Página inicial

Salões & Prêmios

 


setembro 2019
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30          
Pesquise em
salões & prêmios:

Arquivos:
setembro 2019
agosto 2019
julho 2019
junho 2019
maio 2019
abril 2019
março 2019
fevereiro 2019
janeiro 2019
dezembro 2018
outubro 2018
setembro 2018
agosto 2018
julho 2018
junho 2018
maio 2018
abril 2018
março 2018
fevereiro 2018
janeiro 2018
dezembro 2017
novembro 2017
outubro 2017
agosto 2017
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
dezembro 2016
novembro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
maio 2016
abril 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
outubro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
julho 2004
junho 2004
maio 2004
As últimas:
 

agosto 21, 2019

Conversas com artistas selecionados pelos Editais de Ocupação da Fundação Clóvis Salgado, Belo Horizonte

Como parte da programação das exposições dos Editais de Ocupação de Artes Visuais e Fotografia, a Fundação Clóvis Salgado promove conversas com os artistas selecionados e convidados nos dias 22 e 27 de agosto. No dia 22 (quinta-feira), às 19h, os artistas Lorena D’Arc e Rodrigo Arruda se reúnem na Sala Juvenal Dias, com a produtora e curadora Marci Silva como mediadora. Já no dia 27 (terça-feira), também às 19h, o bate-papo será na CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais, com Élcio Miazaki e Victor Galvão. O mediador será Bruno Vilela, co-idealizador e diretor do FIF – Festival Internacional de Fotografia de Belo Horizonte.

Segundo Uiara Azevedo, gerente de Artes Visuais da Fundação Clóvis Salgado, a iniciativa faz parte das atividades de formação de público da instituição. “Dado o caráter contemporâneo dos Editais de Ocupação, para nós faz todo sentido aproximarmos as obras, os artistas e os públicos em conversas que ocupem espaços importantes da cidade como, a CâmeraSete”, explica. Desde julho as exposições “Ecos”, de Rodrigo Arruda, “Leite Derramado”, de Lorena D’arc e “Para sempre e um dia”, de Renata Cruz, ocupam galerias Genesco Murta, Mari’Stella Tristão e Arlinda Corrêa Lima, no Palácio das Artes.

Em Ecos, o paulista Rodrido Arruda explora por meio do distanciamento entre as obras dentro da Galeria Genesco Murta a permanência e ausência de público dentro de espaços artísticos. Já a exposição de Lorena D’arc, professora de cerâmica na Escola Guignard-UEMG, se volta para os estudos sobre o barro e leite, elementos carregados de significâncias que passam pela fertilidade e o feminino. Renata Cruz, em Para Sempre e Um Dia, explora o simples ato de observar o cotidiano ao transformar a Galeria Arlinda Corrêa Lima em uma casa japonesa de papel, recoberta por azulejos portugueses a partir da técnica de aquarela. Por estar participando de uma residência artística, Renata não estará na conversa da Sala Juvenal Dias.

Também no mês de julho as exposições Impulsos Imitativos, de Élcio Miazaki e Arquipélago, de Victor Galvão passaram a ocupar a CâmeraSete até setembro. Na sua exposição, Élcio parte de pesquisas relacionadas ao meio militar, criando um repertório que se faz familiar ao cotidiano civil por meio de objetos simbólicos manipulados artesanalmente. Já em “Arquipélago”, Victor Galvão traz cenas que representam experiências de contemplação diante da paisagem, numa narrativa permeada pelos sentimentos de solidão e isolamento. Ambos os artistas utilizam, também, vídeos em sua expografia.

22 de agosto de 2019, quinta-feira, às 19h
Conversa Edital de Ocupação de Artes Visuais, com Lorena D’Arc e Rodrigo Arruda e mediação de Marci Silva
Local: Sala Juvenal Dias – Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena 1.537, Centro, Belo Horizonte
Entrada Gratuita

27 de agosto de 2019, terça-feira, às 19h
Conversa Edital de Ocupação de Fotografia, com Élcio Miazaki e Victor Galvão e mediação de Bruno Vilela
Local: CâmeraSete – Casa da Fotografia de Minas Gerais
Endereço: Av. Afonso Pena 737, Centro, Belo Horizonte
Entrada Gratuita

Posted by Patricia Canetti at 2:59 PM

Oficina e palestra de Aline Motta na Bolsa Pampulha, Belo Horizonte

O Programa Bolsa Pampulha, realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, e pelo JACA - Centro de Arte e Tecnologia, recebe no dia 25 de agosto a oficina (10h) e palestra (15h) “Fotografia e Memória”, com a artista visual Aline Motta. As ações acontecem no Museu de Arte da Pampulha (Avenida Otacílio Negrão de Lima 16.585) e têm o propósito de estimular a produção e a pesquisa em artes visuais na capital mineira, contribuindo para o processo formativo da comunidade artística local e nacional. A entrada é gratuita e as inscrições devem ser realizadas no site www.bolsapampulha.art.br.

A oficina “Fotografia e Memória” acontece de 10h às 13h. Oferece um mergulho nos processos de criação de Aline Motta, compartilhando as diversas pesquisas que ela realizou em arquivos públicos e privados com o intuito de criar uma poética intimamente ligada com memória e trajetória de vida de alguns de seus familiares. A artista também propõe a ampliação de repertório visual com a apresentação de trabalhos das artistas negras americanas Carrie Mae Weems, Lorna Simpson e Lorraine O'Grady, cujas obras se conectam diretamente com o tema em questão.

A palestra “Fotografia e Memória” começa às 15h. Esta fala aberta pretende proporcionar uma experiência e contato direto com a artista e seus processos e métodos de trabalho, de modo que os presentes possam desenvolver e aprofundar suas próprias poéticas e pesquisas artísticas, a partir da trajetória de vida de seus familiares e experiências em suas comunidades.

A artista Aline Motta, de Niterói (RJ), vive e trabalha em São Paulo. É bacharel em Comunicação Social pela UFRJ e pós-graduada em Cinema pela The New School University (NY). Combina diferentes técnicas e práticas artísticas, mesclando fotografia, vídeo, instalação, performance, arte sonora, colagem, impressos e materiais têxteis. Sua investigação busca revelar outras corporalidades, criar sentido, ressignificar memórias e elaborar outras formas de existência. Foi contemplada com o Programa Rumos Itaú Cultural 2015/2016 e com a Bolsa ZUM de Fotografia do Instituto Moreira Salles 2018. Recentemente participou de exposições importantes como “Histórias Afro-Atlânticas” - MASP/Tomie Ohtake, "O Rio dos Navegantes"- Museu de Arte do Rio/MAR e “Modos de ver o Brasil” - OCA/Ibirapuera.

Posted by Patricia Canetti at 2:43 PM

agosto 19, 2019

Roda de conversa dos artistas do Bolsa Pampulha na Escola Guignard, Belo Horizonte

O projeto "O artista pesquisador" da Escola Guignard/UEMG e Bolsa Pampulha apresentam roda de conversa com os artistas residentes do edital Bolsa Pampulha 2018/2019, promovido pelo JA.CA - Centro de Arte e Tecnologia em parceria com a Fundação Municipal de Cultural de Belo Horizonte.

No dia 20 de agosto, das 10h às 12h, a roda de conversa contará com a presença de: Alex Oliveira, Davi de Jesus do Nascimento, Dayane Tropicaos, Desali e Sallisa Rosa.

E, no dia 27 de agosto, das 19h às 21h, com a presença de: Gê Viana, Guerreiro do Divino Amor, Sara Lana, Simone Cortezão e Ventura Profana.

Escola Guignard (UEMG) - Auditório
Rua Ascânio Burlamaque 540, Belo Horizonte, MG

Posted by Patricia Canetti at 10:08 AM

Bárbara Wagner & Benjamin de Burca no 30º Festival Curtas, São Paulo

Bárbara Wagner & Benjamin de Burca estreiam Swinguerra no Brasil e ganham primeira retrospectiva de seus filmes no 30º Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo

Realizado pela Fundação Bienal de São Paulo para representar o Brasil na 58ª Bienal de Veneza, “Swinguerra” integra a primeira Mostra Competitiva do Festival de Curtas e também será exibido no Pavilhão da Bienal dia 24 de agosto

A retrospectiva reúne cinco curtas documentais-musicais da dupla de artistas, que comanda ainda uma masterclass gratuita sobre audiovisual experimental, dia 23 de agosto, na Cinemateca Brasileira

Com uma grande produção de séries fotográficas, videoinstalações e curtas-metragens musicais, o duo de artistas Bárbara Wagner & Benjamin de Burca tem participação especial na 30ª edição do Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo, que acontece entre 22 de agosto e 1 de setembro.

A dupla faz a estreia nacional de seu novo filme Swinguerra. Realizado pela Fundação Bienal de São Paulo para a representação do Brasil na 58ª Bienal de Veneza, a obra documental-musical acompanha os ensaios de um grupo de dançarinos na quadra de esportes de uma escola pública da periferia de Recife (PE). Acompanhados por um exigente coreógrafo, eles são observados de perto pelas companhias rivais.

O curta, cujo título une o movimento popular de dança nordestino swingueira com a palavra guerra, integra a primeira Mostra Competitiva do Festival de Curtas. Dedicada apenas a filmes brasileiros, ela reúne 14 selecionados entre os inscritos desta edição, em uma pequena mostra da pluralidade de olhares do audiovisual brasileiro contemporâneo. As exibições de Swinguerra acontecem nos dias 22 de agosto, 21h, na Cinemateca Brasileira, 24 de agosto, às 17h30, no CineSesc, e 30 de agosto, 15h, no Centro Cultural São Paulo.

A estreia se dá simultaneamente na Bienal de São Paulo. Como parte das comemorações do aniversário de 65 anos do Parque Ibirapuera, o filme será apresentado no dia 24 de agosto, das 9h às 19h, no Pavilhão da Bienal (1º andar), com entrada gratuita.

RETROSPECTIVA E MASTERCLASS

Um dos destaques dos Programas Especiais do 30º Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo, a mostra Experimenta – Bárbara Wagner e Benjamim de Burca é a primeira retrospectiva de filmes realizados pela dupla. Participam cinco curtas, que misturam realidade e ficção para estabelecer pontes entre diversas cenas da indústria musical, como o frevo pernambucano, o rap de Toronto e até a música evangélica brasileira.

Os filmes são Rise (2018), Bye Bye Deutschland! (2017), Terremoto Santo (2017), Estás Vendo Coisas (2016) e Faz que Vai (2015). O programa será exibido nos dias 23 de agosto, às 18h30, na Cinemateca Brasileira, 24 de agosto, 19h30, no CineSesc, e 27 de agosto no Cinusp.

Bárbara Wagner & Benjamin de Burca comandam ainda uma masterclass sobre audiovisual experimental. O evento gratuito e aberto ao público será no dia 23 de agosto, às 20h, na Cinemateca Brasileira (após a sessão de Experimenta).

30º FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURTAS-METRAGENS DE SÃO PAULO

Celebrando 30 anos ininterruptos de realização, o Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo, dirigido por Zita Carvalhosa e organizado pela Associação Cultural Kinoforum, apresenta gratuitamente 324 filmes de 53 países, em diferentes salas de cinema da capital paulista.

Além das tradicionais Mostras Internacional, Latino-Americana e Programas Brasileiros, que revelam um panorama do cinema contemporâneo em todo o mundo, a edição estreia a Mostra Limite, com filmes brasileiros e estrangeiros que experimentam novas linguagens, os Programas Imersivos, com documentários de Tadeu Jungle em 360º para óculos VR, filmes franceses em 3D e games brasileiros de realidade virtual, e ainda sua primeira Mostra Competitiva, especialmente para títulos nacionais.

Os Programas Especiais reúnem atrações que já fazem parte do calendário do Festival, como a Mostra Infantojuvenil, além de diferentes destaques a cada edição. Entre eles, uma seleção de curtas de Jorge Furtado, como Ilha das Flores – que também completa 30 anos –, uma mostra de curtas coreanos em homenagem aos 60 anos das relações Brasil-Coreia, incluindo obras premiado diretor Bong Joon-Ho, e ainda um programa canadense que comemora o Ano Internacional das Línguas Indígenas.

30º FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURTAS-METRAGENS DE SÃO PAULO – CURTA KINOFORUM

Programação: 22 de agosto a 1 de setembro de 2019 – Entrada gratuita

Locais: Cinemateca Brasileira, CineSesc, Museu da Imagem e do Som – MIS, Espaço Itaú Augusta, Centro Cultural São Paulo – CCSP, Cine Olido, Cinusp e CEU's Perus, Caminho do Mar e Vila Atlântica

Patrocínio: Sabesp (via Lei de Incentivo à Cultura – Ministério da Cidadania – Secretaria Especial da Cultura), Ericsson (via ProAC ICMS – Secretaria de Cultura e Economia Criativa – Governo do Estado de São Paulo), SPCine, Prefeitura da cidade de São Paulo, BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), FSA (Fundo Setorial do Audiovisual), SAV (Secretaria do Audiovisual) e Ancine.
Realização: Kinoforum, Superfilmes, SESC, Cinemateca Brasileira, Museu da Imagem e do Som - MIS.
Informações: www.kinoforum.org/curtas / www.facebook.com/kinoforum

Posted by Patricia Canetti at 9:50 AM

agosto 11, 2019

Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia 2019 - Inscrições

O Instituto Moreira Salles, entidade cultural sem fins lucrativos, institui o presente edital, que regulamenta o concurso para a seleção de um projeto eleito à Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia, edição 2019. O IMS concederá uma bolsa de pesquisa para projetos que proponham estudos sobre o seguinte eixo temático: Stefania Bril. Fotografia como ação ampliada: prática, crítica e ativação do campo da fotografia 1970-1990.

Inscrições até 4 de outubro de 2019

Instituto Moreira Salles
Avenida Paulista 2424, São Paulo, SP
bolsadepesquisa@ims.com.br

EDITAL

BOLSA IMS DE PESQUISA EM FOTOGRAFIA
edição 2019

O Instituto Moreira Salles, entidade cultural sem fins lucrativos, institui o presente edital, que regulamenta o concurso para a seleção de um projeto eleito à BOLSA IMS DE PESQUISA EM FOTOGRAFIA, edição 2019.

1. Do objeto:

1.1. Constitui o objeto do presente edital a seleção de um projeto para o estudo das coleções de fotografia conservadas no IMS.

1.2. A bolsa tem por objetivos:
a) Contribuir para a capacitação de pesquisadores que desejem investigar a história da fotografia no Brasil;
b) Fomentar pesquisas que contribuam para promover e disseminar o conhecimento sobre autores, obras, conjuntos, coleções de natureza fotográfica e arquivos documentais sobre a fotografia, sob a guarda do Instituto Moreira Salles e de outras bibliotecas, coleções, instituições arquivísticas e museológicas brasileiras.

2. Das condições gerais:

2.1. Estão aptas a se inscrever pessoas físicas, brasileiras ou estrangeiras, radicadas no Brasil há, no mínimo, 01 (um) ano, que possuam o título de mestre ou superior, com ou sem vínculo acadêmico ou institucional.

2.2. Não poderão se inscrever as pessoas físicas que sejam funcionários do Instituto Moreira Salles ou que tenham vínculo de parentesco com funcionários do Instituto Moreira Salles.

3. Das condições específicas:

3.1. O Instituto Moreira Salles concederá uma bolsa de pesquisa para projetos que proponham estudos sobre o seguinte eixo temático, que se encontra detalhado no Anexo I deste edital:

Stefania Bril. Fotografia como ação ampliada: prática, crítica e ativação do campo da fotografia 1970 – 1990.

3.2. Os candidatos deverão apresentar um único projeto de pesquisa inédito, assim entendido como um projeto de pesquisa não apresentado publicamente nem resultante de dissertação ou tese para conclusão de curso de graduação ou pós-graduação universitária.

3.3. A fim de auxiliar na elaboração do projeto de pesquisa, o ANEXO II deste edital contém links para artigos publicados por Stefania Bril.

3.4. Para a realização da pesquisa, o bolsista terá acesso ao arquivo de Stefania Bril, que se encontra sob a guarda do Instituto Moreira Salles, no Rio de Janeiro. O arquivo inclui fotografias de sua autoria, produção textual, correspondências, recortes de jornal, entrevistas e produção fotográfica de terceiros.

3.5. O bolsista terá direito ao uso do espaço e da infraestrutura do Instituto Moreira Salles durante a duração da bolsa.

4. Das inscrições

4.1. As inscrições estarão abertas no período de 05 de agosto a 04 de outubro de 2019.

4.2. As inscrições serão realizadas em duas etapas:
- Preenchimento do formulário de inscrição online, no endereço: http://bit.ly/bolsadepesquisa2019
- Envio do material de inscrição (descrito no item 4.3), exclusivamente por e-mail, até o dia 04 de outubro, para o endereço bolsadepesquisa@ims.com.br

4.3. O material de inscrição a que se refere o item anterior compreende os seguintes documentos impressos:
- Formulário de inscrição online preenchido;
- Cópia de RG e CPF;
- Para estrangeiros, documento que comprove residência no Brasil há, no mínimo, 01 (um) ano;
- Cópia do diploma de mestrado;
- Currículo do candidato, incluindo formação acadêmica, atividades profissionais, publicações e trabalhos técnicos realizados (arquivo em word e pdf);
- Cópia do projeto de pesquisa (arquivo em word e pdf) com, no máximo, 10 páginas, especificando:
. Tema da pesquisa;
. Objetivos;
. Metodologia;
. Pertinência do projeto;
. Fontes e materiais documentais e iconográficos a serem pesquisados nos acervos do IMS e em outras instituições;
. Resultados previstos.

5. Da seleção:

5.1. O processo seletivo será realizado em duas etapas:

- Habilitação dos candidatos, com o objetivo de verificar o cumprimento das exigências previstas neste edital;
- Avaliação do currículo e do projeto dos candidatos, segundo os critérios previstos neste edital, por uma Comissão de Seleção, a ser constituída por três profissionais, indicados pelo Instituto Moreira Salles;

Eventuais entrevistas, presenciais ou por Skype, poderão ser requeridas pela Comissão de Seleção, para fins de esclarecimentos ou desempate.

5.2. A Comissão de Seleção levará em consideração as seguintes diretrizes:
- Qualificação do candidato e sua experiência em projetos de pesquisa correlatos;
- Qualidade e pertinência do projeto apresentado.

5.3. A análise dos projetos e currículos, assim como eventuais entrevistas ocorrerão no período de 07 a 31 de outubro de 2019.

5.4. O resultado final com o nome do bolsista selecionado será divulgado no site do IMS (https://ims.com.br/), em novembro de 2019.

5.5. A pesquisa deverá ser iniciada no prazo de 5 (cinco) dias após a formalização dos
documentos referidos no item 6.4 a seguir.

6. Da bolsa:

6.1. A Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia – edição 2019 terá duração máxima de 01 (um) ano.

6.2. O valor bruto da bolsa será de R$ 30.000,00 (trinta mil reais).

6.3. O pagamento da bolsa será efetuado em 12 (doze) parcelas mensais ​no valor bruto de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais)​, sobre o qual serão descontados o imposto de renda à alíquota estabelecida pela Receita Federal do Brasil na ocasião do pagamento e eventuais tributos instituídos durante a vigência da bolsa​.​

6.4. O bolsista selecionado deverá entregar ao Instituto Moreira Salles, no prazo de até 7 (sete) dias úteis a contar da data da publicação do resultado, os seguintes documentos:
- Dados bancários (banco, agência e conta-corrente);
- Comprovante de residência; e
- Contrato assinado.

6.5. Não serão aceitos pedidos de reconsideração do resultado final da seleção.

6.6. O material de inscrição dos projetos de pesquisa não selecionados será inutilizado.

7. Das obrigações:

7.1. O bolsista selecionado deverá realizar as atividades de pesquisa do acervo sob guarda do Instituto Moreira Salles presencialmente, no Centro Cultural do Instituto Moreira Salles, na cidade do Rio de Janeiro.

7.2. Para acompanhar o desenvolvimento do projeto, serão realizados encontros bimensais entre o bolsista selecionado e a coordenação da Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia.

7.3. O bolsista deverá entregar três relatórios parciais, um a cada 90 (noventa) dias, a começar pela data de início da pesquisa. A continuação das atividades e a vigência da bolsa serão condicionadas à aprovação dos relatórios pela Comissão de Seleção.

7.4. Após a conclusão do projeto de pesquisa, o bolsista deverá apresentar os seguintes resultados finais: (i) relatório final, (ii) artigo de conclusão da pesquisa, e (iii) palestra aberta ao público sobre os resultados de sua pesquisa, em local a ser definido pelo Instituto Moreira Salles.

7.5. Eventuais mudanças no projeto de pesquisa deverão ser discutidas com a coordenação da Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia.

7.6. O pagamento da última parcela da bolsa está condicionado à entrega do relatório final, aprovado pela Comissão de Seleção, e do artigo referidos no item 7.4 acima.

7.7. O pesquisador selecionado licenciará ao Instituto Moreira Salles o direito de exclusividade para divulgar, reproduzir, publicar, traduzir e/ou utilizar os resultados finais do projeto pelo prazo de um ano, a contar da data de pagamento da última parcela da bolsa.

7.8. Após o prazo referido no item 7.7 acima, o Instituto Moreira Salles terá o direito de exibir, divulgar, reproduzir, publicar, traduzir e/ou utilizar, por qualquer meio ou forma, os resultados finais do projeto em todo e qualquer evento, atividade e projeto de natureza comercial, institucional e/ou cultural do Instituto Moreira Salles;

7.9. Após o prazo referido no item 7.7 acima, o bolsista selecionado poderá dispor integralmente dos resultados finais do projeto, observada a disposição do item 8, a seguir.

8. Dos créditos:
Toda e qualquer divulgação dos resultados finais ou parciais do projeto deverá ser sempre acompanhada do seguinte crédito: “Realizado com incentivo da Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia – edição 2019”.

9. Das disposições gerais:

9.1. O ato da inscrição implica a plena aceitação das normas constantes no presente edital.

9.2. Os casos omissos serão apreciados e resolvidos pela Comissão de Seleção, ficando desde logo eleito o Foro Central da Comarca do Rio de Janeiro para dirimir eventuais questões relativas a este edital.

9.3. O Instituto Moreira Salles não se responsabiliza pelas licenças e autorizações necessárias à realização do projeto selecionado, sendo estas de total e exclusiva responsabilidade do bolsista selecionado.

9.4. A inexecução total ou parcial do projeto contemplado neste edital implicará a adoção de medidas judiciais cabíveis e a devolução, por parte do bolsista selecionado, dos recursos recebidos, atualizados de acordo com a legislação vigente à época em que se realizar a respectiva quitação.

9.5. O bolsista selecionado será o único e exclusivo responsável pela realização do seu projeto, isentando o Instituto Moreira Salles de qualquer responsabilidade sobre o mesmo.


Baixar versão PDF do edital e anexos da edição 2019 da Bolsa IMS de Pesquisa em Fotografia

Posted by Patricia Canetti at 10:09 AM