadas em todo o Brasil serão patrocinadas por um período de um ano, para as ações de recuperação de seus acervos, implantação ou modernização de laboratórios de conservação/restauração, aquisição de acervo para a expansão ou atualização das coleções, de pesquisa, catalogação e informatização de acervo, projetos de implantação ou ampliação de reserva técnica e implantação ou reformulação de módulos expositivos de longa duração.

Posted by João Domingues at 11:57 AM