Página inicial

Salões & Prêmios

 


julho 2018
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        
Pesquise em
salões & prêmios:

Arquivos:
julho 2018
junho 2018
maio 2018
abril 2018
março 2018
fevereiro 2018
janeiro 2018
dezembro 2017
novembro 2017
outubro 2017
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
dezembro 2016
novembro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
maio 2016
abril 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
outubro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
julho 2004
junho 2004
maio 2004
As últimas:
 

maio 30, 2018

Rumos Itaú Cultural 2017-2018 - Projetos selecionados

1. A Invenção da Maldade (instituto CAMPO | gestão e criação em arte contemporânea)

Teresina-Piauí
Região impactada: Piauí
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança

Um projeto de criação coreográfica da plataforma Demolition Incorporada com concepção e direção de Marcelo Evelin. Um objeto coreográfico que oscila entre espetáculo e performance; um acontecimento dançado em tempo e espaço compartilhado com o público. O material performático e de movimento investiga um corpo em crise, dilacerado pelas forças que o atravessam. Um corpo que tenta escapar de si mesmo, numa condição de inoperante diante das expectativas do mundo. Um corpo que se reinventa para ser outro em si mesmo, deflagrando uma dança que não é gerada dentro mas justamente fora dele, no lugar instável entre o eu e o outro, em um fluxo de arrebatamento e dissolução.


2. A Lenda (Francisco Aécio Gonçalves Diniz)

Nova Olinda-Ceará
Região impactada: Ceará
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória

Pesquisa etno-histórica-musical sobre o imaginário, as lendas e os mitos dos povos Kariri, habitantes primeiros da Chapada do Araripe, vale do Cariri cearense. Passados 35 anos de estudos e pesquisas, torna-se evidente a necessidade de atualização dos registros e inventário, em toda sua plenitude. O projeto resultará em publicação, documentário, exposição, apresentação musical, vinil, site e um mapa colaborativo.


3. A Linha Imaginária que Percorre o Coração do Brasil (Anderson Astor Schwingel)

Porto Alegre-Rio Grande do Sul
Região impactada: Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Artes visuais

Esta residência prevê uma viagem dos artistas Anderson Astor e Túlio Pinto entre Belém, no Pará, e Laguna, em Santa Catarina, em um processo de deslocamento lento e constante por meio de bicicletas. Ao longo do trajeto – que deve tomar cerca de 90 dias e vai se aproximar tanto quanto possível da linha demarcatória do Tratado de Tordesilhas – os artistas terão um intenso período de imersão em diferentes realidades. Sua principal ferramenta será a fotografia e seu entorno será o tema de trabalho. A produção diária dos artistas será influenciada pelo meio em que estão inseridos e será incentivada pela aproximação constante com pessoas e localidades distintas encontradas ao longo do caminho.


4. A saída da fábrica (Sofia Gerheim Caesar)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Artes visuais

A instalação será composta do filme de arquivo Officine Della Fiat (Corso Dante) e de duas obras, uma peça sonora e uma escultura de 600 placas impressas, que juntos criarão um ambiente convidativo para a reflexão dos sistemas contemporâneos de controle do trabalho.


5. A última invenção (Grupo de teatro De Pernas Pro Ar LTDA)

Canoas-Rio Grande do Sul
Região impactada: Rio Grande do Sul
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Teatro

Luciano Wieser, construtor de maquinarias de objetos de um teatro peculiar, parte de uma pesquisa na qual consegue extrair poesia de algo bruto, criando uma dramaturgia própria vinda das histórias desses objetos, de suas mecânicas e funcionalidades. O projeto visa dar continuidade à pesquisa, criando e construindo dez maquinarias de cena para compor o próximo espetáculo/instalação teatral do grupo, A Última Invenção.


6. Acervo Digital do Serviluz (Priscilla Alves de Sousa)

Fortaleza-Ceará
Região impactada: Ceará
Modalidade: Documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória

Um projeto de pesquisa, organização e divulgação de arquivos sobre o Serviluz, um bairro litorâneo popular em Fortaleza, no Ceará que desenvolve uma história de resistência à especulação imobiliária. A ideia é reunir tudo o que for encontrado em um único site/blog, que servirá de ponto de encontro com a história do local, reconhecendo assim sua identidade e fortalecendo os movimentos de resistências e existências.


7. Acervo Djalma Corrêa: música e cultura afro-brasileira (Núcleo Brasileiro de Percussão)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Alagoas, Bahia, Rio de Janeiro e Sergipe
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória

Organização, digitalização e difusão do acervo do músico, pesquisador e colecionador Djalma Corrêa. O acervo é composto de fitas de áudio, fotografias e slides, filme em super-8, além de cartazes, fitas VHS, negativos e filmes em 16 milímetros, constituindo um amplo conjunto de documentação que abarcam gravações pessoais, de estudo e de trabalho. Para o projeto está previsto trabalhar com a digitalização de parte do material voltado para o estudo das culturas populares brasileiras. Djalma Corrêa surgiu no cenário musical na Tropicáila e manteve constante produção que enveredou pelo caminho do jazz.


8. Acesa - Alessandra Leão (Alessandra Mendes Leão)
São Paulo-São Paulo
Região impactada: Paraíba, Pernambuco, São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Música

Acesa será resultado de um processo artístico- investigativo das relações entre música, transe, poesia e cidade, tendo como referências principais o coco de roda, os rituais da tradição afro-brasileira e provocações do livro de artista Cidade Passo, de Vânia Medeiros, que propõe o conceito de cartografias do corpo caminhante na cidade. Participarão do projeto Luciana Lyra (PE) e Vânia Medeiros (BA), serão realizadas imersões entre as três artistas, Odete de Pilar (coquista e cirandeira da Paraíba) e Mestre Galo Preto (coquista de Pernambuco) e haverá encontros nos terreiros Recanto Quiguiriçá (SP) e Xambá (PE). O resultado desse processo serão um disco, com produção e arranjos de Caçapa, uma apresentação, sessões de audição em deriva urbana (audição do disco durante caminhadas coletivas) e registros para uma web- série.


9. Aconteceu Comigo - Histórias reais de mulheres (Laura Tuma de Athayde)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Categoria: Criação e desenvolvimento
Tema: HQ
Recorte: Questão feminina

Série de HQs curtas baseadas em relatos reais de situações discriminatórias enfrentadas diariamente pelas mulheres. A artista retrata histórias sobre gordofobia, violência, racismo, maternidade e pressão estética, enviadas por suas leitoras para suas páginas nas redes sociais.


10. Afrontamento (Wellington Gadelha Farias Junior)

Fortaleza-Ceará
Região impactada: Fortaleza
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança
Recorte: Questão racial

Processo de montagem/circulação em dança contemporânea a partir de uma proposição, que permeia o corpo-negro-periférico/urbano na arte, se inicia em meio às relações de trabalho/vida com egressos do sistema penitenciário, população em situação de rua e grupos de juventude das periferias de Fortaleza, no Ceará. Investiga o conceito do Corpo Roleta-Russa, uma reflexão a partir da importância que a arma de fogo no contexto das periferias urbanas, carregada por uma expressão de poder e fazendo referência ao derramamento de sangue preto, conflitos territoriais emergentes e o extermínio da juventude nas favelas de Fortaleza/Ce. O corpo aqui é arma. O projeto busca desenvolver uma montagem/circulação do espetáculo Afrontamento em dez favelas de Fortaleza, como uma temporada no circuito artístico estabelecido da cidade.


11. agroduração (Elisa Pessoa Xavier)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Artes visuais

Projeto de pesquisa para uma videoinstalação. Especificações técnicas geram sequências de imagens criando uma tensão entre o tempo cronológico e o tempo da experiência (subjetivo). O interesse pela região de fronteira (do Brasil com o Uruguai) se relaciona com a ideia de limite, delimitação, o isolamento contrastado com a extensão dos campos, as cercas tão presentes que demarcam áreas de cultivo e propriedade, mas sobretudo com a ideia de outras possibilidades de apreensão do tempo.


12. Alzira E - Aquilo que eu nunca perdi (Marina da Costa Thomé)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: Mato Grosso do Sul e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Documentário de longa metragem sobre Alzira Espíndola (60 anos), cantora, compositora e instrumentista de origem sul-mato-grossense e habitante de São Paulo, que atravessa e transfigura gerações na música contemporânea brasileira. O filme é baseado em depoimentos da compositora e de seus parceiros, entrecortados de fotos, jornais, material de arquivo, filmagens de shows e sequências íntimas e bem-humoradas da artista com a documentarista Marina Thomé.


13. Apparatus' Memories (Fabrizio Augusto Poltronieri)

Niterói-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Arte e tecnologia

Nesta instalação interativa e imersiva, o público visita um filme calculado algoritmicamente. Um software escrito pelo artista utiliza técnicas de inteligência artificial (deep learning) para analisar e gerar a narrativa apresentada em tempo real. O filme é composto de sequências de vídeo capturadas em full HD pelo artista em suas viagens ao redor do mundo e o processo de imersão se dá pelo uso de óculos de realidade virtual.


14. Aqui não entra luz (Karoline Maia Mendes Pardinho)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: Bahia, Maranhão, Minas Gerais e Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão feminina e racial

Com locações na Bahia, no Maranhão, em Minas Gerais e no Rio de Janeiro, o documentário longa-metragem investiga a relação que a senzala tem com o quarto de empregada, analisando aspectos da arquitetura, da história e da construção da sociedade brasileira no que diz respeito à mulher, à mulher negra, à mulher negra e pobre. Além de depoimentos, o projeto conta com documentos, plantas arquitetônicas e obras visuais realizadas.


15. Área Criativa - Pinhões (Bruno Vilela de Oliveira)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Questão racial

A proposta é criar uma pesquisa sobre processos construtivos de baixo custo e construir um espaço cultural autogerido pelo grupo de jovens da comunidade quilombola de Pinhões, em Santa Luzia (MG). Os participantes, junto com a equipe do projeto, irão desenvolver e realizar o desenho arquitetônico, a programação, as regras de funcionamento e as formas de gestão do espaço.


16. Arquivo Kamayurá (Kanawayuri Leandro Marcello Kamaiura)

Canarana-Mato Grosso
Região impactada: Bahia, Mato Grosso, Santa Catarina e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão indígena

O projeto foi concebido por duas lideranças das duas principais aldeias da etnia Kamayurá, chamadas Ypavu e Morená, no Parque Indígena do Xingu (MT). O objetivo é visitar os arquivos de antropólogos que frequentam o parque desde 1960, para conhecer os registros, saber como foram feitos e usados e como são cuidados. Em seguida, será feita uma oficina coletiva em cada aldeia, onde a equipe explicará e mostrará o que viu e o que pensou para, em conjunto, pensar o que fazer com os registros produzidos pelos antropólogos e pelas aldeias.


17. Beco do Rosário (vol. 2) (Ana Koehler Ilustrações)

Porto Alegre-Rio Grande do Sul
Região impactada: Rio Grande do Sul
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: HQ

Com arte em nanquim e bico de pena e colorização com aquarela, esta HQ conta a história de três amigos de infância na Porto Alegre da década de 1920, uma cidade que busca a modernidade mas ainda é cheia de velhos becos, íngremes e tortuosos, onde se concentram os “marginais”. Para alguns, modernizar a cidade é acabar com esses lugares do “atraso”; já para outros, esses lugares são lares, próximos às mais belas ruas do centro. O que acontece, então, quando situações tão opostas reúnem amigos de infância?


18. Boi Vagamundo (Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare)

Natal-Rio Grande do Norte
Região impactada: Maranhão, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Colômbia, Equador e Peru
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Formação

Projeto que alia criação, formação e intercâmbio artístico, transita pelo teatro e pela cultura popular e surge do desejo de associar diferentes ações do Clowns de Shakespeare: o Laboratório da Cena, espaço formativo de troca entre artistas latino-americanos em Natal; o Boi Galado, festejo que abre o festival O Mundo Inteiro É um Palco pelas ruas de Nova Descoberta, entorno do Barracão Clowns; e ações de intercâmbio que os Clowns vêm desenvolvendo com grupos do Brasil e de outros países da América Latina.


19. Brígida (Jocelino Pessoa de Oliveira)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Documentação
Tema: Artes visuais

O projeto reúne toda a produção fílmica da artista multimídia Brígida Baltar (Rio de Janeiro, 1959) numa organização inédita da sua obra audiovisual.


20. Cadê Heleny? (Esther Vital Garcia Conti)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Animação política em stop motion que resgata a ideia da costura como linguagem de transgressão a partir do uso da técnica têxtil popular chilena chamada arpilleras. A produção vai contar a história de Heleny Ferreira Telles, uma das 210 pessoas que, segundo a Comissão Nacional da Verdade, figuram até hoje como desaparecidas pela ditadura militar brasileira (1964-1984).


21. Caravana MusiLibras (Instituto Som da Pele)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Alagoas, Bahia, Ceará, Pernambuco, Maranhão, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Acessibilidade/surdo

A proposta é formar células percussivas inclusivas com o nome Batuqueiros do Silêncio, a partir de oficinas músico-pedagógicas com crianças e jovens surdos, que experimentarão a construção de frases e ditados rítmicos através de uma metodologia inédita e inovadora chamada MusiLibras, em diversas cidades do interior de Pernambuco e capitais do Nordeste, com oficinas, espetáculos e divulgação desse método.


22. cartografia de um doente dos nervos (Wesley Godoi Peres)

Catalão-Goiás
Região impactada: Goiás
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Literatura

Criação e desenvolvimento de um romance que será dividido em fragmentos numerados, sendo cada um a possibilidade de texto poético em si. Como poemas em prosa, com uma linguagem encadeada de um fragmento a outro e com certa autonomia entre eles, mas com a intenção de estabelecer com o leitor um jogo tácito que o leve a uma trama.


23. CATÁLOGO DIGITAL RADAMÉS GNATTALI, DE MÚSICA POPULAR. (Roberto José Gnattali)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória

O projeto se destina a criar um catálogo digital, em banco de dados, da obra completa de música popular do compositor, pianista, arranjador e maestro gaúcho Radamés Gnattali (1906-1988), abrangendo composições e arranjos musicais de sua autoria, criados entre os anos de 1930 e 1985. O catálogo, bilíngue (inglês e português), será disponibilizado no site oficial do compositor , somando-se ao Catálogo Digital Radamés Gnattali, de Música De Concerto, já existente.


24. Cinema de Rua (Joanna Angelo Ladeira)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Formação

O projeto propõe um modo de fazer cinema composto de três eixos articulados entre si: fazer filmes, ver filmes e pensar filmes, sempre na perspectiva da rua, do fazer na rua e sobre a rua, construindo, de forma conjunta e experimental, a partir da trajetória de vida de dez adolescentes e jovens em situação de rua, os princípios do que chamamos hoje de cinema de rua; criando e estruturando um espaço físico, aberto para a rua, onde serão realizados encontros para a produção e a exibição de filmes com funcionamento diário e produzindo laboratórios de fotografia, som, roteiro e montagem, para realizar uma série de seis curtas-metragens.


25. Cinema no Brejo - laboratório rural de formação e experimentação audiovisual (Rúbia Mércia de Oliveira Medeiros)

Fortaleza-Ceará
Região impactada: Ceará
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação

Projeto de formação audiovisual no pequeno vilarejo Uirapuru, também conhecido como Brejo, situado na divisa entre os municípios de Baturité e Guaramiranga, no Ceará. O objetivo é criar e cultivar um espaço de reflexão acerca das práticas que já habitam o local e colocá-las em diálogo com o fazer cinematográfico. Um lugar de encontro pautado pela possibilidade de criação, experimentação e invenção que se desenvolve através de vivências técnicas, teóricas e práticas e da criação de um cineclube itinerante pelas comunidades rurais vizinhas, além de um processo contínuo de formação de um núcleo audiovisual local.


26. Circulação do espetáculo "E a cor a gente imagina" (Victor Alves Mariano Ribeiro)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Distrito Federal, Minas Gerais e Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança
Recorte: Acessibilidade/cego

Com Victor Alves, dançarino das Danças Urbanas, e Oscar Capucho, ator e dançarino cego, o espetáculo fala das diferenças e das relações entre o corpo cego e o corpo que enxerga em um mundo predominantemente visual. Lança luz sobre aspectos da memória e da imaginação criativa – a despeito de uma intensa privação perceptual –, apoiando-se tanto nas atividades cotidianas quanto nas extraordinárias da pessoa com deficiência visual. O trabalho busca responder as perguntas a que o cego é submetido – seja por curiosidade, seja por preocupação – em forma de movimento e crônica poética.


27. Coletivo N-S-L-O: colaboração compositor-intérpretes na criação musical contemporânea (Heitor Martins Oliveira)

Palmas-Tocantins
Região impactada: Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo, Tocantins e Colômbia
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Música

A proposta tem como objetivo promover um processo de colaboração entre compositor e intérpretes por meio de um percurso geográfico pelos locais de origem (ou atuação) de seus integrantes, com estreia de novas obras, concertos e ações de formação e intercâmbio. Serão cinco encontros com construção gradativa de repertório integralmente original e resultante das peculiaridades e interação do grupo de músicos.


28. Como construir uma casa (Carnaval Filmes Ltda - EPP)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Pernambuco
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Documentário longa-metragem que parte do sentimento de não conseguir encontrar um lugar no mundo. A narrativa é construída a partir da trajetória de oito artistas das áreas de poesia, cinema, dança e artes visuais, que passam pela experiência de viver em locais que não os seus de origem por motivos políticos, religiosos, profissionais, de conflitos bélicos e até mesmo incompatibilidade com o território onde nasceram e foram criados.


29. Como tomar seu corpo de volta? (Sheyla Cristina Smanioto Macedo)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Literatura

“Eu poderia, então, com palavras, tomar meu corpo de volta? Das mãos da loucura? Da morte?”, escreve Sheyla Smanioto, que busca neste projeto literário o corpo que se toma com as palavras para entender as justificativas que buscam contornar os abusos – a “legalidade jurídica” que é constantemente invocada para justificar os golpes. Ninguém é a favor dos golpes ou dos estupros, mas cada um tem sua própria maneira de questionar. É estupro se a gente se ama? É golpe se foi “para o bem do Brasil”? Pode ser ilegítimo se eu faço “em nome de Deus e da família?


30. Desenvolvimento e publicação da HQ "Monstrans: experimentando horrormônios" (Lino Alves Arruda)

Florianópolis-Santa Catarina
Região impactada: Santa Catarina
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: HQ
Recorte: Questão de gênero

Este projeto de produção da HQ autobiográfica Monstrans: Experimentando Horrormônios trata da transição de gênero do autor, que desenvolve histórias, muitas vezes humoradas, que exploram constante negociação entre a autoidentificação e a submissão ao imaginário alheio. O trabalho aborda temas como deficiência, identidade de gênero, raça e sexualidade através de uma lente poética, crítica e afetiva, além de incentivar a ressignificação da transição de gênero, preconceituosamente representada pela cultura hegemônica como negativa ou indesejada.


31. Desertores (Coletivo de Teatro Alfenin)

João Pessoa-Paraíba
Região impactada: Paraíba
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro

O grupo propõe um estudo teórico-prático do “Complexo Fatzer” – conjunto de fragmentos escritos por Bertolt Brecht, no período de 1926 a 1930 – com vista à criação de uma dramaturgia autoral a ser realizada em processo colaborativo. A ideia central do trabalho é utilizar o “Material Fatzer” como procedimento-modelo para a escrita de uma dramaturgia que dialogue criticamente com a realidade social e política do Brasil contemporâneo, levando-se em consideração temas da obra original como o travamento do processo revolucionário, a dialética entre conformismo e marginalidade, e a vigência nos dias atuais de um projeto poético-político-pedagógico para o teatro.


32. Dramaturgias Errantes: “Fôlego Curto” nas ondas de rádio e nas linhas dos jornais (Igor Fernando de Jesus Nascimento)

São Luís-Maranhão
Região impactada: Maranhão
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro

Adaptação de textos dramáticos do livro Fôlego Curto para o formato radiofônico, além da criação de jornais dramáticos com impressão e veiculação dos textos. O projeto prevê duas etapas: na primeira, gravação de voz, sonoplastia e trilha sonora, criação do projeto gráfico, diagramação e impressão dos jornais; na segunda, veiculação das peças na programação da rádio e distribuição dos jornais em pontos estratégicos.


33. Editora e Gráfica de Heliópolis (Paulo Cesar Marciano)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Literatura

Projeto que tem como objetivo editar livros da comunidade de Heliópolis, na periferia de São Paulo, em processo colaborativo e de cooperativa. Além da edição, o projeto vai atuar na formação de interessados da comunidade em trabalhar com editoração, revisão, impressão, montagem e encadernação de livros. Prevê também a movimentação cultural, com saraus e debates com os moradores da comunidade.


34. Enquanto Somos Humanos (Associação Instituto Circo Artístico)

Curitiba-Paraná
Região impactada: Paraná
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança

Criação de um espetáculo de dança com os coreógrafos e performers Michelle Moura e Maikon K, envolvendo oficinas, mostra de processo e palestras relacionando arte, tecnologia e consciência. A inspiração para esta pesquisa é o livro Homo Deus, de Yuval Harari, que relata como a tecnologia está alterando hábitos e sociedades, levando a um futuro em que os algoritmos inorgânicos tomarão decisões por nós.


35. Epifania Kariri - Marimbanda e Irmãos Aniceto convidam Carlos Malta (Lumah Produções Culturais e Editora Ltda)

Fortaleza-Ceará
Região impactada: Ceará e Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Música

Encontro dos Irmãos Aniceto, centenária banda cabaçal do Crato (CE), com o quarteto instrumental Marimbanda e o músico carioca Carlos Malta. Esse encontro resultará na montagem e circulação do show Epifania Kariri, com 12 composições na maioria dos Irmãos Aniceto e arranjadas por Carlos Malta e pelos músicos da Marimbanda. Estão previstas duas apresentações: em Fortaleza e no Rio de Janeiro.


36. Eu Mais Velha – Cura, Fé e Ancestralidade (Bianca Magalhães Sevciuc)

Curitiba-Paraná
Região impactada: Paraná
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão indígena

Dona Creunice, 74 anos, dona Alzira, 80 anos, Warangdy Wuventina, 56 anos, Leontina, 70 anos, e dona Amélia, 65 anos, moradoras de distintas regiões do Parque Nacional do Superagui, litoral paranaense, são algumas das 98 idosas curandeiras desse lugar de preservação ambiental. O projeto pretende registrar os saberes dessas mulheres com o objetivo de preservação de memória, fortalecimento da cultura indígena caiçara, resgate da ancestralidade, catalogação etnobotânica, intercâmbio de gerações e valorização dos idosos.


37. F.E.M.E – Festival de Mulheres Engraçadas de Maceió (Wanderlândia de Melo Barbosa)

Maceió-Alagoas
Região impactada: Alagoas
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Circo
Recorte: Questão feminina

Primeiro festival de mulheres profissionais na arte da palhaçaria e da comicidade, na cidade de Maceió, em Alagoas.


38. Formação - Coleção sobre Tradução e Interpretação em Libras na Esfera Artística (Natalia Schleder Rigo)

Florianópolis-Santa Catarina
Região impactada: Santa Catarina
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Acessibilidade/surdo

O projeto compreende a produção e a publicação de uma coleção de três livros. Cada volume corresponde a uma coletânea composta de ensaios, artigos científicos, relatos de experiências, entrevistas, resenhas e traduções que versem especificamente sobre tradução e/ou interpretação envolvendo línguas de sinais de textos artísticos e literários e/ou contextos culturais em geral.


39. FREE SEAT (Solares Produções Culturais EIRELI)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Paraná, Pernambuco e Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Performance
Recorte: Questão urbana

Performance musical e intervenção urbana. O pianista Pedro Carneiro Silva senta-se ao teclado em um local do cotidiano urbano. Sob o aviso “Have a Seat (Sente-se)”, são colocadas uma ou mais cadeiras e oferecidos fones de ouvido. Em meio à confusão da cidade, os fones possibilitam a criação de um ambiente intimista. Para cada pessoa que aceita o convite o pianista cria uma música nova, inspirada naquela pessoa, no momento e no ambiente. A ação é registrada e os vídeos serão disponibilizados.


40. Fruto do Mato - cinema para todas (Renata Almeida de Matos)

Lençóis-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão de gênero e racial

O Cineclube Fruto do Mato pretende desenvolver o cineclubismo na cidade baiana de Lençóis, na Chapada Diamantina, e a formação de público para o cinema nessa região. O projeto terá programação mensal de filmes e conversas com moradores da região sobre produções com temáticas raciais, LGBTQ e feministas, além de rodas de conversa com convidadas. Nas comunidades quilombolas, também será ministrada uma oficina de animação.


41. FurmigaDub e Seu Bando (Fabiano Araujo Formiga)

João Pessoa-Paraíba
Região impactada: Paraíba
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música

Registro de pesquisa musical desenvolvida por Fabiano Formiga junto à cultura popular nordestina ao longo dos últimos oito anos. O projeto prevê a gravação de um disco, a produção de quatro minidocumentários, a criação de um site para a documentação e a divulgação do trabalho do artista e a apresentação em João Pessoa.


42. Gravidade (Fabio Rychter)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Arte e tecnologia

Obra dramatúrgica imersiva e interativa realizada em ambiente de realidade virtual. Trata-se de dois personagens que vivem em queda livre infinita, como se estivesse sem gravidade. A proposta dessa experiência é através de uma parábola surrealista e fantástica abordar o conflito entre dois pontos de vista em relação à vida e seu inevitável fim: a constante angústia com a perspectiva da chegada, em oposição a leveza da ignorância.


43. Grupo Ninho de Teatro - 10 Anos levantando POEIRA! (Associação Grupo Ninho de Teatro e Produções Artísticas)

Crato-Ceará
Região impactada: Ceará, Distrito Federal, Pará, Rio Grande do Sul e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro

Intercâmbio, imersão e circulação do espetáculo Poeira para celebrar os 10 anos do Grupo Ninho de Teatro. Com mestres e mestras da cultura popular do Cariri e mestres e mestras de São Paulo, Porto Alegre, Brasília e Belém, os intercâmbios fundamentam a relevância de circular gerando uma rede de encontros e trocas de saberes, ampliando os aspectos e a importância da interculturalidade num país com tanta diversidade como o Brasil.


44. HIP HOP CABOCLO - Em Busca das Batidas Brasileiras (Wagner de Oliveira)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: Acre, Bahia, Maranhão, Pará, Pernambuco e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música

Encontros musicais entre as fronteiras territoriais, estéticas e sonoras da cultura popular e o hip-hop, uma pesquisa fundamentada nos ritmos brasileiros de matrizes africanas e indígenas em consonância com as métricas e poéticas do rap. Hip-Hop Caboclo é um projeto de pesquisa, documentação e registro, previsto para acontecer em um estúdio móvel em expedição pelo Norte e pelo Nordeste do Brasil: registrar sonoridades oriundas das manifestações tradicionais afro-brasileiras encontradas nos estados da Bahia, de Pernambuco, do Maranhão, do Pará e do Acre; incluindo um minidocumentário e um CD.


45. HIP-HOP - A PARADA FINAL - INTEGRAÇÃO (Willacym Miguel de Souza Maia)

Manaus-Amazonas
Região impactada: Amazonas
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança
Recorte: Questão urbana

Intervenções cênicas sobre os elementos da cultura hip-hop nos terminais de ônibus das zonas norte e leste da área periférica de Manaus.


46. Histórias Andantes (Jackson Alexandre Costa Cavalcante)

Paulo Afonso-Bahia
Região impactada: Alagoas, Bahia, Pernambuco e Sergipe
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro

Montagem cênica e circulação do trabalho de pesquisa sobre lendas, costumes e crenças de um conjunto de expressões do imaginário que povoam as cidades atingidas por barragens nas construções das hidroelétricas entre a Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas.


47. Homens Pink (La Vaca Productora de Arte Ltda.)

Florianópolis-Santa Catarina
Região impactada: Santa Catarina e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro
Recorte: Questão de gênero

Criação de um espetáculo sobre o envelhecimento da população LGBT+, a partir da investigação do ator e diretor Renato Turnes sobre a memória dessa população e a questão da invisibilidade do homem gay idoso. O projeto parte de procedimentos documentais para desenvolver uma dramaturgia original que utilize a experiência real como fonte de criação e investiga diálogos possíveis entre as linguagens do teatro, performance e cinema/documentário. Prevê a produção de um curta-metragem documental a partir dos registros audiovisuais do processo de entrevistas e construção da encenação.


48. InstruMentes – música para (re)invenção (Alana Silva Silveira)

Salvador-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música

Criação de uma rede de produção, formação e fruição da música experimental em Salvador por meio de programação gratuita com a participação de músicos-inventores num ateliê coletivo para encontros-residência; apresentações musicais calcadas na improvisação e na ocupação plástica-sonora a partir dos instrumentos interativos criados; e atividades de formação musical em lutheria experimental básica e avançada para jovens do Centro Histórico de Salvador. O projeto prevê ainda a produção de uma websérie sobre os processos criativos que envolvem lutheria, música e artes visuais.


49. Inventário Mestre Vieira (Central de Produção Cinema e Vídeo na Amazônia)

Belém-Pará
Região impactada: Ceará, Pará, Rio de Janeiro e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música

O projeto vem reconhecer, salvaguardar e difundir a obra de Joaquim de Lima Vieira, considerado um dos criadores do gênero musical chamado guitarrada – ritmo paraense que desperta interesses diversos no mundo todo. A proposta é trazer ao público sua produção através de pesquisas, documentação e um songbook.


50. Jards Macalé – Eu só faço o que quero (Adriana Sucena Maciel)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música

Biografia dedicada à vida e à obra de Jards Macalé (1943). A partir de uma série de depoimentos de Jards, o autor desenvolverá texto de caráter histórico e crítico, situando épocas e personagens que surgirão nas entrevistas.


51. Joaquim, o fusca que contava histórias (Amanda de Lima Oliveira)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação
Tema: Teatro
Recorte: Acessibilidade/surdo

Trata-se de um espetáculo itinerante que usa como base de transporte e fonte de histórias um tradicional fusca branco de 1978. Entre as diversas coisas que traz das viagens, há livros e brinquedos que contagiam crianças e adultos de todas as idades, surdos, ouvintes e curiosos. As histórias serão registradas em vídeo e sempre compartilhadas no site do Grupo êBA! com janela de Libras e legenda em português.


52. Jofre Soares: do picadeiro ao Cinema Novo (Ailton da Costa Silva Júnior)

Palmeira dos Índios-Alagoas
Região impactada: Alagoas
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Projeto de pesquisa e produção de roteiro para um futuro documentário sobre o ator alagoano Jofre Soares e sua ligação com o cinema novo nas décadas de 1950 e 1960. O principal objetivo do projeto é reconstruir a memória coletiva dos antigos moradores da cidade de Palmeira dos Índios, entre familiares de Jofre Soares e amigos que viram de perto a história de vida antes da fama e a súbita ascensão de um dos principais atores brasileiros.


53. Kayatibu e Encontro Mi Mawai (Rita Pinheiro Sales Kaxinawa)

Jordão-Acre
Região impactada: Acre e Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Música
Recorte: Questão indígena

O grupo Kayatibu foi criado em 2013 por jovens indígenas Huni Kuin que moram no município do Jordão (Acre). Desde então eles vêm estudando canções, histórias, danças e arte do seu povo, aprofundando sua bagagem ancestral, expandindo sua expressão criativa e realizando cerimônias com o Nixi Pae e suas medicinas sagradas. Mi Mawai, que significa música e encontro, é a essência desse projeto, que visa promover a troca entre pessoas aproximando cidade e floresta por meio da música. A proposta é aprofundar o diálogo, a interação e a criação entre os músicos-produtores-educadores: Txaná Ikakuru (representante músico Huni Kuin), Luiz Gabriel Lopes (MG), Rafael Rocha (RJ) e Fábio Lima (RJ). Essa vivência vai contar com oficinas de instrumentos e práticas de canto e corpo. Os registros audiovisuais serão lançados no YouTube.


54. Lagrimar (Paula Vanina Cencig)

Natal-Rio Grande do Norte
Região impactada: Rio Grande do Norte
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Curta-metragem de animação que trata de forma poética da seca e de suas simbologias ao contar a história de uma menina que vive em uma região praticamente deserta e que está em busca de água. Lagrimar será realizado com uma técnica mista, com os personagens e alguns objetos feitos em animação digital 2D e o cenário e outros objetos construídos em maquete tridimensional não computadorizada.


55. Literatura a Caminho (Aldenor da Silva Pimentel)

Boa Vista-Roraima
Região impactada: Roraima
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Literatura

O projeto visa promover o encontro entre escritores de literatura locais e estudantes do ensino médio para proporcionar um momento de aprendizagem significativa de literatura e, consequentemente, o gosto por esse tipo de leitura, que pode desencadear mais interesse por textos de diferentes gêneros e disciplinas e maior facilidade de compreendê-los.


56. MAMBEMBARCA: TEATRO DE PROA PELOS RIOS DO PARÁ (Associação Cultural Usina Contemporânea de Teatro)

Belém-Pará
Região impactada: Pará
Modalidades: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro

Circulação de quatro espetáculos teatrais de temática amazônica, acompanhada da realização de atividades pedagógicas Para Pensar um Teatro da Floresta, ao longo de um trajeto fluvial com mil quilômetros de extensão, entre a cidade de Belém e a sede do município paraense de Santarém, na região oeste do estado – aportando-se essa caravana cênica num total de 12 cidades localizadas às margens do Rio Amazonas.


57. Maré a Céu Aberto (Associação Redes de Desenvolvimento da Maré)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão urbana

Maré a Céu Aberto pretende inverter a lógica que classifica a Maré como um espaço degradado e perigoso e apresentar a favela como potência e local para a renovação do espaço urbano a partir da inventividade, da resiliência e da arte. Para isso, o Núcleo de Memórias e Identidades da Maré e a Azulejaria definirão 5 locais relevantes em 16 comunidades do bairro. Em cada um desses cinco pontos, serão construídos marcos a partir de intervenções artísticas.


58. Mãtãnãg, a encantada (Charles Antonio de Paula Bicalho)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão indígena

Curta-metragem de animação realizado com a participação dos Maxakali, que vão realizar os desenhos do filme, o qual será narrado na língua desse povo. A história conta um dos mitos mais tradicionais dos Maxakali. Mãtãnãg, além de ampliar o sentido do registro memorialístico, amplia o espectro da produção audiovisual indígena brasileira.


59. MELODIA-A-DIA DE CIRCO- documentário e plataforma (Lívia Souza Mattos)

Salvador-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Circo

Partindo das memórias de circenses veteranos, este projeto visa a produção do documentário Música do Circo, como recorte temático do material levantado. Trata-se de registrar narrativas de artistas de circo com 70, 80 e até 100 anos de idade, verdadeiras bibliotecas vivas. A produção do documentário inclui a realização de uma terceira etapa de entrevistas, abarcando circenses de regiões ainda não alcançadas pelo projeto, músicos que tocaram em circo e pesquisadores do tema. Também inclui pesquisa em acervos já existentes.


60. Memórias Afro-Atlânticas: as gravações de Lorenzo Turner na Bahia (1940-1941) (Cassio Leonardo Nobre de Souza Lima ME)

Salvador-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão racial

O projeto visa dar continuidade à divulgação de acervos sonoros inéditos de pesquisas sobre a musicalidade e a diversidade no candomblé da Bahia realizadas entre 1940-1941 pelo linguista negro norte-americano Lorenzo Dow Turner. Algumas das pessoas registradas por Turner foram Martiniano Eliseu do Bonfim, Manoel Falefá, Joãozinho da Gomeia e Mãe Menininha do Gantois. O projeto tem pesquisa e curadoria de Xavier Vatin, etnomusicólogo e professor de antropologia da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), coordenação e produção musical de Cassio Nobre, músico e etnomusicólogo, e produção-executiva da Couraça Criações Culturais.


61. “Memórias da Terra: Patrimônio Arqueológico e Memória da comunidade de Vila Velha do Cassiporé no Amapá”. (Jelly Juliane Souza de Lima)

Macapá-Amapá
Região impactada: Amapá
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão racial

O projeto tem como objetivo contribuir para o fortalecimento do interesse e da valorização do patrimônio arqueológico localizado na comunidade quilombola de Vila Velha do Cassiporé, por meio de um mapeamento do registro material (aqui entendido como os artefatos arqueológicos) e de um registro das narrativas e percepções que a comunidade possui acerca da sua própria história. A metodologia prevê entrevistas orais, capturas audiovisuais e digitais com os moradores de Vila Velha do Cassiporé e oficinas com professores que atuam na comunidade escolar.


62. Memórias poéticas: sobreviventes do crescimento das árvores (Associação Cultural O Imaginário)

Porto Velho-Rondônia
Região impactada: Rondônia
Modalidade: Pesquisa e desenvolvimento
Tema: Teatro
Recorte: Questão feminina e de gênero

Estudo e pesquisa cênica de narrativas de mulheres que viveram e vivem em ambiente extremamente hostil, subjulgadas pelo “pensamento-homem” nos seringais do Vale do Guaporé, em Rondônia. Será criado um espetáculo contemporâneo com temas como questões de justiça e poder, relação de gênero, universo feminino e uma reflexão do próprio sentido da representação cênica e da atuação das mulheres.


63. META - depto. de crimes metalinguísticos (Marcelo Miazzi Pereira Lima)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: HQ

A graphic novel acompanha o cotidiano do escritório brasileiro do Meta – uma polícia secreta que investiga crimes envolvendo quebras da quarta parede, nos quais personagens matam o próprio autor; autores que prostituem seus personagens; relacionamentos amorosos entre pessoas reais e personagens ficcionais; pessoas reais que entram em desenhos animados para nunca envelhecerem. O Meta age no mundo dos quadrinhos, da TV, do cinema, do teatro, da literatura, dos games, enfim, em qualquer mídia que tenha narrativas ficcionais.


64. Meus Heróis - Jogo de Personalidades Negras (Polianna do Amaral Barbosa da Silva)

Camaçari-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Questão racial

O projeto consiste em um jogo de cartas educativo que se propõe a divulgar, de forma lúdica, as personalidades negras que contribuíram para a história do Brasil e tem como foco principal o público infantil e a juventude negra. O objetivo é permiti-los enxergar seus assemelhados étnicos por uma perspectiva positiva, representando nas cartas engenheiros, geógrafos, médicos e escritores, entre outras áreas de conhecimento, contribuindo para o fortalecimento da identidade racial.


65. Mister Powerful (Oriol Barberà Masats)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Curta-metragem de ficção cujo tema é a crise de identidade do protagonista. Mitsu Luiz Freitas, de 30 anos, passa seus dias fantasiado de um super-herói chamado Mister Powerful – alter ego criado pela paixão do protagonista por seriados japoneses que tiveram grande sucesso no Brasil durante os anos 1980, como Jaspion, Changeman e Flashman. Com uma linguagem visual que combina elementos do Tokusatsu (gênero do cinema japonês de filmes como Godzila e de seriados como Kamen Rider) e do cinema experimental (de filmes como My Winnipeg, de Guy Maddin), o curta aborda as dificuldades do protagonista em definir sua identidade.


66. Mobilidade [inter]urbana-performativa (Elilson Gomes do Nascimento)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Performance
Recorte: Questão urbana

Projeto que endereça novos rumos a uma pesquisa iniciada em 2012, trata de uma inter-relação entre arte da performance e mobilidade urbana a partir da leitura-experimentação de ruas e transportes coletivos como espaços performativos num movimento cartográfico entre Recife, Rio de Janeiro e São Paulo – tríade que reflete o percurso do artista Elilson Gomes como habitante e pesquisador. O principal objetivo da pesquisa é realizar performances na tentativa de desnudar as lógicas habituais, complicando culturalmente o próprio sentido de cidade. Performances urbanas, na escala corpo a corpo entre os transeuntes, podem dizer, redizer, desdizer e procurar modos de dizer coletivamente o que quer e o que pode a cidade. Colocando em pauta negociações éticas não somente para a experimentação estética, mas para a cidade que passa em movimento, além de mobilizar concidadãos em vez de “usuários” e “passantes”.


67. Mulheres Fortalecendo Raízes da Cultura Popular (Associação das Mulheres de Nazaré da Mata)

Nazaré da Mata-Pernambuco
Região impactada: Pernambuco
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Gestão cultural
Recorte: Questão feminina

Ações de gestão cultural visando empoderamento e ampliação de repertório crítico das mulheres do Maracatu Feminino Coração Nazareno. O projeto, ao mesmo tempo que prevê restauração das indumentárias utilizadas pelas componentes do maracatu, realizará um seminário e oficinas acerca das políticas públicas com recorte em gênero, possibilitando a perpetuação das tradições que emanam das terras dos canaviais, o fomento de ações que proporcione geração de renda para as pessoas inseridas no folguedo e suas famílias, continuidade e preservação da memória da cultura de raiz, aprendizado mútuo dos saberes e fazeres entre diferentes gerações e incentivo da participação de novos agentes em atividades e iniciativas que envolvam as culturas e as manifestações populares.


68. Mulheres Possíveis: corpo, gênero e encarceramento (Leticia Maria Olivares Rodrigues)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Questão feminina e privação de liberdade

Trata-se de uma parceria entre o Coletivo Dodecafônico, o Coletivo Rubro Obsceno e a Conspire Edições para um trabalho de formação e criação artística que será desenvolvido na Penitenciária Feminina da Capital (PFC) com mulheres em situação de cárcere, através de três laboratórios de criação baseados em atividades de performance, teatro, literatura poética, artes visuais e culinária. Paralelamente, para colocar em contato mulheres que estão dentro e fora do sistema penitenciário, será proposto o Escambo Poético, atividade que proporciona uma troca de correspondência entre as participantes de dentro e fora da PFC.


69. NÏÏMA - Pesquisa e Desenvolvimento de Roteiro Audiovisual (Flávia L. B. Abtibol Criações - ME)

Manaus-Amazonas
Região impactada: Amazonas
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão de gênero e indígena

Projeto de pesquisa e produção de roteiro para documentário. Nïïma é a história de índios da etnia Tikuna moradores da tríplice fronteira Brasil-Colômbia-Bolívia, que ousam desafiar a família, o Exército e a Igreja para exercer seus desejos e suas identidades de gênero. Durante dois meses do ano (junho e julho), eles animam as festividades religiosas locais através de espetáculos de canto e dança. Nos outros dez meses, são subjugados pela família e pela comunidade.


70. - Nonada. (Juliana Bernabé Nunes)

Vila Velha-Espírito Santo
Região impactada: Bahia e Espírito Santo
Modalidade: Pesquisa e desenvolvimento
Tema: Artes visuais

O projeto consiste na realização de uma residência artística em Canudos, Bahia, com o acompanhamento do pesquisador e orientador Fernando Pessoa. O objetivo é proporcionar uma vivência temporária para o aprofundamento de uma pesquisa, na área do desenho, que explora o imaginário sertanejo.


71. O Amor dentro da câmera (Tenda dos Milagres Produções Artísticas e Culturais LTDA - ME)

Salvador-Bahia
Região impactada: Bahia
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema

Documentário de ensaio que conta a história de Orlando e Conceição Senna, personagens da história do audiovisual baiano que se conheceram num set de filmagem. Romance de quase 60 anos que se confunde com a história do seu tempo, principalmente do cinema brasileiro nas fases de cinema novo, cinema marginal e tropicália, além do novo cinema latino-americano. Uma história de amor entrelaçada com a cultura latino-americana dos últimos 60 anos.


72. O MAMULENGO BRASILEIRO vai entrando e toma assento (Fernando Augusto Gonçalves Santos)

Olinda-Pernambuco
Região impactada: Pernambuco
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória

A grande missão do projeto é desenvolver atividades de divulgação, promoção e preservação da arte do mamulengo, criando e disponibilizando um sistema de informações públicas sobre a cultura e seus mestres, de modo a promover a sustentabilidade cultural e social do brinquedo. Também visa propiciar a consulta pública on-line ao acervo documental a partir da restauração de 300 bonecos, a criação de um site bilíngue, a publicação de um livro e uma exposição.


73. Ocupação "Mulheres Negras: Projetos de Mundo" - Residência Artística (Dayane Rodrigues Barbosa)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Questão de gênero e racial

A proposta – uma residência em cinema para 15 jovens com idade entre 18 e 21 anos oriundos principalmente da periferia de São Paulo – tem como objetivo estimular e oferecer suporte para o protagonismo de negros, mulheres e LGBTTs no campo artístico, através de um processo de criação cujo alicerce serão aulas participativas com enfoque no cinema brasileiro, africano e latino-americano que englobe questões de gênero, étnico-raciais e de orientação sexual.


74. Ocupação RÉS mulheres em cárceres (Uribe Manoel de Sousa Teofilo)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Dança
Recorte: Questão feminina e privação de liberdade

O projeto fala do universo do encarceramento feminino e da vulnerabilidade desse corpo no Brasil. O perfil da mulher encarcerada reflete uma assimetria de gênero que as atinge antes mesmo de entrarem em conflito com a lei. Para o diálogo com a temática, a Corpórea Companhia de Corpos criou o espetáculo RÉS, que propõe uma análise artística e poética através da dança sobre as estatísticas que envolvem o sistema de encarceramento em massa no Brasil.


75. OS CAMINHOS DO NEGRO JOÃO ALVES POR ESSE PAÍS DE MEU DEUS - ENTRE LONAS, SERRAGENS, PICADEIROS E PALHAÇADAS. (Mariana dos Reis Gabriel)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo
Modalidade: Pesquisa e desenvolvimento
Tema: Circo
Recorte: Questão racial

Pesquisa e levantamento histórico sobre João Alves, proprietário do grande Circo Guarany. Um homem negro que em 1900 ditava os rumos da maior manifestação artística do país na época: a vida dos circos, com seus malabarismos, palhaçadas e peças teatrais. Como ele se tornou dono do circo 12 anos após a abolição da escravatura? Como se tornou integrante da comissão de dirigentes da Associação de Circo? Como era o Circo Guarany? O projeto pretende responder essas perguntas e levantar a história desse pioneiro, que quebrou tabus e morreu em 1954, quando o grande Circo Guarany ainda sobrevivia sob o comando de sua filha Maria Eliza Alves dos Reis (o palhaço Xamego).


76. Palhaço Surddy (Igor de Andrade Rocha)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Amazonas, Maranhão, Pará e Tocantins
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro
Recorte: Acessibilidade/surdo

O projeto prevê a criação de um espetáculo teatral (solo) do ator surdo Igor Rocha em parceria com um diretor artístico com experiência em clown, juntamente com uma capacitação para o uso e difusão da Libras e com tradução e interpretação em Libras. O projeto visa estimular e especializar a prática de profissionais da arte surdos, através de sua linguagem primeira de expressão.


77. Panela Sergipana: sabores da terra das araras e cajus (Paloma Vieira de Melo Naziazeno)

Aracaju-Sergipe
Região impactada: Sergipe
Modalidade: Pesquisa e desenvolvimento
Tema: Gastronomia

O projeto consiste na publicação de um livro com texto e material fotográfico sobre os alimentos tradicionais e que estão em desuso em Sergipe. Por um lado, significa o resgate de um patrimônio imaterial que é repassado em zonas rurais através da oralidade, como uma espécie de “segredo sagrado”; por outro lado, constitui-se a ressignificação de alimentos subvalorizados, inserindo-os na linguagem gastronômica contemporânea. Assim, o livro objetiva registrar 16 espécies alimentícias, descrever suas características e as histórias de vida das pessoas que os produzem e manipulam, mapear as receitas tradicionais em desuso e apresentar releituras culinárias.


78. Pasajeras (Francieli Rebelatto)

Foz do Iguaçu-Paraná
Região impactada: Argentina, Paraguai e Paraná
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão feminina

Trata-se de um ensaio documental que contará a história de mulheres (muambeiras, imigrantes, taxistas paraguaias, brasileiras e árabes) e suas relações na vivência mútua na fronteira entre Argentina, Brasil e Paraguai. O roteiro tem como ponto de partida a história particular de Soledad, bailarina e muambeira paraguaia que atravessa mercadorias pela Ponte da Amizade.


79. Penitentes - dos ritos de fé e sangue no Brasil profundo (Guy Benchimol de Veloso)

Belém-Pará
Região impactada: Pará
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Temas: Artes visuais

Edição do livro Penitentes – dos Ritos de Fé e Sangue no Brasil Profundo com a documentação feita por Guy Veloso ao longo de 15 anos. Trata-se da primeira pesquisa a provar a existência dos encomendadores de alma – cultura imaterial raramente documentada.


80. Pequenos Acasos Cotidianos- Presentes e Desastres da Vida Urbana (Juliana Russo Burgierman)

São Paulo-São Paulo
Região impactada: São Paulo
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Temas: Artes visuais
Recorte: Questão urbana

História visual sobre uma forma de estar totalmente desarmado e viver lentamente o tempo da rua. Olhar o descarte e entender como recurso, olhar os trabalhos informais e entender como uma resposta ativa às necessidades de quem ocupa as ruas. Os desenhos permeados por legendas e pensamentos escrito à mão constituirão um livro. Também haverá uma exposição dos originais com encontros e conversas.


81. Periferia ribeirinha de Belém - uma paisagem de resistência. (Luiz Otavio Salameh Braga ME)

Belém-Pará
Região impactada: Pará
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Artes visuais

O universo ribeirinho de Belém nutre a essência da obra do artista Luiz Braga, que ao longo de quase 30 anos realizou sucessivas abordagens tendo como foco principal a vida cotidiana do caboclo e seu ambiente imediato. A proposta é retornar, 30 anos depois, a esse território intenso e caótico para realizar uma nova série de imagens que registrem, interpretem e expressem o encanto do artista por essa visualidade.


82. Pesquisa sobre o longa-metragem ficcional "Vai à Luta" e elaboração de roteiro de documentário (Paula Beatriz Carneiro da Silva Dias)

Palmeiras-Bahia
Região impactada: Bahia, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo
Modalidade: Pesquisa e desenvolvimento
Tema: Audiovisual/cinema
Recorte: Questão racial

Proposta de pesquisa sobre o filme Vai à Luta e desenvolvimento de roteiro de documentário. Este será um trabalho arqueológico, tendo em vista as pontes de diálogo com o presente e uma articulação crítica com outros filmes brasileiros produzidos no mesmo contexto histórico e/ou que se aproximam pela temática e outros vestígios fílmicos, referências e ligações que emergirão da investigação inicial. Será também um processo de criação estética que seja capaz de traduzir audiovisualmente os campos de significados em torno dos cruzamentos de memórias que o projeto pretende trabalhar, suas temporalidades e naturezas, as memórias privadas e familiares que trazem à tona uma memória do cinema, da Bahia e do Brasil.


83. Pífanos: do mapeamento à salvaguarda (Página 21 Comunicação Ltda.)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Bahia, Ceará, Minas Gerais e Pernambuco
Modalidade: Criação e desenvolvimento, documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Patrimônio e memória
Recorte: Questão racial

O objetivo do projeto é continuar a pesquisa iniciada em 2010, para revelar a relação das bandas de pífanos com o Rio São Francisco e com as comunidades remanescentes de quilombos de Buenos Aires, Quitimbu, Travessão do Caroá, Leitão da Carapuça e Conceição das Crioulas, no sertão pernambucano. O conteúdo produzido (partituras, vídeos, registros sonoros e textos) será disponibilizado no site , que contará com menu com adaptações e opções de acessibilidade para cegos e deficientes visuais; também será editado um livro e realizada uma exposição.


84. Pontilhados – Intervenções Humanas em Ambientes Urbanos (Mônica Lira de Queiroz Trindade)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Pernambuco, São Paulo e Rio Grande do Sul
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança
Recorte: Questão urbana

Intervenção urbana multidisciplinar que une tecnologia, poesia e dança contemporânea. O projeto, que nasceu no centro histórico de Recife, aportará em outras cidades do Brasil com uma trilha sonora transmitida por ondas de rádio e ouvida pelo público por meio de fones de ouvido. O espetáculo se transforma em um passeio ao ar livre e, a partir da narrativa de uma atriz convidada, vai desenhando o roteiro – que remonta à cidade de hoje e de ontem. Esses elementos comporão os cenários a partir da arquitetura, das narrativas humanas e dos registros afetivos presentes nas cidades anfitriãs.

85. Probatio: criando instrumentos musicais digitais (Filipe Carlos de Albuquerque Calegario)

Recife-Pernambuco
Região impactada: Pernambuco
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Arte e tecnologia

Criação de protótipos de instrumentos musicais com interfaces configuráveis, utilizando tecnologia digital. Trata-se de um conjunto de objetos físicos com os quais os músicos, artistas e designers podem testar diferentes unidades de controle e mapear seus valores para parâmetros de sintetizadores de som.


86. Quem conta a minha história? (Daniela Valle de Loro)

Dourados-Mato Grosso do Sul
Região impactada: Mato Grosso do Sul
Modalidade: Documentação, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Formação
Recorte: Questão indígena

O projeto visa salvaguardar e valorizar memórias coletivas através da constituição de uma coleção patrimonial na Reserva Indígena de Dourados (MS). Voltado para alunos com idade entre 11 e 18 anos e professores Guarani, Kaiowá e Terena das escolas da Reserva, consiste em fornecer métodos e acompanhamento para instigá-los a criar e a explorar pequenas coleções patrimoniais de objetos materiais e imateriais. A constituição dessas coleções através de métodos de inventário participativo e de pesquisa sobre a história local, além de sua conservação material e intelectual e de sua difusão, é uma estratégia para propor aos jovens um espaço aberto para a criação de narrativas mais contemporâneas, no conteúdo e nas linguagens, em que eles se reconheçam.


87. Recado do Morro (Leandro Junio Belilo - ME)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Dança

Montagem e circulação do espetáculo da Cia. Fusion de Danças Urbanas, Recado do Morro, com base em elemento da cultura hip-hop para tematizar a vida nas grandes favelas brasileiras. Nomeado a partir de um conto de Guimarães Rosa, o espetáculo subverte a ideia de morro definida pelo autor nos anos 1950 e pensa no recado que daria um morro contemporâneo, urbano, populoso e fervilhante. Se no conto, tem-se um recado de morte, no espetáculo apresenta-se um recado de vida, que traz ao palco o que a favela tem de melhor, e o de pior também.


88. REFÚGIO (Isabel Ribeiro Penoni)

Rio de Janeiro-Rio de Janeiro
Região impactada: Rio de Janeiro
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Teatro
Recorte: Questão racial

Criação e montagem da Cia. Marginal em que o grupo irá ao encontro de uma das margens mais frágeis e delicadas da comunidade da Maré, definida pela presença expressiva de imigrantes e refugiados angolanos, que formam a segunda maior comunidade angolana do Brasil, conhecida como Pequena Angola. Com Refúgio, a companhia pretende não só dar visibilidade a essa face desconhecida e estigmatizada da negritude urbana carioca, como também propor novas formas de olhar para – e se relacionar com – ela. Por meio de um percurso performativo que levará um público de dentro e de fora da Maré a interagir com os espaços e os moradores da Pequena Angola, o grupo abordará questões atuais, como o imaginário exotizante em torno do outro (o diferente), o lugar dos imigrantes e refugiados africanos nas grandes metrópoles contemporâneas e o racismo e a xenofobia crescentes.


89. Residência e Festival Corpus Urbis - 4ª edição - Oiapoque (Cristiana Nogueira Menezes Gomes)

Macapá-Amapá
Região impactada: Amapá
Modalidade: Criação e desenvolvimento
Tema: Performance
Recorte: Questão indígena

O festival de performance e intervenção urbana, que parte de uma residência artística, é dedicado àqueles que desejam investigar e intercambiar processos de criação e pesquisas de linguagem atravessados pelo contexto sociocultural e convivência com as comunidades indígenas do Amapá. A residência será sediada em Oiapoque e terá ações estendidas para as aldeias do Manga e de Santa Isabel. O resultado do trabalho será apresentado em um festival. Por meio de convocatória, artistas de diferentes regiões do Brasil e artistas indígenas dos povos Karipuna, Galibi-Maworno, Galibi-Kalinã, Palikur, Apalai, Waiana, Tiriyó, Waiãpi e Kaxuyana integrarão o projeto.


90. Residência Nós no Bambu (Poema Mühlenberg Homem da Costa)

Brasília-Distrito Federal
Região impactada: Distrito Federal
Modalidade: Criação de desenvolvimento, pesquisa e desenvolvimento
Tema: Circo

Projeto de compartilhamento e multiplicação da tecnologia cultural contemporânea do grupo Cia. Nós no Bambu. Desenvolvida e burilada ao longo de 14 anos, consiste em um entrelaçando de dança acrobática, teatro e esculturas artesanais de bambu. Por meio de uma residência artística com artistas do circo e da dança em um projeto de pesquisa, trocas e cocriação, companhias e coletivos latino-americanos percorrerão a trajetória da imersão, da construção, da experimentação e do aprendizado de repertório acrobático, encerrando com uma breve mostra.


91. Retratistas do Morro (Multiart Ltda.)

Belo Horizonte-Minas Gerais
Região impactada: Minas Gerais
Modalidade: Documentação
Tema: Patrimônio e memória

Retratistas do Morro tem por objetivo contribuir para a preservação do patrimônio imagético da Comunidade da Serra, em Belo Horizonte, a partir de restauração

Posted by Patricia Canetti at 9:06 AM