Página inicial

Cursos e Seminários

 


novembro 2013
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Pesquise em
Cursos e Seminários:

Arquivos:
As últimas:
 

outubro 3, 2012

Seminário Crítica da Crítica: expansões e limites do pensamento 2.0 na Caixa Cultural, Rio de Janeiro

Seminário Crítica da Crítica: expansões e limites do pensamento 2.0

Convidados:
Música: Lucas Santanna, Marildo Nercolini e Mauro Ferreira; Artes Visuais: Daniela Labra, Frederico Coelho e Laura Erber; Cinema: Consuelo Lins, Daniel Caetano e Juliano Gomes; Literatura: Karl Erik Schøllhammer, Sérgio Rodrigues e Simone Campos


Curadoria: Leandro de Paula

A internet revolucionou modos de produzir, difundir e debater cultura. Qual o papel da crítica quando todo mundo tem direito a opinião? Entre os dias 16 e 19 de outubro, sempre às 18h30, o Seminário Crítica da Crítica: expansões e limites do pensamento 2.0 vai reunir artistas, jornalistas e pesquisadores na Caixa Cultural, no centro do Rio, para discutir os desafios da crítica cultural hoje. As mesas de Música, Artes Visuais, Cinema e Literatura contarão com a fala de expoentes de cada área e o público será convidado a fazer parte do debate. Entrada gratuita.

16 a 19 de outubro, 18h30

Caixa Cultural - Cinema 2
Av. Almirante Barroso 25, Centro (próximo ao metrô Carioca), Rio de Janeiro - RJ
21-2544-4080
www.caixa.gov.br/caixacultural
www.facebook.com/seminariocritica
Realização: Provisório Permanente Produções Culturais
Patrocínio: Caixa Econômica Federal
Apoio: Programas de Pós-Graduação em Comunicação da UFRJ (ECO-Pós) e Estudos de Literatura da UFF

Programação

Dia 16 – Música: Lucas Santanna, Marildo Nercolini e Mauro Ferreira
Dia 17 – Artes Visuais: Daniela Labra, Frederico Coelho e Laura Erber
Dia 18 – Cinema: Consuelo Lins, Daniel Caetano e Juliano Gomes
Dia 19 – Literatura: Karl Erik Schøllhammer, Sérgio Rodrigues e Simone Campos

Sobre o evento

Seminário reúne artistas, jornalistas e pesquisadores para debater o papel da crítica entre 16 e 19 de outubro na Caixa Cultural

Quais seriam os desafios e possibilidades abertos para a crítica cultural com o advento da internet? Como as plataformas de compartilhamento de conteúdo alteram os circuitos de distribuição e recepção de produtos culturais? O surgimento de um grande número de emissores de opinião seria capaz de ameaçar ou transformar o discurso da crítica hoje?

Essas são algumas das questões que o seminário Crítica da crítica: expansões e limites do pensamento 2.0 colocará em cena entre os dias 16 e 19 de outubro na Caixa Cultural, no centro do Rio de Janeiro. Quatro mesas de debate reunirão expoentes das áreas de Música, Artes Visuais, Cinema e Literatura para refletir sobre a relação entre a crítica cultural e a chamada Web 2.0, o conjunto de recursos que marcou a segunda idade da internet dando ao usuário comum o poder de criar, classificar e disseminar conteúdos on-line.

Desde a popularização do acesso à rede, muito se fala sobre seu impacto na difusão de produtos culturais, como a crise da indústria fonográfica em escala mundial tornou evidente. Mas não apenas a maneira de viabilizar a circulação de músicas, imagens, filmes e textos se alterou nos últimos anos: a distância entre artistas e público foi encurtada, o que traz significativas mudanças também para a atividade de mediação da qual o jornalismo cultural historicamente se ocupou.

O modo como se constroem e discutem valores estéticos na era dos blogs, do MP3, do Youtube e das redes sociais estará na pauta do seminário, que promoverá, ao longo de uma semana, quatro encontros, sempre às 18h30, entre artistas, jornalistas e pesquisadores de diferentes linguagens. Na mesa de abertura, em 16 de outubro, a dinâmica da produção musical hoje será debatida pelo cantor e compositor Lucas Santtana, pelo crítico Mauro Ferreira e pelo professor da UFF Marildo Nercolini. No dia seguinte, a incorporação do antigo espectador nos processos de criação da arte contemporânea será discutida pela artista Laura Erber junto aos críticos Daniela Labra e Frederico Coelho. A mesa de Cinema se dedica ao surgimento de novos formatos de exibição e recepção de filmes, incluindo as chamadas mídias móveis, reunindo os cineastas e professores Consuelo Lins (ECO/UFRJ) e Daniel Caetano (UFF), e o pesquisador Juliano Gomes. Na mesa de encerramento, a relação entre as práticas literárias emergentes, o mercado editorial e a crítica jornalística e acadêmica ganha destaque com a participação da escritora Simone Campos, do professor da PUC-Rio Karl Erik Schøllhammer e do crítico Sérgio Rodrigues. Em todos os dias, após a fala dos palestrantes, o público será convidado a fazer parte do debate.

Posted by Cecília Bedê at 3:11 PM