Página inicial

Salões & Prêmios

 


agosto 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    
Pesquise em
salões & prêmios:

Arquivos:
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
dezembro 2016
novembro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
maio 2016
abril 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
outubro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
julho 2004
junho 2004
maio 2004
As últimas:
 

julho 31, 2006

Selecionados Segunda Edição do Prêmio Marcantonio Vilaça

Selecionados Segunda Edição do Prêmio Marcantonio Vilaça

Armando Queiroz (PA - Vive e trabalha em Belém - PA)
Carlos Melo (PE - Vive e trabalha no Recife - PE)
Eduardo Srur (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Egidio Rocci (SP - Vive e trabalha em São José dos Campos - SP)
Elder Rocha (GO - Vive e trabalha em Brasília - DF)
Fabiano Gomper (PB - Vive e trabalha em João Pessoa - PB)
Frederico Câmara (MG - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Henrique Oliveira (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Jared Domício (CE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
João Loureiro (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laerte Ramos (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laura Lima (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Leandro Lima e Gisela Motta (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucas Bambozzi (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucia Laguna (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Marcelo Moscheta (SP - Vive e trabalha em Campinas - SP)
Marcelo Solá (GO - Vive e trabalha em Goiânia - GO)
Márcia Xavier (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Marcone Moreira (MA - Vive e trabalha em Marabá - PA)
Mariana Manhães (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Matheus Rocha Pitta (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Mauro Restiffe (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Milena Travassos (PE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
Nazareno (CE - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Nicolas Robbio (Argentina - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
PaulaGabriela (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Paulo Nenfrídio (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Paulo Vivacqua (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Sara Ramo (Espanha - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Wagner Malta Tavares (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)

Comissão de seleção: Marcus Lontra, Marisa Mokarsel, Ricardo Resende

Comissão de premiação: Cristiana Tejo, Lisette Lagnado, Paulo Herkenhoff

Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas
Gerência de Cultura SESI/DN
SBN Quadra 1 Bloco C, Ed. Roberto Simonsen, 10º andar, Brasília - DF 70040-903
0800-610606 ou premioartesplasticas@sesi.org.br
www.sesi.org.br/premioartes


Prêmio CNI-Sesi Marcantonio Vilaça para as artes plásticas divulga os 30 selecionados de sua segunda edição

O júri de seleção do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas 2006/2007 se reuniu em Brasília nos últimos dias 19, 20 e 21 de julho e definiu os 30 selecionados para esta segunda edição do Prêmio.

O júri foi formado por Marcus Lontra (curador independente e Secretário Municipal de Cultura de Nova Iguaçu - RJ), Ricardo Resende (diretor do Centro Cultural Dragão do Mar de Fortaleza - CE) e Marisa Mokarsel) diretora do Espaço Cultural Casa das 11 Janelas de Belém - PA), que avaliou 744 inscrições.

Foram selecionados:

Armando Queiroz (PA-Vive e trabalha em Belém - PA)
Carlos Melo (PE - Vive e trabalha no Recife - PE)
Eduardo Srur (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Egidio Rocci (SP - Vive e trabalha em São José dos Campos - SP)
Elder Rocha (GO - Vive e trabalha em Brasília - DF)
Fabiano Gomper (PB - Vive e trabalha em João Pessoa - PB)
Frederico Câmara (MG - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Henrique de Oliveira (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Jared Domício (CE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
João Loureiro (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laerte Ramos (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Laura Lima (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Leandro Lima e Gisela Motta (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucas Bambozzi (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Lucia Laguna (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Marcelo Moscheta (SP - Vive e trabalha em Campinas - SP)
Marcelo Solá (GO - Vive e trabalha em Goiânia - GO)
Márcia Xavier (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Marcone Moreira (MA - Vive e trabalha em Marabá - PA)
Mariana Manhães (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Matheus Rocha Pitta (MG - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Mauro Restiffe (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Milena Travassos (PE - Vive e trabalha em Fortaleza - CE)
Nazareno (CE - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Nicolas Robbio (Argentina - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
PaulaGabriela (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Paulo Nenfrídio (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)
Paulo Vivacqua (RJ - Vive e trabalha no Rio de Janeiro - RJ)
Sara Ramo (Espanha - Vive e trabalha em Belo Horizonte - MG)
Wagner Malta Tavares (SP - Vive e trabalha em São Paulo - SP)

A divulgação dos cinco premiados acontecerá em Recife, no dia 30 de agosto. O júri de premiação é formado por Cristiana Tejo (coordenadora de artes plásticas da Fundação Joaquim Nabuco - PE), Lisette Lagnado (curadora da 27ª Bienal de São Paulo) e Paulo Herkenhoff (curador independente).

A segunda edição do prêmio foi lançada em 17 de abril último, na Usina do Gasômetro, em Porto Alegre. As inscrições permaneceram abertas até 15 de julho último.

Nesta segunda edição serão concedidas bolsas de trabalho para cinco artistas, no valor total de R$ 150 mil reais (bolsas individuais de R$ 30 mil reais), para estimular a produção cultural nacional de artes plásticas em todo o Brasil. O trabalho dos artistas selecionados terá acompanhamento de um crítico ou curador. Depois, serão organizadas mostras itinerantes das obras selecionadas. Haverá também a edição de um catálogo com os trabalhos realizados pelos cinco artistas vencedores. No final das exposições, cada artista indicará uma obra, como doação, para o acervo dos museus do circuito. A iniciativa da CNI e do SESI tem por objetivo estimular a produção de novos artistas em diversas áreas das artes visuais e, com isso, dar visibilidade ao cenário contemporâneo das artes e também dos espaços culturais. Além de incentivar a produção artística, o Prêmio também irá proporcionar o enriquecimento do acervo de museus dos principais centros culturais do País.

O papel do sistema CNI

Investir na cultura e na arte brasileira é uma das formas do Sistema CNI contribuir com o desenvolvimento social do Brasil. A cultura e as artes proporcionam os elementos necessários para o desenvolvimento; geram trabalho, emprego e renda e são partes cada vez mais importantes das economias mundiais e desempenham um papel dominante na criação de novos parâmetros educativos, na resolução de conflitos e da coexistência pacífica entre os diversos povos e culturas. Estimulam a inovação, a criatividade e a diversidade, gerando novas idéias, tecnologias e soluções para todas as categorias de necessidades humanas. O Sistema CNI, em sintonia com o compromisso assumido pelo Governo Federal de defender e valorizar a cultura brasileira, de produzir e difundir os bens culturais e democratizar o seu acesso, anuncia a criação do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas que visa promover a interação entre a atividade cultural e o segmento industrial e econômico do Brasil, estimulando a produção da arte contemporânea brasileira e o enriquecimento do acervo artístico de museus públicos do País. Os objetivos serão alcançados por meio da concessão de bolsas de trabalho a artistas plásticos iniciantes de todo o País, que em contrapartida, trabalharão na produção de obras para mostra itinerante em museus públicos. O Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas presta justa homenagem a uma das figuras mais relevantes das artes plásticas brasileiras nos últimos vinte anos, que com seu espírito empreendedor contribuiu de forma marcante para a cultura nacional, não só no incentivo aos novos talentos, como também pela projeção da arte brasileira no mercado externo.

Quem foi Marcantonio Vilaça

Pernambucano Marcantonio Vilaça, falecido precocemente no ano 2000, aos 37 anos de idade tem sua trajetória cultural iniciada em Recife, ainda criança, pela influência dos avós e de seus pais, Maria do Carmo e Marcos Vinicius Vilaça, que o levavam a conhecer a arte popular da região e faziam com ele visitas rotineiras a museus, igrejas e conventos de todo o Nordeste. Aos 15 anos, o adolescente adquiriu sua primeira peça de arte, uma gravura do vizinho mestre de Olinda, o artista Gilvan Samico.
No início dos anos 80, Marcantonio e sua irmã Taciana Cecília abriram sua primeira galeria de arte, a Pasárgada, na Praia de Boa Viagem, em Recife. Em 1991, instalou-se em São Paulo e abriu a Galeria Camargo Vilaça, junto com a sócia Karla Camargo. Aos 35 anos, possuía cerca de 500 obras dos mais representativos artistas contemporâneos brasileiros. Em sua trajetória como galerista, ajudou na colocação de novos talentos no mercado brasileiro e internacional de artes e também doou diversas obras da sua coleção particular para museus de todo o mundo.

Presença da Ação Educativa

A mostra do Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça buscará ir além da mera contemplação dos trabalhos de alguns artistas, aproximando a arte da sociedade com ações específicas, além de incentivar de forma inédita o trabalho de novos artistas brasileiros.
Em todas as cidades percorridas pela itinerância, universitários preparados por curadores, organizadores e pelos próprios artistas que estão expondo tentarão instigar os visitantes a refletirem sobre o que vêem e como essas obras interferem em seu cotidiano.

Como foi a primeira edição do Prêmio

Na primeira edição do Prêmio (2005/2006) se inscreveram 927 artistas. O júri de seleção contou com os curadores Lisette Lagnado (São Paulo), Marcus Lontra (Rio de Janeiro) e Rodrigo Moura (Minas Gerais). A escolha dos finalistas foi feita por um júri formado por Moacir dos Anjos (Pernambuco), Paulo Herkenhoff (Rio de Janeiro) e Paulo Reis (Paraná), que premiou os artistas Lucia Koch (RS), Marilá Dardot (MG), Paula Trope (RJ), Renata Lucas (SP) e Thiago Rocha Pitta (RJ). Os cinco artistas participaram de uma mostra itinerante que percorreu seis capitais brasileiras: Brasília (sede da CNI), São Paulo (Instituto Tomie Ohtake), Rio de Janeiro (Museu Nacional de Belas Artes), Porto Alegre (Usina do Gasômetro), Belém (Casa das 11 Janelas) e Recife (Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães; mostra em cartaz até 3 de setembro de 2006).


Mais informações podem ser obtidas no site www.seis.org.br ou através do e-mail premioartesplasticas@sesi.org.br.

Posted by João Domingues at 12:06 PM | Comentários(1)
Comments

p/ que faz concurso se já se sabe quem va ganhar de antemão?

Posted by: ê lê lê at agosto 22, 2006 10:44 AM
Post a comment ALTERADO!









Remember personal info?