Página inicial

Cursos e Seminários

 


setembro 2016
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  
Pesquise em
Cursos e Seminários:

Arquivos:
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
junho 2016
maio 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
novembro 2015
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
dezembro 2014
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
dezembro 2013
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
janeiro 2013
dezembro 2012
novembro 2012
outubro 2012
setembro 2012
agosto 2012
julho 2012
junho 2012
maio 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
janeiro 2012
dezembro 2011
novembro 2011
outubro 2011
setembro 2011
agosto 2011
julho 2011
junho 2011
maio 2011
abril 2011
março 2011
fevereiro 2011
janeiro 2011
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
agosto 2010
julho 2010
junho 2010
maio 2010
abril 2010
março 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
outubro 2009
setembro 2009
agosto 2009
julho 2009
junho 2009
maio 2009
abril 2009
março 2009
fevereiro 2009
janeiro 2009
dezembro 2008
novembro 2008
outubro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
junho 2008
maio 2008
abril 2008
março 2008
fevereiro 2008
janeiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
setembro 2007
agosto 2007
julho 2007
junho 2007
maio 2007
abril 2007
março 2007
fevereiro 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
novembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
As últimas:
 

setembro 8, 2016

Lançamento público da plataforma VADB - Arte Contemporânea Latinoamericana na Casa do Povo, São Paulo

Evento de lançamento da VADB acontece durante uma jornada de conversas e debates onde revisaremos as formas de produção e circulação de obras de arte contemporânea, como se estabelecem relações e se tomam decisões para organizar as ideias sobre a escrita e a construção da história da arte. Ao mesmo tempo é interessante pensar quais dispositivos gráficos e visuais fazem justiça aos próprios esquecimentos dos suportes da história moderna.

10 de setembro de 2016, sábado, a partir das 15h

Casa do Povo
Rua Três Rios 252, Bom Retiro, São Paulo, SP

APRESENTAÇÃO

VADB é uma comunidade que, através de um site arquiva e relaciona informações sobre obras, pessoas, organizações, eventos e publicações. VADB é baseado em um modelo de vinculação de conteúdos que organiza informações sobre práticas artísticas, relacionais e discursivas; tanto institucionais como autônomas, baseando-se nos conceitos de Cenas Locais e Gestão Autônoma de Arte.

Essa informação é de caráter aberto e pode ser utilizada com fins de investigação, difusão, debate e pedagogia.

A comunidade VADB é composta por um grupo internacional de pessoas ligadas tanto à produção de arte contemporânea como à teoria, crítica, história da arte, curadoria e pedagogia.

PROGRAMAÇÃO

15-16h Escrita da História da Arte Contemporânea Latinoamericana
Jorge Sepúlveda T. (direção e conceptualização da VADB), Guillermina Bustos (coordenação e conteúdos VADB), Thais Rivitti (Ateliê 397)

16h30-17h30 Registro e Archivo de Arte Contemporânea
Alejandra Ballón (INCA), Ruy Ludovice (Videobrasil) e Juliana Costa (Videobrasil)

18-19h Gestão e visualização de Dados na Arte Contemporânea
Miguel Michelson (direção e desenvolvimento da VADB), Cristian Ferrari (design VADB), Andrei Thomaz (artista e programador)

19-22h
Festa de lançamento

PARTICIPANTES

Andrei Thomaz (Brasil)
É artista visual e professor. Mestre em Artes Visuais pela ECA/USP e formado em Artes Plásticas pela UFRGS. Sua produção artística abrange diversas mídias, digitais e analógicas, envolvendo também várias colaborações com outros artistas, entre as quais encontram-se performances sonoras e instalações interativas. É sócio da produtora Mandelbrot, onde atua como programador e coordenador no desenvolvimento de projetos interativos. Vive e trabalha em São Paulo, SP.

Cristian Ferrari (Chile)
Designer com conhecimentos em experiência de usuário, design de interação, usabilidade e design de interface. Desde 2008 e durante quatro anos, liderou um estudio de design e ilustração que desenvolveu projetos com importante marcas chilenas. Foi co-fundador da plataforma Rhyboo, um sistema de “Social TV” e “Second Screen” para interagir em tempo real com programas de televisão. Durante 2013 e 2014 foi designer de produtos em Prey. Responsável por redefinir a experiência de uso e levar a nova versão de Prey para mais de 5 milhões de usuários ao redor do mundo.
Desde o princípio esteve encarregado do design da plataforma VADB.

Guillermina Bustos (Argentina)
Artista e gestora independente, mestre em Artes, com menção em Artes visuais, na Universidad de Chile. Recebeu bolsas e prêmios para investigação em artes. Realizou mais de 20 exibições em diversos países como Argentina, Chile, México e Colômbia, de caráter individual, grupal e coletivo.
Atualmente trabalha na equipe de pesquisa em arte contemporânea Curatoría Forense – Latinoamérica, na coordenação de residências e produção de seminários da Cooperativa de Arte na Argentina, Brasil, Chile, México e Perú. É coordenadora do Editorial Curatoría Forense, da Red de Gestiones Autónomas, Trabajadores de Arte, Uberbau_house (Brasil) e Reserva Ideológica (Brasil).

Jorge Sepúlveda T. (Chile)
Curador independente e crítico de arte. Realizou e assessorou mais de 25 exposições coletivas e individuais de artistas visuais sul-americanos. Em 2005 cria o grupo de trabalho Curatoría Forense - Latinoamérica, iniciativa que influiu na criação de outras iniciativas nos anos seguintes, tais como Trabajadores de Arte Contemporáneo, Cooperativa de Arte, Biblioteca Popular Julio Tapia (Chile), Uberbau_house (Brasil) y Reserva Ideológica (Brasil).
Assessorou, participou de conferências e ditou seminários sobre artes visuais contemporânea, circuito de arte, fundos culturais públicos, imaginário artístico e imaginário social e gestões autônomas de arte contemporânea em diversas instituições e espaços na Argentina, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Chile, Equador, França, Itália, México, Perú, Uruguai e Venezuela. Seus textos de análise foram publicados em diversos meios, entre os quais se destacam Documenta 12 Magazine, SalonKritik, Artenlinea, ArteyCrítica, Revista Plus e Alzaprima.

Juliana Costa (Brasil)
Assistente de arquivo do Núcleo de Acervo e Pesquisa da Associação Cultural Videobrasil, na qual trabalha desde 2004, tendo estado presente na implantação na atual versão de seu banco de dados. Atua diretamente na catalogação do acervo, organização e conservação de documentos e realiza o acompanhamento de pesquisadores na instituição. Concluiu curso de tecnologia de Processamento de Dados em 1999, no Centro de ensino Aplicação, e formou-se em Tecnologia em Gestão Audiovisual em 2008 pela Universidade Anhanguera. Vive e trabalha em São Paulo.

Marina Torre (Brasil)
É mestranda em Curadoria em Artes Visuais na UNTREF (Buenos Aires) e graduada em Comunicação Social com especialização em Cinema pela FAAP (São Paulo). Atualmente se dedica à produção, pesquisa e curadoria independente. É coordenadora de produção do 6º BRLab e colaboradora da Curatoría Forense desde 2015, com a qual organizou a residência Habeas Data III – Investigación de campo, e o projeto Uberbau_house. Foi curadora assistente da exposição Memórias Inapagáveis, exibida no SESC Pompeia, MAC-Vigo, Museu Angewandte Kunst, MALBA e Laboratorio Arte Alameda. Curou a exposição Peso/Pluma na galeria La Sin Futuro e Trémula (Arg). Foi produtora no Videobrasil de 2003 a 2011, onde produziu diversas exposições, seminários, palestras e atividades relacionadas ao acervo.

Miguel Michelson (Chile)
Dirige e desenvolve plataformas de uso aberto para arte contemporânea: VADB.info, Artenlinea.com e Pullentity.com. Organizou encontros de artes visuais e ciclos de curadorias entre 2006 e 2009 onde participaram mais de 200 artistas expositores em 11 exibições no Chile e na Argentina.
Desde 2009 mantém vários projetos de código aberto, colaborando principalmente com a comunidade de programação “Ruby”. Assessorou equipes e empresas em desenvolvimento de produtos de internet ligados à cultura e tecnologia. Colaborou no desenvolvimento e conceitualização de produtos web líderes nessa indústria tais como Archdaily.com em 2013 e Preyproject.com desde 2014 até hoje.

Ruy Luduvice (Brasil)
É pesquisador, responsável pelo Núcleo de Acervo e Pesquisa da Associação Cultural Videobrasil. É doutorando em filosofia pela Universidade de São Paulo, dedicando-se ao pensamento de Georges Bataille. Na mesma instituição, concluiu mestrado em filosofia sobre a artista Louise Bourgeois, em 2013, e graduação em filosofia, em 2009. Entre 2007 e 2008, realizou intercâmbio na Université Paris Ouest Nanterre La Défense. É membro do Grupo de Estudos em Estética Contemporânea, ligado ao Departamento de Filosofia da FFLCH/USP. Vive e trabalha em São Paulo.

Thais Rivitti (Brasil)
É curadora, crítica de arte e gestora independente. Desde 2010, está na direção do Ateliê397, espaço de arte localizado na Vila Madalena, em São Paulo, onde organiza cursos, exposições, publicações e debates sobre arte contemporânea brasileira.

Posted by Patricia Canetti at 8:34 PM