Página inicial

Blog do Canal

o weblog do canal contemporâneo
 


setembro 2016
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  
Pesquise no blog:
Arquivos:
As últimas:
 

setembro 19, 2016

Projeto Respiração: Regina Silveira na Eva Klabin, Rio de Janeiro

A 21ª edição do RESPIRAÇÃO, Programa de intervenções de arte contemporânea na Fundação Eva Klabin, concepção e curadoria de Marcio Doctors, terá a participação de Regina Silveira, com a intervenção Insolitus

O Respiração tem por objetivo criar intervenções de arte contemporânea no acervo de arte clássica da casa-museu Eva Klabin, criando uma ponte entre a arte do passado e as manifestações da atualidade; entre a preciosa coleção de obras dos grandes mestres da história da arte, como Tintoretto, Boticelli, Reynolds, Pisarro, Govaert Flinck, entre outros, e os mais importantes artistas contemporâneos brasileiros.

O Respiração é um programa de longa duração, iniciado em 2004, e tornou-se referência cultural pelo inusitado e singularidade da sua proposta, que é a de trazer uma nova respiração para o museu, com o intuito de atrair novos públicos, criando um olhar diferenciado sobre o museu e sua coleção.

O Respiração foi se firmando pela qualidade dos 27 artistas que participaram ao longo de 12 anos e 20 edições. Podem ser citados alguns nomes como: Anna Maria Maiolino, Anna Bella Geiger, Nuno Ramos, Carlito Carvalhosa, Ernesto Neto, Claudia Bakker, Eduardo Berliner, Rosangela Rennó, Marcos Chaves Nelson Leirner e Daniela Thomas, entre outros. (www.evaklabin.org.br / Projeto Respiração)

Regina Silveira, artista da Luciana Brito Galeria, é a convidada da 21ª edição e fará a intervenção Insolitus, que criará uma situação insólita/inusitada, como o próprio nome diz. A fachada da Fundação será ocupada pela obra Mundus admirabilis, que é uma infestação de insetos gigantes; na Sala Renascença a obra Dark swamp (nest) dominará o espaço, nos surpreendendo com um ovo negro de 1.80m de altura, confrontando-se com as obras Renascentistas da coleção; na Sala de jantar, a mesa e as cadeiras se transformarão em mesa e cadeiras peludas, desencadeando uma estranheza no ambiente requintado e ordenado da casa-museu.

Com a ocupação Insolitus, Regina Silveira radicaliza a ideia de intervenção da proposta do Respiração, desestabilizando os códigos de uma residência, onde a tranquilidade é perturbada pelo imaginário da artista, criando, dessa maneira, uma metáfora contundente dos tempos atuais.

Nas palavras do curador Marcio Doctors:

Insolitus nos traz a crueza de uma realidade substantiva, que Regina Silveira explicita por meio das obras apresentadas no Respiração, que são como materializações na superfície do mundo das angústias de nossa sociedade atual. Com sua poética singular, a artista faz um raio X das incertezas e dúvidas que estamos atravessando e chama a nossa atenção para aquilo que nos incomoda hoje no mundo. São como pragas contemporâneas.

O Respiração conta com o apoio de: Klabin S/A, Itaú Cultural, Luciana Brito Galeria, DHBC advogados, e parceria ArtRio.

Posted by Patricia Canetti at 5:55 PM