Página inicial

Blog do Canal

o weblog do canal contemporâneo
 


abril 2016
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise no blog:
Arquivos:
As últimas:
 

abril 6, 2016

Projeto Latitude apoia visita de grupo internacional à feira SP-Arte/2016

Por meio de uma parceria entre a ABACT - Associação Brasileira de Arte Contemporânea e a Apex-Brasil - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, o Projeto Latitude – voltado à internacionalização do mercado brasileiro de arte contemporânea – apoia a vinda à feira de arte internacional SP-Arte de uma delegação de 10 colecionadores e profissionais do mercado internacional de arte, vindos do Chile, Colômbia, Estados Unidos, Áustria e Argentina.

Citada pelos galeristas associados à ABACT na 4a Pesquisa Setorial Latitude como a segunda maior plataforma de vendas do setor, atrás apenas das próprias galerias, a feira SP-Arte norteia o calendário de aberturas de exposição e eventos institucionais de arte do primeiro semestre na cidade de São Paulo, atraindo colecionadores e profissionais brasileiros e internacionais do mercado de arte à cidade.

A Art Immersion Trip, é o modelo de viagem de negócios organizado sazonalmente pelo Projeto Latitude durante a realização de grandes eventos do mercado de arte no Brasil. Curadores e colecionadores de arte estrangeiros ou residentes no exterior são convidados a tomar parte num roteiro de visitas a galerias, coleções e eventos sociais préviamente agendados com a ABACT e suas galerias associadas.

Nesta edição SP-Arte 2016, o grupo de 10 latino-americanos, norte-americanos, e colecionadores europeus é acompanhado pelos curadores Marta Ramos-Yzquierdo e Germano Dushá em visitas à feira, onde esses profissionais comentam o histórico, programa e time de artistas das galerias, destacando alguma obra dentre as que as galerias selecionaram para levar à feira. Os convidados do Projeto Latitude também são convidados a tomar parte no programa Gallery Night, recém-organizado circuito de aberturas de exposição das galerias nos bairros da Vila Madalena e Jardins nos dias 4 e 5 de abril.

Histórico e ações do Latitude

No início do Projeto Latitude, em 2007, o valor de exportação alcançado pelas galerias associadas ao programa foi de cerca de US$ 6 milhões. Em 2015, o volume exportado chegou a quase US$ 67 milhões, o que representa um salto de 97,4% em relação ao ano de 2014, cujas exportações totalizaram vendas de US$ 33.921.564 para 22 países.

Os principais destinos dos negócios internacionais das galerias em 2015 foram: Estados Unidos, Reino Unido, Suíça, Hong Kong e Turquia. A participação das galerias associadas à ABACT nesse montante aumentou de 41,3 % para 68,4%, atestando a relevância das ações do Projeto Latitude voltadas à promoção da arte brasileira em eventos e feiras de arte internacionais.

Somente no último convênio com a Apex-Brasil, 11 galerias foram introduzidas no mercado internacional com o apoio do programa Latitude, e mais de 30 galerias foram apoiadas pelo Projeto para participações em feiras internacionais, gerando aproximadamente US$ 11,1 milhões em negócios, com vendas de mais de 500 obras para 37 países e para pelo menos 22 instituições internacionais. A expectativa da equipe do Projeto é de ampliar estes números neste novo Convênio.

Além de ações contínuas de gestão e de comunicação, voltadas para o fortalecimento institucional, estão previstas outras 22 ações para o biênio 2015-2016, entre as quais, o apoio às galerias participantes em importantes feiras internacionais, como a Art Basel Miami Beach (EUA), ARCOmadrid(Espanha), ArtBO (Colômbia), entre outras; realização de Art Immersion Trips, por meio das quais o projeto recebe formadores de opinião, profissionais e colecionadores para vivenciar a cena cultural brasileira; capacitação das galerias para atividades específicas e para atuação no mercado internacional; e a realização de pesquisas setoriais e estudos sobre mercados específicos. O conjunto de ações tem como objetivo aumentar o resultado das exportações do mercado primário de arte contemporânea brasileira com uma visão de longo prazo.

As galerias participantes do Projeto Latitude

  1. A Gentil Carioca
  2. Almacén Galeria
  3. Anita Schwartz Galeria de Arte
  4. Athena Contemporânea
  5. Baró Galeria
  6. Galeria Berenice Arvani
  7. Blau Projects
  8. Bolsa de Arte de Porto Alegre
  9. Casa Triângulo
  10. Celma Albuquerque Galeria de Arte
  11. Choque Cultural
  12. Dan Galeria
  13. Galeria Eduardo Fernandes
  14. Galeria Estação
  15. Galeria Fortes Vilaça
  16. Galeria da Gávea
  17. Galeria Inox Arte Contemporânea
  18. Galeria Jaqueline Martins
  19. Galeria Leme
  20. Luciana Brito Galeria
  21. Luciana Caravello Arte Contemporânea
  22. Galeria Luisa Strina
  23. Galeria Lume
  24. Galeria Marcelo Guarnieri
  25. Galeria Marilia Razuk
  26. Mendes Wood DM
  27. Mercedes Viegas Arte Contemporânea
  28. Galeria Mezanino
  29. Galeria Millan
  30. Galeria Movimento
  31. Mul.ti.plo Espaço Arte
  32. Galeria Nara Roesler
  33. Galeria Pilar
  34. Pinakotheke
  35. Portas Vilaseca Galeria
  36. Galeria Rabieh
  37. Galeria Raquel Arnaud
  38. Roberto Alban Galeria de Arte
  39. Sergio Gonçalves Galeria
  40. Silvia Cintra+Box4
  41. SIM Galeria de Arte
  42. Vermelho
  43. Ybakatu Espaço de Arte
  44. Zipper Galeria
Posted by Patricia Canetti at 1:23 PM