Página inicial

Quebra de Padrão

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Quebra de Padrão:
Arquivos:
As últimas:
 

julho 22, 2009

Mundus Admirabilis por Regina Silveira

ReginaSilveira3.jpg
Regina Silveira, Mundus Admirabilis, Sesc Santana, 2009

ReginaSilveira1.jpg
Regina Silveira, Mundus Admirabilis, Sesc Santana, 2009

ReginaSilveira4.jpg
Regina Silveira, Mundus Admirabilis, Sesc Santana, 2009

ReginaSilveira2.jpg
Regina Silveira, Mundus Admirabilis, Sesc Santana, 2009

A idéia de usar imagens de insetos daninhos para comentar aspectos de deterioração e conflito pertence ao universo conceitual de trabalhos que venho planejando e mesmo executando, pouco a pouco, em diversos meios, na tentativa de reatualizar, na contemporaneidade, as velhas pragas bíblicas, históricas e míticas. Operando na hipótese de sua possível transposição para outros territórios da significação, as pragas revisitadas seriam metáforas não-lineares das pragas muito mais furiosas que hoje em dia nos assolam, a nível mundial e global, em diversas frentes: sociais, ambientais, culturais e "civilizadoras", ameaçando um futuro que parece a cada dia mais inviável.

A reatualização das pragas, metaforizadas poeticamente e afastadas de qualquer transcrição literal, teve inicio nas numerosas imagens de insetos daninhos que venho aplicando a peças de porcelana branca de uso cotidiano, onde as figuras dos insetos estão fixadas e aparentemente "amontoadas" por meio de técnicas de terceira queima .

MUNDUS ADMIRABILIS a instalação com insetos gigantes deriva diretamente destas porcelanas pintadas e se conecta a outras obras, anteriores, onde pegadas humanas ou de animais, sombras e trilhas de pneus foram motivos de intervenções que contaminaram e re-semantizaram as arquiteturas a que foram sobrepostas. As imagens foram apropriadas de publicações de História Natural, e reproduzidas de tratados do século XVIII, onde busquei características específicas para os insetos que deveriam compor o MUNDUS ADMIRABILIS. Eles deveriam ser desenhados com a mesma sintaxe particular daquelas ilustrações científicas pré-fotográficas, descritivas e muito detalhadas que, por vezes, incluíam espécies inteiramente imaginárias. Em MUNDUS ADMIRABILIS o grupo de insetos daninhos ganhou a escala agigantada que é sua marca mais forte, para proporcionar a percepção de uma imagem impossivel, na qual espécies incompatíveis e fora de proporção entre si, parecem conviver em isolamento magnífico.

MUNDUS ADMIRABILIS é uma imagem digital de grande formato, realizada como plotagem em vinil adesivo, recortado e aplicado sobre a fachada, onde podemos exercitar nossa observação e nosso "maravilhamento" frente aos hiperbólicos seres daninhos.

Regina Silveira

*Mundus Admirabilis está no SESC Santana até dezembro de 2009. Avenida Luiz Dumont Villares 579, Santana, São Paulo - SP. 11-2971-8700 ou email@santana.sescsp.org.br

Posted by Ananda Carvalho at 6:59 PM | Comentários (1)