Esta seção mostra a programação que circula no Canal. A nova agenda de Eventos, relacionada a um banco de dados, permite um acesso rápido e objetivo, e, junto com as Plataformas Associadas, os blogs Salões & Prêmios e Cursos & Seminários, cobre o circuito brasileiro e internacional de arte contemporânea brasileira.
Canal Contemporâneo
emeio_ senha_
esqueceu seu emeio? esqueceu sua senha?
Pesquise por palavras e/ou expressões (entre aspas)

Busca_

período_ palavras-chave_ profissional_ organismo_
a

Filtro Geográfico_

países_ estados / províncias_   cidades_
filtre por país e/ou estado e/ou cidade procure por estados e cidades pelos seus nomes locais
Foram encontrados 34 eventos

Eventos em andamento_

 

Sheroanawe Hakihiiwe

exposição_ 12/06/2021 a 07/08/2021

A primeira exposição individual de Sheroanawe Hakihiiwe no Brasil inaugura o Aquário — espaço frontal da Carpintaria visível a partir do jardim — dedicado a introduzir novas vozes do circuito. Hakihiiwe, nascido em 1971, no Amazonas, na Venezuela, desenvolve um corpo de trabalho que incorpora desenho e cor à tradição oral de seu povo -- a natureza das crenças espirituais e as práticas culturais e sociais. Linhas retas, paralelas, curvas e pontilhadas, arcos, círculos, triângulos, grades, teias e anéis evocam os insetos, os animais, as plantas e os espíritos da floresta.

segmento_ pintura, desenho

local_
Carpintaria
Rua Jardim Botânico 971 - Jardim Botânico
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3875-5554
carpintaria@fdag.com.br
www.fdag.com.br

horários_
Terça a sábado, das 12 às 17h, com agendamento

matéria enviada por_ Ligia Carvalhosa

Kumararo , 2019, Sheroanawe Hakihiiwe (Eduardo Ortega)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Alex Cerveny & Efrain Almeida


Alex Cerveny e Efrain Almeida

exposição_ 29/05/2021 a 07/08/2021

A Carpintaria tem o prazer de apresentar sua nova exposição, um diálogo entre Alex Cerveny (São Paulo, 1963) e Efrain Almeida (Ceará, 1964). O interesse por narrativas do corpo, da natureza e de origem mitológica ou sacra é um dos pontos de conexão mais evidentes entre as obras dos artistas. Em pinturas, aquarelas, esculturas e bordados, Cerveny e Almeida conjugam referências históricas de origens diversas a narrativas biográficas. A interlocução costura-se tanto através de obras recentes quanto da presença pontual de trabalhos dos anos 1990 e 2000.

segmento_ pintura, objeto, escultura, desenho

local_
Carpintaria
Rua Jardim Botânico 971 - Jardim Botânico
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3875-5554
carpintaria@fdag.com.br
www.fdag.com.br

horários_
Terça a sábado, das 12 às 17h, com agendamento

matéria enviada por_ Ligia Carvalhosa

Mergulho, 2013, Alex Cerveny (Eduardo Ortega)  
textos relacionados_
saiba mais
Sussurros, pragas e preces por Clarissa Diniz
Compartilhar
                 
 
 

O Canto do Bode


Alexandre da Cunha, Anderson Borba, Arnaldo de Melo, Caetano de Almeida, Cildo Meireles, Dalton Paula, Daniel Fagus Kairoz, Edu de Barros, Erika Verzutti, Ernesto Neto, Fernanda Gomes, Janaina Tschäpe, João Loureiro, João Maria Gusmão, Jorge Queiroz, Juan Araujo, Julião Sarmento, Kim Lim, Laura Lima, Leonor Antunes, Lucia Laguna, Luiz Zerbini, Manata Laudares, Marcius Galan, Marina Rheingantz, Marina Saleme, Mauro Restiffe, Michel Zózimo, Panmela Castro, Pedro Victor Brandão, Rebecca Sharp, Rivane Neuenschwander, Robert Mapplethorpe, Sheroanawe Hakihiiwe, Tadáskía e Tonico Lemos Auad

exposição_ 29/06/2021 a 29/08/2021

Fortes D’Aloia & Gabriel, Galeria Luisa Strina e Sé têm o prazer de anunciar O Canto do Bode, uma exposição colaborativa na Casa da Cultura da Comporta, em Portugal. São três galerias brasileiras de gerações distintas que se unem à iniciativas globais de construção de novos modelos de atuação diante de um contexto inédito no circuito das artes. As obras de 32 artistas representados pelas galerias, além de 4 artistas convidados, ocupam o antigo cinema da histórica Casa da Cultura, na Fundação Herdade da Comporta, que se converte numa galeria pop-up no verão europeu.

segmento_ pintura, objeto, múltiplos, gravura, escultura, desenho

local_
Casa da Cultura da Comporta
Rua Do Secador 8 - Comporta
Alcácer do Sal / Setúbal / Portugal
351-265-497-514
fundacaohdc@fundacaohdc.pt
www.facebook.com/casadaculturacomporta/

horários_
Terça a sexta, 11-14h e 16-21h; sábado e domingo, 10-14h e 15-19h

matéria enviada por_ Marina Mantoan

Presidente selvagem, 2019, João Loureiro (Edouard Frapoint)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Thiago Rocha Pitta - Nigredo


Curadoria de Pedro Cesarino

exposição_ 19/06/2021 a 14/08/2021

Thiago explora através de vídeos, esculturas e pinturas a relação do homem com a natureza e o tempo. Sempre de maneira meditativa, o artista parece querer capturar fenômenos naturais por meio de técnicas e gestos simples e, ao mesmo tempo históricos, a exemplo de seus afrescos e aquarelas. Desde o início de sua carreira, Thiago explora as questões relativas ao surgimento do homem. Em suas obras iniciais, apresentava e trabalhava as células de cianobactéria, já havia uma busca pela origem da vida, um questionamento sobre processos, mas que, com o tempo, se tornaram atualmente intenso e caótico.

segmento_ vídeo, pintura, escultura

local_
Casa Triângulo
Rua Estados Unidos 1324 - Jardim América
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3167-5621
info@casatriangulo.com
www.casatriangulo.com

horários_
terça a sábado, das 11h às 19h

matéria enviada por_ Casa Triângulo - Comunicação

Grande Monumento Alquímico, 2019 - afresco, Thiago Rocha Pitta (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
texto curatorial
Compartilhar
                 
 
 

José Damasceno - Moto-contínuo


Curadoria de José Augusto Ribeiro

exposição_ 24/04/2021 a 30/08/2021

A exposição abrange cerca de 80 obras, cinco delas inéditas e 40 apresentadas pela primeira vez em São Paulo: grande parte desses trabalhos pertence hoje a coleções públicas e particulares do Brasil e do exterior. O ineditismo fica por conta de 3 trabalhos com bordado de lã (Pontinho, de 2017); de uma escultura de pedra obsidiana, extremamente reflexiva, muito semelhante a um espelho negro (Sólido, de 2019); e de Monitor líquido, obra de 2021, realizada com derretimento de giz de cera.

segmento_ instalação, fotografia, escultura, desenho

local_
Estação Pinacoteca
Largo General Osório 66 - Centro Histórico
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3337-0185
www.pinacoteca.org.br

horários_
Quarta a segunda, das 11h às 17h

matéria enviada por_ Vanessa Regia Beltrão Rabelo

Trilha Sonora, José Damasceno (Pedro Motta)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Gokula Stoffel - Persona

exposição_ 06/07/2021 a 14/08/2021

A primeira exposição individual de Gokula Stoffel desde o anúncio de sua representação pela galeria reúne 18 obras que revelam uma forte inquietação e subjetividade. Trabalhando na escala íntima de obras que cabem nas mãos até grandes formatos, a artista explora desde o gênero clássico da pintura em óleo sobre linho a esculturas de resina e biscuit, incluindo também uma prática de tecelagem e assemblage de tecidos. Num modus operandi oposto à linearidade, Gokula sobrepõe pensamentos e humores à medida que combina materiais de naturezas distintas.

segmento_ pintura, escultura, assemblage

local_
Fortes D’Aloia & Gabriel
Rua James Holland 71 - Barra Funda
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3392-3942
55-11-98401-8081
info@fdag.com.br
www.fdag.com.br

horários_
Terça a sexta, das 10h às 19h; sábados, das 10 às 18h

matéria enviada por_ Ligia Carvalhosa

Morrer deve ser tão frio quanto na hora do parto, Gokula Stoffel (Eduardo Ortega)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Nuno Ramos - Brujas

exposição_ 06/07/2021 a 14/08/2021

Brujas toma um único gesto repetido infinitas vezes como elemento central em trabalhos que mesclam conceitualmente desenho e monotipia. São 25 obras feitas com carvão, pigmento, grafite e tinta óleo sobre papel, que ocupam sequencialmente o espaço, como em uma galeria de retratos. Composições cromáticas, luminosidade e uma cadência na intensidade do gesto definem a identidade individual de cada trabalho e também sua filiação em subgrupos. As passagens gradativas fazem da instalação das 25 obras um conjunto cuidadosamente orquestrado.

segmento_ pintura, instalação, desenho

local_
Fortes D’Aloia & Gabriel
Rua James Holland 71 - Barra Funda
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3392-3942
55-11-98401-8081
info@fdag.com.br
www.fdag.com.br

horários_
Terça a sexta, das 10h às 19h; sábados, das 10 às 18h

matéria enviada por_ Ligia Carvalhosa

Brujas 30, 2020, Nuno Ramos (Eduardo Ortega)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 
Respiração Fachada #1

Hilton Berredo - Grafites Orgânicos


Curadoria de Marcio Doctors

exposição_ 27/06/2021 a 09/01/2022

O projeto Respiração Fachada #1 apresenta uma instalação inédita do arquiteto e artista plástico Hilton Berredo chamada Grafites Orgânicos. O espaço reabre também o seu Jardim projetado por Roberto Burle Marx revitalizado, após a conclusão de obras realizadas na parte externa da casa para favorecer a acessibilidade com rampas e banheiros. A obra de Hilton Berredo é um entrecruzamento de linhas de força. Combina um procedimento matematicamente rigoroso de corte serial das placas de borracha que, quando penduradas, adquirem multiplicidade de formas tridimensionais determinadas pelo acaso.

segmento_ site specific, intervenção, instalação

local_
Fundação Eva Klabin
Avenida Epitácio Pessoa 2480 - Lagoa
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3202-8550
cultura@evaklabin.org.br
http://www.evaklabin.org.br

horários_
Quintas e sextas, 10h, 14h e 15h30; sábados, domingos e feriados, 14h e 15h30, por agendamento

matéria enviada por_ Júlia Bayardino

Grafites Orgânicos, 2021, Hilton Berredo (Mario Grisolli)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Jeanete Musatti - Corações Prensados

exposição_ 14/07/2021 a 15/08/2021

Assim como a maioria das pessoas, Jeanete teve que se adaptar aos tempos pandêmicos e se afastar do convívio social com a família, numa pequena cidade do interior. O enclausuramento fez com que a artista pudesse rever sua vida, suas memórias e sua coleção de objetos. O resultado é apresentado nesta nova exposição. A série “Corações Prensados” apresentada em potes de guardar mantimentos, elaboradas composições de objetos guardados ao longo da vida da artista traduzem sentimentos, memórias e emoções vividos durante a pandemia.

segmento_ objeto, escultura

local_
Galeria Bolsa de Arte
Mourato Coelho 790 - Vila Madalena
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3097-9673
saopaulo@bolsadearte.com.br
www.bolsadearte.com.br

horários_
Segunda a sexta, 10-19h; sábados, 11-17h

matéria enviada por_ Tiago Santos

Presentes, paixão infinita, 2020, Jeanete Musatti (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Mateo López - Hesitante

exposição_ 29/06/2021 a 21/08/2021

A terceira exposição individual do artista colombiano Mateo López exibe dez obras em diferentes suportes: desenho, vídeo, escultura e instalação. São trabalhos que exploram a ideia de jogo, movimento e ativação do espaço expositivo. Seguindo sua inventiva pesquisa sobre a espacialização do desenho, López extrapola para o espaço expositivo diferentes sistemas de linhas e grids. O minimalismo é uma referência para López, que prefere, entretanto, opor à monumentalidade do movimento norte-americano a escala mais humana de objetos criados pelo concretismo e neoconcretismo brasileiros.

segmento_ vídeo, instalação, escultura, desenho

local_
Galeria Luisa Strina
Rua Padre João Manuel 755 loja 2 - Cerqueira César
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3088-2471
info@galerialuisastrina.com.br
www.galerialuisastrina.com.br

horários_
Segunda a sábado, das 11h às 17h

matéria enviada por_ Marina Mantoan

Caja de Pinturas (Vale Mist), 2019-2021, Mateo López (Edouard Fraipont)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Cela Luz, Elisa Bracher, Ivens Machado e Raul Mourão - Desenhos

exposição_ 26/07/2021 a 27/08/2021

Em paleta reduzida e com foco nos traços de alto contraste, desenhos reúne trabalhos em papel marcados por nanquim, carvão, grafite e óleo em bastão. Contando com três diferentes gerações de artistas, a exposição inclui obras do acervo (décadas de 70, 80, 2000 e 2010) e obras produzidas no atual contexto pandêmico. A exposição receberá visitas agendadas.

segmento_ desenho

local_
Galeria Mercedes Viegas
Rua Abreu Fialho 5 S - Jardim Botânico
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-2294-4305
galeria@mercedesviegas.com.br
www.mercedesviegas.com.br

horários_
segunda a sexta, das 12h30 às 18h30; sábado, das 15h às 19h, por agendamento

matéria enviada por_ Mercedes Viegas - Produção

Sem título, 1971, Ivens Machado (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

On the Shoulders of Giants


Adriano Machado, Alan Adi, Amador & Jr. Segurança Patrimonial, Andrea Hygino, André Griffo, Filipe Lippe, Gabi Bresola, Gustavo Caboco, Leila Danziger, Marta Neves, No Martins, Randolpho Lamonier, Victor Galvão e Virginia de Medeiros

Curadoria de Raphael Fonseca

exposição_ 24/06/2021 a 20/08/2021

Sobre os ombros de gigantes reúne artistas brasileiros de diferentes gerações, cujas produções investigam as relações e tensões presentes nas ideias de tempo e memória. A pluralidade do grupo de trabalhos apresentados, em diferentes linguagens e abordagens, permite uma visão ampliada sobre os temas, propondo uma diversidade de interpretações estéticas e conceituais. A exposição introduz abordagens contemporâneas que, ainda que nos possibilitam compreender como narrativas familiares e ancestrais caminham lado a lado com figuras presentes na elaboração de memórias coletivas.

segmento_ pintura, objeto, fotografia, desenho

local_
Galeria Nara Roesler NY
West 21st Street 511 - Chelsea
New York / New York / Estados Unidos
1-212-794-5038
ny@nararoesler.art
www.nararoesler.art

horários_
terça-feira a sábado, das 10h às 18h / tuesday to saturday, from 10am to 6pm

matéria enviada por_ Paula Plee

Minha vó me ensinou a agulha como metáfora.., 2021, Randolpho Lamonier (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Electric Dreams


Ana Cláudia Almeida, Cristina Canale, J. Cunha, Kauam Pereira, Lia Menna Barreto, Maya Weishof, Renato Pera, Thiago Barbalho, Victor Arruda e Virgílio Neto

Curadoria de Raphael Fonseca

exposição_ 29/05/2021 a 14/08/2021

A mostra apresenta um grupo de dez artistas de diferentes gerações e regiões do país, cujos trabalhos trazem em seu cerne a dimensão do estímulo sensorial, remetendo-nos à fisicalidade e ao corpo humano, ao mesmo tempo em que evocam uma atmosfera onírica. Electric Dreams reflete sobre a importância da imaginação e do sonho no momento em que as incertezas do isolamento parecem raptar nossa capacidade de projetar um futuro. O título da exposição, Electric Dreams – ‘sonhos elétricos’, em português – faz referência a duas fontes que encontram-se estreitamente relacionadas.

segmento_ pintura, objeto

local_
Galeria Nara Roesler Rio
Rua Redentor 241 - Ipanema
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3591-0052
galeria@nararoesler.com.br
www.nararoesler.com.br

horários_
Segunda a sexta, 10-19h; sábado, 11-15h

matéria enviada por_ Paula Plee

Barroco Safado, 2012/2013 - acrílica sobre tela, J. Cunha (Flávio Freire)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Guga Szabzon - dia e noite, ainda é longe?


Curadoria de Diego Matos

exposição_ 14/07/2021 a 28/08/2021

Dando continuidade a sua pesquisa sobre lugares imaginados e perguntas sem resposta, Guga apresenta uma série de obras em tecido e feltro, cujos desenhos bordados estabelecem uma relação entre dia e noite, onde a racionalidade diurna e o mistério evocado pela noite convivem e se complementam. O aumento de escala dos trabalhos e os diversos conjuntos também refletem essa relação com o tempo e escancaram não só uma nova dinâmica entre a artista e o tempo de sua produção, mas também sua própria percepção temporal.

segmento_ objeto, desenho

local_
Galeria Superfície
Rua Oscar Freire 240 - Jardins
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3062-3576
info@galeriasuperficie.com.br
www.galeriasuperficie.com.br

horários_
Terça a sexta, 10-19h; sábado, 11-17h

matéria enviada por_ Martim Pelisson

O Sol, a Lua, a Chuva, 2020, Guga Szabzon (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Sergio Camargo - mis piedras


Curadoria de Carlos Nunes, Marilucia Bottallo

exposição_ 08/06/2021 a 06/08/2021

A exposição traz ao público uma seleção de imagens fotográficas, estudos em papel (desenhos) e em gesso (esculturas), além de recortes de jornal que apresentam o artista Sergio Camargo em seus ateliês. Com curadoria do artista Carlos Nunes e de Marilucia Bottallo, museóloga e diretora técnica do IAC, a exposição é um desdobramento da exposição virtual de mesmo nome em cartaz na plataforma Art Curator Grid. Ambas nascem de uma reflexão derivada do livro homônimo publicado pelo IAC em 2020, a partir do material do arquivo pessoal de Sergio Camargo ali depositado.

segmento_ fotografia, escultura, desenho

local_
Instituto de Arte Contemporânea - IAC
Av. Dr. Arnaldo 126 - Consolação
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3129-4898
contato@iacbrasil.org.br
http://www.iacbrasil.org.br

horários_
Terça a domingo, das 11h às 17h, com agendamento

matéria enviada por_ Martim Pelisson

Estudo sobre  imagem fotográfica com anotações, Sergio Camargo (fotógrafo desconhecido)  
textos relacionados_
mostra online até 26/06
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

José Alberto Nemer - Aquarelas recentes


Curadoria de Agnaldo Farias

exposição_ 08/07/2021 a 29/08/2021

A mostra traz a singular destreza do artista mineiro que faz do manejo astuto e delicado das pinceladas uma verdadeira apologia à aquarela. Os trabalhos de Nemer propiciam um intermitente confronto entre uma orientação construtiva e um impulso orgânico. Diluídos na água, seus pigmentos correm pela folha, adivinhando suas minúsculas fissuras e revelando o acidentado da topografia do papel. A dimensão construtiva de suas obras se expressa no recurso a figuras geométricas variadas, veloz e cuidadosamente executadas com lápis de grafite duro, com o apoio de régua, compasso.

segmento_ pintura, desenho

local_
Instituto Tomie Ohtake
Avenida Faria Lima 201 entrada pela Rua Coropés - Pinheiros
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-22451937
55-11-22451902
55-11-22451900
instituto@institutotomieohtake.org.br
www.institutotomieohtake.org.br

horários_
Terça a domingo, das 12h às 17h – entrada franca

matéria enviada por_ Martim Pelisson

ST [Obra 209], 2020 - Aquarela sobre papel, José Alberto Nemer (Miguel Aun)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Tomie Ohtake - Os sons dos sins


Curadoria de Paulo Miyada

exposição_ 12/06/2021 a 23/01/2022

A sala especial dedicada à Tomie com mostras de longa duração, traz novo recorte de sua produção, desta vez acompanhado de composição musical (Cântico Béradêro, de Chico César). O curador Paulo Miyada concebeu Tomie Ohtake - Os sons dos sins a partir de um gênero chamado jisei, poema que reconhece a transitoriedade da vida e acolhe a inevitabilidade da morte; associado à sabedoria zen budista, evoca silêncio e transformação.

segmento_ pintura, gravura

local_
Instituto Tomie Ohtake
Avenida Faria Lima 201 entrada pela Rua Coropés - Pinheiros
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-22451937
55-11-22451902
55-11-22451900
instituto@institutotomieohtake.org.br
www.institutotomieohtake.org.br

horários_
Terça a domingo, das 12h às 17h – entrada franca

matéria enviada por_ Martim Pelisson

Sem título, 2008 - gravura em metal, Tomie Ohtake (Coleção particular)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Emiliano Di Cavalcanti - Di Cavalcanti, Muralista


Curadoria de Ivo Mesquita

exposição_ 02/06/2021 a 17/10/2021

Esta exposição inédita organizada pelo Instituto Tomie Ohtake, com curadoria de Ivo Mesquita, busca enfatizar a produção de murais e painéis de Di Cavalcanti (1897, RJ – 1976, RJ), dedicada à gente brasileira, como toda a sua obra. A brasilidade moderna de Di Cavalcanti está impressa nos 23 trabalhos dispostos em ordem cronológica “de 1925 a 1950” e “de 1950 a 1976”, nos quais pode-se perceber como vai sendo construída a sua figuração, as estratégias no implante das composições, as elaborações formais da sua plástica para essa arte.

segmento_ pintura

local_
Instituto Tomie Ohtake
Avenida Faria Lima 201 entrada pela Rua Coropés - Pinheiros
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-22451937
55-11-22451902
55-11-22451900
instituto@institutotomieohtake.org.br
www.institutotomieohtake.org.br

horários_
Terça a domingo, das 12h às 17h – entrada franca

matéria enviada por_ Martim Pelisson

Trabalhadores (Painel Probel), 1952, Emiliano Di Cavalcanti (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
texto curatorial
Compartilhar
                 
 
 

Geométricas: Perspectivas Femininas


Alice Gelli, Amalia Giacomini, Elizabeth Jobim, Marina Caverzan, Marina Rodrigues e Renata Tassinari

Curadoria de Christiane Laclau

exposição_ 06/07/2021 a 27/08/2021

A primeira exposição coletiva com curadoria e texto de Christiane Laclau, inaugura também a agenda 2021 da galeria. A seleção de cerca de 35 obras, que ocupam as duas galerias do prédio da Lurixs no Leblon, propõe um diálogo entre diferentes conceitos, pesquisas, propostas e abordagens de seis artistas — três delas representadas pela galeria — em torno de um universo comum: o abstracionismo geométrico.

segmento_ pintura

local_
Lurixs: Arte Contemporânea
Rua Dias Ferreira 214 - Leblon
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-2541-4935
info@lurixs.com
www.lurixs.com

horários_
Segunda à sexta, das 11h às 19h; sábado com agendamento

matéria enviada por_ Michelle Cohen Biloia

Elizabeth Jobim (Laís Passos)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 
Clareira

Angelo Venosa


Curadoria de Ana Magalhães, Marta Bogéa

exposição_ 05/06/2021 a 08/08/2021

A exposição de Venosa apresenta desde obras históricas, como a obra Sem Título (1987), que integra a coleção do Museu, até trabalhos recentes, dentre eles, obras que estiveram em exibição em Quasi, individual do artista na Nara Roesler Rio de Janeiro de abril a maio de 2021. No MAC USP, a “Clareira”, instalada no térreo do Museu, local de acolhimento de seus visitantes e de contato com o “chão” da cidade, inaugura um sítio de diversidade e renovação, recebendo uma programação com várias formas de manifestação artística.

segmento_ escultura

local_
Museu de Arte Contemporânea MAC USP - Ibirapuera
Av. Pedro Álvares Cabral 1301 - Ibirapuera
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-5573-9932
www.mac.usp.br

horários_
Terça a domingo, das 10 às 21 horas

matéria enviada por_ Sérgio Miranda

Angelo Venosa (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Visões da Arte no Acervo do MAC USP 1900-2000


Albert Gleizes, Aldo Bonadei, Alexandre Wollner, Alfredo Volpi, Alice Brill, Amedeo Modigliani, Amelia Toledo, Analívia Cordeiro, André Lhote, Anita Malfatti, Antoni Mikolajczyk, Antonio Dias, Antonio Gomide, Arthur Piza, Artur Barrio, Avatar da Silva Moraes, Carlos Fajardo, Carlos Zilio, Carmela Gross, César Baldaccini, Christo, Claudia Andujar, Clóvis Graciano, Constant Permeke, Cybèle Varela, Daniel Senise, Eduardo Paolozzi, Emiliano Di Cavalcanti, Ernesto de Fiori, Fernand Léger, Fernand Léger & André Bruyère, Francis Picabia, Francisco Rebolo Gonsales, Frans Krajcberg, Franz Weissmann, George Grosz, Georges Braque, Geraldo de Barros, Giorgio de Chirico, Giorgio Morandi, Giuseppe Santomaso, Hans Hartung, Hans Persoons, Henri Matisse, Henry Moore, Hermelindo Fiaminghi, Hélio Oiticica, Hércules Barsotti, Iberê Camargo, Ismael Nery, Ivan Serpa, Jean Arp, Jean Metzinger, Joan Miró, João Calixto, John Graz, Josef Albers, Joseph Beuys, José Roberto Aguilar, José Spaniol, Julio Plaza & Regina Silveira, Karel Appel, Karl Schmidt-Rottluff, Käthe Kollwitz, Kozo Mio, Lasar Segall, Letícia Parente, Lothar Charoux, Luiz Paulo Baravelli, Luiz Sacilotto, Lygia Clark, Marc Chagall, Marcello Nitsche, Max Bill, Mário Zanini, Mino Maccari, Mira Schendel, Nelson Leirner, Nuno Ramos, Paul Klee, Paulo Bruscky, Paulo Monteiro, Paulo Pasta, Paulo Rossi Osir, Pierre Soulages, Rafael Canogar, Regina Silveira, Regina Vater, Richard Paul Lohse, Robert Delaunay, Robert Jacobsen, Robert Rauschenberg, Roger Chastel, Ryokichi Mukai, Sérgio Ferro, Simon Benetton, Tarsila do Amaral, Umberto Boccioni, Vicente do Rego Monteiro, Victor Brecheret, Victor Vasarely, Vittorio Gobbis, Waldemar Cordeiro, Wassily Kandinsky e Willi Baumeister

Curadoria de Ana Magalhães, Carmen Aranha, Helouise Costa

lançamento_ 26/09/2016, segunda-feira, 11h
exposição_ 27/09/2016 a 01/09/2021

A ocupação do atual edifício, iniciada em 2012, permitiu ao MAC USP propor uma nova política de exposições. Com um espaço cinco vezes maior que o disponível em suas sedes anteriores, finalmente o Museu pode mostrar uma parcela significativa de seu acervo, com obras que representam a história da arte mundial e brasileira, pontuando as grandes transformações das artes visuais a partir do início do século XX até a contemporaneidade. Primeira mostra de longa duração (cinco anos) proposta pelo Museu, ocupa os sétimo e sexto andares do edifício, cobrindo os períodos de 1900-1950 e 1950-2000.

segmento_ vídeo, pintura, objeto, gravura, fotografia, escultura, desenho

local_
Museu de Arte Contemporânea MAC USP - Ibirapuera
Av. Pedro Álvares Cabral 1301 - Ibirapuera
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-5573-9932
www.mac.usp.br

horários_
Terça a domingo, das 10 às 21 horas

matéria enviada por_ Sérgio Miranda

Para um Jovem de Brilhante Futuro, 1973/74, Carlos Zílio (MAC USP)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 
Sala de Vídeo

Regina Vater


Curadoria de Guilherme Giufrida

exposição_ 02/07/2021 a 15/08/2021

Conselhos de uma lagarta (1976) é uma instalação em dois canais. O primeiro compõe-se sobretudo de imagens do rosto de Vater registrado durante meses no mesmo local em sua casa, entre atividades cotidianas. “Toda hora que eu me lembrava da câmera eu corria para frente dela e me filmava, minha premissa era de tentar que ela me surpreendesse”, comentou. O áudio sobrepõe um compasso sonoro bem marcado com falas retiradas do livro Alice no país das maravilhas.

segmento_ vídeo

local_
Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP
Avenida Paulista 1578 - Cerqueira César
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3251-5644
atendimento@masp.art.br
www.masp.art.br

horários_
Terça e quarta (julho) grátis, 10h-18h; quinta a sexta, 12h-18h; sábado e domingo, 10h-18h

matéria enviada por_ Gabriela Valdanha de Araujo

Conselhos de uma lagarta, 1976 - videoinstalação, Regina Vater (Regina Vater)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 
Histórias brasileiras

Erika Verzutti - A indisciplina da escultura


Curadoria de Adriano Pedrosa, André Mesquita

exposição_ 02/07/2021 a 31/10/2021

Mais do que dar respostas definitivas sobre os efeitos dessas histórias brasileiras, o trabalho de Verzutti traz associações inusitadas de referências que partem do nosso cotidiano e da cultura em geral, desde o seu diálogo com obras de artistas como Tarsila do Amaral até seu interesse em trazer nas esculturas as formas de elementos encontrados na natureza (como vegetais e frutas) tão elementares ao contexto brasileiro. Em trabalhos mais recentes, especialmente seus relevos de parede, Verzutti aponta poeticamente por meio dos seus títulos para condições sociais e políticas atravessadas no país

segmento_ pintura, objeto, escultura

local_
Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP
Avenida Paulista 1578 - Cerqueira César
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3251-5644
atendimento@masp.art.br
www.masp.art.br

horários_
Terça e quarta (julho) grátis, 10h-18h; quinta a sexta, 12h-18h; sábado e domingo, 10h-18h

matéria enviada por_ Gabriela Valdanha de Araujo

Boyfriend, 2014, Erika Verzutti (Thomas Strub)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 
Histórias brasileiras

Conceição dos Bugres - Tudo é da natureza do mundo


Curadoria de Amanda Carneiro, Fernando Oliva

exposição_ 14/05/2021 a 30/01/2022

A mostra se encaixa em um movimento que o MASP vem fazendo desde 2016 ao apresentar obras de artistas que ficaram fora das histórias oficiais da arte com o objetivo de reposicioná-los. É o caso, por exemplo, das exposições de Agostinho Batista de Freitas (2016), Maria Auxiliadora (2018) e Djanira (2019). “A trajetória da Conceição dos Bugres sofreu um processo de apagamento como a de muitos artistas da chamada ‘arte popular brasileira’. Há uma tentativa de inserção dela nesse grande escaninho, o que nem sempre é algo positivo para o artista”, explica Oliva.

segmento_ escultura

local_
Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP
Avenida Paulista 1578 - Cerqueira César
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3251-5644
atendimento@masp.art.br
www.masp.art.br

horários_
Terça e quarta (julho) grátis, 10h-18h; quinta a sexta, 12h-18h; sábado e domingo, 10h-18h

matéria enviada por_ Gabriela Valdanha de Araujo

Sem título, década de 1960-1984, Conceição dos Bugres (Eduardo Ortega - Coleção Edmar Pinto da Costa)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Acervo em movimento


Alfredo Nicolaiewsky, Andressa Cantergiani, Burle Marx, Carlos Asp, Carlos Krauz, Carlos Wladimirsky, Claudia Paim, Édouard Manet, Élcio Rossini, Fernando Duval, Gerson Reichert, Guillermo Creus, Hudinilson Júnior, Ilsa Monteiro, J. P. Madeira, Leandro Machado, Lenora de Barros, Manuel de Araújo Porto-Alegre, Maria Tomaselli, Milton Kurtz, Mona Hatoum, Renato Heuser, Romy Pocztaruk, Tomie Ohtake, Vagner Dotto e Vera Chaves Barcellos

Curadoria de Francisco Dalcol

exposição_ 08/06/2021 a 30/01/2022

Programa expositivo voltado a exibir o acervo do Museu destaca aquisições recentes, trazendo a público obras que tiveram entrada desde 2019, em diálogo com outras já pertencentes à coleção. Exposição que marcou a estreia da atual gestão opera com um modelo de rotatividade das obras expostas, com o objetivo de manter uma renovação frequente e constante do conjunto em exibição. Com o retorno de “Acervo em movimento”, o MARGS volta a ter uma mostra de longa duração dedicada à exibição do seu acervo, e de modo permanente nos espaços e na programação do Museu.

segmento_ vídeo, pintura, objeto, gravura, fotografia, escultura, desenho

local_
Museu de Arte do Rio Grande do Sul - MARGS
Praça da Alfândega s/n - Centro Histórico
Porto Alegre / Rio Grande do Sul / Brasil
55-51-3227-2311
museu@margs.rs.gov.br
www.margs.rs.gov.br

horários_
terça a domingo, 10-19h

matéria enviada por_ MARGS

Elisa, Elisius, 1986 - litografia, Roberto Burle Marx (Raul Holtz)  
textos relacionados_
saiba mais
texto curatorial
Compartilhar
                 
 
 

Estado bruto


Adolfo Rollo, Adriana Janacópulos, Alberto Giacometti, Aldo Paparella, Alex Flemming, Alfredo Ceschiatti, Alicia Penalba, Amilcar de Castro, Angelo Venosa, Antonio Bokel, Antonio Poteiro, Artur Barrio, Ascânio MMM , Auguste Rodin, Barry Flanagan, Bella Karawaewa Prado, Bellez de Araújo, Berto Lardera, Bruno Giorgi, Carina Weidle, Carla Guagliardi, Carlo Signori, Carlos Cuore, Celeida Tostes, César, Cildo Meireles, Constantin Brancusi, Cristina Pape, Cristina Salgado, Daniel Murgel, Deneir, Edgard de Souza, Edival Ramosa, Eduardo Berliner, Eduardo Costa, Eduardo Ramirez Villamizar, Eliane Prolik, Enio Iommi, Émile-Antoine Bourdelle, Farnese de Andrade, Felipe Barbosa, Felix Bressan, Felícia Leirner, Florian Raiss, Francisco Brennand, Franz Weissmann, Frida Baranek, Garth Evans, Gervane de Paula, Haroldo Barroso, Henri Laurens, Henry Moore, Horiuti Masakazu, Irene Hamar, Ivens Machado, Jac Leirner, Jackson Ribeiro, Jacques Lipchitz, João Carlos Goldberg, John Castles, Jorge Barrão, Jorge Duarte, José Bezerra, José Damasceno, José Resende, Kacá Versiani, Kentaro Kimura, Kosta Alex, Lia Menna Barreto, Lina Kim, Lito Cavalcanti, Luiz Philippe, Luiza Miller, Luís Heredia, Lydia Okumura, Lygia Clark, Marcos Coelho Benjamim, Maria Martins, Marino Marini, Mario Cravo Junior, Mary Vieira, Maurício Ruiz, Márcia X., Mestre Didi, Milton Machado, Nelson Leirner, Nuno Ramos, Paiva Brasil, Paulo Roberto Leal, Raul Mourão, Regina Vater, Ricardo Ribenboim, Ricardo Ventura, Robert Adams, Robert Couturier, Roberto Moriconi, Rodrigo Godá, Roma Drumond, Rosana Ricalde, Rubens Gerchman, Rubens Mano, Sandra Cinto, Sergio Camargo, Sérgio Romagnolo, Shirley Paes Leme, Theodoro Braga, Tiago Carneiro da Cunha, Tunga, Victor Brecheret, Waltercio Caldas, Wilson Piran e Xico Stockinger

Curadoria de Beatriz Lemos, Keyna Eleison, Pablo Lafuente

exposição_ 06/05/2021 a 29/08/2021

A exposição assume a configuração de uma multitude e suscita reflexões sobre os processos de colecionismo, conservação e compartilhamento de arte por parte de instituições com seus acervos. A mostra dá continuidade ao processo de familiarização com as coleções do MAM Rio iniciado pela Diretoria Artística e Curadoria Adjunta incorporadas ao museu no final de 2020. Reunindo 125 obras tridimensionais do acervo, entre elas 24 peças não exibidas há mais de 20 anos, a mostra explora as possibilidades deste encontro e a unidade que dele resulta.

segmento_ escultura

local_
Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM RJ
Av. Infante Dom Henrique 85 - Parque do Flamengo
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3883-5600
mam@mamrio.org.br
www.mam.rio

horários_
Quinta e sexta, das 13h às 18h; sábado e domingo, das 10h às 18h

matéria enviada por_ Mônica Villela

Bomba caseira, 2002, Gervane de Paula (Fábio Souza)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Três Artistas de Engenho de Dentro


Adelina Gomes, Fernando Diniz e Octávio Ignácio

Curadoria de Eurípedes Gomes da Cruz Júnior, Luiz Carlos Mello, Marco Antonio Teobaldo

lançamento_ 18/05/2021, terça, 18h30
exposição_ 19/05/2021 a 27/05/2022

O MII apresenta no Dia Internacional dos Museus e Dia Nacional da Luta Antimanicomial a exposição virtual com um recorte inédito, que reúne 90 obras muito pouco conhecidas pelo público, dos três artistas negros, de origem humilde. O formato digital permite valorizar a força de cada um dos trabalhos, que “reconta de certa forma suas trajetórias, traço característico do resultado do trabalho criado e desenvolvido pela Dra. Nise da Silveira (1905-1999)”, comenta Marco Antonio Teobaldo. Na abertura da exposição haverá uma conversa virtual com a presença dos curadores e convidados.

segmento_ pintura, desenho

local_
Museu de Imagens do Inconsciente - MII
Rua Ramiro Magalhães 521 - Engenho de Dentro
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3111-7467
educativo@mii.org.br
www.mii.org.br

horários_
Segunda a sexta, das 9 às 16 horas, para grupos mediante agendamento

matéria enviada por_ CWeA Comunicação

Óleo sobre papel, 1953, Fernando Diniz (divulgação)  
textos relacionados_
mostra virtual
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

25 anos de Temporada de Projetos


Amanda Mei, Ana Caroline de Lima, Bruno Faria, Fábio Menino, Fernando Soares, Gabriel Torggler, Higo Joseph, Rodrigo Linhares e Simone Moraes

lançamento_ 10/07/2021, sábado, 12h
exposição_ 11/07/2021 a 10/10/2021

A Temporada de Projetos – um dos mais longevos e importantes editais de arte contemporânea nacional – em sua última convocatória, recebeu mais de 300 projetos de todo o Brasil. A seleção dos trabalhos por um júri especializado aconteceu em 2019, mas em função da pandemia do novo coronavírus, a exibição prevista para 2020 teve que ser adiada para este ano.

segmento_ videoinstalação, pintura, objeto, instalação, fotografia, escultura, desenho

local_
Paço das Artes
Rua Albuquerque Lins 1331 - Higienópolis
São Paulo / São Paulo / Brasil
pacodasartes@pacodasartes.org.br
www.pacodasartes.org.br

horários_
Terça a domingo, das 12h às 18h

matéria enviada por_ Flavio Augusto de Lima Silva

Peso da Biblioteca Ausente, Simone Moraes (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Enciclopédia Negra


Amilton Santos, Andressa Monique, Antonio Obá, Arjan Martins, Ayrson Heráclito, Bruno Baptistelli, Castiel Vitorino, Dalton Paula, Daniel Lima, Desali, Elian Almeida, Hariel Revignet, Heloisa Hariadne, Igi Ayedun, Jackeline Romio, Jaime Lauriano, Juliana dos Santos, Kerolayne Kemblim, Kika Carvalho, Lidia Lisboa, Marcelo D’Salete, Mariana Rodrigues, Micaela Cyrino, Michel Cena, Moisés Patricio, Mônica Ventura, Mulambö, Nadia Taquary, Nathalia Ferreira, Oga Mendonça, Panmela Castro, Rebeca Carapiá, Renata Felinto, Rodrigo Bueno, Sonia Gomes e Tiago Sant’Ana

Curadoria de Flávio Gomes, Jaime Lauriano, Lilia M. Schwarcz

exposição_ 01/05/2021 a 08/11/2021

A Pinacoteca reitera o compromisso com a visibilidade e a pluralidade de histórias e movimentos e inaugura Enciclopédia negra. A exposição torna pública as 103 obras realizadas por artistas contemporâneos para um livro homônimo de autoria dos pesquisadores Flávio Gomes e Lilia M. Schwarcz e do artista Jaime Lauriano, publicado em março de 2021 pela Companhia das Letras. A mostra é um desdobramento da publicação e também se conecta com a nova apresentação da coleção do museu que se apoia em questionamentos contemporâneos e reverbera narrativas mais inclusivas e diversas.

segmento_ pintura, fotografia, desenho

local_
Pinacoteca do Estado
Praça da Luz 2
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3324-1000
55-11-3324-1007
imprensa@pinacoteca.sp.gov.br
www.pinacoteca.org.br

horários_
Quarta a segunda, 10-18h

matéria enviada por_ Vanessa Regia Beltrão Rabelo

Vitória, Catarina e Josefa (RJ), Elian Almeida (Filipe Berndt)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

osgemeos - Segredos


Curadoria de Jochen Volz

exposição_ 15/10/2020 a 09/08/2021

A primeira panorâmica da dupla de artistas formada pelos irmãos Otávio e Gustavo Pandolfo (São Paulo, 1974) conta com mais de 1000 itens, cerca de 50 inéditos ou nunca exibidos no país. A dupla construiu uma trajetória no mundo das artes sem nunca ter perdido de vista o desejo de manter-se acessível ao grande público. Sempre tomaram o espaço urbano como lugar de vivência e de pesquisa desde o início de sua produção, na década de 1980. Seus trabalhos contam histórias – às vezes autobiográficas – cujas tramas envolvem fantasia, relações afetivas, questionamentos, sonhos e experiências de vida.

segmento_ site specific, pintura, instalação, grafite, escultura, desenho, arte sonora

local_
Pinacoteca do Estado
Praça da Luz 2
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3324-1000
55-11-3324-1007
imprensa@pinacoteca.sp.gov.br
www.pinacoteca.org.br

horários_
Quarta a segunda, 10-18h

matéria enviada por_ Vanessa Regia Beltrão Rabelo

OSGEMEOS (Levi Fanan)  
textos relacionados_
saiba mais
tour virtual
visita com os artistas
Compartilhar
                 
 
 
Modo Contínuo

Gabriela Noujaim - Latinamerica 2020

exposição_ 14/07/2021 a 27/08/2021

O livro de artista “Latinamerica 2020”, de Gabriela Noujaim: uma caixa, com edição limitada, contendo dez serigrafias – oito sobre papel, uma sobre uma máscara cirúrgica, e outra sobre espelho – um vídeo e um livro trilíngue (port/esp/ingl) com depoimentos de sete mulheres. Todos os trabalhos estarão expostos em um espaço dedicado à artista dentro da exposição “Modo Contínuo”.

segmento_ vídeo, múltiplos, livro de artista

local_
Simone Cadinelli Arte Contemporânea
Rua Aníbal de Mendonça 171 - Ipanema
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3496-6821
55-21-99842-1323
contato@simonecadinelli.com
www.simonecadinelli.com

horários_
Segunda a sexta, das 13h às 18h; com agendamento

matéria enviada por_ CWeA Comunicação

Livro Latinamerica 2020, Gabriela Noujaim (Rafael Adorján)  
textos relacionados_
Modo Contínuo
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Modo Contínuo


Claudio Tobinaga, Gabriela Noujaim, Isabela Sá Roriz, Jeane Terra, Jimson Vilela, Leandra Espírito Santo, Pedro Carneiro, PV Dias, Roberta Carvalho e Virgínia Di Lauro

exposição_ 23/06/2021 a 27/08/2021

Para comemorar três anos de atividades, a mostra reúne 35 obras recentes e inéditas de 10 artistas representados pela galeria. “A galeria partiu do seu próprio conceito de apresentar jovens artistas brasileiros com pesquisas em arte contemporânea da melhor qualidade para dar nome a essa exposição. Esta ‘Modo Contínuo’ representa a renovação de linguagens e produção que esses artistas têm a oferecer ao público”, destaca Simone Cadinelli, diretora da galeria.

segmento_ vídeo, pintura, objeto, instalação, fotografia, escultura

local_
Simone Cadinelli Arte Contemporânea
Rua Aníbal de Mendonça 171 - Ipanema
Rio de Janeiro / Rio de Janeiro / Brasil
55-21-3496-6821
55-21-99842-1323
contato@simonecadinelli.com
www.simonecadinelli.com

horários_
Segunda a sexta, das 13h às 18h; com agendamento

matéria enviada por_ CWeA Comunicação

Infiltração I, 2015, Jimson Vilela (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Emanoel Araujo - Cosmogonia dos Símbolos

exposição_ 26/06/2021 a 14/08/2021

A Simões de Assis apresenta, pela primeira vez em sua história, duas exposições simultâneas de um mesmo artista nas salas principais de seus espaços, em SP e PR. Emanoel Araujo, artista – que também atua extensa e intensamente como colecionador, curador, crítico, gestor cultural, cenógrafo, conservador e museólogo – é um nome fundamental na história da arte contemporânea no país, com uma pesquisa singular sobre a identidade e a cultura afro-brasileira. As duas mostras são acompanhadas por um ensaio crítico assinado pela antropóloga, historiadora e pesquisadora Lília Moritz Schwarcz.

segmento_ pintura, objeto, escultura

local_
Simões de Assis e Sim Galeria São Paulo
Rua Sarandi 113A - Cerqueira César
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-3062-8980
info@simgaleria.com
www.simgaleria.com

horários_
Segunda a sexta-feira, das 10h às 19h; sábado das 10h às 15h

matéria enviada por_ Núria Vieira

Máscara, 1995, Emanoel Araujo (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
 

Emanoel Araujo - Construção Simbólica

exposição_ 03/07/2021 a 28/08/2021

A Simões de Assis apresenta, pela primeira vez em sua história, duas exposições simultâneas de um mesmo artista nas salas principais de seus espaços, em SP e PR. Emanoel Araujo, artista – que também atua extensa e intensamente como colecionador, curador, crítico, gestor cultural, cenógrafo, conservador e museólogo – é um nome fundamental na história da arte contemporânea no país, com uma pesquisa singular sobre a identidade e a cultura afro-brasileira. As duas mostras são acompanhadas por um ensaio crítico assinado pela antropóloga, historiadora e pesquisadora Lília Moritz Schwarcz.

segmento_ objeto, escultura

local_
Simões de Assis Galeria de Arte
Al. Carlos de Carvalho 2173 A - Batel
Curitiba / Paraná / Brasil
55-41-3232-2315
galeria@simoesdeassis.com
www.simoesdeassis.com

horários_
Segunda a sexta, 10-19h; sábados, 10-15h

matéria enviada por_ Núria Vieira

Pendente vermelho, 2017, Emanoel Araujo (divulgação)  
textos relacionados_
saiba mais
Compartilhar
                 
 
  patrocínio_

         


ENVIO DE CONTEÚDO_       CADASTRE-SE_       CONTATO_       SOBRE O CANAL_
Canal Contemporâneo - Todos os Direitos Reservados © 2005