Página inicial

Blog do Canal

o weblog do canal contemporâneo
 


junho 2021
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      
Pesquise no blog:
Arquivos:
junho 2021
maio 2021
abril 2021
março 2021
fevereiro 2021
janeiro 2021
dezembro 2020
novembro 2020
outubro 2020
setembro 2020
agosto 2020
julho 2020
junho 2020
maio 2020
abril 2020
março 2020
fevereiro 2020
janeiro 2020
dezembro 2019
novembro 2019
outubro 2019
setembro 2019
agosto 2019
julho 2019
junho 2019
maio 2019
abril 2019
março 2019
fevereiro 2019
janeiro 2019
dezembro 2018
novembro 2018
outubro 2018
setembro 2018
agosto 2018
julho 2018
junho 2018
maio 2018
abril 2018
março 2018
fevereiro 2018
janeiro 2018
dezembro 2017
novembro 2017
outubro 2017
setembro 2017
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
fevereiro 2017
janeiro 2017
dezembro 2016
novembro 2016
outubro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
junho 2016
maio 2016
abril 2016
março 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
dezembro 2015
novembro 2015
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
dezembro 2014
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
dezembro 2013
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
setembro 2012
agosto 2012
junho 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
novembro 2011
setembro 2011
agosto 2011
junho 2011
maio 2011
março 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
junho 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
maio 2009
março 2009
janeiro 2009
novembro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
maio 2008
abril 2008
fevereiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
agosto 2007
junho 2007
maio 2007
março 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
junho 2004
maio 2004
abril 2004
março 2004
janeiro 2004
dezembro 2003
novembro 2003
outubro 2003
agosto 2003
As últimas:
 

setembro 25, 2019

Ateliê397 apresenta seu novo projeto chamado Galpão397, São Paulo

Ocupando um galpão de 300m2 na Pompéia, o espaço apresenta seu novo formato, mais plural, como forma de enfrentar a recessão que enfrenta a cultura nacional

Neste domingo, 29/09, o Ateliê393 abre suas portas para apresentar o Galpão397, o novo nome que temos usado a partir da ocupação do espaço todo. Essa ampliação tem possibilitado a troca entre diferentes artistas, profissionais e moradores do bairro dentro e fora do galpão. O evento acontece das 14h às 20h e contará com diversas atividades ligadas aos grupos, residentes e artistas que ocupam o espaço.

O tempo de vida dos espaços independentes, das revistas, dos coletivos talvez nada diga sobre sua qualidade e os diálogos que estabeleceu. Todos esses equipamentos culturais estão sujeitos a desaparecer porque a cultura é sempre um campo de batalha. Por outro lado, cada espaço que sobrevive tem uma razão de ser, uma inserção na discussão e uma decifração do mundo contemporâneo que precisamos entender. A continuidade, pode-se dizer, é mais um teste de validação. As gestoras Carollina Lauriano, Bianca Mantovani, Tania Rivitti e Ana Elisa Carramaschi decidiram aceitar passar por esse teste. E para isso isso têm criado uma série de projetos e atividades para que o Ateliê397 siga na ativa.

A residência artística Temos Vagas! faz parte das comemorações dos 15 anos de resistência e existência do Ateliê397. A programação conta com uma série de ações integradas que visam propor uma imersão dos artistas selecionados. Na ocasião, os ateliês dos 12 artistas residentes - Ana Matheus Abbade, Carlota Mason, Dora Smék, Gayle Forman, Jonas Arrabal, Ju Bernardo, Julia Ângulo, Maria de Los Vientos, Monique Huerta, Paul Sétubal, Pamella Anderson e Rebeca Yun Hee Pak - estarão abertos para que o público entre em conatto com a pesquisa e processos que estão sendo desenvolvidos no espaço.

O Vozes Agudas é um desses projetos que tem continuidade no Ateliê397. Com um ano e meio de existência, o grupo se reúne semanalmente e agora apresenta seu podcast e uma exposição que dialoga com as entrevistas realizadas. O nosso diferencial é sermos um grupo de mulheres que busca dar visibilidade ao trabalho de profissionais do campo da arte. No domingo, o grupo realiza a abertura da exposição Vozes Agudas: nosso corpo, nossa voz, com obras das artistas Ana Teixeira, Fabiana Faleiros e Virgínia de Medeiros, celebrando o lançamento do podcast "Vozes Agudas". As artistas são as três primeiras convidadas do podcast, que fala sobre o lugar da mulher no campo da arte.

Está também no galpão a Escola da Floresta, um espaço de ensino e aprendizagem criado pelo artista Fábio Tremonte. Para a inauguração da escola no Galpão397, contaremos com a participação dos artistas do coletivo Bijari, com exposição no Varal, a Biblioteca emprestada do crítico e curador Leonardo Araújo e o artista Gustavo Torrezan apresenta a Rádio Livre e a Escola da Encruzilhada.

Finalizam as comemorações dessa reabertura o Open Studio 397, com a participação dos artistas com ateliê fixo no espaço. Adriano Franchini, AMNA Filmes, Ana Elisa Carramaschi, Luana Lins, Maria Fernanda Simonsen, Mariana Herrerias Reis, Rodrigo Ferrarezi, Sol Casal, Veridiana Mana e Vinícius Maffei estarão com seus ateliês abertos e trabalhos expostos no espaço.

Posted by Patricia Canetti at 11:01 AM