Página inicial

Blog do Canal

o weblog do canal contemporâneo
 


julho 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          
Pesquise no blog:
Arquivos:
julho 2017
junho 2017
maio 2017
abril 2017
março 2017
fevereiro 2017
janeiro 2017
dezembro 2016
novembro 2016
outubro 2016
setembro 2016
agosto 2016
julho 2016
junho 2016
maio 2016
abril 2016
março 2016
fevereiro 2016
janeiro 2016
dezembro 2015
novembro 2015
outubro 2015
setembro 2015
agosto 2015
julho 2015
junho 2015
maio 2015
abril 2015
março 2015
fevereiro 2015
janeiro 2015
dezembro 2014
novembro 2014
outubro 2014
setembro 2014
agosto 2014
julho 2014
junho 2014
maio 2014
abril 2014
março 2014
fevereiro 2014
janeiro 2014
dezembro 2013
novembro 2013
outubro 2013
setembro 2013
agosto 2013
julho 2013
junho 2013
maio 2013
abril 2013
março 2013
fevereiro 2013
setembro 2012
agosto 2012
junho 2012
abril 2012
março 2012
fevereiro 2012
novembro 2011
setembro 2011
agosto 2011
junho 2011
maio 2011
março 2011
dezembro 2010
novembro 2010
outubro 2010
setembro 2010
junho 2010
fevereiro 2010
janeiro 2010
dezembro 2009
novembro 2009
maio 2009
março 2009
janeiro 2009
novembro 2008
setembro 2008
agosto 2008
julho 2008
maio 2008
abril 2008
fevereiro 2008
dezembro 2007
novembro 2007
outubro 2007
agosto 2007
junho 2007
maio 2007
março 2007
janeiro 2007
dezembro 2006
outubro 2006
setembro 2006
agosto 2006
julho 2006
junho 2006
maio 2006
abril 2006
março 2006
fevereiro 2006
janeiro 2006
dezembro 2005
novembro 2005
setembro 2005
agosto 2005
julho 2005
junho 2005
maio 2005
abril 2005
março 2005
fevereiro 2005
janeiro 2005
dezembro 2004
novembro 2004
outubro 2004
setembro 2004
agosto 2004
junho 2004
maio 2004
abril 2004
março 2004
janeiro 2004
dezembro 2003
novembro 2003
outubro 2003
agosto 2003
As últimas:
 

julho 5, 2017

Falência na Cavalo, Rio de Janeiro

No dia 6 de Julho, Cavalo abre Falência: exposição coletiva com os artistas Ignas Krunglevičius, Janaína Wagner, Mauro Giaconi, Maya Watanabe e Pontogor.

Com o argumento sobre um estado de espírito perplexo dos últimos tempos, a mostra traz imagens de colapsos, catástrofes, crise de instituições, frustrações e pessimismo, tanto em uma escala generalizada quanto em uma dimensão íntima. Na galeria, localizada em um antigo casarão em Botafogo, as obras se encontram na penumbra, em um ambiente dramático criado pela projeção de videoinstalações como ‘TV-Love’ (2008) do lituano Ignas Krunglevičius, onde a própria TV parece falar e dominar o público através de palavras de ordem num jogo de sedução e controle.

Outra artista que apresenta um trabalho em vídeo nessa exposição é a peruana Maya Watanabe, com obras já expostas em instituições como Palais de Tokyo em Paris, Museu Reina Sofía em Madri e no 19º Festival de Arte Contemporânea Sesc Videobrasil. Na Cavalo, Maya exibe ‘Sceneries II’, uma panorâmica ambientada em um grande campo em Lima onde um carro aparece incendiado apesar dos poucos indícios de presença humana.

Além dessas, a paulista Janaína Wagner exibe a obra ‘O Curso do Império”, uma instalação composta de reproduções em papel carbono da obra do pintor do século XIX, Thomas Cole, que retrata o ciclo de uma civilização, da sua construção à ruína.

Participam também da exposição o carioca Pontogor e o argentino baseado na cidade do México Mauro Giaconi, com trabalhos épicos sobre a segregação e marginalização dos corpos e visões dos nossos futuros escombros.

Posted by Patricia Canetti at 11:38 PM