Página inicial

Quebra de Padrão

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Quebra de Padrão:

Arquivos:
As últimas:
 

fevereiro 28, 2008

Arco 08 – Cobertura a várias mãos: Cinocéfalo Cassaro, por Franklin Cassaro e Fernando Gerheim

Arco 08 – Cobertura a várias mãos
O Canal Contemporâneo convida aos muitos de seus usuários presentes à ARCO para publicar suas impressões sobre a feira, os eventos paralelos e, claro, sobre Madri!

Cinocéfalo TV01.jpg

Cinocéfalo Cassaro

Fui convidado pelo Moacir dos Anjos a participar do projeto de performances na ARCO08.
Apresentei um trabalho em progresso chamado Cinocéfalo Cassaro. Este trabalho tem estreita ligação com a escultura (Canil Cinocéfalo Cassaro) apresentada no espaço da Laura Marsiaj nesta mesma feira.

O conjunto remete e trata da minha incomoda sensação ao ver ou ouvir falar de artistas que usam cachorros (vivos, mortos e/ou mortos-vivos) em suas instalações e/ou esculturas. O mais interessante é que não me incomodo com tubarões no formol, porcos em caixas, galinhas com plumas, cavalos pendurados ou qualquer tipo de animal empalhado e preservado. Mas com os cachorros é diferente, não sei explicar o porque, e peço desculpas aos colegas e amigos que já usaram ou usarão cachorros em seus trabalhos, pois sei que não gosto disso com tema para uma obra de arte.

Esta tecnoperformance também foi a inauguração da primeira sub-rede digital carioca onde gravamos todos os testes para a realização da transmissão além de algumas atrações especiais como uma palhinha musical do pandeiro de Fernando Gerheim e o vídeo completo do Cinocéfalo assistindo a um desfile de biquínis de carne para cães.

Para ver todo o material gravado o endereço é: www.ustream.tv/channel/biobildung-stream
Para assistir aos curtas de apresentação do projeto: www.dailymotion.com/playlist/xcwr1_biobildung_cinocefalo

Franklin Cassaro


Cinocéfalo TV04.jpg


Cinocéfalo Cassaro

Cinema aos vivos. Cinecino.
Viver é em streamming um ato criativo.
Além do objeto, o próprio tempo da arte está em estado crítico: simultaneidade e heterotopia. Em sua casa (espaço privado), o artista trabalha; a um oceano Atlântico de distância (espaço público), a platéia assiste.
Cachorro-Caligari no espaço-tempo hiper-não euclidiano.
O Cinocéfalo dentro-fora nunca foi domesticado. Web-cão faz que interage, mas o adestrador tem sobre ele um direito sonâmbulo.
Ele é um pouco como o coiote de Beuys em contexto global.
Em seu quarto, em Copacabana, by appointment, diante da web-cam, torna mítico o tempo real.

Fernando Gerheim

Cinocéfalo TV10.jpg

Cassaro Cephaloncine

Cinema to the living. Cinecino.
To live is streamming a creative act.
Beyond the object, the art’s own time is in a critical state: simultaneity and heterotopia. In his house (private space), the artist works; of the Atlantic ocean distance (public space), the viewers watch.
Caligari-Dog in the hyper-no euclidean space-time.
The in-out Cephaloncine was never domesticated. Web-dog pretend interaction, but the trainers have over him a sleepwalking right.
He is a bit like the Beuys’s coyote in global context.
In his Copacabana’s room, by appointment, in front of the web-cam, he makes the real time mythical.

Fernando Gerheim


Cinocéfalo Cassaro

Cine para los vivos. Cinecino.
Vivir en el streaming es un acto creativo.
Más allá del objeto, el tiempo mismo del arte está en un estado crítico: simultaneidad y heterotopía. En su casa (espacio privado), el artista trabaja. A un Océano Atlántico de distancia (espacio público), el público mira.
Cachorro-Caligari en un espacio-tiempo hiper no euclidiano.
El Cinocéfalo dentro-fuera no ha sido jamás domesticado. Web-dog hace como si interactuara, pero su domador posee un derecho sonámbulo sobre él.
Es un poco como el coyote de Beuys en un contexto global.
En su habitación de Copacabana, previa cita, delante de la web-cam, convierte el tiempo real en mítico.

Fernando Gerheim

Posted by João Domingues at 11:24 AM